BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise"

Transcrição

1 21/6 23/6 25/6 27/6 29/6 1/7 3/7 5/7 7/7 9/7 11/7 13/7 15/7 17/7 19/7 Contratos Negociados (x 1000) Cents de US$/bu ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Análise Aumento do dólar e seus impactos: O dólar no mês de maio teve uma valorização de 5,6%, terminando o mês cotado a R$ 2,25. Essa valorização impactou diretamente nos preços da soja e dos produtos necessários para a sua produção. O custo com defensivos teve aumento de 5,6% para os tratos das variedades de soja livres de transgenia, enquanto para as transgênicas o aumento foi de 3,9%. O custo com fertilizantes aumentou em torno de 4,5%. Já o custo com as sementes geneticamente modificadas apresentou queda de 4,4% (provavelmente devido à liberação da semeadura da Intacta RR2), oposta ao observado nas sementes livres da transgenia, que indicaram alta de 1,2% em relação ao mês anterior. O custo operacional ficou superior em 3,9% para a soja convencional e 2,7% para soja GMO, em relação ao mês anterior. O custo total para soja convencional ficou em R$ 2.406,18, aumento de 4,6%. Para a geneticamente modificada o custo total ficou em R$ 2.408,87, alta de 3,8%. Nesse mesmo período a cotação média da soja em Chicago com vencimento para março de 2014 teve queda de 4,1%, enquanto a soja paridade para o mesmo mês em Mato Grosso teve queda de apenas 1,1%. A menor queda nas cotações paridade se deve à elevação do dólar, que minimizou as quedas nesse período. Desta forma, para os 40% dos produtores que ainda não tinham fechado o custo de produção antes de junho, seus custos ficaram maiores, já os que estavam com seu custo de produção fechado sentiram apenas o reflexo bom da elevação da moeda norteamericana. COMPORTAMENTO DOS PREÇOS FUTUROS DA SOJA EM MT PARA ENTREGA EM FEVEREIRO/14 (R$/SC) ,46 44,16 15/7 16/7 17/7 18/7 19/7 Primavera do Leste Lucas do Rio Verde Média Estadual MERCADO FUTURO: Depois da forte realização de lucro no final da semana passada, nesta semana os preços tiveram recuperações. O vencimento agosto de 2013, na Bolsa de Chicago, fechou a semana com 61,75 pontos de alta. Após a realização de lucro, o mercado voltou a focar na falta de grão momentânea nos EUA, e também na demanda aquecida. Para o vencimento março de 2014, a reação foi mais tímida com um aumento de apenas 18 pontos. Com um desenvolvimento bom nas lavouras norteamericanas, e previsão de clima úmido com temperaturas relativamente altas, o mercado está menos otimista e retraiu seus aumentos. Por outro lado, a demanda aquecida, com estoques relativamente baixos, não deixa os preços declinarem muito. Nas próximas semanas parte da produção dos EUA deve ser definida, devendo impactar nos preços em Chicago e no mundo. MERCADO INTERNO: Os preços negociados para o contrato futuro de soja, com entrega para fevereiro de 2014, apresentaram média de R$ 45,11 em Mato Grosso durante esta semana, com preço médio máximo de R$ 46,46 e mínimo de R$ 44,16. Primavera do Leste é o município do Estado que apresenta os maiores preços pagos por saca de soja, que foram de até R$ 49,50 durante a semana e fecharam a R$ 48,79. Lucas do Rio Verde apresentou preço máximo de R$ 44,10 e fechou a semana a R$ 43,11 no contrato futuro. O valor negociado para a saca de soja com entrega para fevereiro/14 apresentou quedas na quarta e quintafeira, acompanhando a Bolsa de Chicago e a desvalorização do dólar, que foi de 1,26%. Houve recuperação do dólar e alta significativa em Chicago no final da semana, que recuperaram um pouco os preços. Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o CONTRATO FUTURO NA BOLSA DE CHICAGO Ago/13 Fonte: CME/Chicago Elaboração: Imea 1.500, , , , , , , , ,00 1

2 Milhões de toneladas Milhões Toneladas ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Análise RELAÇÃO DE PREÇOS DE ÓLEO DE SOJA E ESMAGAMENTO DE SOJA EM MATO GROSSO (2012/2013). 4,50 4,00 3,50 3,00 2,50 2,00 1,50 1,00 0,50 0,00 11,3% 8,7% 5,2% 11,0% 7,6% 2,9% 12,1% 4,2 3,9 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 acum Relação entre Preço do óleo de soja 2012/2013 EXPORTAÇÕES DE FARELO DE SOJA: As exportações matogrossenses de farelo de soja totalizaram o acumulado de 1,9 milhão de toneladas durante o primeiro semestre de 2013, volume 19,5% inferior ao exportado pelo Estado no mesmo período do ano anterior. Entretanto o valor gerado em dólares foi 4,2% maior este ano, de US$ ,00. O valor em dólares pago pela tonelada do produto entre janeiro e junho de 2013 foi, em média, US$ 524,00, 31,6% maior do que a remuneração média por tonelada de farelo de soja no mesmo período de A menor oferta do produto no mercado mundial, devido à quebra de produção ocorrida nos Estados Unidos na safra passada, fez com que o preço do farelo de soja aumentasse de maneira acentuada, tornando a média de preço por tonelada exportada no primeiro semestre de 2013 a maior da história para este período. Fonte: USDA Elaboração: Imea Imea DIFERENÇA ENTRE O FLORESCIMENTO DA SOJA NOS EUA DESTE ANO COM A MÉDIA DOS ÚLTIMOS CINCO ANOS OFERTA E DEMANDA: O esmagamento de soja em Mato Grosso teve queda de 11,73% no mês de junho com 670 mil toneladas, ante as 759 mil toneladas no mesmo período do ano passado. O acumulado do primeiro semestre mostra queda de 5,51%, fechando a metade do ano com 3,9 milhões de toneladas esmagadas. Um dos fatores que estão influenciando essa diminuição pode ser a maior viabilidade na exportação da soja em grão, visto que os preços de óleo de soja tiveram grande desvalorização. Em Mato Grosso o preço do óleo de soja caiu 2,9% no comparativo entre o primeiro semestre de 2012 com 2013, e em Chicago, o vencimento para o mês de agosto de 2013 caiu 14% neste ano. Fonte: Secex Elaboração: Imea FLORESCIMENTO Imea DAS LAVOURAS NOS EUA: Em consequência do atraso na semeadura, o florescimento da soja mostrase atrasado em relação à média dos últimos cinco anos. Segundo os dados do USDA, cerca de 26% da soja está em fase de florescimento. No ano passado esse índice já era de 40%, e as lavouras já estavam sofrendo com a seca. Neste ano a situação é diferente, por mais que algumas lavouras se mostrem com desenvolvimento inferior, a grande maioria está com desenvolvimento bom e excelente. As lavouras nos EUA entram na sua fase mais crítica definindo boa parte da sua produção. Desta forma é de suma importância para os produtores matogrossenses o acompanhamento das lavouras dos EUA com maior cuidado e atenção, visto que os próximos 2030 dias podem definir a tendência dos preços para a soja matogrossense. Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 3,0 2,5 2,0 1,5 1,0 0,5 0,0 EVOLUÇÃO DA EXPORTAÇÃO DE FARELO DE SOJA EM MT NO PRIMEIRO SEMESTRE DO ANO ton US$/ton Dólares por tonelada

3 ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Estatísticas PREÇOS DE SOJA Municípios Segundafeira Terçafeira Quartafeira Quintafeira Sextafeira semanal Rondonópolis R$ 58,35 R$ 59,30 R$ 59,50 R$ 57,75 R$ 59,00 0,0% 0,9% mensal Sorriso R$ 52,85 R$ 53,00 R$ 53,26 R$ 52,17 R$ 52,17 0,6% 1,6% Sapezal R$ 54,00 R$ 54,50 R$ 54,00 R$ 53,50 R$ 53,75 1,4% 0,5% Campo Verde R$ 55,50 R$ 55,60 R$ 55,75 R$ 55,40 R$ 54,50 3,5% 2,9% Diamantino R$ 52,25 R$ 54,00 R$ 55,00 R$ 53,00 R$ 53,90 1,7% 1,7% Canarana R$ 54,00 R$ 54,50 R$ 54,50 R$ 53,67 R$ 53,00 1,0% 0,0% Paranaguá R$ 69,32 R$ 70,40 R$ 70,40 R$ 69,41 R$ 69,41 1,2% 0,8% Unidade: R$/sc, valor sem desconto de impostos semanal relação preço de sexta versus sexta anterior mensal relação preço de 28/05 /Cepea FARELO E ÓLEO DE SOJA Origem Produto Valor semanal mensal Rondonópolis R$ 1.020,00 0,97% 0,49% Farelo Lucas do Rio Verde R$ 920,00 0,00% 3,37% Óleo Rondonópolis R$ 2.400,00 4,00% 12,73% Lucas do Rio Verde R$ 1.800,00 0,00% 0,00% Unidade: média semanal de preços R$/t sem impostos mensal relação preço de segunda versus 28/05 PARIDADE CONTRATO CBOT VENCIMENTO H=MARÇO/2014 FRETES AO CAMINHONEIRO Origem Destino Valor (R$) semanal mensal Rondonópolis Paranaguá R$ 180,00 5,88% 5,88% Sorriso Rondonópolis R$ 90,00 5,88% 5,88% Sorriso Paranaguá R$ 240,00 0,00% 0,00% Sapezal Porto Velho R$ 108,00 0,93% 1,82% Canarana Santos R$ 220,00 10,00% 2,33% Unidade: média semanal de preços em R$/t sem impostos mensal relação preço de segunda versus 28/05 Municípios Segundafeira Terçafeira Quartafeira Quintafeira Sextafeira Média semanal paridade Média semanal praticada MT fev Rondonópolis R$ 47,17 R$ 48,56 R$ 47,65 R$ 47,76 R$ 48,72 R$ 47,97 R$ 46,80 Sorriso R$ 43,75 R$ 45,14 R$ 44,23 R$ 44,34 R$ 45,30 R$ 44,55 R$ 42,88 Sapezal R$ 43,15 R$ 44,54 R$ 43,63 R$ 43,74 R$ 44,70 R$ 43,95 R$ 40,00 Campo Verde R$ 49,15 R$ 50,54 R$ 49,63 R$ 49,74 R$ 50,70 R$ 49,95 R$ 47,58 Diamantino R$ 45,43 R$ 46,82 R$ 45,91 R$ 46,02 R$ 46,98 R$ 46,23 R$ 43,99 Canarana R$ 46,03 R$ 47,42 R$ 46,51 R$ 46,62 R$ 47,58 R$ 46,83 R$ 47,20 e CBOT PREÇOS DE INSUMOS DE SOJA Municípios Campo Verde Sorriso Produtos Janeiro Fevereiro Janeiro Fevereiro Super Simples (t) R$887,06 R$875,96 1% R$879,02 R$880,09 0% Boro 10% (L) R$11,17 R$11,17 0% R$6,09 R$6,09 0% Glifosato 480 (L) R$11,44 R$10,85 5% R$9,93 R$15,18 53% Classic (L) R$101,55 R$100,24 1% R$108,89 R$106,06 3% Reglone (L) R$16,25 R$17,56 8% R$16,19 R$18,84 16% Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 3

4 ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Estatísticas CUSTO DE PRODUÇÃO DE SOJA SAFRA 2013/14 MATO GROSSO junho/2013 Componentes do Custo Convencional Nordeste MédioNorte Oeste CentroSul Sudeste Mato Grosso 1. DESPESAS COM INSUMOS R$ 1.161,88 R$ 1.168,24 R$ 1.192,09 R$ 1.403,61 R$ 1.419,05 R$ 1.237,40 Sementes R$ 146,73 R$ 170,00 R$ 128,00 R$ 154,98 R$ 151,05 R$ 153,82 Semente de Soja R$ 144,75 R$ 150,00 R$ 122,00 R$ 137,48 R$ 143,70 R$ 141,95 Semente de Cobertura R$ 1,98 R$ 20,00 R$ 6,00 R$ 17,50 R$ 7,35 R$ 11,87 Fertilizantes R$ 624,38 R$ 631,12 R$ 570,81 R$ 665,80 R$ 789,83 R$ 653,26 Corretivo de Solo R$ 51,00 R$ 43,42 R$ 53,42 R$ 41,65 R$ 78,44 R$ 53,41 Macronutriente R$ 565,99 R$ 568,68 R$ 508,27 R$ 613,62 R$ 671,70 R$ 580,86 Micronutriente R$ 7,39 R$ 19,02 R$ 9,13 R$ 10,53 R$ 39,68 R$ 18,99 Defensivos R$ 390,77 R$ 367,12 R$ 493,28 R$ 582,83 R$ 478,17 R$ 430,32 Fungicida R$ 113,98 R$ 92,84 R$ 121,08 R$ 131,80 R$ 100,51 R$ 105,42 Herbicida R$ 111,92 R$ 134,12 R$ 196,57 R$ 186,49 R$ 143,86 R$ 147,41 Inseticida R$ 145,48 R$ 115,61 R$ 153,57 R$ 234,34 R$ 203,91 R$ 152,77 Adjuvante R$ 19,39 R$ 24,55 R$ 22,07 R$ 30,19 R$ 29,89 R$ 24,72 2. OUTRAS DESPESAS COM A LAVOURA R$ 285,97 R$ 123,84 R$ 194,96 R$ 147,81 R$ 172,95 R$ 173,97 Mão de Obra R$ 172,04 R$ 44,80 R$ 38,12 R$ 37,25 R$ 50,55 R$ 64,36 Manejo PréPlantio R$ 52,84 R$ 20,36 R$ 86,88 R$ 11,16 R$ 30,13 R$ 39,08 Adubação e Plantio R$ 16,43 R$ 12,51 R$ 22,23 R$ 43,77 R$ 33,60 R$ 21,18 Aplicações com Máquinas R$ 25,58 R$ 21,50 R$ 11,75 R$ 18,23 R$ 15,67 R$ 18,97 Aplicações com Avião R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 Colheita R$ 19,07 R$ 21,59 R$ 34,03 R$ 35,13 R$ 40,75 R$ 28,21 Manejo PósColheita R$ 0,00 R$ 3,07 R$ 1,96 R$ 2,28 R$ 2,24 R$ 2,16 A CUSTO OPERACIONAL (1 + 2) R$ 1.447,85 R$ 1.292,07 R$ 1.387,06 R$ 1.551,42 R$ 1.592,00 R$ 1.411,37 3 OUTRAS DESPESAS R$ 492,17 R$ 478,42 R$ 372,34 R$ 424,74 R$ 497,68 R$ 461,55 Assistência Técnica R$ 20,00 R$ 12,31 R$ 13,59 R$ 25,06 R$ 14,52 R$ 15,03 Transporte da Produção R$ 52,00 R$ 60,00 R$ 41,25 R$ 38,25 R$ 55,00 R$ 52,88 Beneficiamento R$ 62,40 R$ 78,00 R$ 57,37 R$ 69,01 R$ 81,48 R$ 71,87 Classificação R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 Armazenagem R$ 46,80 R$ 54,00 R$ 41,25 R$ 45,90 R$ 55,00 R$ 50,20 Impostos R$ 87,34 R$ 97,34 R$ 88,21 R$ 83,68 R$ 95,65 R$ 92,86 Juros do Financiamento R$ 47,16 R$ 121,37 R$ 75,35 R$ 98,87 R$ 108,40 R$ 97,13 Despesas Administrativas R$ 176,47 R$ 55,41 R$ 55,31 R$ 63,97 R$ 87,62 R$ 81,57 B CUSTOS VARIÁVEIS ( ) R$ 1.940,02 R$ 1.770,49 R$ 1.759,40 R$ 1.976,16 R$ 2.089,68 R$ 1.872,92 Manutenção Periódica R$ 0,87 R$ 0,74 R$ 1,78 R$ 0,88 R$ 2,18 R$ 1,25 Depreciações R$ 61,28 R$ 49,44 R$ 144,23 R$ 33,92 R$ 174,91 R$ 93,04 Seguro do Capital Fixo R$ 1,08 R$ 0,78 R$ 0,75 R$ 0,48 R$ 1,17 R$ 0,88 Custo da Terra R$ 327,60 R$ 443,06 R$ 348,03 R$ 451,08 R$ 592,61 R$ 438,08 C CUSTOS FIXOS R$ 390,83 R$ 494,02 R$ 494,79 R$ 486,35 R$ 770,87 R$ 533,25 CUSTO TOTAL (B+C) R$ 2.330,85 R$ 2.264,51 R$ 2.254,19 R$ 2.462,51 R$ 2.860,54 R$ 2.406,18 Taxa de Câmbio: R$ 2,17 Fonte: IMEA Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 4

5 ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Estatísticas CUSTO DE PRODUÇÃO DE SOJA SAFRA 2013/2014 MATO GROSSO junho/2013 Componentes do Custo Transgênico Nordeste MédioNorte Oeste CentroSul Sudeste Mato Grosso 1. DESPESAS COM INSUMOS R$ 1.170,33 R$ 1.167,56 R$ 1.225,59 R$ 1.376,44 R$ 1.409,62 R$ 1.240,96 Sementes R$ 119,52 R$ 172,26 R$ 141,42 R$ 178,37 R$ 143,86 R$ 152,92 Semente de Soja R$ 117,54 R$ 152,26 R$ 135,42 R$ 160,87 R$ 136,51 R$ 141,05 Semente de Cobertura R$ 1,98 R$ 20,00 R$ 6,00 R$ 17,50 R$ 7,35 R$ 11,87 Fertilizantes R$ 643,50 R$ 631,12 R$ 570,81 R$ 666,65 R$ 789,83 R$ 656,33 Corretivo de Solo R$ 51,00 R$ 43,42 R$ 53,42 R$ 41,65 R$ 78,44 R$ 53,41 Macronutriente R$ 565,99 R$ 568,68 R$ 508,27 R$ 613,62 R$ 671,70 R$ 580,86 Micronutriente R$ 26,51 R$ 19,02 R$ 9,13 R$ 11,38 R$ 39,68 R$ 22,07 Defensivos R$ 407,30 R$ 364,19 R$ 513,36 R$ 531,43 R$ 475,93 R$ 431,71 Fungicida R$ 113,98 R$ 92,84 R$ 121,08 R$ 133,95 R$ 100,51 R$ 105,56 Herbicida R$ 128,45 R$ 131,19 R$ 220,34 R$ 146,61 R$ 156,24 R$ 153,17 Inseticida R$ 145,48 R$ 115,61 R$ 153,57 R$ 225,02 R$ 194,35 R$ 150,24 Adjuvante R$ 19,39 R$ 24,55 R$ 18,37 R$ 25,85 R$ 24,83 R$ 22,74 2. OUTRAS DESPESAS COM A LAVOURA R$ 285,97 R$ 123,84 R$ 194,96 R$ 145,54 R$ 170,71 R$ 173,37 Mão de Obra R$ 172,04 R$ 44,80 R$ 38,12 R$ 37,25 R$ 50,55 R$ 64,36 Manejo PréPlantio R$ 52,84 R$ 20,36 R$ 86,88 R$ 11,16 R$ 30,13 R$ 39,08 Adubação e Plantio R$ 16,43 R$ 12,51 R$ 22,23 R$ 43,77 R$ 33,60 R$ 21,18 Aplicações com Máquinas R$ 25,58 R$ 21,50 R$ 11,75 R$ 15,95 R$ 13,43 R$ 18,37 Aplicações com Avião R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 Colheita R$ 19,07 R$ 21,59 R$ 34,03 R$ 35,13 R$ 40,75 R$ 28,21 Manejo PósColheita R$ 0,00 R$ 3,07 R$ 1,96 R$ 2,28 R$ 2,24 R$ 2,16 A CUSTO OPERACIONAL (1 + 2) R$ 1.456,29 R$ 1.291,40 R$ 1.420,55 R$ 1.521,98 R$ 1.580,33 R$ 1.414,34 3 OUTRAS DESPESAS R$ 492,51 R$ 478,35 R$ 374,46 R$ 422,83 R$ 496,96 R$ 461,70 Assistência Técnica R$ 20,00 R$ 12,31 R$ 13,59 R$ 25,06 R$ 14,52 R$ 15,03 Transporte da Produção R$ 52,00 R$ 60,00 R$ 41,25 R$ 38,25 R$ 55,00 R$ 52,88 Beneficiamento R$ 62,40 R$ 78,00 R$ 57,37 R$ 69,01 R$ 81,48 R$ 71,87 Classificação R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 R$ 0,00 Armazenagem R$ 46,80 R$ 54,00 R$ 41,25 R$ 45,90 R$ 55,00 R$ 50,20 Impostos R$ 87,34 R$ 97,34 R$ 88,21 R$ 83,68 R$ 95,65 R$ 92,86 Juros do Financiamento R$ 47,50 R$ 121,30 R$ 77,47 R$ 96,96 R$ 107,68 R$ 97,27 Despesas Administrativas R$ 176,47 R$ 55,41 R$ 55,31 R$ 63,97 R$ 87,62 R$ 81,57 B CUSTOS VARIÁVEIS ( ) R$ 1.948,80 R$ 1.769,75 R$ 1.795,01 R$ 1.944,81 R$ 2.077,29 R$ 1.876,04 Manutenção Periódica R$ 0,87 R$ 0,74 R$ 1,78 R$ 0,85 R$ 2,15 R$ 1,24 Depreciações R$ 61,28 R$ 49,44 R$ 144,23 R$ 32,99 R$ 173,16 R$ 92,63 Seguro do Capital Fixo R$ 1,08 R$ 0,78 R$ 0,75 R$ 0,47 R$ 1,16 R$ 0,88 Custo da Terra R$ 327,60 R$ 443,06 R$ 348,03 R$ 451,08 R$ 592,61 R$ 438,08 C CUSTOS FIXOS R$ 390,83 R$ 494,02 R$ 494,79 R$ 485,38 R$ 769,08 R$ 532,83 CUSTO TOTAL (B+C) R$ 2.339,63 R$ 2.263,77 R$ 2.289,80 R$ 2.430,19 R$ 2.846,37 R$ 2.408,87 Taxa de Câmbio: R$ 2,17 Fonte: IMEA Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 5

6 ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Estatísticas SOJA: ESTIMATIVA DE ÁREA Regiões do Participação Área 09/10 Área 10/11 Área 11/12 Área 12/13 Área 13/14* Imea % Anual Quinquenal Noroeste 5,48% ,00% 74,97% Norte 2,52% ,63% 378,54% Nordeste 15,67% ,93% 108,18% MédioNorte 36,37% ,79% 23,10% Oeste 13,54% ,00% 12,04% CentroSul 6,38% ,23% 30,24% Sudeste 20,02% ,33% 14,42% Mato Grosso 100% ,90% 33,14% Unidade: Área em hectares *Estimado SOJA: ESTIMATIVA DE PRODUTIVIDADE Regiões do Imea em relação a MT 09/10 10/11 11/12 12/13 13/14* Anual Quinquenal Noroeste ,75% 5,96% Norte ,74% 1,92% Nordeste ,16% 1,72% MédioNorte ,34% 0,08% Oeste ,81% 3,96% CentroSul ,95% 4,71% Sudeste ,47% 1,12% Mato Grosso ,93% 1,52% Unidade: em sacas/ha *Estimado SOJA: ESTIMATIVA DE PRODUÇÃO Regiões do Imea Participação % Produção 09/10 Produção 10/11 Produção 11/12 Produção 12/13 Produção 13/14* Média Anual Quinquenal Noroeste 5,28% ,11% 77,87% Norte 2,43% ,50% 370,76% Nordeste 15,66% ,38% 109,94% MédioNorte 37,14% ,16% 22,69% Oeste 13,28% ,86% 17,33% CentroSul 6,31% ,38% 36,37% Sudeste 19,89% ,85% 14,70% Mato Grosso 100% ,16% 34,37% Unidade: Produção em toneladas *Estimado Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 6

7 ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Estatísticas SOJA: ESTIMATIVA DE COMERCIALIZAÇÃO SAFRA 12/13 Regiões do Imea Noroeste Norte Nordeste MédioNorte Oeste CentroSul Sudeste Mato Grosso Produção mar/12 8,3% 9,0% 9,4% 12,0% 8,9% 8,0% 7,3% 9,8% abr/12 18,3% 22,0% 18,5% 28,3% 21,9% 21,6% 15,1% 22,4% mai/12 36,7% 40,1% 39,7% 47,3% 42,4% 36,5% 39,6% 42,9% jun/12 40,8% 43,1% 43,4% 50,0% 46,3% 40,2% 42,9% 46,1% jul/12 45,7% 53,6% 55,1% 59,7% 53,2% 48,3% 51,5% 55,0% ago/12 50,0% 58,0% 58,8% 62,5% 58,5% 50,2% 56,1% 58,6% set/12 55,0% 60,0% 62,9% 65,0% 60,6% 52,7% 58,0% 61,4% out/12 56,0% 62,0% 64,2% 67,1% 62,2% 54,2% 59,9% 63,1% nov/12 57,0% 62,0% 65,2% 67,9% 63,2% 57,5% 61,0% 64,2% dez/12 60,0% 65,0% 72,1% 69,7% 66,8% 60,0% 65,8% 67,7% jan/13 61,0% 66,0% 73,4% 71,5% 68,1% 62,8% 66,8% 69,2% fev/13 70,0% 70,0% 76,5% 75,0% 70,3% 68,6% 69,3% 72,7% mar/13 72,0% 73,0% 77,4% 77,3% 75,5% 71,9% 74,8% 75,9% abr/13 72,0% 78,8% 87,9% 87,0% 85,2% 79,9% 77,4% 82,1% mai/13 75,0% 81,0% 89,8% 88,4% 86,2% 81,5% 78,8% 83,0% jun/13 80,0% 81,0% 90,9% 89,7% 90,5% 89,9% 86,2% 88,6% jul/13 95,0% 89,0% 95,3% 92,9% 94,5% 93,0% 90,4% 93,0% jul/12 Safra 11/12 100,0% 100,0% 99,8% 100,0% 99,6% 99,8% 99,2% 99,7% (p.p) 5,0 p.p. 11,0 p.p. 4,5 p.p. 7,1 p.p. 5,1 p.p. 6,9 p.p. 8,8 p.p. 6,7 p.p. * em pontos percentuais Unidade: Produção em toneladas SOJA: ESTIMATIVA DE COMERCIALIZAÇÃO SAFRA 13/14 Regiões do Imea Noroeste Norte Nordeste MédioNorte Oeste CentroSul Sudeste Mato Grosso Produção , mai/13 9,6% 7,7% 17,2% 7,8% 13,6% 22,0% 13,7% 12,2% jun/13 13,4% 23,1% 21,9% 23,4% 18,9% 27,1% 20,4% 21,7% Jul/13 jul/12 Safra 12/13 20,0% 29,3% 28,6% 27,7% 19,7% 33,6% 32,2% 26,7% 45,7% 53,6% 55,1% 59,7% 53,2% 48,3% 51,5% 55,0% (p.p) 25,7% 24,3% 26,5% 32,1% 33,5% 14,7% 19,3% 28,3% * em pontos percentuais Unidade: Produção em toneladas Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 7

8 ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Estatísticas EXPORTAÇÃO TOTAL DE SOJA EM GRÃO MATO GROSSO (T/US$) Ano/mês Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro ACUMULADO Fonte: Secex Elaboração: Imea EXPORTAÇÃO TOTAL DE FARELO MATO GROSSO (T/US$) Ano/mês Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro ACUMULADO Fonte: Secex Elaboração: Imea EXPORTAÇÃO TOTAL DE ÓLEO MATO GROSSO (T/US$) Ano/mês Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Toneladas M US$ Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro ACUMULADO Fonte: Secex Elaboração: Imea Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 8

9 ** Relatório produzido pelo IMEAMT e divulgado pela CERRADO INVEST Fone: (62) ** Soja Estatísticas ESCOAMENTO DA SOJA EM GRÃO DE MATO GROSSO POR PORTO (t) Portos Paranaguá PR Santos SP Manaus AM São F. do Sul SC Vitória ES Cáceres MT São Luís MA Santarém PA Itajaí SC Rio Grande RS TOTAL Jan Fev Mar Abr Mai Jun , Jul Ago Set Out Nov Dez Acumulado Fonte: Secex Elaboração: Imea Ano: EXPORTAÇÕES DE SOJA EM GRÃO DE MATO GROSSO POR DESTINO (t) Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Acumulado CHINA HOLANDA ESPANHA MALÁSIA TAILÂNDIA REINO UNIDO NORUEGA ÁRABIA SAUDITA PORTUGAL VIETNÃ COREIA DO SUL MÉXICO TAIWAN OUTROS TOTAL Fonte: Secex Elaboração: Imea Ano: 2013 PRESIDENTE Rui Carlos Ottoni Prado SUPERINTENDENTE Otávio Lemos de Melo Celidonio ELABORAÇÃO Ângelo Ozelame, Tainá Heizmann, Fernanda Ambrosio, Maísa Zambiazzi. EQUIPE TÉCNICA Analistas: Ângelo Ozelame, Daniel Ferreira, Elisa Gomes, João Henrique Buschin, Maria Denise Euleutério, Meuryn Lima, Fábio da Silva, Gemelli Lyra, Otávio Behling Junior, Talita Takahashi, Karolina Salandin e Tiago Assis. Estagiários: Fernanda Ambrosio Marques, Maísa Zambiazzi, Mateus Lima, Nikolas Mello, Péricles Briante, Rafael Barbosa e Tainá Heinzmann. ANTERIOR SELIC (ao ano) TJLP (ao ano) IPCA 06/13 IPCA 12 meses IGPDI 06/13 INDICADOR IGPDI 12 meses 8,00% 5,00% 0,26% 6,70% 0,76% 6,28% ATUAL 8,00% 5,00% 0,37% 6,50% 0,32% 6,20% Boletim de Soja é uma publicação semanal do Imea Instituto MatoGrossense de Economia Agropecuária Sugestões e críticas podem ser enviadas para o 9

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 08 de março de 2013 Número: 243

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 08 de março de 2013 Número: 243 Soja - Análise BOLETIM SEMANAL O PESO DO DIESEL: O aumento em janeiro de 5,4% no preço do diesel nas refinarias refletiu em acréscimo médio nas bombas do combustível em Mato Grosso. Essa elevação, de R$

Leia mais

BOLETIM SEMANAL R$ 61,80 R$ 61,00 R$ 1.650,00

BOLETIM SEMANAL R$ 61,80 R$ 61,00 R$ 1.650,00 3/4 5/4 7/4 9/4 11/4 13/4 15/4 17/4 19/4 21/4 23/4 25/4 27/4 29/4 1/5 3/5 Contratos Negociados Cents de US$/bu Análise Estatística de Algodão Algodão LAVOURA NOS ESTADOS UNIDOS: A semeadura nos Estados

Leia mais

BOLETIM SEMANAL R$ 68,70 R$ 67,90 R$ 430,00 R$ 400,00

BOLETIM SEMANAL R$ 68,70 R$ 67,90 R$ 430,00 R$ 400,00 13/2 15/2 17/2 19/2 21/2 23/2 25/2 27/2 1/3 3/3 5/3 7/3 9/3 11/3 13/3 15/3 Contratos Negociados (x 1000) Cents de US$/bu Análise Estatística de Algodão Algodão PREÇOS CAEM: Assim como no cenário de âmbito

Leia mais

BOLETIM SEMANAL R$ 47,20. 22-jun R$ 151,95

BOLETIM SEMANAL R$ 47,20. 22-jun R$ 151,95 4-jun 6-jun 11-jun 13-jun 15-jun 19-jun 21-jun 4-jun 6-jun 8-jun 10-jun 12-jun 14-jun 16-jun 18-jun 20-jun 22-jun BOLETIM SEMANAL Análise Estatística de Algodão NOVA SAFRA CHEGANDO: A área plantada de

Leia mais

Análise Estatística de Algodão BOLETIM SEMANAL

Análise Estatística de Algodão BOLETIM SEMANAL Análise Estatística de Algodão BOLETIM SEMANAL MUDANÇA À VISTA: Mesmo com os produtores sofrendo com as incertezas provenientes do atraso das chuvas em Mato Grosso, o mercado acredita em uma expansão significativa

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise 29/7 31/7 2/8 4/8 6/8 8/8 10/8 12/8 14/8 16/8 18/8 20/8 22/8 Contratos Negociados (x 1000) Cents US$/bu Soja Análise BOLETIM SEMANAL RELAÇÃO DE ESMAGAMENTO: O esmagamento efetivo de soja em Mato Grosso

Leia mais

CUSTO DE PRODUÇÃO DE SOJA - SAFRA 2013/14 MATO GROSSO - Outubro/2012

CUSTO DE PRODUÇÃO DE SOJA - SAFRA 2013/14 MATO GROSSO - Outubro/2012 MATO GROSSO - Outubro/2012 R$ 0,00 R$ 0,00 Nordeste Médio-Norte Oeste Centro-Sul Sudeste Mato Grosso 1.208.516 3.159.861 1.615.657 617.912 1.747.076 8.349.020 DESPESAS COM INSUMOS R$ 1.190,90 R$ 1.178,31

Leia mais

Soja-Comercialização Safra 2011/12 e Cenario 2012/13. NILVA CLARO COSTA nilva.claro@conab.gov.br

Soja-Comercialização Safra 2011/12 e Cenario 2012/13. NILVA CLARO COSTA nilva.claro@conab.gov.br Soja-Comercialização Safra 2011/12 e Cenario 2012/13 NILVA CLARO COSTA nilva.claro@conab.gov.br Comercialização Safra-2011/12 60,00 55,00 50,00 45,00 40,00 35,00 30,00 25,00 20,00 S oja Grã o P re ços

Leia mais

Análise Bovinocultura

Análise Bovinocultura Análise Bovinocultura BOLETIM SEMANAL MÊS PARADO: No primeiro mês do ano de 2013 o preço da arroba do boi gordo à vista em Mato Grosso seguiu firme na casa dos R$ 84/@, registrando na última cotação de

Leia mais

COMERCIALIZAÇÃO A PREÇO BAIXO:

COMERCIALIZAÇÃO A PREÇO BAIXO: R$/sc Soja - Análise BOLETIM SEMANAL COMERCIALIZAÇÃO A PREÇO BAIXO: Independentemente da fase de desenvolvimento em que se encontre a lavoura, a comercialização da safra acompanha todos os estágios. Nesse

Leia mais

ALGODÃO EM MATO GROSSO JULHO/15

ALGODÃO EM MATO GROSSO JULHO/15 ALGODÃO EM MATO GROSSO JULHO/15 CONJUNTURA MENSAL ANO 1. Nº 3 O 11º Levantamento de Grãos da Conab, divulgado em 11 de agosto de 2015, manteve suas estimativas para a safra 2014/15, de algodão em pluma

Leia mais

3,8 milhões de hectares de lavouras ruins nos EUA

3,8 milhões de hectares de lavouras ruins nos EUA BOLSA DE CHICAGO 3,8 milhões de hectares de lavouras ruins nos EUA Chuvas diminuíram nesta semana, mas ainda acumularam grandes volumes em pontos já muitos úmidos do Meio-Oeste 3 EUA Lavouras De Soja Ruins

Leia mais

1,8 1,6 1,4 1,2 1,0 0,8 0,6 0,4 0,2

1,8 1,6 1,4 1,2 1,0 0,8 0,6 0,4 0,2 CLIMA DE EXPECTATIVA: O aumento da expectativa de produtividade do milho safrinha se deve principalmente às condições climáticas favoráveis ao desenvolvimento da cultura ocorridas até então. Os ganhos

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 26 de abril de 2013 Número: 250

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 26 de abril de 2013 Número: 250 Soja - Análise BOLETIM SEMANAL CUSTANDO CARO: Outro fator impulsiona a expectativa do produtor quanto à alta nos preços da soja para esta safra, o custo de produção, que foi pressionado principalmente

Leia mais

CONJUNTURA MENSAL JUNHO

CONJUNTURA MENSAL JUNHO SOJA - MATO GROSSO CONJUNTURA MENSAL JUNHO ANO 1 Nº2 O preço mundial da commodity apresenta movimento de alta em nível mundial, impulsionado principalmente pelas condições climáticas adversas nos Estados

Leia mais

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado Mês de referência: JULHO/2011 CEPEA - SOJA I - Análise Conjuntural II - Séries Estatísticas 1. Diferenciais de preços 2. Estimativa do valor das alternativas

Leia mais

R$ 24,20 R$ 22,20 R$ 21,

R$ 24,20 R$ 22,20 R$ 21, Milho - Análise CHEGANDO AO FIM: Com 80,1% da área de milho 2ª safra colhida torna-se mais evidente que a safra 11/12 será a maior da história, elevando o Brasil como salvador do mercado internacional,

Leia mais

17,00 17,00 17,20 17,80 3,5 3,0 2,5 2,0 1,5 1,0 0,5

17,00 17,00 17,20 17,80 3,5 3,0 2,5 2,0 1,5 1,0 0,5 Milhões de Toneladas Milho-Análise DE OLHO NOS ESTADOS UNIDOS: Na primeira semana de outubro, os principais contratos futuros do milho sofreram queda na Bolsa de Chicago. O contrato para dezembro/13 apresentou

Leia mais

CONJUNTURA ECONÔMICA

CONJUNTURA ECONÔMICA CONJUNTURA ECONÔMICA O mês de março de 2015 foi marcado pelo anúncio dos principais resultados da economia de 2014 e deste início de 2015. Dentre eles destacaramse o PIB, taxa de desemprego nas principais

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 27 de abril de 2012 Número: 200

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 27 de abril de 2012 Número: 200 Milhões t Milho - Análise GRANDE OFERTA: Os preços do milho continuam em queda constante, desde quando os principais países produtores do mundo (exceto Argentina) anunciaram aumentar a produção e, em contrapartida,

Leia mais

CUSTO DE PRODUÇÃO DE SOJA - SAFRA 2014/2015 MATO GROSSO - Novembro/2013

CUSTO DE PRODUÇÃO DE SOJA - SAFRA 2014/2015 MATO GROSSO - Novembro/2013 MATO GROSSO - Novembro/2013 R$ 0,00 R$ 0,00 Nordeste Médio-Norte Oeste Centro-Sul Sudeste Mato Grosso 1.344.084 3.224.679 1.686.704 641.603 1.774.382 8.671.453 DESPESAS COM INSUMOS R$ 1.007,21 R$ 1.530,19

Leia mais

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado Mês de referência: ABRIL/2011 CEPEA - SOJA I - Análise Conjuntural II - Séries Estatísticas 1. Diferenciais de preços 2. Estimativa do valor das alternativas

Leia mais

CUSTO DE PRODUÇÃO DE MILHO - SAFRA 2014/2015 MATO GROSSO - Janeiro/2014

CUSTO DE PRODUÇÃO DE MILHO - SAFRA 2014/2015 MATO GROSSO - Janeiro/2014 MATO GROSSO - Janeiro/2014 R$ 0,00 R$ 0,00 Nordeste Médio-Norte Oeste Centro-Sul Sudeste Mato Grosso 257.129 1.458.698 519.693 170.289 601.101 3.006.910 DESPESAS COM INSUMOS R$ 1.049,89 R$ 1.141,83 R$

Leia mais

BOLETIM SEMANAL R$60,75 R$59,17 R$58,00

BOLETIM SEMANAL R$60,75 R$59,17 R$58,00 28/4 30/4 2/5 4/5 6/5 8/5 10/5 12/5 14/5 16/5 18/5 20/5 22/5 Contratos Negociados (x 1000) BOLETIM SEMANAL Soja Análise GASTOS ELEVADOS: Na última semana o Imea divulgou a estimativa para o custo de produção

Leia mais

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado Mês de referência: MARÇO/2011 CEPEA - SOJA I - Análise Conjuntural II - Séries Estatísticas 1. Diferenciais de preços 2. Estimativa do valor das alternativas

Leia mais

Custo de Produção da Cultura da Soja Safra 2011/2012

Custo de Produção da Cultura da Soja Safra 2011/2012 11 Custo de Produção da Cultura da Soja Safra 2011/2012 Dirceu Luiz Broch Roney Simões Pedroso 1 2 11.1. Introdução Os sistemas de produção da atividade agropecuária cada vez mais requerem um grau de conhecimento

Leia mais

Milho Período: 19 a 23/10/2015

Milho Período: 19 a 23/10/2015 Milho Período: 19 a 23/10/2015 Nota: A paridade de exportação refere-se ao valor/sc desestivado sobre rodas, o que é abaixo do valor FOB Paranaguá. *Os preços médios semanais apresentados nas praças de

Leia mais

É mesmo R$ 17,00 R$ 16,50 R$ 15,50 R$ 15,00 R$ 14,50 R$ 14,00

É mesmo R$ 17,00 R$ 16,50 R$ 15,50 R$ 15,00 R$ 14,50 R$ 14,00 Milhões de toneladas BOLETIM SEMANAL Milho - Análise É mesmo A PACIÊNCIA PODE SER UMA VIRTUDE: Os números do último levantamento de comprometimento do milho matogrossense, realizado pelo Imea, apresentaram

Leia mais

Milho Período: 13 a 17/07/2015

Milho Período: 13 a 17/07/2015 Milho Período: 13 a 17/07/2015 Câmbio: Média da semana: U$ 1,00 = R$ 3,1507 Nota: A paridade de exportação refere-se ao valor/sc desestivado sobre rodas, o que é abaixo do valor FOB Paranaguá. *Os preços

Leia mais

ALGODÃO EM MATO GROSSO AGOSTO/15

ALGODÃO EM MATO GROSSO AGOSTO/15 ALGODÃO EM MATO GROSSO AGOSTO/15 CONJUNTURA MENSAL ANO 1. Nº 4 O 12º Levantamento de Safras da Conab, divulgado em 11 de setembro de 2015, consolidou os dados sobre produção, área e produtividade de algodão

Leia mais

Milho Perspectivas do mercado 2011/12

Milho Perspectivas do mercado 2011/12 MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SECRETARIA DE POLÍTICA AGRÍCOLA Milho Perspectivas do mercado 2011/12 março de 2012 Milho - Oferta e Demanda - Mundo milhões de t. Safras 2008/09 2009/10

Leia mais

Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária RETROSPECTIVA DE 2012 E PERSPECTIVAS PARA 2013

Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária RETROSPECTIVA DE 2012 E PERSPECTIVAS PARA 2013 Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária RETROSPECTIVA DE 2012 E PERSPECTIVAS PARA 2013 dezembro, 2012 Índice 1. Algodão 2. Soja 3. Milho 4. Boi Gordo 5. Valor Bruto da Produção ALGODÃO Mil toneladas

Leia mais

Commodities Agrícolas

Commodities Agrícolas Commodities Agrícolas sexta-feira, 13 de setembro de 2013 CAFÉ CAFÉ Bolsas Venc Ajuste Máx BM&F Mín Variação Venc Ajuste ICE FUTURES Máx Mín Variação SET13 139,70 0,00 0,00-0,55 SET13 116,25 116,10 115,75-0,20

Leia mais

Preço médio da Soja em Mato Grosso do Sul Abril de 2013 - Em R$ por saca de 60 kg.

Preço médio da Soja em Mato Grosso do Sul Abril de 2013 - Em R$ por saca de 60 kg. ANÁLISE SOJA MERCADO INTERNO: Nos primeiros dez dias do mês de maio houve valorização nos preços praticados da saca de soja de 6 kg quando comparados aos preços observados em 1 de maio,,38% de aumento

Leia mais

MARGENS ESTREITAS PARA O PRODUTOR DE ALGODÃO

MARGENS ESTREITAS PARA O PRODUTOR DE ALGODÃO MARGENS ESTREITAS PARA O PRODUTOR DE ALGODÃO Custos Algodão A produção de algodão no Brasil está crescendo de forma expressiva, devido à boa competitividade dessa cultura frente a outras concorrentes em

Leia mais

DESAFIOS DO PRODUTOR:

DESAFIOS DO PRODUTOR: Milho-Análise DESAFIOS DO PRODUTOR: Durante o período de plantio, colheita e comercialização de uma cultura, a tarefa de garantir boa produção e bom preço são de grande relevância para o produtor. Sendo

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 17 de agosto de 2012 Número: 216

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 17 de agosto de 2012 Número: 216 Milho - Análise PESO DA TECNOLOGIA: O valor dos insumos no mês de julho para o plantio do milho 2ª safra 2012/13 tomou rumo contrário ao esperado e reduziu. Adquirindo os insumos para o plantio de milho

Leia mais

BOLETIM SEMANAL 77,5 72,5

BOLETIM SEMANAL 77,5 72,5 Soja - Análise BOLETIM SEMANAL FUTURA DIFERENÇA: Os preços no mercado futuro da soja estão menores comparados ao preço disponível, no entanto, continuam atrativos a contar que 58,6% da produção da safra

Leia mais

Milho: preços elevados mesmo com super-safra norte-americana

Milho: preços elevados mesmo com super-safra norte-americana Milho: preços elevados mesmo com super-safra norte-americana Super-safra norte-americana Em seu boletim de oferta e demanda mundial de setembro o Usda reestimou para cima suas projeções para a safra 2007/08.

Leia mais

18 de julho de 2014/ nº 312

18 de julho de 2014/ nº 312 Milhões de toneladas esmagadas 18 de julho de 2014/ nº 312 Rentabilidade incerta: O custo de produção da soja transgênica para a temporada 2014/15 no mês de junho foi elevada para R$ 2.433,73/ha. Com o

Leia mais

Fonte: IMEA

Fonte: IMEA Milhares de toneladas Milho-Análise PREFERÊNCIA SOJA/MILHO: Todo inicio de safra o produtor mato- grossense tem três grandes opções de uso das suas áreas: algodão safra, soja e algodão 2 safra, e o mais

Leia mais

Reunião Pública Dezembro de 2015

Reunião Pública Dezembro de 2015 Reunião Pública Dezembro de 2015 Cenário Macroeconômico Arlindo de Azevedo Moura CEO 2 Cenário Macroeconômico 3 COMMODITIES Pressão de queda nos preços Menor preço dos últimos 16 anos TAXA DE CÂMBIO RESTRIÇÃO

Leia mais

Milho Período: 16 a 20/03/2015

Milho Período: 16 a 20/03/2015 Milho Período: 16 a 20/03/2015 Câmbio: Média da semana: U$ 1,00 = R$ 3,2434 Nota: A paridade de exportação refere-se ao valor/sc desestivado sobre rodas, o que é abaixo do valor FOB Paranaguá. *Os preços

Leia mais

90% 80% 70% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0%

90% 80% 70% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0% Milho-Análise MINIMIZANDO OS GARGALOS: O atual problema que gira em torno do mercado do milho em 2013 está ligado ao excesso da superoferta da temporada 2012/13 que, aliada aos gargalos logísticos de escoamento

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise Milho - Análise BOLETIM SEMANAL É mesmo COMERCIALIZAÇÃO AUMENTADA: Como se não bastasse a grande comercialização de quase metade do estimado a produzir, logo no mês de setembro de 2011, algo que nunca

Leia mais

Milho Período: 11 a 15/05/2015

Milho Período: 11 a 15/05/2015 Milho Período: 11 a 15/05/2015 Câmbio: Média da semana: U$ 1,00 = R$ 3,0203 Nota: A paridade de exportação refere-se ao valor/sc desestivado sobre rodas, o que é abaixo do valor FOB Paranaguá. *Os preços

Leia mais

Soja - Análise da Conjuntura Agropecuária. Novembro 2015 PARANÁ

Soja - Análise da Conjuntura Agropecuária. Novembro 2015 PARANÁ Soja - Análise da Conjuntura Agropecuária Novembro 2015 PARANÁ A estimativa de área para a safra 2015/16 de soja é recorde no Paraná. Segundo os técnicos de campo serão semeados 5,24 milhões de hectares,

Leia mais

TRIGO Período de 02 a 06/11/2015

TRIGO Período de 02 a 06/11/2015 TRIGO Período de 02 a 06//205 Tabela I - PREÇO PAGO AO PRODUTOR (em R$/60 kg) Centro de Produção Unid. 2 meses Períodos anteriores mês (*) semana Preço Atual PR 60 kg 29,56 35,87 36,75 36,96 Semana Atual

Leia mais

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado

AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado AGROMENSAL CEPEA/ESALQ Informações de Mercado Mês de referência: AGOSTO/2011 CEPEA - SOJA I - Análise Conjuntural II - Séries Estatísticas 1. Diferenciais de preços 2. Estimativa do valor das alternativas

Leia mais

É mesmo 22,58. dez/10. abr/11. jun/11. fev/11. Fonte: Secex

É mesmo 22,58. dez/10. abr/11. jun/11. fev/11. Fonte: Secex ago/08 out/08 dez/08 fev/09 abr/09 jun/09 ago/09 out/09 dez/09 fev/10 abr/10 jun/10 ago/10 out/10 dez/10 fev/11 abr/11 jun/11 Milho - Análise BOLETIM SEMANAL É mesmo SEMENTE SALGADA: O preço da semente

Leia mais

8 de agosto de 2014/ nº 315

8 de agosto de 2014/ nº 315 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 mai/14 jun/14 jul/14 Milhões de toneladas 8 de agosto de 2014/ nº 315 Vendas atualizadas: Na última semana os dados de comercialização da soja em Mato Grosso tiveram seus números

Leia mais

5 de dezembro de 2014/ nº 332

5 de dezembro de 2014/ nº 332 44,20 45,44 40,80 44,80 41,50 47,44 38,98 47,82 42,21 44,95 47,00 47,90 46,17 50,52 preço em R$/sc Dólar em RS/US$ 5 de dezembro de 2014/ nº 332 Futuros aquecidos: Enquanto a safra 13/14 da soja mato-grossense

Leia mais

17 de abril de 2015/ nº 278

17 de abril de 2015/ nº 278 Volume exportado (mil t) 17 de abril de 2015/ nº 278 Produção cara: Produzir algodão em Mato Grosso nunca foi tão caro. De acordo com o último relatório de custo de produção para a safra 2015/16, um hectare

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 25 de fevereiro de 2011 Número: 141. É mesmo

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 25 de fevereiro de 2011 Número: 141. É mesmo Milho - Análise É mesmo MILHO COMPROMETIDO EM PLENO PLANTIO: O Imea realizou na semana o primeiro levantamento de comercialização de milho da corrente safra e o volume comprometido alcança 28,8% no mês

Leia mais

Commodities Agrícolas

Commodities Agrícolas Commodities Agrícolas CAFÉ CAFÉ Bolsas BM&F ICE FUTURES Contrato Fechamento Máxima Mínimo Variação Contrato Fechamento Máxima Mínimo Variação SET13 136,80 136,50 135,80-1,80 SET 113,50 115,70 113,25-1,45

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise 3-jan-12 4-jan-12 5-jan-12 6-jan-12 7-jan-12 8-jan-12 9-jan-12 10-jan-12 11-jan-12 12-jan-12 13-jan-12 14-jan-12 15-jan-12 16-jan-12 17-jan-12 18-jan-12 19-jan-12 É mesmo CADÊ A SEMENTE?: O principal insumo

Leia mais

Tabela 01 Mundo Soja Área, produção e produtividade Safra 2009/10 a 2013/14

Tabela 01 Mundo Soja Área, produção e produtividade Safra 2009/10 a 2013/14 Soja Análise da Conjuntura Agropecuária Novembro de 2013 MUNDO A economia mundial cada vez mais globalizada tem sido o principal propulsor responsável pelo aumento da produção de soja. Com o aumento do

Leia mais

03/10/2014. Roteiro da Apresentação FINANCEIRIZAÇÃO DO MERCADO ANÁLISE TÉCNICA E DE CICLOS OFERTA E DEMANDA

03/10/2014. Roteiro da Apresentação FINANCEIRIZAÇÃO DO MERCADO ANÁLISE TÉCNICA E DE CICLOS OFERTA E DEMANDA OS MERCADOS DE SOJA, MILHO E TRIGO EM 2015 FERNANDO MURARO JR. Engenheiro agrônomo e analista de mercado da AgRural Commodities Agrícolas OCEPAR Curitiba (PR), 02/out/14 www.agrural.com.br A INFORMAÇÃO

Leia mais

ALGODÃO 2ª SAFRA NA SAFRA 14/15 DEZEMBRO - ANO 6 - EDIÇÃO 67

ALGODÃO 2ª SAFRA NA SAFRA 14/15 DEZEMBRO - ANO 6 - EDIÇÃO 67 ALGODÃO 2ª SAFRA NA SAFRA 14/15 DEZEMBRO - ANO 6 - EDIÇÃO 67 A decisão sobre o plantio do algodão segunda safra a esta altura já foi tomada. Seu Custo Operacional (CO) é estimado pelo Cepea em R$ 5.614,63/ha

Leia mais

Commodities Agrícolas

Commodities Agrícolas Commodities Agrícolas quarta-feira, 18 de setembro de 2013 CAFÉ CAFÉ Bolsas Venc Ajuste Máx BM&F Mín Variação Venc Ajuste ICE FUTURES Máx Mín Variação SET13 133,50 0,00 0,00-4,85 SET13 111,05 114,75 111,10-3,75

Leia mais

É mesmo R$ 21,00 R$ 20,90 R$ 20,80 R$ 20,70 R$ 20,60 R$ 20,50 R$ 20,40 R$ 20,30 R$ 20,20 R$ 20,10

É mesmo R$ 21,00 R$ 20,90 R$ 20,80 R$ 20,70 R$ 20,60 R$ 20,50 R$ 20,40 R$ 20,30 R$ 20,20 R$ 20,10 Milhões de toneladas Milho - Análise BOLETIM SEMANAL É mesmo COLHENDO E COMPARANDO: O start na colheita ocorreu na semana passada, mas, sem muito alvoroço, pois os produtores estavam apenas calibrando

Leia mais

Soja: elevação dos preços da convencional/transgênica deve dificultar incremento da orgânica

Soja: elevação dos preços da convencional/transgênica deve dificultar incremento da orgânica Soja: elevação dos preços da convencional/transgênica deve dificultar incremento da orgânica Produção mundial deve recuar em 2007/08 Segundo o relatório de oferta e demanda divulgado pelo Usda em setembro

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 01 de novembro de 2012 Número: 227

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 01 de novembro de 2012 Número: 227 5/10 7/10 9/10 11/10 13/10 15/10 17/10 19/10 21/10 23/10 25/10 27/10 29/10 31/10 Soja - Análise BOLETIM SEMANAL SUSPENSE DAS CHUVAS: A ausência de precipitação por mais de uma semana fez com que alguns

Leia mais

BOLETIM SEMANAL R$ 72,12 R$ 67,20

BOLETIM SEMANAL R$ 72,12 R$ 67,20 11/9 13/9 15/9 17/9 19/9 21/9 23/9 25/9 27/9 29/9 1/10 3/10 5/10 7/10 9/10 11/10 Contratos Negociados (x 1000) Cents de US$/bu 4-jul 11-jul 18-jul 25-jul 1-ago 8-ago 15-ago 22-ago 29-ago 5-set 12-set 19-set

Leia mais

20 de junho de 2014/ nº 308

20 de junho de 2014/ nº 308 fev-13 mar-13 abr-13 mai-13 jun-13 jul-13 ago-13 set-13 out-13 nov-13 dez-13 jan-14 fev-14 mar-14 abr-14 mai-14 jun-14 20 de junho de 2014/ nº 308 Impacto da safra nova: O bom desenvolvimento da safra

Leia mais

GANHOS DO ETANOL HIDRATADO SUPERAM AÇÚCAR BRUTO EM NOVA YORK EM QUASE 10%

GANHOS DO ETANOL HIDRATADO SUPERAM AÇÚCAR BRUTO EM NOVA YORK EM QUASE 10% Boletim Semanal sobre Tendências de Mercados Ano XVII 0613/julho/2015 n. 583 GANHOS DO ETANOL HIDRATADO SUPERAM AÇÚCAR BRUTO EM NOVA YORK EM QUASE 10% O encerramento de junho foi marcado por mais um período

Leia mais

RELATÓRIO DE MERCADO JULHO DE 2015

RELATÓRIO DE MERCADO JULHO DE 2015 RELATÓRIO DE MERCADO JULHO DE 2015 COMMODITIES AGRÍCOLAS RESUMO DOS PRINCIPAIS INDICADORES DO MERCADO DE COMMODITIES AGRÍCOLAS SUMÁRIO OFERTA 4 8 VARIAÇÕES HISTÓRICAS E FORECAST 6 DEMANDA 9 CONSIDERAÇÕES

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 20 de julho de 2012 Número: 212

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 20 de julho de 2012 Número: 212 Soja - Análise BOLETIM SEMANAL SUPERVALORIZADA: Depois de recentes instabilidades climáticas, comprometendo o desenvolvimento das lavouras norte-americanas, e a diminuição do estoque mundial de soja que

Leia mais

Boletim Ativos do Café - Edição 15 / Dezembro 2013 Preços do café intensificam a descapitalização na cafeicultura brasileira em 2013

Boletim Ativos do Café - Edição 15 / Dezembro 2013 Preços do café intensificam a descapitalização na cafeicultura brasileira em 2013 Boletim Ativos do Café - Edição 15 / Dezembro 2013 Preços do café intensificam a descapitalização na cafeicultura brasileira em 2013 Entre janeiro/13 e novembro/13 o Coffea arabica (Arábica) apresentou

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 03 de fevereiro de 2012 Número: 188. É mesmo

BOLETIM SEMANAL. Milho - Análise. 03 de fevereiro de 2012 Número: 188. É mesmo 1000 t Milho - Análise BOLETIM SEMANAL É mesmo QUEDA BENÉFICA: Após uma semana de grandes oscilações da cotação internacional do milho, a cultura conseguiu mais uma semana de aumento substancial e começa

Leia mais

08/09/2015. Mundo Evolução da área (índice 100= safra 2000/01) Bolsa de Chicago Relação soja/milho no 1º contrato PROPHETX/AGRURAL

08/09/2015. Mundo Evolução da área (índice 100= safra 2000/01) Bolsa de Chicago Relação soja/milho no 1º contrato PROPHETX/AGRURAL PERSPECTIVAS PARA A AGROPECUÁRIA BRASILEIRA NOS PRÓXIMOS 5 ANOS FERNANDO MURARO JR. Engenheiro agrônomo e analista de mercado da AgRural Commodities Agrícolas ANDA 5º CONGRESSO BRASILEIRO DE FERTILIZANTES

Leia mais

É mesmo R$ 24,00 R$ 22,00 R$ 20,00 R$ 18,00 R$ 16,00 R$ 14,00 R$ 12,00. Fonte: Imea. Milhões

É mesmo R$ 24,00 R$ 22,00 R$ 20,00 R$ 18,00 R$ 16,00 R$ 14,00 R$ 12,00. Fonte: Imea. Milhões Toneladas Milhões BOLETIM SEMANAL Milho - Análise É mesmo POTENTE E PRECOCE: A poucas semanas do encerramento da colheita do milho e praticamente com 5% de estoque da safra 2010/11, as movimentações para

Leia mais

Preço médio da Soja em MS Período: 06/03 á 11/03 de 2014 - Em R$ por saca de 60 kg

Preço médio da Soja em MS Período: 06/03 á 11/03 de 2014 - Em R$ por saca de 60 kg SOJA» MERCADO INTERNO Na primeira semana de março houve leve apreciação nos preços da saca de 6 Kg de soja em grãos, estes cresceram em média 1,2% em relação aos preços observados 6/mar. Mas em comparação

Leia mais

SOJA MERCADO INTERNO

SOJA MERCADO INTERNO SOJA MERCADO INTERNO Dezembro se inicia com desvalorização nos preços médios da soja. O preço da saca recuou Dentre as praças pesquisadas, Maracaju registrou a maior desvalorização, 2,74%, com a em média

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 10 de fevereiro de 2012 Número: 189

BOLETIM SEMANAL. Soja - Análise. 10 de fevereiro de 2012 Número: 189 Soja - Análise BOLETIM SEMANAL ALÍVIO DA CHUVARADA: Desde o último levantamento de colheita, 02/02, boas notícias vieram do campo com a diminuição das chuvas, e em algumas regiões, ocorreu até o cessamento

Leia mais

CUSTO DE PRODUÇÃO DE GRÃOS EM LONDRINA-PR

CUSTO DE PRODUÇÃO DE GRÃOS EM LONDRINA-PR CUSTO DE PRODUÇÃO DE GRÃOS EM LONDRINA-PR Foi realizado no dia 12 de julho de 2012 em Londrina (PR), o painel de custos de produção de grãos. A pesquisa faz parte do Projeto Campo Futuro da Confederação

Leia mais

Acompanhamento da Safra 2012/13 no MS

Acompanhamento da Safra 2012/13 no MS Acompanhamento da Safra 2012/13 no MS Circular Técnico nº 20 No acompanhamento da cultura do milho 2ª safra de Mato Grosso do Sul foram visitadas 52 propriedades entre os dias 22 e 25 de abril de 2013

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Índice 1 - Conceito de Agronegócio e a atuação do Imea 2 - Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 2.1 Agronegócio Soja 2.2 Agronegócio Milho 2.3 Agronegócio Algodão

Leia mais

Commodities Agrícolas

Commodities Agrícolas Commodities Agrícolas sábado, 14 de setembro de 2013 CAFÉ CAFÉ Bolsas Venc Ajuste Máx BM&F Mín Variação Venc Ajuste ICE FUTURES Máx Mín Variação SET13 139,00 0,00 0,00-0,70 SET13 115,55 115,70 115,70-0,70

Leia mais

2 de dezembro de 2016 / nº 432

2 de dezembro de 2016 / nº 432 Painel de Decisão Semanais Unidade 2015 A nt. a A tual b (b/ a) 1 - Indicador Imea - M T R$/sc 18,12 26,14 25,34-3,06% 2 - CBOT (mar/ 17) US$/bu 3,69 3,59 3,49-2,64% 3 - CBOT (jul/ 17) US$/bu 3,86 3,76

Leia mais

26 de junho de 2015/ nº 359

26 de junho de 2015/ nº 359 Preço a termo (R$/sc) 26 de junho de 2015/ nº 359 Em lados opostos: Em junho, as cotações do farelo e do óleo de soja exibiram tendências bastante divergentes em Mato Grosso. Isso porque, enquanto o óleo

Leia mais

28 de agosto de 2015/ nº 368

28 de agosto de 2015/ nº 368 fev-13 abr-13 jun-13 ago-13 out-13 dez-13 fev-14 abr-14 jun-14 ago-14 out-14 dez-14 fev-15 abr-15 jun-15 ago-15 Cotação em MT - R$/t 28 de agosto de 2015/ nº 368 Motores aquecidos: Depois de um leve recuo

Leia mais

23 de outubro de 2015/ nº 376

23 de outubro de 2015/ nº 376 jan-12 abr-12 jul-12 out-12 jan-13 abr-13 jul-13 out-13 jan-14 abr-14 jul-14 out-14 jan-15 abr-15 jul-15 out-15 Cotação em R$/tonelada 23 de outubro de 2015/ nº 376 Ainda elevado: Em um movimento natural

Leia mais

Commodities Agrícolas

Commodities Agrícolas Commodities Agrícolas CAFÉ CAFÉ Bolsas BM&F ICE FUTURES Contrato Fechamento Máxima Mínimo Variação Fechamento Máxima Mínimo Variação set/13 144,45 150,00 143,95-4,05 120,60 124,25 119,35-2,85 dez/13 148,50

Leia mais

1º de agosto de 2014/ nº 314

1º de agosto de 2014/ nº 314 3-jan 17-jan 31-jan 14-fev 28-fev 14-mar 28-mar 11-abr 25-abr 9-mai 23-mai 6-jun 20-jun 4-jul 18-jul 1-ago 15-ago 29-ago 12-set 26-set 10-out 24-out 7-nov 21-nov 5-dez 19-dez Cents de US$/Bushel 1º de

Leia mais

25 de abril de 2015/ nº 012

25 de abril de 2015/ nº 012 Participação adm. e dems. total 25 de abril de 2015/ nº 012 Cenário industrial: Em março deste ano, a produção da indústria de transformação em Mato Grosso apresentou crescimento de 6,1% em relação ao

Leia mais

14,25 14,00 13,75 13,50 13,25 13,00 12,75 12, fev

14,25 14,00 13,75 13,50 13,25 13,00 12,75 12, fev 25-fev 27-fev 1-mar 3-mar 5-mar 7-mar 9-mar 11-mar 13-mar 15-mar 17-mar 19-mar 21-mar 23-mar 25-mar Soja - Análise BOLETIM SEMANAL NO COMPASSO DA COMERCIALIZAÇÃO: Mato Grosso comercializou até o dia 24

Leia mais

O MERCADO DE SOJA 1. INTRODUÇÃO

O MERCADO DE SOJA 1. INTRODUÇÃO O MERCADO DE SOJA 1. INTRODUÇÃO A soja é a commodity mais importante do Brasil, pelo valor da produção obtida de grão, óleo e farelo, significativa parcela na receita cambial, área plantada, consumo de

Leia mais

Milho Período: 22 a 26/06/2015

Milho Período: 22 a 26/06/2015 Milho Período: 22 a 26/06/2015 Câmbio: Média da semana: U$ 1,00 = R$ 3,0885 Nota: A paridade de exportação refere-se ao valor/sc desestivado sobre rodas, o que é abaixo do valor FOB Paranaguá. *Os preços

Leia mais

Agronegócio. Realidade e Perspectivas Foco no ARROZ. Araranguá SC, Fevereiro de 2014 Vlamir Brandalizze. 41 3379 8719 brandalizze@uol.com.

Agronegócio. Realidade e Perspectivas Foco no ARROZ. Araranguá SC, Fevereiro de 2014 Vlamir Brandalizze. 41 3379 8719 brandalizze@uol.com. Agronegócio Realidade e Perspectivas Foco no ARROZ Araranguá SC, Fevereiro de 2014 Vlamir Brandalizze 41 3379 8719 brandalizze@uol.com.br GRÃOS Produção (milhões de T. USDA - Fevereiro de 2014; Projeções

Leia mais

BOLETIM SEMANAL. Milho-Análise. 20 de dezembro de 2012 Número: 234

BOLETIM SEMANAL. Milho-Análise. 20 de dezembro de 2012 Número: 234 Milho-Análise RETROSPECTIVA 2012: O ano de 2012 foi dourado para o milho 2ª safra. Em Mato Grosso quem arriscou plantar não se arrependeu. O clima nunca foi tão bom para a cultura no Estado, cujas disponibilidade

Leia mais

Custo de Produção do Milho Safrinha 2012

Custo de Produção do Milho Safrinha 2012 09 Custo de Produção do Milho Safrinha 2012 1 Carlos DirceuPitol Luiz2 Broch1 Dirceu Luiz Broch Roney Simões Pedroso2 9.1. Introdução Os sistemas de produção da atividade agropecuária cada vez requerem

Leia mais

R$ 18,11 R$ 17,

R$ 18,11 R$ 17, Jan/10 Fev/10 Mar/10 Abr/10 Mai/10 Jun/10 Jul/10 Ago/10 Set/10 Jan/11 Fev/11 Mar/11 Abr/11 Mai/11 Jun/11 Jul/11 Ago/11 Set/11 BOLETIM SEMANAL É mesmo MOMENTO ZEN: A ausência de negócios em Mato Grosso,

Leia mais

14,75 14,50 14,25 14,00 13,75 13,50 13,25 13,00 12, fev

14,75 14,50 14,25 14,00 13,75 13,50 13,25 13,00 12, fev 11-fev 13-fev 15-fev 17-fev 19-fev 21-fev 23-fev 25-fev 27-fev 1-mar 3-mar 5-mar 7-mar 9-mar 11-mar Soja - Análise BOLETIM SEMANAL METADE DA ÁREA AINDA ESTA PARA SER COLHIDA: Em 10 de março Mato Grosso

Leia mais

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário

Boletim Econômico e do Setor Portuário. Sumário Boletim Econômico e do Setor Portuário Junho de 2014 Sumário Indicadores da Economia Nacional... 2 O Produto Interno Bruto PIB no primeiro trimestre de 2014... 2 Os Índices de Inflação... 3 O Mercado de

Leia mais

BOLETIM CUSTOS E PREÇOS Abril de 2014

BOLETIM CUSTOS E PREÇOS Abril de 2014 BOLETIM CUSTOS E PREÇOS Abril de 2014 Milho: Os preços no mercado brasileiro ficaram estáveis e até mesmo um pouco mais baixos em algumas praças. A incerteza dos produtores quanto à produtividade do milho

Leia mais

30 de setembro de 2016/ nº 423

30 de setembro de 2016/ nº 423 Não sustentável: Na última sexta-feira, o USDA divulgou seu relatório trimestral de estoque final dos EUA, de 5,32 milhões de toneladas, ficando abaixo do esperado pelo mercado, que aguardava, para a safra

Leia mais

Resumo Quinzenal do Biodiesel

Resumo Quinzenal do Biodiesel Tel: (21) 3547-1539 / (21) 9565-0444 Resumo Quinzenal do Biodiesel 16/06 à 30/06/11 Este relatório é confidencial e de uso exclusivo do destinatário, e não pode ser enviado ou compartilhado com terceiros

Leia mais

Açúcar: Informativo Quinzenal. Oferta se acentua e preços cedem. Indicador de Açúcar Cristal Cepea/Esalq Estado de São Paulo.

Açúcar: Informativo Quinzenal. Oferta se acentua e preços cedem. Indicador de Açúcar Cristal Cepea/Esalq Estado de São Paulo. Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada CEPEA/ESALQ/USP 25 de maio de 2011 Volume 1, Edição 22 Açúcar: Informativo Quinzenal Indicador de Açúcar Cristal Cepea/Esalq Estado de São Paulo DATA Valor

Leia mais

esta semana, porém as chuvas ininterruptas dificultaram os trabalhos. O descompasso de colheita já chega a 16 pontos

esta semana, porém as chuvas ininterruptas dificultaram os trabalhos. O descompasso de colheita já chega a 16 pontos Soja - Análise CHOVE CHUVA: Meados de fevereiro é um período importante para a colheita de soja, pois espera-se que todos os municípios estejam colhendo de maneira intensa, momento este conhecido por boca

Leia mais