Programação em C++ para MEC1100

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programação em C++ para MEC1100"

Transcrição

1 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvido por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. - Rua Porto Alegre, Londrina - PR - Brasil

2 SUMÁRIO 1 Introdução 1 2 A Biblioteca de Controle do MEC1100 para C Instalação e Configuração do Ambiente de Desenvolvimento C Linux Windows Criação de Programas de Controle em C Como Carregas as Bibliotecas de Controle Utilizando as Rotinas da Biblioteca de Controle Rotinas de Suporte OpenCommunication CloseCommunication GetInstalledSerialPorts Entradas Analógicas SensorRead SensorReadAll Entradas e Saídas Digitais DigitalPinRead DigitalPortRead DigitalPinWrite DigitalPortWrite Servomotores ServoMotorOn ServoMotorOff PWMs PwmON PwmOff ii

3 1 INTRODUÇÃO O C++ é uma linguagem de programação multiparadigma e de uso geral. A linguagem é considerada de médio nível, pois combina características de linguagens de alto e baixo níveis. Desde osanos 1990 é uma das linguagens comerciais mais populares, sendo bastante usada também na academia por seu grande desempenho e base de utilizadores. Este tutorial tem como objetivo dar base para criar aplicações com o ambiente de desenvolvimento Qt, em C++, voltadas para o MEC1100. Não será ensinada a linguagem neste tutorial, porém será ensinado como manipulá-la utilizando-se o Qt juntamente ao MEC A BIBLIOTECA DE CONTROLE DO MEC1100 PARA C++ Nesta seção, será apresentada a biblioteca de controle para MEC1100. Serão descritas suas principais funções, além de como utilizá-las. Além disso, será dada uma breve explicação sobre o que é esta biblioteca e sobre os parâmetros de cada método. O MEC1100 responde a comandos enviados a partir de uma porta serial ou USB. Para isso, é necessário abrir estabelecer um canal de comunicação entre o computador e o MEC1100 e enviar bytes em um protocolo específico. Fazer isso diretamente pode ser complicado e demorado e criaria uma dificuldade desnecessária. Por isso, foi criada uma biblioteca de controle que cuida de todos os detalhes de comunicação e codificação dos comandos para envio ao MEC1100, facilitando muito a tarefa de programação do equipamento. Com o uso da biblioteca não é necessário saber os detalhes de codificação dos comandos e parâmetros para envio ao MEC1100, pois tudo isso é tratado automaticamente. Para facilitar a compreensão destes métodos que são utilizados para o desenvolvimento de projetos com o MEC1100, através na biblioteca de controle, foi criada uma lista que os exemplifica, por meio de uma breve explicação. Caso se deseje uma descrição mais detalhada dos métodos, verifique o manual de referência da biblioteca de controle Abaixo, a lista simplificada destes métodos com suas respectivas descrições: Método OpenCommunication CloseCommunication GetInstalledSerialPorts IsConnected NOP DeviceStatus DeviceInfo SensorRead SensorReadAll DigitalPortRead DigitalPortWrite DigitalPinRead Descrição Inicializa a comunicação com um MEC1100. Finaliza a comunicação com um MEC1100. Lista as portas seriais físicas e as portas seriais emuladas sobre a porta USB, criadas pelo MEC1100. Verifica se existe algum MEC1100 conectado e ligado no computador. Envia um comando NOP. Não realiza nenhuma operação. Retorna informações sobre o estado interno do equipamento. Retorna informações sobre o dispositivo conectado, como o nome, versão do hardware e versão do firmware. Lê uma entrada analógica. Lê todas as entradas analógicas em uma única operação. Lê o valor da porta de entrada digital. Grava um valor na porta de saída digital. Efetua a leitura de uma entrada digital individual. copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 1 / 21

4 Método DigitalPinWrite ServoMotorOn ServoMotorOff PwmOn PwmOnTime PwmOnFreq PwmOff Descrição Efetua a gravação de uma saída digital individual. Liga um servomotor Desliga um servomotor. Ativa um PWM utilizando um valor para o período, outro valor para o ciclo ativo e o divisor de clock como parâmetros. Ativa um PWM utilizando o período e tempo de ciclo ativo em milissegundos como parâmetros. Ativa um PWM utilizando uma frequência e uma taxa de porcentagem de ciclo ativo como parâmetros. Desativa um PWM. 3 INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DO AMBIENTE DE DESENVOLVIMENTO C++ Neste tutorial, será ulizado a IDE Qt para a utilização dos métodos do MEC1100. O Qt foi escolhido, para o uso nos tutoriais em C++, pois o mesmo facilita de grande maneira o desenvolvimento de aplicativos nesta linguagem. Ao instalar o Qt, automaticamente, é instalado todos seus recursos, como o Qt Creator (ambiente de desenvolvimento), o Qt Designer (ambiente de criação gráfica) e o Qt em si, o qual estará integrado com os demais. O Qt, atualmente, é uma IDE da Nokia que foi criado com o objetivo de facilitar a criação de aplicativos gráficos, principalmente, em C++. Além disso, possui recursos que facilitam seu uso, como o fato de auto-completar métodos, utilizando-se atalhos do teclado, auto-correção, entre outros recursos. Outro fator interessante é o fato de que, ao se criar um programa utilizando-se o Qt, este poderá ser executado tanto no Windows como no Linux. A seguir, será apresentado onde encontrar e como instalar o Ambiente de Desenvolvimento Qt, tanto no Linux quanto no Windows. Porém, como neste tutorial fora utilizada a distribuição Ubuntu do Linux, a instalação em outras versões pode ocorrer de maneira diferenciada. Entretando, a utilização do Qt e de seus métodos será igual para qualquer versão deste sistema. O processo de instalação nos dois sistemas descritos ocorre, incialmente, de igual maneira. Então, para facilitar este processo, serão apresentados os primeiros passos nesta seção e, em seguida, os passos específicos, nas próximas subsessões. Para realizar a instalação do Qt, siga até o link products/, clique em Download the Qt SDK, confome a figura apresentada a seguir: copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 2 / 21

5 Figura 1: Imagem do site com destaque para a opção de download. Então, irá abrir uma nova janela. Nesta, clique em Go LGPL. Em seguida, escolha o sistema operacional (Linux ou Windows) e sua versão (32bit ou 64bit), clicando em uma das opções que será mostrada na página, conforme mostra a figura a seguir: Figura 2: Tela de seleção do Sistema Operacional. Então, após clicar em uma das opções, espere até que o download seja requerido e salve o arquivo em um local de sua preferência. A partir disto, siga as instruções apresentadas no tópico referente ao SO escolhido, para se dar início a instalação. copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 3 / 21

6 3.1 LINUX Realizado o download do aplicativo para o sistema operacional Linux, siga os seguintes passos para se dar início a instalação: Na pasta em que foi salvo o arquivo.bin (no caso, o arquivo baixado), clique com o botão direto do mouse e selecione a opção open in terminal/abrir no terminal, conforme mostra a figura abaixo: Figura 3: Imagem da pasta onde fora salvo o arquivo.bin com destaque para a opção "Open in Terminal". Em seguida, digite a seguinte linha de comando na janela que se iniciou, substituindo nome_do_arquivo_salvo pelo nome do arquivo baixado: chmod u+x nome_do_arquivo_salvo.bin Então, aperte a tecla Enter e, em seguida, no mesmo terminal que fora aberto, digite a seguinte linha de comando, realizando a mesma substituição descrita anteriormente:./nome_do_arquivo_salvo.bin A seguir, é apresentada uma imagem do terminal exemplificando com os comandos a serem digitados, utilizando-se o arquivo baixado: Figura 4: Terminal exemplificando os comandos a serem digitados. copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 4 / 21

7 O primeiro comando foi utilizado para se dar uma permissão para se executar o arquivo. O segundo, por sua vez, foi utilizado para executar o arquivo em si, o qual dará incío a instalação do Qt. Um detalhe importante, antes de se dar continuidade a instação é o fato de que, enquanto a mesma não for concluída, o terminal não pode ser fechado, pois, caso isso ocorra, a instalação é cancelada. Então, após digitar as duas linhas de comando apresentadas acima de maneira correta, será aberta a janela de instalação. Abaixo, a janela inicial de instalação: Figura 5: Tela inicial de instalação. Esta instalação, porém, é de fácil aplicação. Nesta janela aberta, clique na opção Next e, em seguida, selecione a opção I accept the agreement e novamente em Next. Nas próximas etapas, clique em Next novamente e aguarde até que a instalação seja concluída. Após a conclusão, clique em Finish e, então, o Qt será inicializado automaticamente. Abaixo, uma imagem demonstrando a janela do processo de instalação e uma imagem desmontrando a janela após a conclusão da instalação: copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 5 / 21

8 Figura 6: Instação em andamento no Linux. Figura 7: Janela após a conclusão da instalação. 3.2 WINDOWS A instalação do Qt no Microsoft Windows é realizada como em qualquer outro software convencional neste sistema. Então, após a conclusão do download, siga os seguintes passos para a instalação do aplicativo: Com o download concluído, vá até o diretório do mesmo (local onde o arquivo executável foi salvo) e dê um duplo clique sobre este. Aguarde até que a instalação se inicie. Iniciada a instalação, será aberta uma janela de simples interface. Então, para se dar continuidade a instalação, clique na opção Next e, em seguida, selecione a opção I accept the agreement e novamente em Next. Nas próximas etapas, clique em Next novamente e aguarde até que a instalação seja concluída. copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 6 / 21

9 Finalizada a instalação, clique no botão Finish e, então, o Qt Creator será iniciado automaticamente. A seguir, uma imagem da janela de instalação no Microsoft Windows: Figura 8: Instalação em andamento no Microsoft Windows. 4 CRIAÇÃO DE PROGRAMAS DE CONTROLE EM C++ A criação de programas no Qt é realizada de igual maneira tanto para Windows quanto para Linux. Neste tutorial, serão implementandas todas as linhas de código no sistema operacional Linux, porém os métodos utilizados são os mesmos em ambos os sistemas. Nesta seção, será mostrado, primeiramente, como se criar um projeto de console utilizando-se o Qt Creator. Além disso, serão mostrados os métodos utilizados para realizar operações com o MEC1100. Como este tutorial tem apenas como objetivo utilizar, de maneira simples, os métodos da biblioteca de controle, não será mostrado nada referente a criação de interfaces gráficas; porém, nos demais tutoriais, será detalhado os processos de criação gráfica e de programas de controle, específicos para o MEC1100. Em seguida, será dado início a criação de um projeto no Qt Creator. Caso o Qt Creator ainda não tenha sido inicializado, dê um duplo clique sobre o ícone criado no Desktop chamado Qt Creator, o qual é apresentado a seguir: Figura 9: Ícone do Qt Creator. Então, após iniciar o aplicativo, a interface do mesmo será a seguinte: copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 7 / 21

10 Figura 10: Tela inicial do Qt Creator. Agora, será dado início a criação do projeto. Para isso, clique em File/New File or Project, como mostrado na figura a seguir: Figura 11: Opção para se criar um novo Projeto. Em seguida, na janela exibida, clique em Qt Console Application e, então, clique em Choose, conforme a figura seguinte: copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 8 / 21

11 Figura 12: Imagem da Janela, com destaque nas opções que devem ser selecionadas. Após clicar na opção Choose, será aberta uma nova janela onde se deve definir o nome do projeto e sua localização. Sendo assim, defina o nome do projeto como projetomec e coloque um diretório a sua escolha ou, se preferir, deixe o diretório padrão. Entretanto, guarde o nome deste diretório, pois este será necessário para a continuidade da criação das aplicações. Abaixo, uma imagem exemplificando com preencher os campos (onde está escrito Create in: deve-se colocar o diretório em que se deseja criar o projeto, podendo deixar com o nome padrão sugerido): Figura 13: Definindo nome do projeto. Após preencher os campos, clique em Next e, então, em Next novamente. Nesta última janela, clique em Finish e o projeto será criado. A seguir, a janela após a criação do projeto: copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 9 / 21

12 Figura 14: Projeto criado. 4.1 COMO CARREGAS AS BIBLIOTECAS DE CONTROLE Para se dar início a implementação, deve-se, primeiramente, copiar os arquivos da biblioteca de controle do MEC1100 para C++, localizados no CD que o acompanha, para a pasta do projeto. Deve-se copiar os arquivos mec1100.cpp e mec1100.h e a pasta chamada serial e inserí-los na pasta do projeto (local onde foi definido no momento da criação do mesmo). Abaixo, uma imagem ilustrando a pasta do projeto após a inserção dos arquivos e pasta: Figura 15: Pasta do projeto após a inserção dos arquivos e pasta. Com os arquivos copiados, deve-se, agora, inserí-los no projeto em si. Para isso, clique com o botão direito do mouse sobre o local onde está escrito projetomec no Qt Creator e selecione a opção Add copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 10 / 21

13 Existing Files... conforme a figura abaixo: Figura 16: Adicionando a biblioteca ao projeto. Feito isto, selecione os arquivos "mec1100.h"e "mec1100.cpp"e clique no botão Open. Então, repita o mesmo processo anterior clicando novamente na opção de adicionar; porém, na janela aberta, entre na pasta denominada serial, selecione todos os arquivos contidos nesta e clique no botão Open novamente. Após realizar estes passos, a aparência do programa será a seguinte (note que os arquivos inseridos estão todos visíveis no projeto): Figura 17: Projeto após a inserção das bibliotecas. Para finalizar esta etapa e dar início a implementação, há necessidade de se incluir a biblioteca do MEC1100 para a classe principal. Para isto, basta apenas adicionar, no início do código, a seguinte linha de comando: copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 11 / 21

14 Então, a partir de agora, o projeto está apto a utilizar os comandos disponíveis no MEC UTILIZANDO AS ROTINAS DA BIBLIOTECA DE CONTROLE Serão apresentados, a seguir, alguns métodos utilizados para se manipular o MEC1100. Com isso, será possível se ter uma visão geral do funcionamento deste equipamento e como funcionam os métodos da biblioteca de controle. É importante salientar que as linhas inicializadas com // representam comentários e não são utilizadas pelo código. Ou seja, não há problema alguma em deixá-las no código fonte. 5.1 ROTINAS DE SUPORTE Serão apresentados, nesta seção, os comando básicos de controle do MEC1100, como, por exemplo, abrir e fechar uma conexão com o equipamente e listar as portas seriais/usb instaladas no computador. Também serão mostrados códigos exemplificando esses comandos, para um melhor entendimento dos mesmos OPENCOMMUNICATION O método OpenCommunication é utilizado para se abrir a comunicação com o MEC1100. Para se fazer uso deste método, basta chamá-lo dentro do código fonte e, em seu parâmetro, colocar uma String referente a porta em que o MEC1100 está conectado. Quando se conecta um cabo USB ao MEC1100 para se comunicar com o computador, o mesmo faz uma emulação de uma porta serial através da USB. Por isso, em alguns casos, como no Windows, a porta USB conectada é definida como sendo uma porta serial. No caso do Linux, os parâmetros a serem passados variam, dependendo do cabo utilizado, para se realizar a conexão (USB ou serial). No código de exemplo, será utilizado a porta USB0 do Linux pois, neste caso, o MEC1100 está conectado a uma porta USB do sistema. //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto #include <string> //Definindo que será usado o std, que é utilizado para manipular Strings using namespace std; //Armazenando as portas seriais instaladas em um vetor de String mec.getinstalledserialports(v); //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB0 copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 12 / 21

15 Como a porta em que se conecta o MEC1100 no Linux pode variar, há a necessidade de se trocar o parâmetro passado no método. Ou seja, caso o MEC1100 esteja conectado a outra porta USB, deve-se apenas trocar o número desta porta para outro até se obter a porta correta (no caso, trocar USB0 para USB1 ou USB2 e assim por diante). Porém, caso a porta em que o dispositivo esteja conectado for uma porta serial, o parâmetro a ser passado será algo como: ttys0. Abaixo, um exemplo utilizando-se a porta serial do Linux: //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta S0 mec.opencommunication( /dev/ttys0 ); Caso o usuário estiver utilizando Windows, o nome da porta passaria a ser COM (no caso o parâmetro a ser passado seria algo como COM1, COM2, etc), pois neste sistema a porta USB ou serial é reconhecida como sendo serial. A seguir, um exemplo utilizando-se a porta COM1 do Windows : //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta COM1 mec.opencommunication( COM1 ); CLOSECOMMUNICATION Para encerrar a comunicação entre o dispositivo e o computador, utiliza-se o método denominado CloseCommunication. Para utilizá-lo, basta chamá-lo dentro do código fonte sem utilização de nenhum parâmetro e, automaticamente, a comunicação será finalizada. //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto #include <string> //Definindo que será usado o std, que é utilizado para manipular Strings using namespace std; //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB0 //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); GETINSTALLEDSERIALPORTS Para se obter as portas serial/usb instaladas no computador, é utilizado o comando GetInstalledSerial- Ports, o qual está pré-definido na biblioteca de controle, bastando apenas chamá-lo dentro do programa, como será apresentado a seguir. Este comando retorna uma lista com as portas USBs e seriais instaladas no computador em forma de String (texto). Para utilizá-lo, é necessário implementar as seguintes linhas de comando dentro do código fonte: copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 13 / 21

16 //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto #include <vector> #include <string> #include <iostream> //Definindo que será usado o std, que é utilizado para manipular Strings using namespace std; vector <string> v; int i; //Armazenando as portas seriais instaladas em um vetor de String mec.getinstalledserialports(v); //Imprimindo as portas seriais instaladas, uma a uma, no console for (i=0; i < v.size() ; i++) std::cout << v[i] << \n ; std::cin.get(); Agora, será necessário executar o programa. Para isso, pressione Ctrl+R ou clique no botão Run localizado na lateral inferior esquerda. Figura 18: Imagem com destaque para o botão Run. Com isso, o programa será executado e será exibido no console uma lista com as portas serial/usb instaladas no computador. 5.2 ENTRADAS ANALÓGICAS Nesta seção, serão apresentados os métodos para se manipular as entradas analógicas. Será apresentada uma breve descrição dos métodos, de forma singular, a fim de que o usuário possa ter uma melhor copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 14 / 21

17 compreensão dos mesmos. Além disso, haverá algumas linhas de código exemplificando a manipulação dos métodos em questão SENSORREAD Para realizar a leitura de sensores ligados a uma entrada analógica, utiliza-se o comando SensorRead, passando como parâmetro neste método o número do sensor que se deseja ler. A seguir, um exemplo de código realizando a leitura do primeiro sensor do MEC1100: //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto #include <string> //Definindo que será usado o std, que é utilizado para manipular Strings using namespace std; int leitura; //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Criando a variável leitura e armazenando nesta o valor da leitura do //sensor 1 leitura = mec.sensorread(1); //Imprimindo no console o valor da leitura realizada anteriormente std::cout << leitura; std::cin.get() //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); Pode-se trocar esse valor 1 para um valor de 1 a 8, pois existem 8 entradas analógicas no MEC1100. Após a execução do programa, será exibido no console o valor da leiutura do sensor, que varia de 0 a SENSORREADALL Muitas vezes existe a necessidade de se realizar a leitura de todas as entradas analógicas. Para isso, existe um método, na biblioteca de controle, um método chamado SensorReadAll, o qual retorna o valor da leitura destas entradas. A seguir, a implementação deste método: //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto #include <string> //Definindo que será usado o std, que é utilizado para manipular Strings using namespace std; copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 15 / 21

18 // Declaração das Variáveis e seus tipos vector <short> leitura; //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Armazenando a leitura de todos os sensores em um vetor short mec.sensorreadall(leitura); //Imprimindo no console o valor da leitura de todas as entradas //analógicas for (int i = 0; i < leitura.size(); i++) std::cout << leitura[i] << \n ; std::cin.get() //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); 5.3 ENTRADAS E SAÍDAS DIGITAIS Nesta seção, serão apresentados alguns exemplos de código referentes a manipulação tanto das entradas digitais quanto das saídas digitais. Também será dada uma breve explicação sobre os métodos utilizados para a manipulação destas. O MEC1100 possui 8 pinos (entradas/conexões) tanto na porta de Saídas Digitais como na porta de Entradas Digitais (entende-se como porta o conjunto de conexões similares agrupadas em um determinado local), ou seja, é possível tratar cada um destes pinos de maneira individual ou tratá-los como um todo. Isso, porém, será visto nos próximos tópicos. Para maiores informações sobre portas digitais e como elas funcionam, recomenda-se a leitura do manual de referências da biblioteca de controle e/ou o manual do MEC DIGITALPINREAD Através de um dos dos métodos da biblioteca é possível ler, de forma singular, cada um dos pinos da porta de Entradas Digitais. Para isso, utiliza-se o método denominado DigitalPinRead. Este método retornará o valor da leitura do pino escolhido, que será dada por 0 ou 1, ou seja, caso a entrada esteja em alta (com algo conectado a ela) o valor será 1, senão este será 0. No exemplo, está sendo realizada a leitura da entrada de número 1. //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto #include <string> // Definindo que será usado o std, que é utilizado para manipular Strings using namespace std; //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 16 / 21

19 //Realizando a leitura da entrada digital 1 e imprimindo seu valor //no console std::cout << mec.digitalpinread(1); std::cin.get(); //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); DIGITALPORTREAD Para ler todas as entradas digitais, ou seja, a porta como um todo, utiliza-se o método DigitalPortRead. Este método recebe como parâmetro apenas a porta (1 ou 2) que se deseja ler e retorna o valor dessa leitura. //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto #include <string> // Definindo que será usado o std, que é utilizado para manipular Strings using namespace std; int leitura; //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Armazenando a leitura da porta de Entradas Digitais 1 na variável //leitura leitura = mec.digitalportread(1); //Imprimindo no console o valor da leitura da porta std::cout << leitura[i]; std::cin.get() // Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); DIGITALPINWRITE Para se ligar apenas uma saída digital, utiliza-se o método DigitalPinWrite. Esse método recebe como parâmetros, respectivamente, o número da porta de Saídas Digitais e o valor correspondente a saída que se deseja ligar. No exemplo abaixo, foi enviado um parâmetro que ligará a saída 1 da porta 1. // Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 17 / 21

20 //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Escrevendo no pino 1 da porta 1 mec.digitalpinwrite(1, 1); //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); DIGITALPORTWRITE Para se escrever em todas as saídas digitais, utiliza-se o comando DigitalPortWrite, conforme o código a seguir, passando em seu parâmetro o valor que se deseja escrever. Neste exemplo, foi enviado o valor 3, que ativa os 2 primeiros canais das saídas digitais. // Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Escrevendo o valor 3 na porta de Saídas Digitais 1 mec.digitalportwrite(1, 3); //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); Caso se deseje apagar/desligar as saídas digitais, deve-se apenas trocar o parâmetro que representa o valor para 0. Quando se passa o valor 0 nas saídas digitais, a mesma irá zerar qualquer valor que estava anteriormente escrito e fará com que esta entre no estado de desligada (nível lógico 0). No caso, haveria apenas a necessidade de se alterar o método para o seguinte: // Escrevendo o valor 0 em todas as saídas digitais mec.digitalportwrite(1, 0); 5.4 SERVOMOTORES Nesta seção, seráo apresentandos os métodos utilizados pela biblioteca de controle para manipular servomotores utilizando-se o MEC1100. A conexão destes dispositivos é feita utilizando-se a porta Servomotores/PWM. Além disso, será mostrado, de forma exemplificada, linhas de código referentes a estes métodos. copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 18 / 21

21 5.4.1 SERVOMOTORON Para se ligar um servomotor conectado ao MEC1100, utiliza-se o comando ServoMotorOn, passando como parâmetro o número do servomotor que se deseja ligar e, respectivamente, a posição que em que o servomotor ficará. A porta de Servomotores/PWM possui 8 conexões, logo o número de servomotores irá de 1 a 8 e, por padrão, a posição irá de 0 a 255 (devido as limitações dos servomotores). No exemplo abaixo, foi ligado o servomotor de número 1 e definida sua posição para 200. //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Colocando o servomotor de número 1 na posição 200 mec.servomotoron(1, 200); //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); SERVOMOTOROFF Para se desligar um servomotor, utiliza-se o método ServoMotorOff. Este método recebe como parâmetro o número do servomotor que se deseja desligar (1 a 8). No exemplo, a seguir, foi desligado o servomotor de número 1, o qual havia sido ligado anteriormente. //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Colocando o servomotor de número 1 na posição 200 mec.servomotoron(1, 200); //Desligando o servomotor 1 mec.servomotoroff(1); //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 19 / 21

22 5.5 PWMS Nesta seção, serão apresentados os métodos básicos utilizados para se comunicar com dispositovos PWM. Será mostrado, de forma exemplificada, linhas de códigos a fim de mostar ao usuário como se utilizar os métodos em questão. Porém, caso o usuário queira ter uma explicação mais detalhada sobre estes métodos e como funcionam, recomenda-se a leitura do manual de referências da biblioteca de controle do MEC PWMON O MEC1100 permite a utilização de dispositivos PWMs (Pulse Width Modulation ou Modulação por Largura de Pulso). Para isso, utiliza-se o método PwmOn o qual recebe 5 parâmetros: o primeiro indica qual PWM deve ser utilizado (conta-se do número 1 ao número 8), o segundo indica o valor para período (de 0 a 65535), o terceiro indica o ciclo ativo (de 0 a 65535), o quarto indica o divisor de clock (de 0 a 7) e o último indica a polaridade do sinal (0 para negativo e 1 para positivo). No exemplo, foram definindos os parâmetros para que um servomotor, o qual é um tipo de motor controlado por um sinal PWM, ligado na entrada de número 1, posicione seu eixo em -90 graus. //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 //Setando o servomotor ligado ao pino um em -90o mec.pwmon(1, 55300, 2765, 2, 1); //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); PWMOFF Para desligar um PWM utiliza-se o método denominado PwmOff, o qual recebe como parâmetro apenas o número do PWM que se deseja desligar. O código abaixo mostra como desligar o PWM de número 1: //Incluindo as bibliotecas necessárias para o projeto //Abrindo comunicação com o MEC1100, utilizando-se a porta USB 0 copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 20 / 21

23 //Setando o servomotor ligado ao pino um em -90o mec.pwmon(1, 55300, 2765, 2, 1); //Setando o servomotor ligado ao pino um em -90o mec.pwmoff(1); //Fechando comunicação com o MEC1100 mec.closecommunication(); copyright Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica ltda todos os direitos reservados 21 / 21

Tutorial de Computação Programação em Python para MEC1100 v2010.11

Tutorial de Computação Programação em Python para MEC1100 v2010.11 Tutorial de Computação Programação em Python para MEC1100 v2010.11 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212 Londrina PR Brasil http://www.maxwellbohr.com.br

Leia mais

Tutorial de Computação Programação em Java para MEC1100 v2010.10

Tutorial de Computação Programação em Java para MEC1100 v2010.10 Tutorial de Computação Programação em Java para MEC1100 v2010.10 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212 Londrina PR Brasil http://www.maxwellbohr.com.br

Leia mais

Tutorial de Computação Programação Gráfica em Python para MEC1100 v2010.11

Tutorial de Computação Programação Gráfica em Python para MEC1100 v2010.11 Tutorial de Computação Programação Gráfica em Python para MEC1100 v2010.11 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212 Londrina PR Brasil

Leia mais

Tutorial de Computação PWM v2010.08

Tutorial de Computação PWM v2010.08 Tutorial de Computação PWM v2010.08 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212 Londrina PR Brasil http://www.maxwellbohr.com.br 1 Introdução

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

atube Catcher versão 3.8 Manual de instalação do software atube Catcher

atube Catcher versão 3.8 Manual de instalação do software atube Catcher atube Catcher versão 3.8 Manual de instalação do software atube Catcher Desenvolvido por: Clarice Mello, Denis Marques Campos Dezembro de 2014 Sumario 1. Objetivo deste manual...3 2. Requisitos para instalação...3

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO LUZ DO SABER

MANUAL DE INSTALAÇÃO LUZ DO SABER MANUAL DE INSTALAÇÃO LUZ DO SABER Sumário Sumário...2 Instalação do Luz do Saber no Linux...3 1ª opção Utilizando um Instalador...3 2ª opção Utilizando comandos no Konsole...6 Observações Importantes...7

Leia mais

KID MANUAL DE SOFTWARE

KID MANUAL DE SOFTWARE KID MANUAL DE SOFTWARE Sumário 1.1. O que é Programação em Blocos?... 3 1.2. Conhecendo o KID Programador... 3 1.2.1. Instalação do Software... 3 1.2.2. Áreas do Software... 5 1.3. Blocos usados para Programação...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE PDF 24 CREATOR. Coordenadoria de Tecnologia da Informação

MANUAL DO USUÁRIO UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE PDF 24 CREATOR. Coordenadoria de Tecnologia da Informação MANUAL DO USUÁRIO UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE PDF 24 CREATOR Este Manual foi elaborado pela Coordenadoria de Tecnologia - CTI Versão: 1 Data de criação: 07/12/2013 Autor: Anderson Paz de Sousa apsousa@defensoria.sp.gov.br

Leia mais

MANUAL VOIP VOIP. Coordenação Tecnológica. Manual de Instalação de Softphones. Voice Over Internet Protocolo

MANUAL VOIP VOIP. Coordenação Tecnológica. Manual de Instalação de Softphones. Voice Over Internet Protocolo MANUAL o Este documento definirá como é feita a instalação e utilização de clientes VoIP na plataforma PC, operando sobre Windows e Linux, e em dispositivos móveis funcionando sobre a plataforma Android

Leia mais

Anexo III Funcionamento detalhado do Sistema Montador de Autoria

Anexo III Funcionamento detalhado do Sistema Montador de Autoria 1 Sumário Anexo III Funcionamento detalhado do Sistema Montador de Autoria Anexo III Funcionamento detalhado do Sistema Montador de Autoria... 1 1 Sumário... 1 2 Lista de Figuras... 5 3 A Janela principal...

Leia mais

Aplicativo para configuração da interface de celular ITC 4000

Aplicativo para configuração da interface de celular ITC 4000 MANUAL DO USUÁRIO Aplicativo para configuração da interface de celular ITC 4000 Este aplicativo roda em plataforma Windows e comunica-se com a ITC 4000 via conexão USB. Através do ITC 4000 Manager, o usuário

Leia mais

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4.

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. 1 Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. Interface do sistema... 4 1.4.1. Janela Principal... 4 1.5.

Leia mais

Procedimento de Atualização - ONECLICK

Procedimento de Atualização - ONECLICK Procedimento de Atualização - ONECLICK Para começarmos a atualizar o equipamento, precisamos primeiramente realizar o download do programa necessário em sua sala de downloads. Para isso, realize o procedimento

Leia mais

Manual de Instalação. SafeSign Standard 3.0.77. (Para MAC OS 10.7)

Manual de Instalação. SafeSign Standard 3.0.77. (Para MAC OS 10.7) SafeSign Standard 3.0.77 (Para MAC OS 10.7) 2/23 Sumário 1 Introdução... 3 2 Pré-Requisitos Para Instalação... 3 3 Ambientes Homologados... 4 4 Hardware Homologado... 4 5 Instruções de Instalação... 5

Leia mais

Manual Equipamento ST10 Flasher Rev. 1

Manual Equipamento ST10 Flasher Rev. 1 Maio de 2014 2 Sumário Introdução:... 3 Acessórios utilizados:... 4 Instalação:... 5 Abrindo e Conhecendo o Software:... 10 SET PORT... 11 RELOAD MONITOR... 13 BlankCheck... 14 ERASE FLASH... 14 DUMP...

Leia mais

Gerenciador etoken Aladdin. Guia de Instalação

Gerenciador etoken Aladdin. Guia de Instalação Certificação Digital Guia de Instalação Guia CD-02 Público 1. Pré-requisitos para a instalação do dispositivo de certificação digital: Para que o processo de instalação tenha sucesso, é necessário obedecer

Leia mais

TCI 322. Conversor de Interface USB para RS422/RS485. Manual de Instalação

TCI 322. Conversor de Interface USB para RS422/RS485. Manual de Instalação TCI 322 Conversor de Interface USB para RS422/RS485 Manual de Instalação O conversor de interface TCI 322 é um dispositivo versátil que permite a partir de uma porta USB do computador ter-se uma interface

Leia mais

TISSNet Instalando e Configurando Schemas

TISSNet Instalando e Configurando Schemas Objetivos Gerais: Este documento tem por objetivo, instruir os credenciados da C. S. ASSISTANCE no processo de instalação e configuração do aplicativo TISSNet, facilitando desta forma o controle e envio

Leia mais

G-Bar IGV. Instalação Versão 4.0

G-Bar IGV. Instalação Versão 4.0 G-Bar Software para Gerenciamento de Centrais de Corte e Dobra de Aço IGV Software Interpretador/ Gerenciador/ Visualizador de dados digitais de projetos CAD-TQS Instalação Versão 4.0 Manual do Usuário

Leia mais

Manual do Aplicativo NSE Mobile Control

Manual do Aplicativo NSE Mobile Control INSTALAÇÃO DO APLICATIVO Acesse www.nse.com.br/downloads-manuais e baixe os programas de acordo com o dispositivo que irá utilizar, nos links referentes ao produto número 1 - Módulo MTCP-3E4S. - Para uso

Leia mais

Etapa 1: Limpar o computador e executar o Windows Update

Etapa 1: Limpar o computador e executar o Windows Update Usuários do Windows 7: Tente usar o utilitário de diagnóstico gratuito da HP para ajudá-lo a encontrar o melhor driver! IMPORTANTE: Você deve seguir estas soluções na ordem que são apresentadas para resolver

Leia mais

ANDROID APPLICATION PROJECT

ANDROID APPLICATION PROJECT Criando um programa Abrindo o programa Eclipse, clique na opção [FILE], depois em [NEW], selecione a opção [PROJECT], uma janela de opção do tipo de projeto irá se abrir, escolha [ANDROID] logo depois

Leia mais

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7)

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7) SafeNet Authentication Client 8.2 SP1 (Para MAC OS 10.7) 2/28 Sumário 1 Introdução... 3 2 Pré-Requisitos Para Instalação... 3 3 Ambientes Homologados... 4 4 Tokens Homologados... 4 5 Instruções de Instalação...

Leia mais

CONFIGURAÇÃO MINIMA EXIGIDA:

CONFIGURAÇÃO MINIMA EXIGIDA: Este tutorial parte do princípio que seu usuário já possua conhecimentos básicos sobre hardware, sistema operacional Windows XP ou superior, firewall, protocolo de rede TCP/IP e instalação de software.

Leia mais

MEC1100 Manual de Instruções v2010.10

MEC1100 Manual de Instruções v2010.10 MEC1100 Manual de Instruções v2010.10 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212 Londrina PR Brasil http://www.maxwellbohr.com.br 1

Leia mais

TUTORIAL: MANTENDO O BANCO DE DADOS DE SEU SITE DENTRO DO DOMÍNIO DA USP USANDO O SSH!

TUTORIAL: MANTENDO O BANCO DE DADOS DE SEU SITE DENTRO DO DOMÍNIO DA USP USANDO O SSH! UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (USP) ESCOLA DE ARTES, CIÊNCIAS E HUMANIDADES (EACH) TUTORIAL: MANTENDO O BANCO DE DADOS DE SEU SITE DENTRO DO DOMÍNIO DA USP USANDO O SSH! Autoria e revisão por: PET Sistemas

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO PARA DRIVER DE COMUNICAÇÃO USB Versão 2.0 IF ST120 IF ST200 IF ST 2000 IF ST 2500

GUIA DE INSTALAÇÃO PARA DRIVER DE COMUNICAÇÃO USB Versão 2.0 IF ST120 IF ST200 IF ST 2000 IF ST 2500 GUIA DE INSTALAÇÃO PARA DRIVER DE COMUNICAÇÃO USB Versão 2.0 IF ST120 IF ST200 IF ST 2000 IF ST 2500 JANEIRO 2012 Sumário Introdução...3 Preparativos para a instalação...3 Instalação no Windows 98...4

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 18 de fevereiro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é

Leia mais

COMO INSTALAR O CATÁLOGO

COMO INSTALAR O CATÁLOGO Este guia tem por finalidade detalhar as etapas de instalação do catálogo e assume que o arquivo de instalação já foi baixado de nosso site. Caso não tenho sido feita a etapa anterior favor consultar o

Leia mais

O cursor se torna vermelho e uma Paleta de Edição contendo as instruções mais utilizadas é apresentada.

O cursor se torna vermelho e uma Paleta de Edição contendo as instruções mais utilizadas é apresentada. Editor de Ladder para VS7 Versão Teste O editor de ladder é um software de programação que permite que o VS7 e o µsmart sejam programados em linguagem de contatos. Esse editor está contido na pasta Público

Leia mais

Manual de Instalação ProJuris8

Manual de Instalação ProJuris8 Manual de Instalação ProJuris8 Sumário 1 - Requisitos para a Instalação... 3 2 - Instalação do Firebird.... 4 3 - Instalação do Aplicativo ProJuris 8.... 8 4 - Conexão com o banco de dados.... 12 5 - Ativação

Leia mais

Driver da Leitora GemPC Twin Guia de Instalação

Driver da Leitora GemPC Twin Guia de Instalação Certificação Digital Guia de Instalação Guia CD-04 Público 1. Pré-requisitos para a instalação do dispositivo de certificação digital: Para que o processo de instalação tenha sucesso, é necessário obedecer

Leia mais

Após o download seguir os procedimentos abaixo:

Após o download seguir os procedimentos abaixo: Modelos: Sintoma: Solução: Somente para o modelo: 8Y3282-H. Não inicializa o Android ; Trava / Não responde Comandos ; Problemas para instalar Aplicativos (Compatíveis) ; Interferência na imagem. Realizar

Leia mais

Grifon Alerta. Manual do Usuário

Grifon Alerta. Manual do Usuário Grifon Alerta Manual do Usuário Sumário Sobre a Grifon Brasil... 4 Recortes eletrônicos... 4 Grifon Alerta Cliente... 4 Visão Geral... 4 Instalação... 5 Pré-requisitos... 5 Passo a passo para a instalação...

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Como atualizar o firmware da central AMT 4010 SMART e do acessório XEG 4000 SMART através do Software BootloaderWizard App

Como atualizar o firmware da central AMT 4010 SMART e do acessório XEG 4000 SMART através do Software BootloaderWizard App Como atualizar o firmware da central AMT 4010 SMART e do acessório XEG 4000 SMART através do Software BootloaderWizard App Santa Rita do Sapucaí, 09 de setembro de 2015 A atualização de firmwares da Central

Leia mais

Token SafeNet Authentication Cliente 8.3 (x32 e x64)

Token SafeNet Authentication Cliente 8.3 (x32 e x64) Token SafeNet Authentication Cliente 8.3 (x32 e x64) Manual do Usuário Índice O que é Token?... 03 Instalação do Token... 04 Verificação do Certificado... 07 Troca de Senhas... 10 O que é Token? É um dispositivo

Leia mais

Informática - Básico. Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp

Informática - Básico. Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp Informática - Básico Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp Índice Apresentação...06 Quais são as características do Windows?...07 Instalando o Windows...08 Aspectos Básicos...09 O que há na tela do Windows...10

Leia mais

APOSTILA LINUX EDUCACIONAL

APOSTILA LINUX EDUCACIONAL MUNICÍPIO DE NOVO HAMBURGO DIRETORIA DE INCLUSÃO DIGITAL DIRETORIA DE GOVERNO ELETRÔNICO APOSTILA LINUX EDUCACIONAL (Conteúdo fornecido pelo Ministério da Educação e pela Pró-Reitoria de Extensão da UNEB)

Leia mais

b 1 Copyright 2008-2012 In9 Mídia Soluções Digitais Inc. All rights reserved.

b 1 Copyright 2008-2012 In9 Mídia Soluções Digitais Inc. All rights reserved. b 1 Conteúdo Capítulo 1... 3 Instalando o Neonews... 3 Neonews no Linux... 6 Capítulo 2... 7 Configurando o NeoNews... 7 Capítulo 3... 13 Teclas de Atalho do NeoNews Player... 13 2 Capítulo 1 Instalando

Leia mais

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks Code::Blocks Conhecendo a IDE Programação de Computadores I Professor: Edwar Saliba Júnior Conhecendo a IDE Code::Blocks Apresentação: 1) Abra a IDE (Integrated Development Environment), ou seja, o Ambiente

Leia mais

Instruções para download e instalação da atualização de Mapa GPS (v3)

Instruções para download e instalação da atualização de Mapa GPS (v3) Instruções para download e instalação da atualização de Mapa GPS (v3) Antes de iniciar o processo, você precisará um pen drive USB com uma capacidade de 2 GB ou maior. Em caso de dúvida ou dificuldade

Leia mais

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema.

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema. O que é o projeto O PROINFODATA - programa de coleta de dados do projeto ProInfo/MEC de inclusão digital nas escolas públicas brasileiras tem como objetivo acompanhar o estado de funcionamento dos laboratórios

Leia mais

Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010

Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010 Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010 Manual de Instalação do Sistema Orion Phoenix 1.0 - Novembro/2010 Página 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. VISÃO GERAL...3 3. PROCEDIMENTOS

Leia mais

Geral: Manual de Utilização do Software de Teste Gradual Windows

Geral: Manual de Utilização do Software de Teste Gradual Windows Manual de Utilização do Software de Teste Gradual Windows Geral: Este aplicativo é utilizado para testar os Microterminais Gradual Tecnologia Ltda. Para tanto deve ter as Dll s necessárias para controlar

Leia mais

Instalação e Operação dos Aplicativos Serie 5000/6000

Instalação e Operação dos Aplicativos Serie 5000/6000 Instalação e Operação dos Aplicativos Serie 5000/6000 Requisitos mínimos de Hardware: Pentium 3 de 500 mhz ou Celeron de 700 mhz ou superior 128 MB de RAM 100 MB livres no disco rígido Requisitos de Software:

Leia mais

Manual de Instalação: Agente do OCS Inventory NG

Manual de Instalação: Agente do OCS Inventory NG Manual de Instalação: Agente do OCS Inventory NG Abril 2013 Sumário 1. Agente... 1 2. Onde instalar... 1 3. Etapas da Instalação do Agente... 1 a. Etapa de Instalação do Agente... 1 b. Etapa de Inserção

Leia mais

Guia do usuário ITC MANAGER

Guia do usuário ITC MANAGER Guia do usuário ITC MANAGER ITC MANAGER Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Este aplicativo roda em plataforma Windows e comunica-se com a ITC 4000i/ ITC

Leia mais

Manual do Usuário. Aplicativo Intranet Geração de Grade - SmartMídia. REV. 2.0 Diadema Outubro 2010. Índice

Manual do Usuário. Aplicativo Intranet Geração de Grade - SmartMídia. REV. 2.0 Diadema Outubro 2010. Índice Manual do Usuário Aplicativo Intranet Geração de Grade - SmartMídia REV. 2.0 Diadema Outubro 2010 Índice Introdução Este manual tem como objetivo detalhar o funcionamento do aplicativo Intranet responsável

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Z13 Color Jetprinter Z23 Color Jetprinter Z33 Color Jetprinter

Z13 Color Jetprinter Z23 Color Jetprinter Z33 Color Jetprinter Z13 Color Jetprinter Z23 Color Jetprinter Z33 Color Jetprinter Da instalação até a impressão Da instalação até a impressão para Windows 98, Windows Me, Windows 2000, Mac OS 8.6 à 9.1 e Mac OS X Abril 2001

Leia mais

TCI 7200-U USB-PPI Cable

TCI 7200-U USB-PPI Cable TCI 7200-U USB-PPI Cable Cabo de Programação USB S7-200 Manual de Instalação O cabo de programação TCI 7200-U USB-PPI Cable foi projetada para atender a necessidade de conectar a uma porta USB do computador

Leia mais

Visão Geral sobre o tutorial de Utilização de

Visão Geral sobre o tutorial de Utilização de Tutorial de Utilização de Impressoras Não Fiscais no NFC-e Visão Geral sobre o tutorial de Utilização de Impressoras Não Fiscais no NFC-e O intuito deste tutorial é descrever com detalhes técnicos como

Leia mais

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes.

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes. ACESSO REMOTO Através do Acesso Remoto o aluno ou professor poderá utilizar em qualquer computador que tenha acesso a internet todos os programas, recursos de rede e arquivos acadêmicos utilizados nos

Leia mais

Manual de Utilização Utilização do PDFSam

Manual de Utilização Utilização do PDFSam Manual de Utilização Utilização do PDFSam ASPE/RO Conteúdo desenvolvido por: Ângelo Mendonça Neto Download e Instalação O PDFSam é uma ferramenta de manipulação de arquivos PDF, é possível fazer inúmeras

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 26 de agosto de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

GX - ULT MANUAL DO USARIO V1.1. NEVEX Tecnologia Ltda Copyright 2012-2015 - Todos os direitos Reservados

GX - ULT MANUAL DO USARIO V1.1. NEVEX Tecnologia Ltda Copyright 2012-2015 - Todos os direitos Reservados GX - ULT MANUAL DO USARIO V1.1 NEVEX Tecnologia Ltda Copyright 2012-2015 - Todos os direitos Reservados IMPORTANTE Máquinas de controle numérico são potencialmente perigosas. A Nevex Tecnologia Ltda não

Leia mais

LASERJET ENTERPRISE M4555 SÉRIE MFP. Guia de instalação do software

LASERJET ENTERPRISE M4555 SÉRIE MFP. Guia de instalação do software LASERJET ENTERPRISE M4555 SÉRIE MFP Guia de instalação do software HP LaserJet Enterprise M4555 MFP Series Guia de instalação do software Direitos autorais e licença 2011 Copyright Hewlett-Packard Development

Leia mais

Token SafeNet Authentication Cliente 8.3 (x32 e x64)

Token SafeNet Authentication Cliente 8.3 (x32 e x64) Página1 Token SafeNet Authentication Cliente 8.3 (x32 e x64) Manual do Usuário Página2 Índice O que é Token?... 03 Instalação do Token... 04 Verificação do Certificado... 07 Troca de Senhas...10 Página3

Leia mais

INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET

INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET INSTALAÇÃO DO CHEF FOODS NET Obs.: Caso já possua um programa compactador de arquivo pular a etapa 1. 1 - Compactador de Arquivo Para instalar o Chef Foods Net você precisa de um programa descompactador

Leia mais

Manual de Instalação. Windows XP. Desenvolvedores: Patrick Duarte, Rodrigo dos Santos. Setembro de 2014.

Manual de Instalação. Windows XP. Desenvolvedores: Patrick Duarte, Rodrigo dos Santos. Setembro de 2014. Manual de Instalação Windows XP Desenvolvedores: Patrick Duarte, Rodrigo dos Santos. Setembro de 2014. 1 SUMÁRIO OBJETIVO DO MANUAL:...03 REQUISITOS MÍNIMOS:...03 PROCESSO DE INSTALAÇÃO:...04 3.1 Documentos

Leia mais

Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 1 Levante e ande - Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Ano: 02/2011 Nesta Edição

Leia mais

CERTIFICADO DIGITAL CONECTIVIDADE DIGITAL ICP GUIA PLANCON DE INSTRUÇÕES PARA A PROCURAÇÃO ELETRÔNICA

CERTIFICADO DIGITAL CONECTIVIDADE DIGITAL ICP GUIA PLANCON DE INSTRUÇÕES PARA A PROCURAÇÃO ELETRÔNICA CERTIFICADO DIGITAL CONECTIVIDADE DIGITAL ICP GUIA PLANCON DE INSTRUÇÕES PARA A PROCURAÇÃO ELETRÔNICA Esta é a segunda parte do nosso guia para a Conectividade Digital ICP. Na primeira parte, vimos instruções

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Ferramenta de Backup

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Ferramenta de Backup MANUAL DO USUÁRIO Software de Ferramenta de Backup Software Ferramenta de Backup Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Este manual serve como referência para

Leia mais

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário MODEM USB 3G+ WM31 Manual do Usuário 2 Tabela de Conteúdo 1 Introdução... 3 2. Instalação... 5 3. Descrição da interface do cliente... 6 4. Conexão... 10 5.SMS... 11 6.Contatos... 14 7.Estatística... 18

Leia mais

INSTALAÇÃO E USO DO ASSINADOR LIVRE. Índice:

INSTALAÇÃO E USO DO ASSINADOR LIVRE. Índice: Proposto por: Marcos Stallone Santos / Karla Ferreira Moreira Analisado por: Aprovado por: Índice: 1 - O Assinador Livre:...2 2 - Pré-requisitos para instalação:...2 3 - Download e Instalação do Assinador

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

ProGriD. Manual de Instalação

ProGriD. Manual de Instalação ProGriD Manual de Instalação IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Avenida Brasil, 15671 Rio de Janeiro, RJ 21241-051 Brasil Junho de 2009 Diferença entre versões anteriores a este documento

Leia mais

IRISPen Air 7. Guia Rápido. (Windows & Mac OS X)

IRISPen Air 7. Guia Rápido. (Windows & Mac OS X) IRISPen Air 7 Guia Rápido (Windows & Mac OS X) Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o IRISPen Air TM 7. Leia este guia antes de utilizar o scanner e o respectivo software.todas as informações

Leia mais

Guia. PDA e SmartPhones. Windows Mobile, Pocket PC e CE.

Guia. PDA e SmartPhones. Windows Mobile, Pocket PC e CE. Guia PDA e SmartPhones Windows Mobile, Pocket PC e CE. Referência completa para o integrador do sistema Module. Aborda os recursos necessários para a itulização, instalação do software e importação das

Leia mais

Manual Instalação Pedido Eletrônico

Manual Instalação Pedido Eletrônico Manual Instalação Pedido Eletrônico 1 Cliente que não utiliza o Boomerang, mas possui um sistema compatível. 1.1 Instalação do Boomerang Inserir o CD no drive do computador, clicar no botão INICIAR e em

Leia mais

Tutorial: Instalando Linux Educacional em uma maquina virtual

Tutorial: Instalando Linux Educacional em uma maquina virtual Maria Augusta Sakis Tutorial: Instalando Linux Educacional em uma Máquina Virtual Máquinas virtuais são muito úteis no dia-a-dia, permitindo ao usuário rodar outros sistemas operacionais dentro de uma

Leia mais

INSTALANDO SQL SERVER 2008

INSTALANDO SQL SERVER 2008 VERSÃO 2 INSTALANDO SQL SERVER 2008 Pré-requisitos para instalação do SQL SERVER 2008 Antes de iniciar o instalador do SQL SERVER 2008 é necessário instalar os seguintes componentes: Microsoft Windows

Leia mais

TCI S5-USB. Cabo de Programação STEP5 - USB. Manual de Instalação

TCI S5-USB. Cabo de Programação STEP5 - USB. Manual de Instalação TCI S5-USB Cabo de Programação STEP5 - USB Manual de Instalação O cabo de programação TCI S5-USB foi projetado para atender a necessidade de conectar a uma porta USB do computador a família de PLC s Siemens

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema GRServer Cam on-line (Gerenciamento de Câmeras On-line)

Manual de Utilização do Sistema GRServer Cam on-line (Gerenciamento de Câmeras On-line) Manual de Utilização do Sistema GRServer Cam on-line (Gerenciamento de Câmeras On-line) Criamos, desenvolvemos e aperfeiçoamos ferramentas que tragam a nossos parceiros e clientes grandes oportunidades

Leia mais

Tutorial de Computação Introdução a Programação Gráfica em Lazarus Para MEC 1100 v2010.10

Tutorial de Computação Introdução a Programação Gráfica em Lazarus Para MEC 1100 v2010.10 Tutorial de Computação Introdução a Programação Gráfica em Lazarus Para MEC 1100 v2010.10 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212

Leia mais

Manual de Instalação da VPN

Manual de Instalação da VPN Manual de Instalação da VPN Windows Vista e Windows 7 Sumário: Manual de instalação da VPN 1. OBJETIVO... 3 2. EFETUANDO O DOWNLOAD DO INSTALADOR DA VPN... 3 3. INSTALANDO A VPN... 6 4. CONFIGURANDO A

Leia mais

Sumário. Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o IRISPen TM Executive 7.

Sumário. Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o IRISPen TM Executive 7. Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o IRISPen TM Executive 7. As descrições fornecidas neste guia são baseadas no sistema operacional Windows 7. Leia este guia antes de operar este

Leia mais

TUTORIAL SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP

TUTORIAL SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP TUTORIAL SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP Abaixe o assistente no site: www.virtualbox.org Assistente de Instalação da Virtual Box Bem vindo ao Assistente de Instalação Virtual Box, clique em NEXT Esta é

Leia mais

IMPORTANTE: O PNM4R2 não entra em estado funcional enquanto o Windows não

IMPORTANTE: O PNM4R2 não entra em estado funcional enquanto o Windows não Manual Instalação Positivo Network Manager Versão 4R2 para Integradores O produto Positivo Network Manager Versão 4R2 (PNM4R2) consiste de uma plataforma do tipo cliente servidor, sendo o cliente, os microcomputadores

Leia mais

Gerenciador do Token PROTOKEN PRO. Guia de Instalação

Gerenciador do Token PROTOKEN PRO. Guia de Instalação Gerenciador do Token PROTOKEN PRO Guia de Instalação Certificação Digital Guia CD-05 Público 1. Pré-requisitos para a instalação do dispositivo de certificação digital: Token Protoken Pro Para que o processo

Leia mais

MiniPENTV ISDB-T USB TV Dongle. Manual do Usuário

MiniPENTV ISDB-T USB TV Dongle. Manual do Usuário MiniPENTV ISDB-T USB TV Dongle Manual do Usuário 1. Instalação 1. Conector USB: Insira o conector a uma porta USB livre do seu computador. 2. Conector da Antena: Conecte a Antena que acompanha o produto

Leia mais

BACKUP ONLINE PASSOS PARA CONFIGURAÇÃO INICIAL DO PRODUTO

BACKUP ONLINE PASSOS PARA CONFIGURAÇÃO INICIAL DO PRODUTO BACKUP ONLINE PASSOS PARA CONFIGURAÇÃO INICIAL DO PRODUTO Criação de Conta de Usuário...03 Edição da Conta de Usuário...10 Download do Backup Online Embratel...10 Descrição dos Conjuntos de Cópia de Segurança...19

Leia mais

COMO GERAR UM ARQUIVO NÃO IDENTIFICADO NO TABWIN

COMO GERAR UM ARQUIVO NÃO IDENTIFICADO NO TABWIN O programa TabWin pode ser utilizado para calcular indicadores epidemiológicos e operacionais da tuberculose bem como para análise da qualidade da base de dados do Sinan. O usuário deve ter a versão atualizada

Leia mais

Gerenciador de Conteúdo Magellan 2.0

Gerenciador de Conteúdo Magellan 2.0 Gerenciador de Conteúdo Magellan 2.0 Instalando o Gerenciador de Conteúdo Magellan. 1. Baixe o Gerenciador de Conteúdo Magellan de www.magellangps.com. 2. Dê um duplo clique no arquivo CM_Setup que foi

Leia mais

Configurações do navegador Internet Explorer

Configurações do navegador Internet Explorer Configurações do navegador Internet Explorer Para o perfeito funcionamento do Worldspan Go! é necessário configurar o Internet Explorer seguindo os passos abaixo (Antes de começar configurar o internet

Leia mais

ROTEIRO DE INSTALAÇÃO

ROTEIRO DE INSTALAÇÃO ROTEIRO DE INSTALAÇÃO O objetivo deste roteiro é descrever os passos para a instalação do sistema UNICO, afim, de auxiliar os técnicos e evitar possíveis dúvidas e erros de instalação. Instalador O instalador

Leia mais

PROJETO INVENTÁRIO DO PARQUE TECNOLÓGICO PMT (Outubro 2015)

PROJETO INVENTÁRIO DO PARQUE TECNOLÓGICO PMT (Outubro 2015) PROJETO INVENTÁRIO DO PARQUE TECNOLÓGICO PMT (Outubro 2015) PROJETO DE INVENTÁRIO TECNOLÓGICO (O QUE É?) Ao longo de anos de funcionamento, a PRODATER (como toda a PMT) adquiriu diversos equipamentos de

Leia mais

Revisão: - 1 Desinstalando Versões Anteriores

Revisão: - 1 Desinstalando Versões Anteriores Urano Indústria de Balanças e Equipamentos Eletrônicos Ltda. Rua Irmão Pedro 709 Vila Rosa Canoas RS Fone: (51) 3462.8700 Fax: (51) 3477.4441 Procedimentos de Instalação do Urano Integra 2.1e no Windows

Leia mais

PROCEDIMENTOS NECESSÁRIOS ANTES DE UTILIZAR O EQUIPAMENTO. Instalação do Rasther PC. Habilitação das Montadoras

PROCEDIMENTOS NECESSÁRIOS ANTES DE UTILIZAR O EQUIPAMENTO. Instalação do Rasther PC. Habilitação das Montadoras PROCEDIMENTOS NECESSÁRIOS ANTES DE UTILIZAR O EQUIPAMENTO Antes de iniciar o uso do Rasther, será necessário instalar o programa Rasther PC, habilitar as montadoras adquiridas juntamente com o equipamento

Leia mais

Instalação, configuração e manual

Instalação, configuração e manual Cardápio Moura Instalação, configuração e manual Conteúdo Instalação... 4 Requisitos mínimos... 4 Windows 8... 5 Instalação do IIS no Windows 8... 5 Configuração do IIS no WINDOWS 8... 15 Windows 7...

Leia mais

Notas de Aplicação. Utilizando o servidor de comunicação SCP Server. HI Tecnologia. Documento de acesso público

Notas de Aplicação. Utilizando o servidor de comunicação SCP Server. HI Tecnologia. Documento de acesso público Notas de Aplicação Utilizando o servidor de comunicação SCP Server HI Tecnologia Documento de acesso público ENA.00024 Versão 1.02 dezembro-2006 HI Tecnologia Utilizando o servidor de comunicação SCP Server

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.6.0 09 de novembro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

Iniciação à Informática

Iniciação à Informática Meu computador e Windows Explorer Justificativa Toda informação ou dado trabalhado no computador, quando armazenado em uma unidade de disco, transforma-se em um arquivo. Saber manipular os arquivos através

Leia mais

Obs: É necessário utilizar um computador com sistema operacional Windows 7.

Obs: É necessário utilizar um computador com sistema operacional Windows 7. Instalando os Pré-Requisitos Os arquivos dos 'Pré-Requisitos' estão localizados na pasta Pré-Requisitos do CD HyTracks que você recebeu. Os arquivos também podem ser encontrados no servidor. (www.hytracks.com.br/pre-requisitos.zip).

Leia mais

Entradas Digitais. PdP. Autores: Luís Fernando Patsko e Tiago Lone Nível: Intermediário Criação: 27/12/2005 Última versão: 18/12/2006

Entradas Digitais. PdP. Autores: Luís Fernando Patsko e Tiago Lone Nível: Intermediário Criação: 27/12/2005 Última versão: 18/12/2006 TUTORIAL Entradas Digitais Autores: Luís Fernando Patsko e Tiago Lone Nível: Intermediário Criação: 27/12/2005 Última versão: 18/12/2006 PdP Pesquisa e Desenvolvimento de Produtos http://www.maxwellbohr.com.br

Leia mais