Java Server Pages JSP

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Java Server Pages JSP"

Transcrição

1 Java Server Pages JSP Roneclei Campos dos Santos Eduardo Manuel de Freitas Jorge 2008

2 Sumário: 1 Introdução Arquitetura JSP Objetos Instanciados JSP Scripts Declarações utilizadas Diretivas utilizadas Sessão de Aplicação Sessão de Usuário Objeto Request Conceitos básicos de formulários HTML HTML Formulários HTML Tabela Link Exemplo prático Aplicação Login Configuração do Ambiente de Desenvolvimento JSP Recursos necessários instalação do JDK em ambiente Windows Instalação do Tomcat Criando Estrutura de Diretórios Editando o arquivo web.xml Implementando as Classes Implementando as páginas JSP Conclusão Referências

3 1 Introdução JSP Java Server Pages é uma tecnologia utilizada no desenvolvimento de aplicações Web, desenvolvida pela Sun microsystem, similar às tecnologias Active Server Pages (ASP) da Microsoft e PHP. Estas tecnologias estão fundamentadas na arquitetura SSI Server Side Includes que são comandos extensivos à linguagem HTML, os quais podem conter conteúdo estático (HTML) e dinâmico (ASP, PHP, JSP, etc.). Esses comandos dinâmicos são processados pelo servidor Web antes da pagina HTML ser enviada. No lugar do comando é enviado apenas o resultado deste comando no formato HTML. Por ser baseada na linguagem de programação Java, tem a vantagem da portabilidade de plataforma, que permite a sua execução em diversos sistemas operacionais, como o Windows e o Linux. Esta tecnologia permite ao desenvolvedor web produzir aplicações que acessem o banco de dados, manipulem arquivos no formato texto, capturem informações a partir de formulários e captem informações sobre o visitante e sobre o servidor. Para desenvolver aplicações JSP é necessário um conhecimento prévio sobre a especificação J2EE que é um conjunto de padrões e especificações responsável por receber as requisições do cliente, entendê-las e direcioná-las aos responsáveis pelas respostas às ações solicitadas. Uma das especificações contidas em J2EE é a definição de um container Web. O container Web é o servidor de aplicação compatível com a especificação J2EE que dá suporte aos JSPs, e disponibiliza uma API com 9 objetos instanciados, que facilitam a implementação, isto possibilita ao programador focar o desenvolvimento na lógica da aplicação. Este Tutorial tem como objetivo apresentar conceitos básicos sobre a tecnologia Java Server Pages (JSP) desenvolvida pela Sun. Será abordado um exemplo prático de uma aplicação de Login, contendo conceitos de sessão de aplicação, sessão de usuário, requisições, configuração de ambiente de desenvolvimento, 3

4 além da instalação e configuração das ferramentas utilizadas. Será mostrado também conceitos básicos de HTML necessários para o desenvolvimento da aplicação de Login. 2 Arquitetura JSP Figura 1 O Cliente faz uma requisição a uma página. O browser web efetua o pedido através da Internet. O pedido JSP é enviado para o servidor web. O servidor web reconhece o pedido especial (extensão.jsp) e entrega o arquivo JSP ao JSP Engine. 4

5 3 Objetos Instanciados JSP O ambiente de uma página JSP disponibiliza 9 objetos instanciados, para ser usado na implementação: request javax. servlet. ServletRequest response javax. servlet. ServletResponse pagecontext javax. servlet. jsp. PageContext session javax. servlet. http. HttpSession application javax. servlet. servletcontext out javax. servlet. jsp. JspWriter config javax. servlet. ServletConfig page java. lang. Object exception java. lang. Throwable 4 Scripts Os Scripts são trechos de código embutidos no código HTML do JSP. Não confundir com Java Scripts. Os scripts em uma página JSP são interpretados no servidor, enquanto que os Java Scripts são interpretados pelo browser (lado cliente). 4.1 Declarações utilizadas As declarações são usadas para definir variáveis e métodos específicos para uma página JSP. Declaração de expressão <%= %> - o resultado é retornado como um String Exemplo: O seu endereço IP é: <%= request.getremoteaddr() %> <%= 2+2%> // Será retornado o String 4 5

6 Declaração de sintaxe: <% %> -.declaração livre. Exemplo: <% for( int i= 0; i< 10; i++){ out.println( numero: + i); %> 4.2 Diretivas utilizadas Diretiva page import : importa pacotes de classes. Exemplo: import="fib.*" %> page import="java.util.list, java.awt.list" %> Diretiva page language: informa a linguagem utilizada. Exemplo: page language="java" %> Diretiva Forward: usada para redirecionar uma página Exemplo: pagecontext.forward("index.jsp"); 5 Sessão de Aplicação A primeira vez que uma das páginas JSP da aplicação é chamada pode ser criada a referência ao objeto na sessão de aplicação. Através do objeto implícito pagecontext é possível recuperar os atributos de qualquer escopo, utilizando o método getattribute(string name, intscope) da classe PageContext a qual tem variáveis static final para cada escopo. Se eu desejar recuperar os atributos da sessão de aplicação: <%= pagecontext.getattribute( gerencialogin, PageContext.APPLICATION_SCOPE) %> Para setar o atributo na sessão é utilizado o método setattribute 6

7 pagecontext.getattribute(); public abstract java.lang.object getattribute(java.lang.string name, int scope) Retorna o objeto associado com o nome no scopo especificado ou retorna null se o objeto não for encontrado. pagecontext.setattribute(); public abstract void setattribute(java.lang.string name, java.lang.object value, int scope) Registra o nome e o valor especificado com o escopo definido. No exemplo abaixo, é possível acessar o objeto gl em qualquer página que contenha este código: GerenciaLogin gl = (GerenciaLogin) pagecontext.getattribute("gerencialogin",pagecontext.application_scope); if (gl==null){ gl = GerenciaLogin.getInstancia(); pagecontext.setattribute("gerencialogin",gl,pagecontext.application_scope); Fonte: Figura 2 7

8 Ao lado esquerdo tem-se uma página JSP fazendo referência à sessão de aplicação. Ao lado direito. Ao lado direito está descrito a Sessão de Aplicação provendo acesso a diversas páginas JSP. 6 Sessão de Usuário É o mecanismo utilizado para prover o controle de usuários dentro de uma aplicação web. Como o protocolo http não armazena informações de estado. é necessário tratar estes dados com sessão de usuário. Por exemplo: em uma aplicação web que necessite de autenticação, é desejável que o login seja solicitado em uma página de login, e os recursos das outras páginas do site devem estar disponíveis após a autenticação. Além disso, o usuário não poderá acessar diretamente certas páginas sem ter efetuado o login e somente o usuário autenticado com o mesmo browser é que poderá obter um referência para o objeto da sessão. Mais adiante, será mostrado um exemplo prático do uso de sessão de usuário. Para setar o atributo de um usuário: Session. SetAttribute public void setattribute(java.lang.string name, java.lang.object value) Liga um objeto a essa sessão, usando o nome especificado. Se um objeto do mesmo nome é limitado já à sessão, o objeto é renomeado. Exemplo: session.setattribute("login", l); Para recuperar o atributo de um usuário. Session. GetAttribute public java.lang.object getattribute(java.lang.string name) Retorna o objeto com o especifico nome na sessão corrente, ou nulo se nenhum objeto possuir o mesmo nome. Exemplo: session.getattribute("login") 8

9 7 Objeto request Solicitação que aciona o processamento da página e busca por valores de parâmetros ou cookies. - REQUEST.GETPARAMETER() ; javax. servlet. ServletRequest Passando parâmetros Index.jsp <%.. <form name="form1" method="post" action="verifica.jsp"> <p>login: <input type="text" name="login"> <br><br> Senha: <input type="password" name="senha"> <br><br> <input type="submit" name="submit" value="ok"> </p> </form> %> Recebendo Parâmetros Verifica.jsp <%.. 9

10 String login_ = request.getparameter("login"); String senha_ = request.getparameter("senha"); out.println("<br>" + "login: " + login_); %> Obs.: OUT.PRINTLN(); javax. servlet. jsp. JspWriter Método utilzado para imprimir na tela do browser. Pode conter variáveis, constantes, números, arrays, Tags html, etc. Exemplo: out.println("<br>" + "login: " + login_); 8 Conceitos básicos de formulários HTML A seguir serão apresentados conceitos básicos de formulários HTML necessário à realização desde tutorial. 8.1 HTML HTML (acrônimo para a expressão inglesa HyperText Markup Language, que significa Linguagem de Marcação de Hipertexto) é uma linguagem de marcação utilizada para produzir páginas Web estáticas. Documentos HTML podem ser interpretados por navegadores. Fonte: 8.2 Formulários HTML Os formulários constituem-se numa matéria de extrema importância no HTML, uma vez que são responsáveis pela interação entre um usuário e o servidor, possibilitando a troca de dados ou informações. 10

11 Principais Tags utilizadas em um Formulário <form> </form> : inicia e termina um formulário. Ex: <form name="form1" method="post" action="verifica.jsp"> O atributo method especifica a forma de envio dos dados do formulário. Os mais utilizados são GET e POST. No método GET os dados de entrada do script fazem parte do URL associado à consulta enviada para o servidor - por exemplo: mydoc.jsp?var1=valor1&var2=valor2... etc. Já no método POST, os dados de entrada do formulário são enviados pelo corpo da mensagem para o servidor, sendo invisível para o usuário, além de ser possível transferir grande quantidade de dados. O atributo action define o tipo de ação a realizar com o formulário. O formulário pode ser enviado para um programa ou script que processa seu conteúdo ou enviado a um endereço de . <input type= > : text (linha única para texto), password, checkbox, radio, submit (button) e reset (button); Qualquer que seja o tipo de entrada de dados (Input, checkbox, radiobutton, ComboBox, etc). Cada um destes campos deve possuir um atributo name associado a um nome, de tal forma que o parâmetro action possa receber uma variável com o valor digitado pelo usuário. Exemplos: <input type="text" name="login"> <input type="password" name="senha"> <input type=" checkbox " name="senha"> 11

12 Parâmetros opcionais: value - atribui um valor inicial para o campoo; size - especifica o tamanho do campo;> maxlenght - especifica o número máxximo de caracteres aceitos pelo campo. Um botão do tipo reset pode ser usado para restaurar o valor padrão de todos os campos de um formulário: Exemplo: <input type="reset" value= Limpar > Um botão do tipo submit enviará as opções ou informações digitadas ao servidor: Exemplo: <input type="submit" value="enviar"> São opcionais os parâmetros value que especifica o texto a ser exibido no botão e o parâmetro name que determinará a transmissão do valor contido em value, permitindo inserir de vários botões. 9 TABELA As tabelas são definidas pelas Tags <table> e </table>. Dentro dessas duas etiquetas são colocadas todas as outras etiquetas, textos e imagens que darão forma e conteúdo à tabela. As tabelas são descritas por linhas da esquerda para direita. Cada uma destas linhas é definida por outra tag e seu fechamento: <tr> e </tr>. Ainda assim, dentro de cada linha, haverá diferentes células. Cada uma dessas células será definida por outro par de etiquetas:<td> e </td>. Dentro desta etiqueta será colocado o conteúdo. 12

13 Exemplo de estrutura de tabela: <table> <tr> <td>célula 1, linha 1</td> <td>célula 2, linha 1</td> </tr> <tr> <td>célula 1, linha 2</td> <td>célula 2, linha 2</td> </tr> </table> O resultado será: Célula 1, linha 1 Célula 2, linha1 Célula 1, linha 2 Célula 2, linha 2 Parâmetros opcionais: align: Justifica o texto da célula da mesma forma que se fosse o de um parágrafo. border: especifica a espessura da borda da tabela. Se colocado 0 a tabela é criada sem borda. Valign: Podemos escolher se queremos que o texto apareça acima (top), no centro (middle) ou abaixo (bottom) da célula. bgcolor: Dá cor à célula ou escolha de linha. bordercolor: Define a cor da borda. Outros atributos que podem ser unicamente atribuídos a uma célula e não ao um conjunto de células de uma linha são: background: Permite-nos colocar um fundo para a célula a partir de um link a uma imagem. height: Define a altura da célula em pixels ou porcentagem. 13

14 width: Define a largura da célula em pixels ou porcentagem colspan: Expande um célula horizontalmente. rowspan: Expande um célula verticalmente. 10 LINK Para colocar um link, utilizaremos as etiquetas <a> e </a>. Dentro da etiqueta de abertura devemos especificar o destino do link. Este destino será introduzido sob a forma de atributo, no qual leva o nome href. A sintaxe geral de um link é portanto da seguinte forma: <a href="destino">conteúdo</a> Sendo o conteúdo um texto ou uma imagem. É a parte da página que se colocará ativa e onde deveremos clicar para acessar o link. E o destino por sua vez, será uma página, um correio eletrônico ou um arquivo. 11 Exemplo prático Aplicação Login Como dito na introdução deste tutorial, para exemplificar os conceitos vistos acima será abordado um exemplo prático de uma aplicação de Login. O desenvolvimento da aplicação de login será feito através de um Passo-a-Passo, pois esta foi a forma mais simples encontrada para a implementação da aplicação. Segue abaixo a estrutura de funcionamento da aplicação mostrada na figura 3: 14

15 index.jsp verfica.jsp cadastrar.jsp Figura Configuração do Ambiente de Desenvolvimento JSP Recursos necessários A seguir os recursos necessários para este tutorial e como conseguí-los: Recursos URL Versão Kit JDK 6.0 Tomcat Para instalar o Tomcat é necessário possuir o kit de desenvolvimento Java JDK instalado em sua máquina. 15

16 instalação do JDK em ambiente Windows O JDK pode ser baixado no site da Sun, na guia Java - Download the lastest JDK. Para configurar o JDK, defina a variável de ambiente JAVA_HOME apontando para seu local de instalação (Ex: JAVA_HOME=C:\Arquivos de programas\java\jdk1.6.0_05). Esta variável de ambiente padrão é usada pelo Tomcat e vários outros sistemas baseados em Java, para determinar a JVM preferencial. Isto é muito importante se houver mais de uma instalação de J2SE no computador, mas a variável JAVA_HOME deve ser definida mesmo se houver apenas uma versão instalada Instalação do Tomcat Após instalar e configurar o JDK, baixe o Apache Tomcat do site Para instalar o Tomcat basta clicar em Next, Next,..., Finish e o Tomcat estará instalado. Caso o serviço não rode da primeira vez, execute o arquivo startup.bat localizado na pasta bin do Tomcat. Neste tutorial será utilizada a versão do Tomcat. Para maiores informações sobre versões, acesse o site Apache Tomcat, na Apache Software Foundation. Para testar se o Tomcat está funcionando corretamente, abra o seu browser e digite Deverá aparecera seguinte página: 16

17 Figura 4 Na home-page padrão do Tomcat, é possível acessar ferramentas de interface Web para administrar e gerenciar o servidor, sem a necessidade de editar arquivos de configuração. Para utilizar as ferramentas é solicitado o login de usuário (padrão é admin) e a senha, cadastrados durante a instalação do tomcat, para acesso a estes recursos. Tomcat Manager - Permite gerenciar as aplicações iniciar, parar, reiniciar, fazer deploy (distribuição) e undeploy bem como monitorar o estado do servidor. Tomcat Administration - Permite criar, excluir e configurar Serviços e seus elementos internos (Connector, Host, Alias, Context, Logger, Valve) do 17

18 Servidor Tomcat, bem como Recursos (Data Source etc.) e Autorizações (User, Group, Role). Estes itens correspondem aos elementos e atributos disponíveis no arquivo de configuração server.xml Criando Estrutura de Diretórios Para rodar os seus arquivos JSP é necessário montar uma estrutura de diretórios dentro da pasta onde o Tomcat foi instalado da seguinte forma: Figura 5 loginweb: local onde ficarão os arquivos *.html, *.jsp, e as imagens. WEB-INF (respeitando maiúsculas): deve conter o arquivo web.xml. classes: arquivos de classes (*.class) que serão utilizadas pelas páginas JSP. fib: classes utilizadas na aplicação que estão no pacote fib. lib: pacotes *.jar de bibliotecas utilizadas devem ficar armazenados aqui. 18

19 Esta estrutura de diretórios é universal, e é interpretada por qualquer servidor, sem a necessidade de alteração. Além disso, facilita a organização do conteúdo de desenvolvimento, bem como a segurança da aplicação, deixando visível apenas o conteúdo necessário Editando o arquivo web.xml Segundo a especificação Java Servlet/J2EE, o arquivo web.xml é o descritor do contexto de aplicação web, contém as configurações específicas da aplicação. web.xml: <?xml version="1.0" encoding="iso "?> <!DOCTYPE web-app PUBLIC "-//Sun Microsystems, Inc.//DTD Web Application 2.3//EN" "http://java.sun.com/dtd/web-app_2_3.dtd"> <web-app> <display-name>aplicação Login</display-name> <description> LoginWeb </description> <welcome-file-list> <welcome-file>index.jsp</welcome-file> </welcome-file-list> <error-page> <error-code>404</error-code> <location>/error.jsp</location> </error-page> </web-app> 19

20 11.3 Implementando as Classes Classe Login: package fib; /** emjorge * * TODO To change the template for this generated type comment go to * Window - Preferences - Java - Code Generation - Code and Comments */ public class Login { private String nome; private String senha; /** Returns the nome. */ public String getnome() { return nome; /** nome The nome to set. */ public void setnome(string nome) { this.nome = nome; /** Returns the senha. 20

21 */ public String getsenha() { return senha; /** senha The senha to set. */ public void setsenha(string senha) { this.senha = senha; public boolean equals(object o){ Login l = (Login)o; if ((this.nome.equals(l.getnome()))&&(this.senha.equals(l.getsen ha()))){ return true; else { return false; Classe GerenciaLogin: package fib; import java.util.*; /** emjorge * 21

22 * TODO To change the template for this generated type comment go to * Window - Preferences - Java - Code Generation - Code and Comments */ public class GerenciaLogin { private ArrayList listalogin = new ArrayList(); private static GerenciaLogin gl = new GerenciaLogin(); private GerenciaLogin(){ try{ Login l = new Login(); l.setnome("emjorge"); l.setsenha("123"); this.addlogin(l); catch(exception e){ public static GerenciaLogin getinstancia(){ return GerenciaLogin.gl; public void addlogin(login l) throws Exception{ if (!(this.existelogin(l))){ this.listalogin.add(l); else { throw new Exception("Login duplicado"); 22

23 public boolean existelogin(login l){ Iterator it = this.listalogin.iterator(); while (it.hasnext()){ Login l1 =(Login) it.next(); if (l.equals(l1)){ return true; return false; public ArrayList getlistalogin(){ return this.listalogin; public static void main(string args[]){ Login l = new Login(); l.setnome("emjorge"); l.setsenha("123"); gin(l)); System.out.println(GerenciaLogin.getInstancia().existeLo 11.4 Implementando as páginas JSP index.jsp page language="java" %> import="fib.*" %> import="java.util.*" %> 23

24 <% GerenciaLogin gl = (GerenciaLogin) pagecontext.getattribute("gerencialogin",pagecontext.application_s COPE); if (gl==null){ gl =GerenciaLogin.getInstancia(); pagecontext.setattribute("gerencialogin",gl,pagecontext.applicatio N_SCOPE); Login sl = (Login)session.getAttribute("login"); if (sl == null){ request.setattribute("msg", "Efetue o login"); pagecontext.forward("index.jsp"); if (!(request.getparameter("cadastrar")==null)){ try{ Login l = new Login(); l.setnome(request.getparameter("login")); l.setsenha(request.getparameter("senha")); gl.addlogin(l); catch(exception e){ out.println("atenção: Login já existe"); %> <html> <head> <title>login JSP</title> </head> <body bgcolor="#ffffff"> <form name="form1" method="post" action="cadastrar.jsp"> <p>login: <input type="text" name="login"> 24

25 <br><br> Senha: <input type="password" name="senha"> <br><br> <input type="submit" name="cadastrar" value="cadastrar"> </p> </form> <TABLE BORDER=2> <TR><TD>Login</TD><TD>Senha</TD></TR> <% Iterator it = gl.getlistalogin().iterator(); while (it.hasnext()){ Login l = (Login) it.next(); out.println("<tr><td>"+l.getnome()+"</td><td>"+l.getsenha()+" </TD></TR>"); %> </TABLE> </body> </html> verifica.jsp page language="java" %> import="fib.*" %> <% GerenciaLogin gl = (GerenciaLogin) pagecontext.getattribute("gerencialogin",pagecontext.application_s COPE); 25

26 if (gl==null){ gl =GerenciaLogin.getInstancia(); pagecontext.setattribute("gerencialogin",gl,pagecontext.applicatio N_SCOPE); Login l = new Login(); l.setnome(request.getparameter("login")); l.setsenha(request.getparameter("senha")); if (gl.existelogin(l)){ session.setmaxinactiveinterval(1800); session.setattribute("login", l); out.println(" Login efetuado com sucesso"); else{ session.invalidate(); request.setattribute("msg","login Inválido"); pagecontext.forward("index.jsp"); %> <html> <head> <title>login Verificado JSP</title> </head> <body bgcolor="#ffffff"> <p><a href="cadastrar.jsp">cadastrar Login</a></p> </body> </html> cadastrar.jsp page language="java" %> import="fib.*" %> import="java.util.*" %> <% 26

27 GerenciaLogin gl = (GerenciaLogin) pagecontext.getattribute("gerencialogin",pagecontext.application_s COPE); if (gl==null){ gl =GerenciaLogin.getInstancia(); pagecontext.setattribute("gerencialogin",gl,pagecontext.applicatio N_SCOPE); Login sl = (Login)session.getAttribute("login"); if (sl == null){ request.setattribute("msg", "Efetue o login"); pagecontext.forward("index.jsp"); if (!(request.getparameter("cadastrar")==null) && sl!= null){ try{ Login l = new Login(); l.setnome(request.getparameter("login")); l.setsenha(request.getparameter("senha")); gl.addlogin(l); catch(exception e){ out.println("atenção: Login já existe"); %> <html> <head> <title>login JSP</title> </head> <body bgcolor="#ffffff"> <form name="form1" method="get" action="cadastrar.jsp"> <p>login: <input type="text" name="login"> 27

28 <br><br> Senha: <input type="password" name="senha"> <br><br> <input type="submit" name="cadastrar" value="cadastrar"> </p> </form> <TABLE BORDER=2> <TR><TD>Login</TD><TD>Senha</TD></TR> <% Iterator it = gl.getlistalogin().iterator(); while (it.hasnext()){ Login l = (Login) it.next(); out.println("<tr><td>"+l.getnome()+"</td><td>"+l.getsenha()+" </TD></TR>"); %> </TABLE> </body> </html> 28

29 12 Conclusão JSP permite o desenvolvimento de aplicações do lado do servidor e é baseado em Java, uma linguagem OO, podendo ser aplicados todos os conceitos de reutilização de componentes, desacoplamento e encapsulamento. JSP possibilita separar a programação lógica (parte dinâmica) da programação visual (parte estática), facilitando o desenvolvimento de aplicações mais robustas, onde programador e designer podem trabalhar no mesmo projeto, mas de forma independente. Além disso, outra vantagem das aplicações Java é a segurança e a portabilidade. Uma desvantagem que pode ser apontada do JSP é que, quando comparada com outras ferramentas de desenvolvimento web, como ASP, por exemplo, JSP é considerada mais difícil de se aprender porque é orientada a objetos e a maneira de escrever os programas é mais rígida. 13 Referências: JAVA PARA A WEB COM SERVLETS, JSP E EJB o Autor: Budi Kurniawan o Editora: Ciência Moderna Sun o Tutorial Tomcat - Instalação e Configuração Básica o NovaTec Eduardo Jorge o CriarWeb o o 29

J2EE. Exemplo completo Utilização Servlet. Instrutor HEngholmJr

J2EE. Exemplo completo Utilização Servlet. Instrutor HEngholmJr J2EE Exemplo completo Utilização Servlet Instrutor HEngholmJr Page 1 of 9 AT09 Exemplo complete Utilização Servlet Version 1.1 December 5, 2014 Indice 1. BASEADO NOS EXEMPLOS DE CÓDIGO DESTA APOSTILA,

Leia mais

JSP (Java Server Pages)

JSP (Java Server Pages) JSP (Java Server Pages) André Tavares da Silva andre.silva@udesc.br JSP A linguagem surgiu por volta de 1995. JSP foi inicialmente inventado por Anselm Baird-Smith durante um final de semana e depois Satish

Leia mais

JSP (Java Server Pages)

JSP (Java Server Pages) JSP (Java Server Pages) Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro Prof. Edwar Saliba Júnior 1 Introdução Tecnologia para desenvolvimento de aplicações WEB fundamentada na

Leia mais

Programando em PHP. Conceitos Básicos

Programando em PHP. Conceitos Básicos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Conceitos Básicos Todo o escopo deste estudo estará voltado para a criação de sites com o uso dos diversos recursos de programação web

Leia mais

Aula 03 - Projeto Java Web

Aula 03 - Projeto Java Web Aula 03 - Projeto Java Web Para criação de um projeto java web, vá em File/New. Escolha o projeto: Em seguida, na caixa Categorias selecione Java Web. Feito isso, na caixa à direita selecione Aplicação

Leia mais

Guia para Iniciantes do WebWork

Guia para Iniciantes do WebWork Guia para Iniciantes do WebWork Marcelo Martins Este guia descreve os primeiros passos na utilização do WebWork Introdução Desenvolver sistemas para Web requer mais do que simplesmente um amontoado de

Leia mais

Java II. Sérgio Luiz Ruivace Cerqueira sergioruivace@gmail.com

Java II. Sérgio Luiz Ruivace Cerqueira sergioruivace@gmail.com Java II Sérgio Luiz Ruivace Cerqueira sergioruivace@gmail.com Por quê JSP? Com Servlets é fácil Ler dados de um formulário Recuperar dados de uma requisição Gerar informação de resposta Fazer gerenciamento

Leia mais

Mini-curso de PHP. Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva

Mini-curso de PHP. Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva Mini-curso de PHP Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva Aula 1 Breve introdução de HTML, Conceitos básicos de PHP, Sintaxe, Separador de instruções e Comentários (Cap 1

Leia mais

Arquitetura de Aplicações JSP/Web. Padrão Arquitetural MVC

Arquitetura de Aplicações JSP/Web. Padrão Arquitetural MVC Arquitetura de Aplicações JSP/Web Padrão Arquitetural MVC Arquitetura de Aplicações JSP/Web Ao projetar uma aplicação Web, é importante considerála como sendo formada por três componentes lógicos: camada

Leia mais

" # $ %&'( ) *' ( +,)+ ( - $ (+*' 0 12 ' ( %+ -12 )+3 ) (4 )) ) % 12 ) *' (

 # $ %&'( ) *' ( +,)+ ( - $ (+*' 0 12 ' ( %+ -12 )+3 ) (4 )) ) % 12 ) *' ( ! " # $ %&'( ) *' ( +,)+ ( - $ (+*'.%/ 0 12 ' ( %+ -12 )+3 ) (4 )) ) % 12 ) *' ( 2 (5) '%'1%6% %/ )1%12 74 % +1%() %% % *8) + 9 "(:4 8) % ; *' 3 "( % '% + 4% % ) +' 455 %' 4 *' ( +% ) + %,)1 0 +

Leia mais

Associação Carioca de Ensino Superior Centro Universitário Carioca

Associação Carioca de Ensino Superior Centro Universitário Carioca Desenvolvimento de Aplicações Web Lista de Exercícios Métodos HTTP 1. No tocante ao protocolo de transferência de hipertexto (HTTP), esse protocolo da categoria "solicitação e resposta" possui três métodos

Leia mais

Tencologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: WEB I Conteúdo: WEB Container Aula 04

Tencologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: WEB I Conteúdo: WEB Container Aula 04 Tencologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: WEB I Conteúdo: WEB Container Aula 04 Agenda 1. 2. Web Container TomCat 2 3 J2EE permite criar aplicações Web dinâmicas (com conteúdo dinâmico)

Leia mais

Desenvolvimento de aplicações Web. Java Server Pages

Desenvolvimento de aplicações Web. Java Server Pages Desenvolvimento de aplicações Web Java Server Pages Hamilton Lima - athanazio@pobox.com 2003 Como funciona? Servidor web 2 Internet 1 Browser 3 Arquivo jsp 4 JSP Compilado 2 Passo a passo 1 browser envia

Leia mais

Scriptlets e Formulários

Scriptlets e Formulários 2 Scriptlets e Formulários Prof. Autor: Daniel Morais dos Reis e-tec Brasil Programação Avançada Para Web Página1 Meta Permitir ao aluno aprender a criar um novo projeto Java para web no Netbeans IDE,

Leia mais

Programação web Prof. Wladimir

Programação web Prof. Wladimir Programação web Prof. Wladimir Linguagem PHP Cookie e Sessão @wre2008 1 Sumário Header; Cookie; Sessão; Exemplos. @wre2008 2 Header Esta função permite que um script php redirecione para outra página.

Leia mais

Estudo Dirigido - Parte 1

Estudo Dirigido - Parte 1 Linguagem Java para Web - JSP Professora Lucélia Estudo Dirigido - Parte 1 Na primeira parte deste tutorial, vamos receber os dados de um formulário e verificar se os dados foram ou não preenchidos. Se

Leia mais

!" # # # $ %!" " & ' ( 2

! # # # $ %!  & ' ( 2 !"# # #$ %!" "& ' ( 2 ) *+, - 3 . / 4 !" 0( # "!#. %! $""! # " #.- $ 111.&( ( 5 # # 0. " % * $(, 2 % $.& " 6 # #$ %% Modelo (Encapsula o estado da aplicação) Implementado como JavaBeans Responde a consulta

Leia mais

Java na WEB Componentes Bean

Java na WEB Componentes Bean 1 Java na WEB Componentes Bean Objetivo: Ao final da aula o aluno será capaz de: Criar site dinâmico utilizando componentes Bean Utilizar Tags de ação Empregar Coleções de Bean. Sumário 5. Definição de

Leia mais

Lista de Revisão. 3. Analise a afirmativa a seguir como verdadeira ou falsa e justifique.

Lista de Revisão. 3. Analise a afirmativa a seguir como verdadeira ou falsa e justifique. Lista de Revisão 1. Nos sistemas web, geralmente os usuários apresentam dois problemas típicos, a desorientação e a sobrecarga cognitiva. Discorra sobre esses problemas. 2. Apresente as principais diferenças

Leia mais

PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE

PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE FORMULÁRIO Na linguagem HTML é permitido que o usuário interaja com o servidor através de formulários ligados a scripts desenvolvidos em linguagens como PHP, Servlets,

Leia mais

mkdir /srv/www/default/html/calculadora/imagens mkdir /srv/www/default/html/calculadora/blocos

mkdir /srv/www/default/html/calculadora/imagens mkdir /srv/www/default/html/calculadora/blocos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Criando uma Calculadora Primeiramente deve se criar uma estrutura para armazenar os arquivos necessários para o funcionamento da calculadora.

Leia mais

Desenvolvimento Web TCC-00.226 Turma A-1

Desenvolvimento Web TCC-00.226 Turma A-1 Desenvolvimento Web TCC-00.226 Turma A-1 Conteúdo JavaServer Pages (JSP) Professor Leandro Augusto Frata Fernandes laffernandes@ic.uff.br Material disponível em http://www.ic.uff.br/~laffernandes/teaching/2013.2/tcc-00.226

Leia mais

Desenvolvimento Web com JSP/Servlets

Desenvolvimento Web com JSP/Servlets Desenvolvimento Web com JSP/Servlets Requisitos Linguagem Java; Linguagem SQL; Noções de HTML; Noções de CSS; Noções de Javascript; Configuração do ambiente JDK APACHE TOMCAT MySQL Instalando o JDK Instalando

Leia mais

Tecnologias Web. Java Enterprise Edition

Tecnologias Web. Java Enterprise Edition Tecnologias Web Java Enterprise Edition Cristiano Lehrer, M.Sc. Introdução Java Enterprise Edition (JEE): Plataforma de tecnologias para o desenvolvimento de aplicações corporativas distribuídas. É uma

Leia mais

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB PROFª. M.Sc. JULIANA H Q BENACCHIO Formulários Os formulários em HTML são usados para selecionar diferentes tipos de entradas do usuário. Um formulário é uma área que

Leia mais

AULA APLICAÇÕES PARA WEB SESSÕES E LOGIN E SENHA

AULA APLICAÇÕES PARA WEB SESSÕES E LOGIN E SENHA Sumário Construção de sistema Administrativo... 1 Sistema de Login... 2 SQL INJECTION... 2 Técnicas para Evitar Ataques... 2 Formulário de Login e Senha fará parte do DEFAULT... 5 LOGAR... 5 boas... 6

Leia mais

Introdução. HyperText Markup Language HTML. Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário

Introdução. HyperText Markup Language HTML. Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário Introdução HyperText Markup Language HTML Formulário Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo nicolas.trigo@ifsertao-pe.edu.br http://professor.ifsertao-pe.edu.br/nicolas.trigo/ O usuário interage com os serviços

Leia mais

Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486

Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486 1 Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486 HTML BÁSICO: O que é uma página WEB? Uma página WEB, também conhecida pelo termo inglês webpage, é uma "página" na World Wide Web, geralmente em formato

Leia mais

Conteúdo Dinâmico. Introdução. Interação Browser x Servidor Web. Interação Browser x Servidor Web

Conteúdo Dinâmico. Introdução. Interação Browser x Servidor Web. Interação Browser x Servidor Web Introdução Formulários rios & Conteúdo Dinâmico Mário Antonio Meireles Teixeira Dept o. de Informática - UFMA A Web surgiu inicialmente como uma nova forma de comunicação de informações, fazendo uso de

Leia mais

Programação para Internet I

Programação para Internet I Programação para Internet I Aulas 09 e 10 Fernando F. Costa nando@fimes.edu.br Formulários O formulário representa o modo mais importante de interatividade que a linguagem HTML oferece. Um formulário pode

Leia mais

Linguagem de. Aula 06. Profa Cristiane Koehler cristiane.koehler@canoas.ifrs.edu.br

Linguagem de. Aula 06. Profa Cristiane Koehler cristiane.koehler@canoas.ifrs.edu.br Linguagem de Programação IV -PHP Aula 06 Profa Cristiane Koehler cristiane.koehler@canoas.ifrs.edu.br Criação de Formulários o Um formulário consiste em uma série de campos que são preenchidos pelo usuário

Leia mais

Programação Web Aula 12 - Java Web Software

Programação Web Aula 12 - Java Web Software Programação Web Aula 12 - Java Web Software Bruno Müller Junior Departamento de Informática UFPR 25 de Maio de 2015 1 Java 2 Java Web Software 3 Servlets Modelo de Trabalho Funcionamento API Java Código

Leia mais

Use a Cabeça! FREEMAN, Eric e Elisabeth. HTML com CSS e XHTML BASHMAN, Brian / SIERRA Kathy / BATES, Bert. Servlets & JSP

Use a Cabeça! FREEMAN, Eric e Elisabeth. HTML com CSS e XHTML BASHMAN, Brian / SIERRA Kathy / BATES, Bert. Servlets & JSP Use a Cabeça! FREEMAN, Eric e Elisabeth. HTML com CSS e XHTML BASHMAN, Brian / SIERRA Kathy / BATES, Bert. Servlets & JSP Software cliente: browser e outros Protocolo HTTP Infraestrutura de transporte

Leia mais

Os componentes de um formulário são: Form, Input, Select e AreaText

Os componentes de um formulário são: Form, Input, Select e AreaText HTML Formulário O elemento FORM, da HTML, é o responsável por prover documentos interativos no ambiente WWW de forma que uma pagina web exibida a um usuário possa submeter um conjunto de dados, informados

Leia mais

SIMULADOS & TUTORIAIS

SIMULADOS & TUTORIAIS SIMULADOS & TUTORIAIS TUTORIAIS HTML Como criar formulários em HTML Copyright 2013 Todos os Direitos Reservados Jorge Eider F. da Silva Proibida a reprodução deste documento no todo ou em parte por quaisquer

Leia mais

Sistemas Distribuídos na WEB (Plataformas para Aplicações Distribuídas)

Sistemas Distribuídos na WEB (Plataformas para Aplicações Distribuídas) Sistemas Distribuídos na WEB (Plataformas para Aplicações Distribuídas) Web Container: e JSP Sumário Protocolo HTTP Exemplos de JSP (Java Server Pages) Exemplos JSP 2 Protocolo HTTP URL: Um URL (Uniform

Leia mais

FORMULÁRIOS HTML (FORMS) E ENTRADAS DE DADOS (INPUT)

FORMULÁRIOS HTML (FORMS) E ENTRADAS DE DADOS (INPUT) FORMULÁRIOS HTML (FORMS) E ENTRADAS DE DADOS (INPUT) Formulários (FORMS): Um formulário é uma área que pode conter elementos de formulário. Elementos de formulário são elementos que permitem ao usuário

Leia mais

WebWork 2. João Carlos Pinheiro. jcpinheiro@cefet-ma.br

WebWork 2. João Carlos Pinheiro. jcpinheiro@cefet-ma.br WebWork 2 João Carlos Pinheiro jcpinheiro@cefet-ma.br Versão: 0.5 Última Atualização: Agosto/2005 1 Agenda Introdução WebWork 2 & XWork Actions Views Interceptadores Validação Inversão de Controle (IoC)

Leia mais

Prof. Roberto Desenvolvimento Web Avançado

Prof. Roberto Desenvolvimento Web Avançado Resposta exercício 1: Configuração arquivo web.xml helloservlet br.com.exercicios.helloservlet

Leia mais

JSP e Servlet Princípio de MVC

JSP e Servlet Princípio de MVC UNIPÊ Centro Universitário de João Pessoa Desenvolvimento para Web HTTP e Servlets JSP e Servlet Princípio de MVC ducaribas@gmail.com 1 12 JSP e Servlets Desvantagens de JSP e Servlets Servlets Escrever

Leia mais

Java para WEB. Servlets

Java para WEB. Servlets Servlets Servlets são classes Java que são instanciadas e executadas em associação com servidores Web, atendendo requisições realizadas por meio do protocolo HTTP. Servlets é a segunda forma que veremos

Leia mais

Java na WEB Servlet. Sumário

Java na WEB Servlet. Sumário 1 Java na WEB Servlet Objetivo: Ao final da aula o aluno será capaz de: Utilizar Servlets para gerar páginas web dinâmicas. Utilizar Servlets para selecionar páginas JSPs. Utilizar Servlets como elemento

Leia mais

Servlets, JSPs e Java Beans

Servlets, JSPs e Java Beans Servlets, JSPs e Java Beans Prof. Pasteur Ottoni de Miranda Junior PUC Minas Disponível em www.pasteurjr.blogspot.com 1-Servlets 1.1 O que são Servlets são classes Java executadas em servidores web. Servem

Leia mais

Material de Apoio Profº Alan Cleber Borim

Material de Apoio Profº Alan Cleber Borim Desenvolvimento Web...2 Java....2 O Tomcat...2 Instalando o ambiente da aplicação....3 Instalando o jdk JAVA...3 Instalando o Tomcat...3 Criando um novo ambiente de desenvolvimento...4 Definição de Servlet...7

Leia mais

Desenvolvimento Web TCC-00.226 Turma A-1

Desenvolvimento Web TCC-00.226 Turma A-1 Desenvolvimento Web TCC-00.226 Turma A-1 Conteúdo Arquitetura de Aplicações Distribuídas na Web Professor Leandro Augusto Frata Fernandes laffernandes@ic.uff.br Material disponível em http://www.ic.uff.br/~laffernandes/teaching/2013.2/tcc-00.226

Leia mais

0,5 pelo negrito das palavras ID, Nome, E-mail e Analisar em outro momento.

0,5 pelo negrito das palavras ID, Nome, E-mail e Analisar em outro momento. IFES - Campus Cachoeiro de Itapemirim-ES Curso Técnico em Informática Disciplina: Programação Web Professor: Flávio Izo e Rafael Vargas Data: 07/04/2015 Aluno: GABARITO Valor: 12,5 Conteúdo: HTML + Formulários

Leia mais

Conteúdo. DHTML tópicos Hamilton Lima - 2002-2004

Conteúdo. DHTML tópicos Hamilton Lima - 2002-2004 DHTML tópicos Hamilton Lima - 2002-2004 Conteúdo 1. meu primeiro script... 2 2. DOM Document Object Model...2 3. tipo de execução de scripts...2 4. resposta a um evento... 3 5. tipos de dados, variaveis

Leia mais

Programação web Prof. Wladimir

Programação web Prof. Wladimir Programação web Prof. Wladimir HTML @wre2008 1 Sumário Histórico; Resumo XHTML; Tags; Edição de documentos HTML; Publicação de um documento; Estrutura básica de um documento HTML; Edição de documentos

Leia mais

Tecnologias para apresentação de dados - HTML. Aécio Costa

Tecnologias para apresentação de dados - HTML. Aécio Costa Tecnologias para apresentação de dados - HTML Aécio Costa Apresentação de Dados na Web Tecnologias client-side HTML CSS JavaScript HyperText Markup Language Uma linguagem de marcação utilizada para produzir

Leia mais

Formulários em HTML - O que são e para que servem

Formulários em HTML - O que são e para que servem Formulários em HTML - O que são e para que servem A tag - Os atributos action e method A primeira coisa que iremos fazer é usar a tag para podermos usarmos formulários. Antes de entrarmos

Leia mais

Java para Desenvolvimento Web

Java para Desenvolvimento Web Java para Desenvolvimento Web JSP Antes de iniciarmos a comentar sobre a Tecnologia Java Server Pages, teremos uma breve apresentação do Servidor (Web Contanier) TomCat. Então vamos lá. Servidor TomCat

Leia mais

20/08/14 JAVA SERVLETS CONCEITOS CONTEÚDO ARQUITETURA DE UMA APLICAÇÃO WEB ARQUITETURA DA APLICAÇÃO WEB

20/08/14 JAVA SERVLETS CONCEITOS CONTEÚDO ARQUITETURA DE UMA APLICAÇÃO WEB ARQUITETURA DA APLICAÇÃO WEB CONTEÚDO TECNOLOGIA EM INFORMÁTICA PARA NEGÓCIOS JAVA CONCEITOS Prof. Dr. Henrique Dezani dezani@fatecriopreto.edu.br Arquitetura de uma aplicação Web HTTP (HyperText Transfer Protocol) Métodos HTTP GET

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web

Introdução à Tecnologia Web Introdução à Tecnologia Web HTML HyperText Markup Language XTML extensible HyperText Markup Language Elementos da Seção do Corpo Tabelas Formulários Professor Alan Cleber Borim www.alanborim.com.br Índice.

Leia mais

Curso de Java. Geração de Páginas WEB através de JSP. Todos os direitos reservados Klais

Curso de Java. Geração de Páginas WEB através de JSP. Todos os direitos reservados Klais Curso de Java Geração de Páginas WEB através de JSP Todos os direitos reservados Klais JSP e Servlets Servletsconstituem um mecanismo conveniente para a geração de páginas HTML dinâmicas e seu tratamento

Leia mais

Aula 05 HTML FORMULÁRIOS Prof. Daniela Pires Sumário

Aula 05 HTML FORMULÁRIOS Prof. Daniela Pires Sumário Sumário FORMULÁRIO EM HTML... 2 FORM... 2 ACTION... 2 METHOD... 2 INPUT... 2 INPUT TYPE TEXT... 2 INPUT TYPE PASSWORD... 2 CHECKBOX - Múltipla escolha... 4 RADIO - Escolha única... 4 Botões de ação...

Leia mais

JSP: JAVA SERVER PAGES

JSP: JAVA SERVER PAGES PROGRAMAÇÃO SERVIDOR EM SISTEMAS WEB JSP: JAVA SERVER PAGES Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 Objetivos Compreender o que é e como funciona o JSP Compreender as tags do JSP Capacitar para a substituição

Leia mais

UNIDADE II JAVA SERVLETS

UNIDADE II JAVA SERVLETS UNIDADE II JAVA SERVLETS INTERNET É uma rede de redes, reunindo computadores do Governo, de universidades e empresas fornecendo infra-estrutura para uso de bancos de dados, correio eletrônico, servidores

Leia mais

Desenvolvimento Web XHTML Formulários. Prof. Bruno E. G. Gomes

Desenvolvimento Web XHTML Formulários. Prof. Bruno E. G. Gomes Desenvolvimento Web XHTML Formulários Prof. Bruno E. G. Gomes 2014 Introdução Um recurso bastante utilizado no desenvolvimento Web é o envio de dados de uma página para o servidor quando fornecemos informações,

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir HTML - Formulários @wre2008 1 Sumário Formulários HTML @wre2008 2 Formulários: Muitos elementos de um formulário html são definidos pela tag . Cada tipo de elemento

Leia mais

Relatório referente a compreensão da programação JSP. Realizado do dia de 22 abril de 2010 a 03 de maio de 2010.

Relatório referente a compreensão da programação JSP. Realizado do dia de 22 abril de 2010 a 03 de maio de 2010. Relatório do GPES Relatório referente a compreensão da programação JSP. Realizado do dia de 22 abril de 2010 a 03 de maio de 2010. Compreender a programação JSP. Os Servlets assim como JSP são tecnologias

Leia mais

Criando e Entendendo o Primeiro Servlet Por: Raphaela Galhardo Fernandes

Criando e Entendendo o Primeiro Servlet Por: Raphaela Galhardo Fernandes Criando e Entendendo o Primeiro Servlet Por: Raphaela Galhardo Fernandes Resumo Neste tutorial serão apresentados conceitos relacionados a Servlets. Ele inicial como uma breve introdução do funcionamento

Leia mais

UNIDADE III JAVA SERVER PAGES

UNIDADE III JAVA SERVER PAGES UNIDADE III JAVA SERVER PAGES MODELO JSP Um dos principais objetivos da tecnologia J2EE é fazer com que as tarefas sejam realizadas de forma separada. Eliminando as dependências, componentes J2EE tornam-se

Leia mais

Prova Específica Cargo Desenvolvimento

Prova Específica Cargo Desenvolvimento UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ Centro de Educação Aberta e a Distância CEAD/UFPI Rua Olavo Bilac 1148 - Centro CEP 64.280-001 Teresina PI Brasil Fones (86) 3215-4101/ 3221-6227 ; Internet: www.uapi.edu.br

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN - IFRN APOSTILA: AUTORIA WEB PROFESSOR: ADDSON ARAÚJO DA COSTA SANTA CRUZ - RN

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN - IFRN APOSTILA: AUTORIA WEB PROFESSOR: ADDSON ARAÚJO DA COSTA SANTA CRUZ - RN INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RN - IFRN APOSTILA: AUTORIA WEB PROFESSOR: ADDSON ARAÚJO DA COSTA SANTA CRUZ - RN Sumário 1. Introdução...1 2. Tags...1 3. HTML...1 4. Cabeça, Corpo

Leia mais

Programação WEB Introdução

Programação WEB Introdução Programação WEB Introdução Rafael Vieira Coelho IFRS Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Farroupilha rafael.coelho@farroupilha.ifrs.edu.br Roteiro 1) Conceitos

Leia mais

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção

Leia mais

2 Requisitos Mínimos... 2. 1 Visão Geral 2 Instalando o SDK... da Sun 3 Instalando o Tomcat... do Apache Jakarta Project 4 Instalando o WebIntegrator

2 Requisitos Mínimos... 2. 1 Visão Geral 2 Instalando o SDK... da Sun 3 Instalando o Tomcat... do Apache Jakarta Project 4 Instalando o WebIntegrator Conteúdo I Conteúdo Part I Introdução 2 1 Apresentação... 2 2 Requisitos Mínimos... 2 Part II Instruções de Instalação 2 1 Visão Geral... 2 2 Instalando o SDK... da Sun 2 3 Instalando o Tomcat... do Apache

Leia mais

COMO FUNCIONA UM FORMULÁRIO

COMO FUNCIONA UM FORMULÁRIO FORMULÁRIOS Constitui-se numa das formas de a máquina cliente enviar informações para que um programa no servidor receba estes dados, processe-os e devolva uma resposta ao usuário, por meio do navegador,

Leia mais

Arquitetura de uma Webapp

Arquitetura de uma Webapp Arquitetura de uma Webapp Arquitetura J2EE Containers e componentes MVC: introdução Frederico Costa Guedes Pereira 2006 fredguedespereira@gmail.com Plataforma J2EE World Wide Web e a Economia da Informação

Leia mais

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção de páginas de internet e é responsável

Leia mais

TUTORIAL JSP & SERVLET

TUTORIAL JSP & SERVLET TUTORIAL JSP & SERVLET A.A.S. UNINOVE WWW.AAS.PRO.BR Exemplo simples de JSP com Servlet (para envio e recebimento de dados) Sumário JSP & SERVLET... 2 1. Criando Projeto... 2 2. O primeiro JSP... 3 3.

Leia mais

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas O que é PHP? Acrônimo de PHP: Hipertext Language PostProcessor Inicialmente escrita para o desenvolvimento de aplicações Web Facilidade para iniciantes e recursos poderosos para programadores profissionais

Leia mais

Java Server Pages. O código HTML pode indicar o método de arranque do servlet gerado por um JSP : doget ou dopost.

Java Server Pages. O código HTML pode indicar o método de arranque do servlet gerado por um JSP : doget ou dopost. Java Server Pages O código HTML pode indicar o método de arranque do servlet gerado por um JSP : doget ou dopost. servlet: Exemplo em que o método get é invocado no arranque do

Leia mais

JavaServer Pages (JSP) Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@ic.uff.br

JavaServer Pages (JSP) Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@ic.uff.br JavaServer Pages (JSP) Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@ic.uff.br Especificação/IDE/Implementação Esse curso foi preparado em 03/2015 usando a seguinte especificação, IDE e implementação Especificação

Leia mais

Web Design Aula 09: Formulários

Web Design Aula 09: Formulários Web Design Aula 09: Formulários Professora: Priscilla Suene priscilla.silverio@ifrn.edu.br Motivação Roteiro Tag ... Tag Tag ... Rádio Checkbox Atributo name Form Um

Leia mais

Programação Web. Professor: Diego Oliveira. Conteúdo 02: JSP e Servlets

Programação Web. Professor: Diego Oliveira. Conteúdo 02: JSP e Servlets Programação Web Professor: Diego Oliveira Conteúdo 02: JSP e Servlets JSP JSP é um template de uma página Web que usa Java para gerar HTML dinamicamente JSP é considerado server-side e roda em um objeto

Leia mais

Segurança em Java. João Carlos Pinheiro. jcpinheiro@cefet-ma.br. Versão: 1.1 Última Atualização: Agosto/2005

Segurança em Java. João Carlos Pinheiro. jcpinheiro@cefet-ma.br. Versão: 1.1 Última Atualização: Agosto/2005 Segurança em Java João Carlos Pinheiro jcpinheiro@cefet-ma.br Versão: 1.1 Última Atualização: Agosto/2005 1 Objetivos Apresentar uma introdução ao suporte fornecido pela API Java para a criptografia Utilizar

Leia mais

World Wide Web e Aplicações

World Wide Web e Aplicações World Wide Web e Aplicações Módulo H O que é a WWW Permite a criação, manipulação e recuperação de informações Padrão de fato para navegação, publicação de informações e execução de transações na Internet

Leia mais

INTRODUÇÃO À TECNOLOGIA SERVLETS

INTRODUÇÃO À TECNOLOGIA SERVLETS PROGRAMAÇÃO SERVIDOR EM SISTEMAS WEB INTRODUÇÃO À TECNOLOGIA SERVLETS Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 Objetivos Apresentar o conceito aplicações orientada a serviços via web Apresentar o papel dos contentores

Leia mais

Objetos Implícitos. Conceito. Instanciados pelo próprio contêiner. Disponíveis em quaisquer páginas JSP.

Objetos Implícitos. Conceito. Instanciados pelo próprio contêiner. Disponíveis em quaisquer páginas JSP. Slide 1 Conceito Instanciados pelo próprio contêiner. Disponíveis em quaisquer páginas JSP. Instruções de criação inseridas no método _jspservice( ). Slide 2 Identificação e tipo Identificação Tipo application

Leia mais

JSP - JavaServer Pages

JSP - JavaServer Pages JSP - JavaServer Pages 1 Sumário O que é o JSP? Comparação com ASP, Servlets, e Javascript Disponibilidade Um exemplo simples Mais sobre Sintaxe Um pouco de JavaBeans Um exemplo mais complexo 2 O que são

Leia mais

Programação II Programação para a Web. Christopher Burrows

Programação II Programação para a Web. Christopher Burrows Programação II Programação para a Web Christopher Burrows Apache Tomcat O Apache Tomcat é um Servlet Container desenvolvido pela Apache Software Foundation. Implementa as tecnologias Java Servlets e Java

Leia mais

Formulários. Permite ao usuário enviar informações por meio da página, em forma de pesquisa, mala direta, compra eletrônica e outros.

Formulários. Permite ao usuário enviar informações por meio da página, em forma de pesquisa, mala direta, compra eletrônica e outros. Formulários Permite ao usuário enviar informações por meio da página, em forma de pesquisa, mala direta, compra eletrônica e outros. O formulário depende de outros programas no servidor, para receber e

Leia mais

PadrãoIX. Módulo II JAVA. Marcio de Carvalho Victorino. Servlets A,L,F,M

PadrãoIX. Módulo II JAVA. Marcio de Carvalho Victorino. Servlets A,L,F,M JAVA Marcio de Carvalho Victorino 1 Servlets 2 1 Plataforma WEB Baseada em HTTP (RFC 2068): Protocolo simples de transferência de arquivos Sem estado (não mantém sessão aberta) Funcionamento (simplificado):

Leia mais

Guia de Consulta Rápida. PHP com XML. Juliano Niederauer. Terceira Edição. Novatec

Guia de Consulta Rápida. PHP com XML. Juliano Niederauer. Terceira Edição. Novatec Guia de Consulta Rápida PHP com XML Juliano Niederauer Terceira Edição Novatec Copyright 2002 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida

Leia mais

Introdução a Servlets

Introdução a Servlets Linguagem de Programação para Web Introdução a Servlets Prof. Mauro Lopes 1-31 21 Objetivos Iniciaremos aqui o estudo sobre o desenvolvimento de sistemas web usando o Java. Apresentaremos nesta aula os

Leia mais

Programação WEB II. Formulários Em PHP. Métodos GET e POST progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza

Programação WEB II. Formulários Em PHP. Métodos GET e POST progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza Formulários Em PHP Métodos GET e POST progweb2@thiagomiranda.net Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net Objetivos Entender o funcionamento

Leia mais

Introdução a Servlets e JSP. Prof. Samuel Martins samuellunamartins at gmail dot com Faculdade São Miguel

Introdução a Servlets e JSP. Prof. Samuel Martins samuellunamartins at gmail dot com Faculdade São Miguel Introdução a Servlets e JSP samuellunamartins at gmail dot com Conteúdo da aula Introdução a HTML Introdução a Servlets Preparando o ambiente de programação Exemplo de Servlets 2 Websites na década de

Leia mais

Desenvolvimento WEB II. Professora: Kelly de Paula Cunha

Desenvolvimento WEB II. Professora: Kelly de Paula Cunha Desenvolvimento WEB II Professora: Kelly de Paula Cunha O Java EE (Java Enterprise Edition): série de especificações detalhadas, dando uma receita de como deve ser implementado um software que utiliza

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem PHP @wre2008 1 Sumário PHP: Tipos de dados; Manipulação de dados; Utilizando formulário. @wre2008 2 Tipos de dados As variáveis são declaradas no momento de sua

Leia mais

Grupo de Usuários Java http://www.guj.com.br JavaServer Faces: A mais nova tecnologia Java para desenvolvimento WEB

Grupo de Usuários Java http://www.guj.com.br JavaServer Faces: A mais nova tecnologia Java para desenvolvimento WEB JavaServer Faces: A mais nova tecnologia Java para desenvolvimento WEB Talita Pitanga Conheça um pouco sobre a mais nova tecnologia para desenvolvimento de aplicações WEB: JavaServer Faces. Introdução

Leia mais

Introdução. História. Como funciona

Introdução. História. Como funciona Introdução O HTML é uma linguagem de marcação utilizada para desenvolvimento de sites. Esta linguagem surgiu junto com o HTTP, ambos possibilitaram a internet ser popularizada. História O HTML foi criado

Leia mais

6. Introdução à Linguagem PHP

6. Introdução à Linguagem PHP 6. Introdução à Linguagem PHP A comunicação na Web exige dois agentes: o cliente web e o servidor web. O cliente requer informação (a partir de uma página HTML acessada pelo navegador) e o servidor fornece

Leia mais

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] )

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] ) Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

PHP. Hypertext Pre-Processor

PHP. Hypertext Pre-Processor PHP Hypertext Pre-Processor O que é o PHP? Uma linguagem de scripting é uma linguagem cujo código não tem de ser compilado para ser executado! O código escrito é interpretado em tempo de execução para

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem de Script e PHP @wre2008 1 Sumário Introdução; PHP: Introdução. Enviando dados para o servidor HTTP; PHP: Instalação; Formato básico de um programa PHP; Manipulação

Leia mais

O código acima descreve o formulário com uma caixa de texto e dois botões

O código acima descreve o formulário com uma caixa de texto e dois botões Formulários Formulários permitem que os usuários interajam com um servidor Web passando informações. Assim, através da Web, se pode ler e gravar informações em Banco de Dados, gerando enormes possibilidades

Leia mais

Guia do RepositorioDocumento

Guia do RepositorioDocumento Módulo: RepositorioDocumento.Cls_Repositorio Versão: 1.0.0 Data: 16/05/2003 Analista: João Augusto de Moura DBA: Maria Cristina de Oliveira Zimmermann Coordenador: Alex Albert Henchel Gerente Operacional:

Leia mais

Java II. Sérgio Luiz Ruivace Cerqueira sergioruivace@gmail.com

Java II. Sérgio Luiz Ruivace Cerqueira sergioruivace@gmail.com Java II Sérgio Luiz Ruivace Cerqueira sergioruivace@gmail.com Servlets Servlet Aplicação Java que é executada no servidor que estende a capacidade do servidor Web Alternativa Java para os scripts CGI Gerenciado

Leia mais