A SPCOM FOI FINALISTA PELA 4ª VEZ NO PRÊMIO AMAUTA, SEGUNDO OS CRITÉRIOS CRIATIVIDADE, ESTRATÉGIA E RESULTADOS.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A SPCOM FOI FINALISTA PELA 4ª VEZ NO PRÊMIO AMAUTA, SEGUNDO OS CRITÉRIOS CRIATIVIDADE, ESTRATÉGIA E RESULTADOS."

Transcrição

1

2 A SPCOM FOI FINALISTA PELA 4ª VEZ NO PRÊMIO AMAUTA, SEGUNDO OS CRITÉRIOS CRIATIVIDADE, ESTRATÉGIA E RESULTADOS. OS MESMOS QUE LEVARAM NOSSOS CLIENTES A ESCOLHER A SPCOM. CASES FINALISTAS: SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS BANESPA, NA CATEGORIA TELEMARKETING 7º TELETON - CENTRAL DE ATENDIMENTO DE DOAÇÕES, NA CATEGORIA SEM FINS LUCRATIVOS Mais uma vez a SPCOM comemora uma grande notícia: a empresa é finalista em duas categorias na 6ª edição do Prêmio AMAUTA, o maior prêmio de Marketing Direto da América Latina. Se você também quer ter soluções de sucesso na sua empresa, ligue (11) ou acesse

3 EXPEDIENTE CARTA AO LEITOR Diretoria Presidente: Efraim Kapulski Vice-presidente: José Afonso Braga Diretor de Agências: Luiz Buono; Diretora de Call Center/ Telemarketing: Ana Dávalos; Diretor Financeiro: Eduardo Ramalho; Diretor de Internet: Antonio Rosa; Diretor de Logística: Fernando Mutarelli; Diretor de Regionais: Jeffrey Costa; Diretor de Tecnologia: Clovis Castanho Comitês Presidente: Efraim Kapulski Coordenadores: CRM / Database: Eduardo Ramalho; Marketing: Antonio Rosa; Prêmio ABEMD: Eduardo Souza Aranha; Recenseamento de Listas: Vicente Argentino; Serviços de Suspensão Temporária e Inclusão: Paulo Vasconcelos Conselho de Administração Presidente: Fernando Costa Vice-presidente: Paulo F. Vasconcelos Alexandra Periscinoto, Alexandre Jau, Andréa Laurito Russo, Antonio Rosa Neto, Eduardo Bicudo, Eduardo Souza Aranha, Eduardo Wilson R. Ramalho, Fábio Cecotto Vargas, Fernando Luiz Gomes Guimarães, Fernando Mutarelli, Gil Giardelli, Gunther Klaus Alves Reis, Gustavo Bach, Jeffrey Hanson Costa, José Afonso Braga, José Soler, Marcio Luiz Valente, Márcio Ribeiro, Maria Luiza Vasques Piccioli, Nelson Reis, Odair Cerdeira Gutirres, Otavio Dias, Patrícia Hespanha Madeira, Paulo Geraldo F. Cavalcanti, Pedro Renato Eckersdorff, Pedro Sergio Venturini Martinez, Pio Borges, Ricardo Musumeci, Roberto Miranda, Roberto Saddy Chade, Sergio Augusto R. Alves Jr., Silvio Lefèvre, Vicente Argentino e Waldomiro R. Silva Jr. Conselho Fiscal Alexandre Souza Martins Case, Ivana Colombo e Osvaldo Alvarenga. Associação Brasileira de Marketing Direto Avenida São Luís, 50 13º andar cj. 132 B Edifício Itália CEP São Paulo/SP Brasil Tel: (11) Comercial: Claudio Toledo Eventos: Salete Guimarães Administração e Finanças: Valmir Neme Revista Marketing Direto é uma publicação da Associação Brasileira de Marketing Direto (ABEMD) Editor: Roberto Perrone Supervisora Editorial: Natasha Kapulski Arte e editoração eletrônica: Adriana Cassiano Diagramação: Fabiana Sant Ana Pré-impressão, impressão e acabamento: RR Donnelley Moore Escreva para a revista Marketing Direto. Mande seus comentários e sugestões para o O Grand Prix do Lions Direct deste ano, uma ação de lançamento do novo modelo Renault Modus, criada pela agência alemã Nordpol, com o objetivo de gerar test-drives via Internet, foi realmente merecido. O case usou com criatividade o cross media. Dois filmes com inserções simultâneas estimulavam os telespectadores a zapearem entre dois canais, para depois serem impelidos a assistir ao final da história na Internet, quando eram convidados a se cadastrar para fazer o test-drive. Justamente por isso e, obviamente, por muitos outros cases e palestras, nunca antes no festival a palavra integração foi tão falada. O fato é que a ação poderia muito bem ser classificada como propaganda, já que teve a preocupação de passar a mensagem de que proprietários do Modus são pessoas felizes, bem-humoradas, brincalhonas, pura formação de imagem de marca. Porém, ela tinha algo mais que era um objetivo de gerar respostas o que a caracterizou como um trabalho de Marketing Direto. E como gerou! 820 mil pessoas visitaram o site na fase teaser e pouco mais de 20 mil cadastros foram efetuados no banco de dados, sem falar nos 8 milhões de telespectadores que assistiram ao filme. Ou seja, construção de marca não é exclusividade da propaganda. Nesse caso, a vantagem do Marketing Direto está justamente em provocar respostas e, em conseqüência poder medi-las com precisão. O evento Lions Direct Cannes 2005 no Brasil, promovido pela ABEMD, onde foram apresentados os cases e aconteceram debates, serviu para comprovar o momento de ascensão do Marketing Direto no mundo e a necessidade de promover a integração da comunicação seja na TV, revista, site ou através de mala direta. Além dos cases vencedores do leão de ouro no Lions Direct, nesta edição você vai conferir o excelente desempenho das agências brasileiras no Prêmio Amauta. Eduardo Ramalho conta em entrevista como a ferramenta de CRM/ database marketing é eficaz e lucrativa dentro das empresas, além de revelar quais são os principais erros que ainda se comete ao empregá-la. Além disso, você poderá conferir quais as vantagens oferecem os catálogos online para empresas como Somlivre.com e Hermes. Boa leitura. O Editor Marketing Direto 3

4 ÍNDICE Entrevista com Eduardo Ramalho, diretor de serviços de marketing da Equifax...6 ARTIGO: Bernardo Canedo escreve sobre o atendimento...14 CAPA: Cannes Lion Direct 2005 Seminário e Exposição no Brasil Cases Premiados Resumo dos cases ouro Resumo dos cases finalistas brasileiros O Marketing Direto ficou maior do que seus profissionais?, por Alice Leite ESTUDO: Impactos do CRM no relacionamento das empresas com os clientes...28 O potencial dos catálogos online Resultado do Prêmio AMAUTA Mercado...33 Deu na Imprensa...38 Dicas de leitura...40 Agenda de eventos...40 Novos associados da ABEMD...41 Causos do Marketing Direto...42 FRASES Muitas vezes apresentamos propostas integradas de comunicação em parceria com as agências de publicidade. Abaetê de Azevedo, CEO para a América Latina da Rapp Collins, no Caderno Especial de Marketing Direto e Promocional do Meio&Mensagem de 12 de setembro de Vem demonstrar para o setor e também para a sociedade e para o governo, a organização e seriedade do nosso setor. Alexandra Periscinoto, presidente da SPCOM, sobre a Norma de Auto- Regulamentação do Setor de Relacionamento com Clientes e Consumidores (Call Center/Contact Center/Telemarketing), na revista Consumidor Moderno de setembro de Não adianta apenas saber se relacionar com o cliente e recorrer a todas as jogadas de marketing para cair nas graças do consumidor. Hoje em dia é fundamental trabalhar com ele e não apenas sobre ele. Caio Blinder, jornalista, em artigo na revista Consumidor Moderno de agosto de O consumidor sabe apreciar quando uma companhia vai além para captar sua atenção. Chirs Di Cesare, diretor global de marketing da Microsoft para a marca XBOX, em matéria na Gazeta Mercantil de 26 de agosto sobre marketing viral. Os clientes estão pedindo a inclusão de ações de Marketing Direto até no briefing que passam para as agências de publicidade. Marcio Salem, diretor de criação da Salem, no Caderno Especial de Marketing Direto e Promocional do Meio&Mensagem de 12 de setembro de No passado, a escolha e o controle do que seria divulgado para o consumidor eram nossos. Atualmente, o consumidor é quem escolhe como e quando quer receber uma mensagem. Renato de Paula, vice-presidente para OgilvyOne para a América Latina e diretor geral para o Brasil, no Caderno Especial de Marketing Direto e Promocional do Meio&Mensagem de 12 de setembro de Nossas possibilidades não têm limites, podemos agir das mais variadas formas para proporcionar uma melhora na vida dos consumidores. Rui Piranda, vice-presidente de criação da Datamidia,FCBi, no Caderno Especial de Marketing Direto e Promocional do Meio&Mensagem de 12 de setembro de O verdadeiro parâmetro do sucesso, no Marketing Direto, não é nem sequer o retorno, e sim o resultado financeiro, o ROI. Veronique Forat, sócia-diretora da Bottom Line, no Caderno Especial de Marketing Direto e Promocional do Meio&Mensagem de 12 de setembro de Marketing Direto

5

6 ENTREVISTA EDUARDO RAMALHO Michele Mifano CAMINHOS DO CRM Experiente profissional de Marketing Direto, atual diretor de serviços de marketing da Equifax, Eduardo Ramalho sabe os caminhos e descaminhos do CRM/database marketing. Nesta entrevista para a revista Marketing Direto, ele explica as reais possibilidades da ferramenta, os erros mais comumente cometidos e os mitos que se formaram pelo mercado. A falta de modéstia quando da implantação do projeto induz a ações megalomaníacas, gerando desperdício de tempo e dinheiro sem a contrapartida em resultados. Particularmente nesse item, é necessário seguir à risca um ditado cujo autor desconheço: pensar grande, começar pequeno e crescer rápido. 6 Marketing Direto

7 Revista Marketing Direto - Como você avalia o nível de utilização da ferramenta de CRM (Customer Relationship Management) atualmente no Brasil, principalmente comparado aos mercados mais evoluídos como os Estados Unidos? Eduardo Ramalho - Se compararmos com os Estados Unidos, certamente nós aqui no Brasil utilizamos em menor escala as estratégias e ferramentas de CRM, porém, muito possivelmente, estamos nos mesmos patamares de utilização do que qualquer outro país no mundo. É importante dizer também que existem diversas grandes empresas no nosso país, tanto nacionais como multinacionais que estão tão ou mais avançadas no uso dessa ferramenta quanto qualquer empresa em qualquer parte do mundo. Por outro lado, há um ponto negativo com relação ao mercado brasileiro quanto ao emprego do CRM que diz respeito à grande concentração no eixo Rio-São Paulo. Revista Marketing Direto - Qual o nível de investimento necessário para a implantação de um sistema de CRM/database marketing? Há diferenças muito grandes conforme o tamanho da empresa? Eduardo Ramalho - Como ocorre na maioria dos investimentos em novas tecnologias ou ferramentas de trabalho, seja em Marketing Direto ou outra disciplina, o nível de investimento vai depender de vários fatores. Nesse caso, entre os mais significativos estão o tamanho da empresa e da extensão da aplicação do CRM. Ou seja, se a ferramenta estará direcionada ao negócio como um todo ou exclusivamente a uma parte ou departamento da empresa. Pegando exemplos de duas empresas de mesmo porte, que vivenciei de perto, a Equifax está implantando com sucesso o CRM apenas na área de vendas. No Grupo VR, o projeto era mais ambicioso, buscava a implantação do CRM em todas as áreas da companhia. Portanto, o nível de investimento no projeto da Equifax acabou sendo bem menor comparativamente ao da VR. Revista Marketing Direto - Quais os principais erros têm sido cometidos É possível aumentar tremendamente a eficiência do negócio com a aplicação do recurso de inteligência de dados na implantação da ferramenta CRM? Por quê? Eduardo Ramalho - Eu diria que são basicamente três os principais erros que as empresas cometem quando descobrem que precisam usar o CRM. O primeiro é a inexistência de uma estratégia de relacionamento com os clientes e, conseqüentemente, não haver integração com a estratégia de negócio da empresa. Outro fator diz respeito à falta de um padrinho forte para o projeto, um profissional dentro da companhia que possa contagiar ou até mesmo impor a implantação da ferramenta. Em terceiro lugar, mas não menos importante que as anteriores, é a falta de modéstia quando da implantação do projeto, induzindo a ações megalomaníacas, gerando desperdício de tempo e dinheiro sem a contrapartida em resultados. Particularmente nesse item, é necessário seguir à risca um ditado cujo autor desconheço: pensar grande, começar pequeno e crescer rápido. Revista Marketing Direto - Como efetivamente o CRM ajuda as empresas? Eduardo Ramalho - As ferramentas de CRM permitem identificar com um grau bastante elevado de precisão, quais são as ações e para quais clientes devem ser feitas que proporcionem um aumento da lucratividade do negócio. Os trabalhos podem ser voltados a objetivos diversos e apontam inúmeras variáveis como a taxa de retenção de clientes de maior valor e seu potencial; o índice de ativação de clientes; o mix de produtos comprados; a rentabilização de clientes não lucrativos; a recuperação de clientes inativos; a eficiência de conquista de novos consumidores via clonagem dos melhores clientes; e, por fim, a recuperação de recebíveis vendidos e não pagos. Como é impossível para uma empresa fazer simultaneamente todas essas ações com eficiência, a seleção do que é prioritário deve necessariamente levar em consideração o impacto de cada trabalho no lifetime value - o LTV da carteira. Obviamente, a ação que produzir o maior aumento de LTV é aquela deve ser priorizada. Marketing Direto 7

8 DAQUI PARA A FRENTE, QUANDO ALGUÉM FALAR EM RESULTADOS PARCIAIS, ESQUEÇA PARCIAIS. EXIJA RESULTADOS COMPLETOS.

9 Marketing Promocional. O Database Marketing completa o Marketing O Marketing Direto completa o Direto. Tudo isso e vice-versa. Digital. O Marketing Direto completa completa o Marketing Promocional. O Database Marketing completaomarketing Marketing. O Marketing Digital Promocional completa odatabase o Marketing Digital. O Marketing Só resultados completos. DIRECT DIGITAL DRIVE DATA MARKETING DIRETO MARKETING DIGITAL MARKETING PROMOCIONAL DATABASE MARKETING

10 ENTREVISTA EDUARDO RAMALHO Michele Mifano Revista Marketing Direto - Qual a tendência do uso de novos ferramentais em database marketing? Eduardo Ramalho - A tendência deve ser o aprofundamento do uso de ferramentas de BI - Business Intelligence, voltadas à inteligência de dados das organizações. Hoje em dia é possível, através de modelos matemáticos, sem grandes sofisticações, identificar as propensões de compra dos consumidores, seja a financiamentos, de abandono, de pagamento, etc. É possível aumentar tremendamente a eficiência do negócio com a aplicação do recurso de inteligência de dados. Por exemplo, os índices de recuperação de recebíveis aumentam significativamente quando se utiliza modelos de propensão a pagamentos. Os devedores normalmente são divididos em três grupos básicos. O primeiro é formado pelos clientes que ficaram inadimplentes por algum acidente de percurso e irão pagar tão logo melhorem a sua situação. Outro grupo é constituído pelos devedores que dão muito trabalho para pagar, mas ainda pagam. Por fim, o terceiro grupo é de consumidores que não vão pagar em hipótese alguma. Pois bem, sabendo que esses três grupos têm comportamentos diferentes, por que tratá-los igualmente? E mais, se além disso, junto com a aplicação do modelo de propensão a pagamento juntarmos um processo eficiente de localização do devedor e encaminharmos para ele uma carta com boleto bancário com a condição de pagamento específica para esse devedor, aumenta-se ainda mais a recuperação. Experiências da Equifax mostram que atinge-se aumentos de eficiência de até 65% com essa forma de abordagem. Revista Marketing Direto - Quais áreas de negócios poderiam já estar usufrindo mais dessas novas ferramentas? Eduardo Ramalho - Sem dúvida alguma a área financeira, principalmente a de cartões de crédito, tanto daqueles com bandeira como os private labes das lojas, onde os índices de ativação de cartões são muito baixos. Modelos de risco de crédito associados a modelos a propensão a compras permitem tratar os clientes de forma diferenciada, podendo resultar em aumentos significativos dos índices de ativação de cartão. Dependendo do seu risco e potencial de compras, é possível estabelecer toda uma política individual de pagamento de anuidade, de taxa de juros de crédito rotativo, de aumento de limite de crédito, etc. Isso é o que toda operadora de cartões de crédito deveria fazer e raramente faz: tratar seus clientes diferentes de forma diferente. Ao invés de gastar fortunas em programas de fidelidade, é mais simples e mais eficiente tratar clientes de acordo com o seu perfil. Você não precisa ligar para a operadora e pedir para não pagar a anuidade, dizendo que foi abordado pelo concorrente que ofereceu o cartão de graça. A própria operadora deveria tomar a iniciativa de enxergar isso e se antecipar oferecendo não só a anuidade gratuita como taxas de juros menores para aqueles clientes de maior valor, potencial e histórico positivo de pagamento. Revista Marketing Direto - O que você considera mais importante nos programas de CRM: tecnologia, pessoas ou processos? Eduardo Ramalho - Definitivamente ainda são as pessoas o elemento mais significativo nesse processo, porém com graus de importância 10 Marketing Direto

11 variados ao longo dos estágios de implantação do CRM. No início são as pessoas que devem criar a estratégia de relacionamento com os clientes e integrá-las à estratégia de negócios da empresa. Depois, ainda são as pessoas - que podem não ser necessariamente as mesmas da atividade anterior - que devem definir os processos e os dados a serem trabalhados. Só após as estratégias, os dados e os processos estarem definidos é que se adquiri a tecnologia, que deve ser compatível com os níveis de exigência do negócio da empresa. A tecnologia é super importante, mas sem as pessoas capacitadas e treinadas não se atinge os objetivos esperados. Revista Marketing Direto - Quais os mitos ainda existentes com relação ao CRM e que precisam ser derrubados? Eduardo Ramalho - Quero antes de qualquer coisa realçar o papel importante do CRM na alavancagem dos negócios e na popularização das atividades de Marketing Direto. Por outro lado, existem ainda alguns mitos que estão paulatinamente sendo derrubados. Destaco pelo menos três que se não ainda caíram estão prestes a cair. O primeiro diz que CRM é tecnologia e como tal deve ser conduzido pelo pessoal de tecnologia. Isso vem sendo desmistificado. O CRM é uma estratégia de negócio que deve ser implantada pelos profissionais mais competentes da empresa, mas que obrigatoriamente deve ter nessa equipe integrantes das áreas de marketing e vendas. O segundo mito diz que o CRM é a panacéia de todo negócio. Basta comprar e implantar a ferramenta para resolver todos os problemas da empresa. Isso definitivamente não é verdade. Se os fundamentos do negócio não estiverem bem delineados, dificilmente o CRM vai resolver a situação da companhia. O terceiro é acreditar que programa de fidelidade e CRM são as mesmas coisas. Programa de fidelidade deve ser direcionado a clientes que devemos tornar fiéis à nossa empresa, à nossa marca. Indiscutivelmente, são aqueles com maior valor e potencial. Por outro lado, o CRM é mais amplo, voltado para toda carteira de clientes e tem como meta não apenas a fidelização, mas também a ativação de consumidores, o aumento de mix de produtos, o aumento de rentabilização da carteira, a recuperação de clientes inativos e a melhoria da eficiência de prospecção de novos clientes. Revista Marketing Direto - Qual a melhor especialidade para trabalhar com CRM? Eduardo Ramalho - Os profissionais de database marketing e CRM têm características diferenciadas, pois precisam ter conhecimentos de banco de dados, de estatística e marketing. A maioria das escolas não produz um profissional com este tipo de perfil. E o mercado, com sua visão tradicional de curto prazo, com as raras e costumeiras exceções, não investe em formação profissional. É aí que as entidades, como a própria ABEMD, têm um papel fundamental de atuação, pois através de seus cursos lapidam e formam esses profissionais capacitando-os para desempenhar essa importante função dentro das organizações. 11 Marketing Direto 11

12 ENTREVISTA EDUARDO RAMALHO Revista Marketing Direto - Quando e como aplicar o conceito de clonagem? Eduardo Ramalho - A clonagem é utilizada no processo de captação de novos clientes. Utilizando os conhecimentos de database marketing é possível identificar o perfil do melhor cliente e ir no mercado buscar prospects com perfil parecido com os seus melhores clientes. A Equifax é uma referência positiva em clonagem de prospecção, tanto para pessoas físicas como jurídicas. Ela usa a inteligência de dados para identificar os melhores clientes da companhia, que são os consumidores que representam maior valor, maior potencial e menor risco. Aliás, é importante destacar que essa questão do menor risco é de suma importância e pouco trabalhada nas organizações. Isso porque é muito comum a empresa empreender grandes esforços na conquista de um cliente novo para depois a área de crédito negar a venda. Também é comum as empresas baterem metas de vendas, mas não atingir os resultados de lucro. Isso porque, os produtos ou serviços foram vendidos para pessoas físicas ou jurídicas erradas, já com problemas de crédito. Através da avaliação prévia dos riscos de crédito, também chamados de prescreening, essa situação pode ser perfeitamente evitada, otimizando e agilizando o processo de conquistas de novos clientes via clonagem. Revista Marketing Direto - Quais são as principais razões para a perda de clientes e o como o CRM/database marketing pode evitar? Eduardo Ramalho - As perdas de clientes invariavelmente estão relacionadas às deficiências no atendimento e a pouca atenção e interesse que a empresa destina para ele. Muitas organizações investem pesado na aquisição de consumidores, porém, depois que o prospect se transforma em cliente, ele é abandonado. Em bem menor proporção, as perdas de clientes estão relacionadas a desempenho de produtos e/ou a preços e/ou investida da concorrência. Com o CRM/database marketing, utilizando-se de ferramental adequado, pode-se desenvolver soluções para retenção dos consumidores, Só após as estratégias, os dados e os processos estarem definidos é que se adquiri a tecnologia, que deve ser compatível com os níveis de exigência do negócio da empresa selecionando justamente aqueles que devem receber maior atenção, porque representam maior valor para a empresa. Se isso fosse feito corretamente, naturalmente seria mudado o quadro atual, onde estimo que menos de 5% das empresas tratam os seus consumidores de forma diferenciada. Ao tratar todo mundo de forma igual, os clientes que merecem mais ficam mais insatisfeitos e os que merecem menos ficam muito satisfeitos. A perversidade dessa abordagem é que os melhores clientes não irão fazer propaganda positiva da empresa enquanto os piores irão fazer a maior divulgação. Como a melhor propaganda é a do beijo, também conhecida por boca a boca, no longo prazo, a empresa vai encher a sua carteira de clientes ruins, indicados pelos atuais clientes ruins e deixar de atrair bons clientes que não foram indicados pelos melhores clientes. Revista Marketing Direto - O que são e qual a importância dos conceitos Lifetime Value e Custo Permissível? Eduardo Ramalho - O LTV (Lifetime Value) como a própria expressão indica determina o valor do cliente para a empresa ao longo do tempo e é um poderoso instrumento para selecionar, entre inúmeras possibilidades de se relacionar com os consumidores, as ações que devem ser priorizadas. O Custo Permissível é uma informação decorrente do LTV e ajuda as empresas a otimizar suas verbas de marketing projetando o patamar limite de investimentos para empreender uma atividade para que ela não acarrete prejuízo, assim como melhora a eficiência de sua alocação. Ou seja, com o Custo Permissível as empresas só irão realizar investimentos proporcionais ao retorno que cliente oferece. Fazendo um gancho com a pergunta anterior, o LTV e custo permissível ajudam as empresas a selecionar os melhores clientes e a gastar aquilo que for proporcional ao seu retorno, garantindo dessa forma o tratamento diferenciado para clientes diferentes. Com isso, realizase o sonho de consumo das empresas. 12 Marketing Direto

13

14 ARTIGO QUANDO O BOM ATENDIMENTO DEPENDE DO ENTENDIMENTO POR BERNARDO CANEDO* É verdade que aparelhos japoneses de última geração já nos deixaram muitas vezes de queixo caído. É também verdade que a tecnologia evoluiu muito mais nos últimos 50 anos que nos 100 anos anteriores; e numa espiral virtuosa: novas tecnologias são desenvolvidas que permitem novas descobertas, que alavancam tecnologias ainda mais modernas. Porém, quanto mais rápido a tecnologia se desenvolve, menor é sua capacidade de surpreender. Já tem muito tempo entre a época em que o homo sapiens percebeu a utilidade de seu polegar opositor e o lançamento do novo celular que faz ligações e tira fotografias. Agora, novas tecnologias são desenvolvidas e ficam obsoletas em pouquíssimo tempo. E o tempo de reação do mercado às novas descobertas é muito pequeno: o que uma indústria desenvolve hoje, seu concorrente copia (e melhora!) na semana seguinte. Na verdade, hoje o mundo experimenta uma comoditização generalizada. É cada vez menor a diferença entre produtos concorrentes, seja porque são produtos de tecnologia, seja porque a tecnologia está diretamente ligada ao processo de fabricação, beneficiamento ou distribuição. Os produtos tornaram-se mais baratos, mais acessíveis e mais parecidos. Isto nos leva a ampliar a discussão para outra esfera: se os produtos são cada vez mais parecidos, o que diferencia um vendedor do outro? Como um pequeno varejista consegue se manter no mercado, se na briga por preço o grande varejista leva vantagem? A resposta é simples: em um mundo de commodities, o diferencial está no atendimento. O atendimento é a etapa do processo de venda mais difícil de ser replicada. Concorrentes podem construir lojas igualmente luxuosas ou simples, podem desenvolver formas mirabolantes de pagamento; enfim, itens perfeitamente replicáveis. Porém, as empresas tentam fabricar um sorriso na cara do vendedor e exigem um obrigado automático, mas não conseguem fabricar empatia. A receita de um bom atendimento tem muitos ingredientes, mas invariavelmente passa pelo velho hábito de Pensar Como Cliente. Esta atitude deveria estar acima dos objetivos de resultado da empresa: pensando como cliente, o vendedor se coloca no lugar do consumidor e, conseqüentemente, cria empatia. Cliente bem atendido desenvolve um vínculo emocional com a empresa e passa recomendar a experiência ao seu círculo de conhecimento. E os resultados aparecem naturalmente. Mas o exercício de Pensar Como Cliente traz consigo algumas necessidades primárias. Criar empatia ou saber colocar-se no lugar dos consumidores exige que se reconheça que cada cliente (ou grupo de clientes) tem perfil, crenças, valores e necessidades diferentes e que essas características se manifestam de formas diferentes em cada empresa com quem o cliente se relaciona. Ou seja, a percepção de um bom atendimento pelo cliente cresce na mesma medida em que a empresa se dispõe a conhecê-lo melhor, a entendê-lo. É neste momento que a importância de um bom entendimento do cliente equipara-se à importância de um bom atendimento. É neste momento em que aqueles gigabytes de informações de transações comerciais que os sistemas de venda guardam passam a ser um ativo tão importante quanto o próprio cadastro do cliente. Juntas, as informações de cadastro e de transações dos clientes, quando bem manipuladas e analisadas, tornam-se uma arma poderosíssima para otimizar o relacionamento entre uma empresa e seus consumidores. Quando os vendedores finalmente entendem seus clientes e reconhecem suas idiossincrasias, conseguem perceber quais são os produtos mais afeitos ao perfil de cada um, qual cliente valoriza cada oferta. Entender seus consumidores, portanto, deve ser a primeira etapa de uma empresa que pretende se diferenciar pelo atendimento. E, graças às tais novas tecnologias e modelos mais modernos de negócios, colocar este discurso em prática não é tão difícil quanto o desenvolvimento do primeiro computador foi. * Sócio-diretor da DTM Marketing de Relacionamento, divisão da Direct Talk focada no marketing de relacionamento ( 14 Marketing Direto

15

16 Vários profissionais foram visitar a exposição dos cases vencedores do Lions Direct Cannes 2005 INTEGRAÇÃO MARCA PREMIAÇÃO DO LIONS DIRECT Cases premiados e o Grand Prix foram apresentados durante seminário promovido pela ABEMD em São Paulo Integração é a palavra-chave que define as novas tendências do Marketing Direto, ao menos segundo ficou evidenciado na maioria dos cases ganhadores de leões em Cannes. Quem acompanhou o seminário Lions Direct Cannes 2005 no Brasil promovido pela ABEMD, entre os dias 27 e 29 de setembro, no Centro Brasileiro Britânico, pôde constatar essa afirmação. Além da exposição e apresentação dos cases ganhadores de leões, o evento teve debates com profissionais de destaque no mercado de Marketing Direto. Foi uma excelente oportunidade para quem não foi a Cannes de tomar contato com as novas tendências do Marketing Direto e verificar a linha de criação adotada pelos trabalhos vencedores, os processos de execução, a inventividade das peças e os resultados alcançados. No primeiro dia, ficou a cargo de Sidney Ribeiro, VP e diretor de criação da Fábrica Comunicação Dirigida e jurado em Cannes deste ano, apresentar os cases que ganharam leão de ouro e o Grand Prix (veja o resumo dos cases ouro nas próximas páginas). Há quatro anos, quando o Lions Direct foi lançado, ele tinha apenas uma pequena sala de conferência. Nesta edição, vimos uma imensa sala completamente lotada, lembrou Ribeiro logo no início de sua palestra como confirmação da importância que Marketing Direto vem ganhando no mundo. Cannes era o comercial de 30 segundos, agora.... Ribeiro lembrou que neste ano foram peças inscritas avaliadas por 50 profissionais em todo o planeta, para restarem 600 em Cannes. Destas, o corpo de 20 jurados escolheu 120 para premiação. Seis trabalhos brasileiros integraram o 16 Marketing Direto

17 short list, um dos quais em duas categorias, número nunca antes alcançado pelo país (veja nas próximas páginas o resumo de todos os cases brasileiros). Em sua mensagem final, Ribeiro reproduziu uma frase do presidente do júri, Fred Koblinger, da Áustria: Nós sabemos como mudar comportamentos. Isso é o futuro. Kawaii Alice Leite, diretora de criação experiente, que apresentou na seqüência os cases vencedores de leão de bronze, esteve em Cannes e também destacou uma frase de Koblinger Esqueçam a mala direta, quando ele se referiu às novas tendências apontadas no evento, mas lembrou que ela (a mala direta) não morre quando se tem uma grande idéia. Em seguida, a VP e diretora de criação da Fábrica Comunicação Dirigida, Marisa Furtado, apresentou o que viu em Cannes e considera uma nova tendência na comunicação de uma forma geral e não apenas no Marketing Direto. Trata-se da expressão japonesa Kawaii, que significa: criando escultura para a nossa criança. Para a criança que existe dentro de nós, acentuou ela. Os exemplos dessa tendência são inúmeros, como Hello Kitty, que tem 600 pedidos de licenciamento por mês e gera US$ 1 bilhão de receitas por ano, e Pókemon, com seus games produzindo US$ 5 bilhões pelo mundo afora. O próprio Grand Prix de propaganda (do motor diesel Honda, feito em animação) mostra essa tendência. Esse primeiro dia foi encerrado com um debate, entre os criativos, Sidney Ribeiro, Alice Leite e o VP de criação da Rapp Collins, André Pasquali, no qual ficou evidenciado que as novas tecnologias e técnicas de abordagem com o consumidor apontam para um novo negócio. Enquanto Ribeiro reafirmou sua crença na integração dos meios e no envolvimento do consumidor, Alice destacou o quanto é difícil tirar um consumidor de uma marca quando o trabalho de relacionamento é bem feito. Por sua vez, Pasquali lembrou a necessidade cada vez maior de criar experiências com as marcas. Precisamos criar conteúdos cada vez mais instigantes para assim podermos prender os consumidores, afirmou. Debate O segundo dia começou com as apresentações dos cases de prata, feitas pelo redator Miguel Genovese, da OgilvyOne, e pelo presidente da Salem, Márcio Salem, que também mostrou seus cases finalistas. Na seqüência, a diretora de planejamento da Datamidia,FCBi, Patricia Marinho, fez um importante relato de tudo o que foi dito nas palestras em Cannes, também com destaque para as propostas de integração e inovação. Por fim, o debate do final do dia contou com as presenças do VP de planejamento e atendimento da Fábrica Comunicação Dirigida, Luiz Buono, Márcio Salem e o diretor de planejamento e atendimento da US.COM, Ricardo Musumeci. Eles discutiram principalmente a integração como tendência, que Buono defende como o futuro do Marketing Direto, embora Salem discorde, afirmando que vários cases com apenas malas diretas também fizeram jus a premiações, o que demonstra que sobretudo é a necessidade do cliente que fala mais alto. Veja a seguir os cases que levaram leão de ouro e os cases brasileiros finalistas na premiação. Confira os palestrantes e debatedores que participaram do evento da ABEMD nos dias 27 e 28 de setembro: Apresentadores Cargo e Empresa Alice Leite Diretora de criação e coordenadora do evento André Pasquali VP de criação da Rapp Collins Luiz Buono VP de planejamento e atendimento da Fábrica Comunicação Dirigida Márcio Salem Presidente e diretor de criação da Salem Marisa Furtado VP e diretora de criação da Fábrica Comunicação Dirigida Miguel Genovese Redator da OgilvyOne Patricia Marinho Diretora de planejamento da Datamidia,FCBi Ricardo Musumeci Diretor de planejamento e atendimento da US.COM Sidney Ribeiro VP e diretor de criação da Fábrica Comunicação Dirigida 17 Marketing Direto 17

18 Cases Premiados no Lions Direct 2005 Veja a seguir a relação completa dos cases premiados na categoria de Marketing Direto do Festival de Cannes. No total foram 1 Grand Prix, 9 ouros, 14 pratas e 25 bronzes. Categoria Nome do Case Agência Cliente País Troféu Bens de Consumo Hello Period! Draft Sweden O.B. Tampons Suécia Bronze The First Media Choice The Fan Club Sydsvenskan Daily News Suécia Ouro Business-to-Business We Miss You Proximity BBDO Boulogne-Billancourt Proximity BBDO França Prata Propaganda & Mídia 103,823 Images ANR.BBDO Pang!Pang! Suécia Bronze Water Glass Orchestra Set Colenso BBDO Liquid Studios Nova Zelândia Bronze Channel Hopper Nordpol Hamburg Agentur Fur Kommunikation Renault Nissan Deutschland Alemanha Ouro Carros Coke Can Springer & Jacoby Werbung Daimlerchrysler Vertriebsorganisation Deutschland Alemanha Prata Ice Tray Proximity London Volkswagen UK Reino Unido Bronze Not For Sale PPGH JWT Group BMW Group Netherlands Holanda Bronze Nails Ogilvy & Mather Debra Austria Áustria Prata DRTV Gel Tv Aimaq.Rapp.Stolle Asics Europe/Netherlands Alemanha Bronze We Gave Blood BMF Advertising Australian Red Cross Blood Service Austrália Bronze Geração de Trafego Worst Boyfriend DDB New Zealand NZ Girl Nova Zelândia Ouro Impressos de Bullet Hole Through Magazine Miles Calcraft Briginshaw Duffy Metropolitan Police Service Reino Unido Bronze Resposta Direta Infomerciais Hardcore JWT Cheethambell Scruffs Reino Unido Bronze Lançamento de Produto Channel Hopper Nordpol Hamburg Agentur Fur Kommunikation Renault Nissan Deutschland Alemanha Grand Prix Mala Direta Ozone 10am Communications Singapore Environment Council Singapura Ouro Bolt-On Mailing Harrison Troughton Wunderman Microsoft Reino Unido Prata What Do You Get From F.A.Z. Sized Ads? Scholz & Friends Frankfurter Allgemeine Zeitung Alemanha Prata Mala Direta Soaring Feelings OgilvyOne Worldwide Oper Frankfurt Alemanha Bronze Tridimensional The First Media Choice The Fan Club Sydsvenskan Daily News Suécia Bronze Marketing de Guerrilha One Cup Bra DDB Brussels Ligue Contre Le Cancer Bélgica Ouro Bubble Wrap Day Rapp Collins Seeing Eye Dogs Australia Austrália Prata Mídia Alternativa Umbrella AD Planet Group Nature Society of Singapore Singapura Prata Invisible Wheels Wunderman Argentina Lojack Argentina Bronze Pillowcase Publicis Denny s Estados Unidos Bronze Organizações Sem Dangerous World Ogilvy & Mather Debra Austria Áustria Ouro Fins Lucrativos Bubble Wrap Day Rapp Collins Melbourne Seeing Eye Dogs Australia Austrália Bronze Stolen Future Net#Work BBDO Childline África Do Sul Bronze Outros Produtos Devoted Diesel Guru Bicycle Corp Canadá Ouro de Consumo A Stranger s Been Through Your Mail Harrison Troughton Wunderman Court Security Reino Unido Bronze Where s My Aerobie? George Patterson Partners Crown & Andrews Austrália Bronze Outros Serviços Skyhigh Nicessities Wongdoody Alaska Airlines Estados Unidos Ouro de Consumo Straws Leo Burnett Greater China Y+ Yoga Centre China Prata Candy Box Matter & Partner Tribis Dog School Suíça Bronze Produtos Business- Resignation Letter Publicis Mojo Hewlett-Packard Nova Zelândia Prata to-business This Cup Is Not My Cup!!! CP Comunicacion Proximity - Proximity Worldwide Nokia Spain Espanha Bronze Publicações & Mídia Wooden Plank TBWA\Paris Karate Bushido França Prata Serviços Business- Magic Trick Proximity Dec Nuñez Y Navarro Espanha Prata to-business Recruiting Pencil Ruf Lanz Werbeagentur Mckinsey & COMPANY Suíça Prata Phone Numbers Ruf Lanz Werbeagentur Mckinsey & COMPANY Suíça Bronze Serviços Públicos Comerciais Rocky 12snap Germany Nokia Alemanha Bronze Soluções Integradas Still Here OgilvyOne Worldwide Cancer Research UK Reino Unido Ouro It s Gonna Get Dirty JWT Cheethambell Scruffs Reino Unido Prata Referendum Plus Shackleton Direct Spanish Government Youth Council Espanha Bronze Tecnologia da Informação Onenote Virals MRM Partners UK Microsoft Reino Unido Prata Money Money Money OgilvyOne Sap Polska Polônia Bronze Varejo Bicycle Inspection Goss Cykelspec Suécia Bronze Crisply Folded Shirt Rodgers Townsend Pleats Finest Cleaners Estados Unidos Bronze 18 Marketing Direto

19 OS GRANDES PREMIADOS Confira agora as nove campanhas que conquistaram leões de ouro no Lions Direct: Channel Hopper, da Alemanha, também vencedor do Grand Prix; Devoted, do Canadá; Skyhight Nicessities, dos Estados Unidos; The First Media Choice, da Suécia; Dangerous World, da Áustria; Ozone, de Singapura; One Cup Bra, da Bélgica; Still Here, do Reino Unido; e Worst Boyfriend, da Nova Zelândia. Channel Hopper O objetivo era criar um evento televisivo chamando a atenção para o lançamento do Renault Modus visando gerar test-drives via Internet. O slogan do Modus Não finja ser tão adulto deveria ser mantido. O público-alvo é composto por pessoas que tem espírito jovem e que gostam de quebrar as regras do dia-a-dia. Duas versões ligeiramente diferentes de um filme publicitário foram transmitidas paralelamente em duas emissoras de televisão - feliz e triste. Os dois filmes foram veiculados em absoluta sincronia. Através de trailers os telespectadores foram solicitados a participar do evento Modus através da mudança de canal para perceber as diferenças entre os dois filmes. Pela primeira vez na televisão alemã, mudar de canal tornou-se o princípio básico e um divertimento. O final do filme era mostrado no site onde o carro apareceu pela primeira vez. O filme teve 8 milhões de telespectadores. A fase teaser levou 820 mil pessoas a visitarem o site. Até o lançamento foram registrados cadastros no banco de dados do site. A cobertura de imprensa (72 publicações com investimento total de 49 milhões) quase dobrou o valor da mídia. Com a quebra de regras, sendo divertido, criativo e o desafio de zapear filmes, intensificaram o espírito da campanha do Modus, encorajando a descoberta e a participação. Ficha Técnica Categoria: Lançamento de Produtos e Carros País: Alemanha Produto/Serviço: Renault Modus Agência: Nordpol Hamburg Agentur Fur Kommunikation Anunciante: Renault Nissan Deutschland Troféu: Grand Prix na categoria Lançamento de Produtos e Ouro em Carros 19 Marketing Direto 19

20 Devoted O problema da Guru tinha duas faces. Primeiro, precisava de uma imagem de marca exclusiva e forte que revelasse a mais profunda verdade sobre o ciclismo e depois, que era especializada em bicicletas de última geração. E mais: é essencial para marcas que vendem bicicletas deste tipo dar uma atenção especial aos clientes, devido ao alto custo (entre e dólares) e a importância dada para selecionar uma bicicleta que seja perfeitamente adaptada às necessidades dos clientes. Além disso, oportunidades de up-sell e cross-sell são comuns para este tipo de target. A Guru focou a campanha de relacionamento na idéia de paixão por ciclismo: Além de técnica. Espiritual. Foi decidido construir um relacionamento privilegiado com os proprietários das bicicletas Guru usando três itens que iriam favorecer a associação à marca. Primeiro um cartão welcome foi pendurado na armação de cada bicicleta. Cada cartão, que continha um código especial, fornecia acesso privilegiado para o segundo passo, que era um hotsite mostrando a experiência da marca. Depois de completar um pequeno formulário usado para criar um database, os consumidores recebiam um livro de mesa de centro terceiro item. Dessa forma, Guru favoreceu a propaganda bocaa-boca que tem uma significativa influencia nessa comunidade. Normalmente, a indústria é concentrada em atributos técnicos. A abordagem da Guru foi baseada nos aspectos espiritual e apaixonado do esporte. O humor natural e a aura quase sagrada da criação artística mostraram o esporte como uma cultura única para os verdadeiros fãs, dando à Guru uma forte imagem de marca. Guru teve um aumento de 20% nas vendas. Mais da metade dos livros foram pedidos pelos novos proprietários de bicicletas Guru. O novo hotsite recebeu 4 mil visitantes, o que é considerado um número incrível para um segmento de nicho como este. Ficha Técnica Categoria: Outros Produtos de Consumo País: Canadá Produto/Serviço: Bicicletas profissionais de última geração Agência: Diesel, Montreal Anunciante: Guru Bicycle Corp Troféu: Ouro The First Media Choice Em um competitivo mercado de mídia e propaganda é vital para o crescimento um relacionamento efetivo com os clientes. O público-alvo do Sydsvenskan Daily News é composto por agências de mídia, agências de propaganda e anunciantes - um grupo que normalmente é muito difícil de agradar. O objetivo da campanha era lembrá-los que quando ele tem alguma coisa importante para dizer ao mundo, eles devem escolher o Sydsvenskan Daily News. O objetivo era alcançar somente as pessoas influentes do negócio. Decidiu-se ter uma aproximação baseada no senso de comunidade e escolheu-se enfatizar um dia muito importante na vida destas pessoas: seu nascimento. Na Suécia é comum veicular um anúncio de nascimento na coluna de aniversários do jornal local, para marcar este importante dia. Com base nisso, o público-alvo recebeu um embrulho com o próprio anúncio do seu nascimento com um lembrete simples que Sydsvenskan Daily News é a primeira escolha de mídia. A taxa de resposta foi fantástica, quase todos (mais de 90%) responderam ou ligaram para expressar seus agradecimentos. Alguns comentários: Talvez a melhor mala direta enviada para mim, Até a minha mãe ficou comovida, Eu fiquei totalmente surpreso, Que grande idéia. Me fez muito feliz, Eu queria agradecer pelo pacote com meu primeiro anúncio. Que idéia adorável!. Ficha Técnica Categoria: Business to Business - Propaganda e Mídia País: Suécia Produto/Serviço: Anúncio em jornal Agência: The Fan Club, Malmo Anunciante: Sydsvenskan Daily News Troféu: Ouro e também Bronze na categoria Mala Direta Tridimensional 20 Marketing Direto

Estratégias de Comunicação para Micro e Pequenas Empresas

Estratégias de Comunicação para Micro e Pequenas Empresas Estratégias de Comunicação para Micro e Pequenas Empresas SEGMENTOS DE ATUAÇÃO Encomendas Mensagens Financeiro Digital Logística Integrada Conveniência Marketing Direto Serviços Internacionais SEGMENTOS

Leia mais

Os tempos mudaram. Campanha de valorização

Os tempos mudaram. Campanha de valorização Campanha de valorização Os tempos mudaram Terceira fase da Campanha de Valorização do Marketing Direto enfatiza a revolução nas formas de conquistar o público e a proximidade da disciplina com as novas

Leia mais

Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora

Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora Afinal, tudo começa em sua maneira de pensar. E marketing é isto, uma questão de posicionamento. PROPOSTA DE SERVIÇOS Logotipos Web Sites Lojas

Leia mais

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes Mais que implantação, o desafio é mudar a cultura da empresa para documentar todas as interações com o cliente e transformar essas informações em

Leia mais

3 DICAS QUE VÃO AJUDAR A POUPAR DINHEIRO EM SEU PRÓXIMO PROJETO DE VÍDEO

3 DICAS QUE VÃO AJUDAR A POUPAR DINHEIRO EM SEU PRÓXIMO PROJETO DE VÍDEO 3 DICAS QUE VÃO AJUDAR A POUPAR DINHEIRO EM SEU PRÓXIMO PROJETO DE VÍDEO Fazer vídeos hoje em dia já não é o bicho de 7 cabeças que realmente foi a pouco tempo atrás. Nesse e-book você vai começar a aprender

Leia mais

E-book Internet Marketing que Funciona Página 1

E-book Internet Marketing que Funciona Página 1 E-book Internet Marketing que Funciona Página 1 Produção Este E-book é Produzido por: Sérgio Ferreira, administrador do blog: www.trabalhandoonline.net Visite o site e conheça várias outras Dicas GRÁTIS

Leia mais

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL DICAS PARA DIVULGAR SUA EMPRESA E AUMENTAR AS VENDAS NO FIM DE ANO 7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL Sumário Apresentação Capítulo 1 - Crie conteúdo de alta

Leia mais

Módulo 4 CRM. [ Customer Relationship Management ]

Módulo 4 CRM. [ Customer Relationship Management ] Módulo 4 CRM [ Customer Relationship Management ] Sumário Introdução pág. 01 1. Definição 2. Por que usar o CRM?? 3. Cadastro pág. 02 pág. 02 pág. 02 4. Tipos de CRM CRM pág. 04 4.1 Operacional: Criação

Leia mais

Guia completo para o sucesso de sua loja de veículos: dicas de como ter sucesso e manter uma alta lucratividade neste segmento

Guia completo para o sucesso de sua loja de veículos: dicas de como ter sucesso e manter uma alta lucratividade neste segmento Guia completo para o sucesso de sua loja de veículos: dicas de como ter sucesso e manter uma alta lucratividade neste segmento Introdução Planejamento Divulgando sua loja Como fechar as vendas Nota Fiscal

Leia mais

REGULAMENTO 1º FESTIVAL IGUASSU DE COMUNICAÇÃO FIC 2015.

REGULAMENTO 1º FESTIVAL IGUASSU DE COMUNICAÇÃO FIC 2015. REGULAMENTO 1º FESTIVAL IGUASSU DE COMUNICAÇÃO FIC 2015. OBJETIVO: O FIC - Festival Iguassu de Comunicação tem o objetivo de incentivar a COMUNICAÇÃO criativa na região. Trazendo profissionais gabaritados

Leia mais

Regulamento 2015 das Categorias Audio e Cyber CATEGORIA AUDIO

Regulamento 2015 das Categorias Audio e Cyber CATEGORIA AUDIO Regulamento 2015 das Categorias Audio e Cyber CATEGORIA AUDIO A Associação dos Profissionais de Propaganda de Ribeirão Preto, entidade sem fins lucrativos, CNPJ 54164348/0001-43, edita o presente regulamento

Leia mais

ÁREA TÍTULO OBJETIVO SINOPSE RH - Liderança 1- OS 10 PAPÉIS DE UM LÍDER Trabalhar a liderança de acordo com a situação apresentada.

ÁREA TÍTULO OBJETIVO SINOPSE RH - Liderança 1- OS 10 PAPÉIS DE UM LÍDER Trabalhar a liderança de acordo com a situação apresentada. ÁREA TÍTULO OBJETIVO SINOPSE RH - Liderança 1- OS 10 PAPÉIS DE UM LÍDER Trabalhar a liderança de acordo com a situação apresentada. Best - Seller com milhares de cópias vendidas. Prático, dinâmico, com

Leia mais

sucesso A chave para o

sucesso A chave para o Novembro/2006 Edição nº 57 - Ano VI R$ 8,00 ENTREVISTA Antônio Cordeiro, da Simonsen Associados, conta novidades sobre o trabalho de campo dos Indicadores ABEMD A chave para o sucesso Num cen rio de alta

Leia mais

Tecnologia no Varejo: Oportunidades e Desafios

Tecnologia no Varejo: Oportunidades e Desafios Seminário GVcev Tecnologia no Varejo: Oportunidades e Desafios Tema: Tecnologia para Entender e Atender o consumidor Palestrante: Paulo Nassar HISTÓRICO Cobasi uma empresa brasileira Iniciou suas atividades

Leia mais

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO!

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! Como deixar seu negócio on-line Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! A palavra de ordem das redes sociais é interação. Comparando a internet com outros meios de comunicação em massa como

Leia mais

Prêmios Internacionais. cobertura

Prêmios Internacionais. cobertura Prêmios Internacionais cobertura Festivais Inegavelmente, o Brasil é uma potência criativa global. Essa posição de destaque tem se consolidado ainda mais nos últimos anos e a grande vitrine desse processo

Leia mais

apresentam: Marketing de Conteúdo para Startups: O GUIA DEFINITIVO

apresentam: Marketing de Conteúdo para Startups: O GUIA DEFINITIVO apresentam: Marketing de Conteúdo para Startups: O GUIA DEFINITIVO ÍNDICE Sobre Marketing de conteúdo Montando uma estratégia Funil de vendas digital Escolhendo os canais Tirando do papel Sobre Marketing

Leia mais

COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE.

COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE. COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE. e ainda aumentar o numero de cliques em seu anúncio Por Maurício Oliveira www.empreendernaweb.com.br M a u r í c i o O l i v

Leia mais

MIDIA KIT. Aqui você fica atualizado. www.noticiasdealagoinhas.com.br

MIDIA KIT. Aqui você fica atualizado. www.noticiasdealagoinhas.com.br MIDIA KIT Aqui você fica atualizado. www.noticiasdealagoinhas.com.br Sobre nosso site O Notícias de Alagoinhas hoje é o portal mais completo da cidade. Somos um Canal de comunicação online que integra

Leia mais

ÍNDICE. Sumário. Apoios. Media Partners. Dados Gerais. Conferência. Expositores. Visitantes. Campanha de Marketing. Mídia Espontânea.

ÍNDICE. Sumário. Apoios. Media Partners. Dados Gerais. Conferência. Expositores. Visitantes. Campanha de Marketing. Mídia Espontânea. ÍNDICE Sumário Apoios Media Partners Dados Gerais Conferência Expositores Visitantes Campanha de Marketing Mídia Espontânea Imagens 2 Sumário O Evento A 7ª Edição da BRASIL OFFSHORE - Feira e Conferência

Leia mais

Integrada de Marketing. UNIBAN Unidade Marte Disciplina: Planejamento de Campanha Prof. Me. Francisco Leite Aulas: 31.03.11

Integrada de Marketing. UNIBAN Unidade Marte Disciplina: Planejamento de Campanha Prof. Me. Francisco Leite Aulas: 31.03.11 O Planejamento de Comunicação Integrada de Marketing UNIBAN Unidade Marte Disciplina: Planejamento de Campanha Prof. Me. Francisco Leite Aulas: 31.03.11 Agenda: Planejamento de Comunicação Integrada de

Leia mais

SMS Marketing. Manual Clube Turismo JULHO / 2012

SMS Marketing. Manual Clube Turismo JULHO / 2012 JULHO / 2012 Manual Clube Turismo SMS Marketing Mais eficaz do que TV, rádio, panfleto, outdoor ou qualquer mídia criada pelo homem. Nada se compra à praticidade de uma mensagem de celular. Afinal, o celular

Leia mais

ROI COMO SABER DEFINITIVAMENTE O RESULTADO DAS AÇÕES DE MARKETING DO SEU E- COMMERCE. Por: Alexandre Maldonado

ROI COMO SABER DEFINITIVAMENTE O RESULTADO DAS AÇÕES DE MARKETING DO SEU E- COMMERCE. Por: Alexandre Maldonado ROI COMO SABER DEFINITIVAMENTE O RESULTADO DAS AÇÕES DE MARKETING DO SEU E- COMMERCE Por: Alexandre Maldonado Autor do site Marketing para E- commerce www.marketingparaecommerce.com.br TERMOS DE RESPONSABILIDADE

Leia mais

Marketing Direto faz bem para a saúde

Marketing Direto faz bem para a saúde capa Marketing Direto faz bem para a saúde Hospitais e laboratórios têm encontrado no Marketing Direto uma forma eficaz de comunicação, sem cair nas restrições da Anvisa. Levando-se em consideração que

Leia mais

ÍNDICE. Sumário. Expositores. Marketing e Comunicação. Galeria de Fotos

ÍNDICE. Sumário. Expositores. Marketing e Comunicação. Galeria de Fotos POST SHOW REPORT ÍNDICE Sumário Expositores Visitantes Marketing e Comunicação Galeria de Fotos SUMÁRIO SUMÁRIO EXECUTIVO NOVIDADES DE ALTA TECNOLOGIA E NEGÓCIOS FECHADOS MARCAM A FENATRAN 2009 Maior evento

Leia mais

VIII PRÊMIO ANATEC REGULAMENTO

VIII PRÊMIO ANATEC REGULAMENTO VIII PRÊMIO ANATEC REGULAMENTO 1. DO PRÊMIO O Prêmio ANATEC é uma iniciativa da ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE EDITORES DE PUBLICAÇÕES - ANATEC e é organizado pela GARRIDO MARKETING. O prêmio tem amplitude nacional

Leia mais

ATENDIMENTO A CLIENTES

ATENDIMENTO A CLIENTES Introdução ATENDIMENTO A CLIENTES Nos dias de hoje o mercado é bastante competitivo, e as empresas precisam ser muito criativas para ter a preferência dos clientes. Um dos aspectos mais importantes, principalmente

Leia mais

Vantagens Competitivas com CRM

Vantagens Competitivas com CRM CRM CUSTOMER RELATIONSHIP MANAGEMENT Gestão do Relacionamento com o Cliente 1 Prof. Ms. Claudio Benossi www.benossi.com.br claudio@benossi.com.br 2 Reflexão sobre o Marketing 3 4 Marketing de Massa Anos

Leia mais

Como criar. um artigo. em 1h ou menos. Por Natanael Oliveira

Como criar. um artigo. em 1h ou menos. Por Natanael Oliveira Como criar um artigo em 1h ou menos Por Natanael Oliveira 1 Como escrever um artigo em 1h ou menos Primeira parte do Texto: Gancho Inicie o texto com perguntas ou promessas, algo que prenda atenção do

Leia mais

Mercadologia capítulo IV

Mercadologia capítulo IV Mercadologia capítulo IV Por quanto vender? Muitas empresas, especialmente as varejistas, adotam a estratégia de redução de preços para aumentar suas vendas e não perder mercado para a concorrência. Mas

Leia mais

Campanha Multimédia de Promoção e Educação

Campanha Multimédia de Promoção e Educação Campanha Multimédia de Promoção e Educação O seguinte é uma campanha anual de promoção usando variedade de táticas para alcançar grandes grupos de dentistas através de técnicas sofisticadas de publicidade,

Leia mais

PESM PROJETO EU SOU DE MINAS PROPOSTA DE PARCERIA

PESM PROJETO EU SOU DE MINAS PROPOSTA DE PARCERIA PESM PROJETO EU SOU DE MINAS PROPOSTA DE PARCERIA Prestação de Serviço de Configuração de Portal de Cidade VISÃO GERAL PESM Projeto Eu Sou de Minas tem a satisfação de enviar esta proposta de serviços

Leia mais

Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça?

Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça? Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça? Caro amigo (a) Se sua empresa está sofrendo com a falta de clientes dispostos a comprar os

Leia mais

Atividade - Sequência Conrado Adolpho

Atividade - Sequência Conrado Adolpho Atividade - Sequência Conrado Adolpho Agora, eu quero lhe apresentar os 6 e-mails do conrado adolpho para vender o 8ps. Quero que você leia está sequência com muita atenção e, depois, responda às provocações

Leia mais

Apresentação da Disciplina

Apresentação da Disciplina Mídia - 2015.1 Nilmar Figueiredo 1 2 3 4 Calendário Acadêmico Comentários Apresentação da Disciplina Sistema de Avaliação 1 - Apresentação da Disciplina O que é Mídia? Departamento de Mídia - Organização

Leia mais

e-book E-MAIL MARKETING Como alavancar suas vendas utilizando o de forma eficaz. por Paula Tadeu

e-book E-MAIL MARKETING Como alavancar suas vendas utilizando o de forma eficaz. por Paula Tadeu e-book Como alavancar suas vendas utilizando o E-MAIL MARKETING de forma eficaz. por Paula Tadeu ÍNDICE INTRODUÇÃO... O QUE É E-MAIL MARKETING?... PRÉ-REQUISITOS INDISPENSÁVEIS... MÃOS À OBRA: TRANSFORMANDO

Leia mais

http://www.wikiconsultoria.com.br/100-motivos-implantar-crm/

http://www.wikiconsultoria.com.br/100-motivos-implantar-crm/ Dando continuidade a nossa série de artigos dos 100 motivos para implantar um CRM, chegamos a nossa quinta parte, porém como ainda faltam 32 motivos resolvemos liberar a quinta parte em duas etapas para

Leia mais

Prêmios Internacionais. cobertura

Prêmios Internacionais. cobertura Prêmios Internacionais cobertura Festivais Inegavelmente, o Brasil é uma potência criativa global. Essa posição de destaque tem se consolidado ainda mais nos últimos anos e a grande vitrine desse processo

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

O Cliente ao alcance do mouse!

O Cliente ao alcance do mouse! Capítulo 11 e-crc uma importante ferramenta de marketing A minha vivência, como consultor, pôs a descoberto duas das grandes dores de cabeça dos empresários a prospecção e comunicação com clientes. Todos,

Leia mais

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social Não há dúvidas de que as tecnologias sociais têm um impacto substancial no modo como as empresas funcionam atualmente.

Leia mais

Atraindo Negócios Pela Internet

Atraindo Negócios Pela Internet Atraindo Negócios Pela Internet Sobre o que vamos falar hoje: Quais os principais recursos digitais disponíveis e como utilizá-los para atrair prospects e novos clientes para nosso negócio Produtos para

Leia mais

Otimismo, confiança e cautela

Otimismo, confiança e cautela CAPA Otimismo, confiança e cautela A crise econômica eclodida em setembro passado não foi suficiente para abalar a confiança do mercado de Marketing Direto, até mesmo porque é nas crises que a disciplina

Leia mais

Custom Publishing Por que minha organização deve ter uma publicação própria?

Custom Publishing Por que minha organização deve ter uma publicação própria? Custom Publishing O mercado das publicações próprias e suas (excelentes) oportunidades de negócios para as empresas antenadas de qualquer setor, com qualquer público Um guia de consulta rápida sobre a

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

Email Marketing: Dicas De Como Fazer De Uma Forma Que Funciona

Email Marketing: Dicas De Como Fazer De Uma Forma Que Funciona Email Marketing: Dicas De Como Fazer De Uma Forma Que Funciona O email marketing é uma das formas de marketing mais lucrativas que existem para pequenas, médias e grandes empresas e também para profissionais

Leia mais

A confluência dos vídeos e a Internet

A confluência dos vídeos e a Internet WHITEPAPER A confluência dos vídeos e a Internet Por que sua empresa deveria investir em vídeos em 2013 e como a Construção Civil pode utilizar os vídeos como diferencial competitivo. 1 Saiba como os vídeos

Leia mais

ARKETING INTERNET SEO CRIATIVIDADE AGÊNCIA CRIAÇÃO

ARKETING INTERNET SEO CRIATIVIDADE AGÊNCIA CRIAÇÃO DESIGN CRIAÇÃO AGÊNCIA USABILIDA ARKETING INTERNET SEO DIGIT CRIATIVIDADE DESDE 1999 NO MERCADO, A M2BRNET É UMA AGÊNCIA DE MARKETING DIGITAL ESPECIALIZADA EM SOLUÇÕES PERSONALIZADAS. SI ARQ Desde 1999

Leia mais

Preciso anunciar mais...

Preciso anunciar mais... Na maioria dos projetos que participamos, temos certeza de que quando o empreendedor inicia um trabalho de CRM, ele busca sempre é por uma vantagem competitiva: uma equipe de vendas mais eficiente, processos

Leia mais

- GUIA DO EMPRESÁRIO - Lucros Bons e Lucros Ruins

- GUIA DO EMPRESÁRIO - Lucros Bons e Lucros Ruins - GUIA DO EMPRESÁRIO - Lucros Bons e Lucros Ruins Planeta Contábil 2008 Todos os Direitos Reservados (www.planetacontabil.com.br) 1/5 Lucros Bons e Lucros Ruins Podemos pensar que lucrar é sempre bom,

Leia mais

Marketing Digital de resultado para PMEs. Monitoramento na Internet A arma competitiva das pequenas e médias empresas

Marketing Digital de resultado para PMEs. Monitoramento na Internet A arma competitiva das pequenas e médias empresas Monitoramento na Internet A arma competitiva das pequenas e médias empresas 1 Sumário I II V Porque monitorar? O que monitorar? Onde monitorar? Como engajar? 2 Por que Monitorar? 3 I II V Nas mídias sociais

Leia mais

INTRODUÇÃO. Desde que a imprensa surgiu, a comunicação se baseia na tecnologia:

INTRODUÇÃO. Desde que a imprensa surgiu, a comunicação se baseia na tecnologia: INTRODUÇÃO Desde que a imprensa surgiu, a comunicação se baseia na tecnologia: 1450 Imprensa de Gutemberg 1940 Primeiras transmissões na TV 1960 Internet começa a ser desenvolvida 1973 Primeira ligação

Leia mais

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex...

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... (/artigos /carreira/comopermanecercalmosob-pressao /89522/) Carreira Como permanecer calmo sob pressão (/artigos/carreira/como-permanecer-calmosob-pressao/89522/)

Leia mais

SHOW DE CIDADANIA Funcionários McDonald s realizam mais de 5300 ações Bom Vizinho na comunidade

SHOW DE CIDADANIA Funcionários McDonald s realizam mais de 5300 ações Bom Vizinho na comunidade Nome da empresa: McDonald s Comércio de Alimentos Ltda Data da Fundação: 1979 Número de funcionários: 34 mil Tempo como Franqueador/ Franqueado: 20 anos Localização: Sede: Barueri/ SP e 120 restaurantes

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS O que você vai encontrar nesta proposta: Problemas comuns em empresas que usam Google Adwords A solução está mais perto do que imagina Por que a Dynamo é a empresa

Leia mais

Não adianta falar inglês sem fazer sentido. 1

Não adianta falar inglês sem fazer sentido. 1 Não adianta falar inglês sem fazer sentido. 1 BOGUSZEWSKI, Luiza. 2 SCHETTERT, Gabriela Antunes. 3 MENEZES, Sérgio. 4 Universidade Positivo, Curitiba, PR. 2013 RESUMO Com a disseminação da cultura norte-americana

Leia mais

Trouxemos a ferramente perfeita para você que trabalha com Marketing Multinível e deseja ampliar a sua rede de relacionamentos.

Trouxemos a ferramente perfeita para você que trabalha com Marketing Multinível e deseja ampliar a sua rede de relacionamentos. Trouxemos a ferramente perfeita para você que trabalha com Marketing Multinível e deseja ampliar a sua rede de relacionamentos. QUEM SOMOS O Club do Click é uma empresa que atua no desenvolvimento de soluções

Leia mais

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce Você é do tipo que quer arrancar os cabelos toda vez que um concorrente diminui o preço? Então você precisa ler este guia rápido agora mesmo. Aqui

Leia mais

GESTÃO DE RELACIONAMENTO COM O CLIENTE

GESTÃO DE RELACIONAMENTO COM O CLIENTE GESTÃO DE RELACIONAMENTO COM O CLIENTE Professor Wagner Luiz Aula - Como obter sucesso em uma implementação de CRM e o Processo da Comunicação. Março de 2014 São Paulo -SP Call Center & CRM 2007 CRM: do

Leia mais

NO NEGÓCIO SAC TEXTO DE JULIANA KLEIN

NO NEGÓCIO SAC TEXTO DE JULIANA KLEIN NO NEGÓCIO SAC TEXTO DE JULIANA KLEIN 50 A ALMA DO NEGÓCIO Serviço de SAC eficiente é o que todos os clientes esperam e é no que todas as empresas deveriam investir. Especialistas afirmam: essa deve ser

Leia mais

A sua empresa em contato com o mundo. Ferramenta de envio de SMS

A sua empresa em contato com o mundo. Ferramenta de envio de SMS A sua empresa em contato com o mundo Ferramenta de envio de SMS A Talktelecom Líder na América Latina em telefonia computadorizada Compete no mercado desde 1992 com soluções em telecomunicações Em plena

Leia mais

Profa. Reane Franco Goulart

Profa. Reane Franco Goulart Sistemas CRM Profa. Reane Franco Goulart Tópicos Definição do CRM O CRM surgiu quando? Empresa sem foco no CRM e com foco no CRM ParaqueCRM é utilizado? CRM não é tecnologia, CRM é conceito! CRM - Customer

Leia mais

Introdução. Pra quem é esse ebook?

Introdução. Pra quem é esse ebook? Introdução Se você está lendo esse ebook é porque já conhece o potencial de resultados que o marketing digital e o delivery online podem trazer para a sua pizzaria. Bem como também deve saber que em pouco

Leia mais

FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING. Professor: Arlindo Neto

FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING. Professor: Arlindo Neto FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING Professor: Arlindo Neto Competências a serem trabalhadas GESTÃO DE MARKETING PUBLICIDADE E PROPAGANDA GESTÃO COMERCIAL FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM

Leia mais

Autoatendimento Digital. Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas.

Autoatendimento Digital. Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas. Autoatendimento Digital Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas. Oferece aos clientes as repostas que buscam, e a você,

Leia mais

UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO

UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO SAIR DO LUGAR-COMUM PÃO DE AÇÚCAR UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO Só em São Paulo, a associação que reúne os supermercados tem mais de 50 empresas cadastradas. As lojas se espalham com um volume impressionante.

Leia mais

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Redesenhando a forma como empresas operam e envolvem seus clientes e colaboradores no mundo digital. Comece > Você pode construir de fato uma

Leia mais

Oportunidades de Promoção e Branding

Oportunidades de Promoção e Branding Oportunidades de Promoção e Branding O principal evento mundial do setor latino-americano de viagens e turismo A WTM Latin America é um evento business-to-business (B2B) imperdível de três dias que promove

Leia mais

Campanha promocional Doutores da Alegria - Voluntáriado 1

Campanha promocional Doutores da Alegria - Voluntáriado 1 Campanha promocional Doutores da Alegria - Voluntáriado 1 Alexandre COELHO 2 Catarina CARVALHO 3 Danielle RIBEIRO 4 Leoni ROCHA 5 Paloma HADDAD 6 Professor/Orientador: Daniel CAMPOS 7 Universidade Fumec,

Leia mais

"TV digital não é panaceia" Valério Brittos deixa um vazio na Pesquisa da Comunicação

TV digital não é panaceia Valério Brittos deixa um vazio na Pesquisa da Comunicação "TV digital não é panaceia" Valério Brittos deixa um vazio na Pesquisa da Comunicação Carlos Alberto Moreira Tourinho* Valério Cruz Brittos nos deixou em 27 Julho de 2012, aos 48 anos. Jornalista, Professor

Leia mais

O futuro do YouTube - VEJA.com

O futuro do YouTube - VEJA.com Entrevista O futuro do YouTube 29/08/2009 10:49 Por Leo Branco Nesta semana, Chad Hurley, de 32 anos, um dos criadores do YouTube, esteve no Brasil e falou a VEJA sobre o futuro do maior site de vídeos

Leia mais

Este documento provê informação atualizada, e simples de entender, para o empreendedor que precisa iniciar ou avaliar suas operações online.

Este documento provê informação atualizada, e simples de entender, para o empreendedor que precisa iniciar ou avaliar suas operações online. Os segredos dos negócios online A Internet comercial está no Brasil há menos de 14 anos. É muito pouco tempo. Nesses poucos anos ela já mudou nossas vidas de muitas maneiras. Do programa de televisão que

Leia mais

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas?

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? 2 Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? É SOBRE ISSO QUE VOU FALAR NESTE TEXTO. A maioria das empresas e profissionais

Leia mais

Eficiência Operacional. Maximizar os relacionamentos. Foco estratégico. Novo foco estratégico

Eficiência Operacional. Maximizar os relacionamentos. Foco estratégico. Novo foco estratégico Estratégias de Relacionamento com clientes Marcelo Amorim Panorama Atual Agenda Tendências, Desafios e Globalização Sindrome da caixa de água Relacionamento com Clientes Gerenciamento de Riscos Novas tendências

Leia mais

Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente. para qualquer nível de profissional de marketing

Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente. para qualquer nível de profissional de marketing 3 Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente para qualquer nível de profissional de marketing Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente para qualquer nível de profissional de marketing

Leia mais

Aula 03 Gestão de Marketing

Aula 03 Gestão de Marketing Aula 03 Gestão de Marketing Análise SWOT, Segmentação de Mercado e Mix de Marketing Prof. Marcopolo Marinho Prof. Esp. Marcopolo Marinho Segmentação é a identificação sistemática de conjuntos e subconjuntos

Leia mais

está aqui! A solução para a sua marca Projeto gráfico Jornais Publicações customizadas Revistas www.editoranovagestao.com.br

está aqui! A solução para a sua marca Projeto gráfico Jornais Publicações customizadas Revistas www.editoranovagestao.com.br A solução para a sua marca está aqui! Editora www.editoranovagestao.com.br Publicações customizadas Revistas Edição de textos Jornais Diagramação Projeto gráfico revisão Criação de layouts Criação de textos

Leia mais

Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais

Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais Guia definitivo de ferramentas de Planejamento para Micro Empreendedores Individuais Introdução O Brasil já tem 4,7 milhões de microempreendedores individuais, segundo dados de janeiro de 2015 da Receita

Leia mais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais O que é ERP Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa,

Leia mais

Análise de Mercados Potenciais APRO Filmes Publicitários 2010/2011

Análise de Mercados Potenciais APRO Filmes Publicitários 2010/2011 Análise de Mercados Potenciais APRO Filmes Publicitários 2010/2011 Elaborado pela: Unidade de Inteligência Comercial - ic@apexbrasil.com.br Apex-Brasil Tel: +55 61 3426.0202 Fax: +55 61 3426.0263 www.apexbrasil.com.br

Leia mais

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO 1.1. O Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ) é um concurso jornalístico instituído pelo Sebrae Nacional Serviço Brasileiro

Leia mais

POR QUE OFERECER UM ATENDIMENTO MULTICANAL?

POR QUE OFERECER UM ATENDIMENTO MULTICANAL? POR QUE OFERECER UM ATENDIMENTO MULTICANAL? Por que oferecer um atendimento multicanal? Este livro reúne em uma única fonte dicas para inovar na experiência com clientes, de um jeito simples e prático;

Leia mais

Projetos culturais: desenvolvimento, captação e gestão

Projetos culturais: desenvolvimento, captação e gestão Projetos culturais: desenvolvimento, captação e gestão Módulo 4: Captação de recursos (parte 1) André Fonseca Santo André / maio 2009 Captação de recursos Fases anteriores à captação Preparação do projeto

Leia mais

COMO VENDER. A IMAGEM DA SUA ESCOLA Dicas que garantem a visibilidade da sua instituição

COMO VENDER. A IMAGEM DA SUA ESCOLA Dicas que garantem a visibilidade da sua instituição BP COMO VENDER A IMAGEM DA SUA ESCOLA Dicas que garantem a visibilidade da sua instituição PRODUTOS EDUCACIONAIS MULTIVERSO Avenida Batel, 1750 Batel CEP 80420-090 Curitiba/PR Fone: (41) 4062-5554 Editor:

Leia mais

Curso Completo de Marketing Multinível MARKETING DE ATRAÇÃO

Curso Completo de Marketing Multinível MARKETING DE ATRAÇÃO Curso Completo de Marketing Multinível MARKETING DE ATRAÇÃO MARKETING DE ATRAÇÃO Uma das estratégias mais poderosas que você pode usar para trabalhar com contatos frios é o marketing de atração. Esse é

Leia mais

7ª Edição. A evolução da cobrança: os desafios de um segmento em consolidação. 17 de Julho. HB Hotels São Paulo

7ª Edição. A evolução da cobrança: os desafios de um segmento em consolidação. 17 de Julho. HB Hotels São Paulo 7ª Edição A evolução da cobrança: os desafios de um segmento em consolidação 17 de Julho HB Hotels São Paulo Patrocínio Gold Patrocínio Bronze Apoio Realização Perfil dos Participantes Diretores, gerentes,

Leia mais

Para multiplar os visitantes do seu site

Para multiplar os visitantes do seu site 7Fontes de Tráfego Para multiplar os visitantes do seu site apresentação youtube Link Building Midias Socias SEO Email Marketing Blog Remarketing /raphael.ciciriello @rciciriello @rciciriello email marketing

Leia mais

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes Unidade IV Marketing Profª. Daniela Menezes Comunicação (Promoção) Mais do que ter uma ideia e desenvolver um produto com qualidade superior é preciso comunicar a seus clientes que o produto e/ ou serviço

Leia mais

Antes de tudo... Obrigado!

Antes de tudo... Obrigado! Antes de tudo... Obrigado! Eu, Luiz Felipe S. Cristofari, agradeço por ter baixado esse PDF. Criei esse material para ajudar você a ter mais sucesso com suas ideias na internet e fico muito feliz quando

Leia mais

Conceitos e técnicas. Devem ser contempladas algumas atividades típicas de vendas:

Conceitos e técnicas. Devem ser contempladas algumas atividades típicas de vendas: Administração da equipe de vendas (Neste texto de apoio: Conceitos e técnicas e Plano de ação de vendas) Conceitos e técnicas A correta administração da equipe de vendas é fundamental para o bom desempenho

Leia mais

CONSULTOR CARLOS MARTINS AÇAO EM MARKETING

CONSULTOR CARLOS MARTINS AÇAO EM MARKETING CONSULTOR CARLOS MARTINS CRIA - AÇAO EM MARKETING SUA EMPRESA Copyright Consultor Carlos Martins - Todos os direitos reservados wwwcarlosmartinscombr - consultor@carlosmartinscombr Como conquistar Clientes

Leia mais

Pesquisa Mercadológica - IBIZA Laboratório Fotográfico 1. Bruno Miers Machioni Cristiano Calil Rede Henrique Campelo Justus 2

Pesquisa Mercadológica - IBIZA Laboratório Fotográfico 1. Bruno Miers Machioni Cristiano Calil Rede Henrique Campelo Justus 2 Pesquisa Mercadológica - IBIZA Laboratório Fotográfico 1 Bruno Miers Machioni Cristiano Calil Rede Henrique Campelo Justus 2 Luiz Guilherme Sella Ribas 3 Orientador: Profº Sérgio Menezes 4 Universidade

Leia mais

Marketing Para Coaches

Marketing Para Coaches Marketing Para Coaches Coaches Com Clientes: Comunicação Joana Areias e José Fonseca WWW.COACHESCOMCLIENTES.COM Introdução Existem um grande problema com o marketing em qualquer área: Toda a gente pensa

Leia mais

Mídia Kit Jornal Correio

Mídia Kit Jornal Correio Mídia Kit Jornal Correio Com mais de 77 anos de tradição, o Jornal Correio faz parte da história de Uberlândia e não para de evoluir. De olho no que acontece no país e no mundo, é um jornal moderno, completo

Leia mais

O processo de decisão de compra

O processo de decisão de compra DOSSIÊ O processo de decisão de compra Estudo IBM Business Consulting Services sugere uma ferramenta para entender as escolhas dos consumidores Você sabe tudo que precisa saber sobre as razões que levam

Leia mais

2.2. O PRÊMIO GRPCOM DE CRIAÇÃO é composto por 07 (sete) diferentes PRÊMIOS:

2.2. O PRÊMIO GRPCOM DE CRIAÇÃO é composto por 07 (sete) diferentes PRÊMIOS: PRÊMIO GRPCOM DE CRIAÇÃO REGULAMENTO 1. DA ORGANIZAÇÃO 1.1. O Concurso PRÊMIO GRPCOM DE CRIAÇÃO, doravante simplesmente CONCURSO, é realizado e organizado pelas sociedades integrantes do Grupo Paranaense

Leia mais

Ofereça um atendimento de alto nível e surpreenda

Ofereça um atendimento de alto nível e surpreenda Ofereça um atendimento de alto nível e surpreenda Para profissionais do mercado imobiliário por Índice Introdução... 2 Seja o primeiro a responder... 3 Mantenha seu material em ordem... 4 Tenha o necessário

Leia mais

Vida Segura Empresarial Bradesco:

Vida Segura Empresarial Bradesco: PRÊMIO ANSP 2005 Vida Segura Empresarial Bradesco: A democratização do acesso ao Seguro de Vida chega às Micro e Pequenas Empresas. 1 SUMÁRIO 1. Sinopse 3 2. Introdução 4 3. O desafio de ser o pioneiro

Leia mais

www.talk2.com.br O uso estratégico do LinkedIn Como usar uma rede social profissional de forma efetiva

www.talk2.com.br O uso estratégico do LinkedIn Como usar uma rede social profissional de forma efetiva www.talk2.com.br O uso estratégico do LinkedIn Como usar uma rede social profissional de forma efetiva 03 Introdução 3 05 Os 5 pilares de uma estratégia no LinkedIn 5 08 Devo entrar no LinkedIn? 8 11 17

Leia mais

No mercado bancário a competitividade é crescente

No mercado bancário a competitividade é crescente 6 Fortalecendo a marca, gerando negócios Intenso, produtivo e criativo No mercado bancário a competitividade é crescente e a disputa pelos espaços é proporcional ao empenho das instituições em ampliar

Leia mais