REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE

Save this PDF as:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE"

Transcrição

1 REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE ARTIGO I DEFINIÇÃO E NATUREZA O Prêmio Cidadania, categoria Estudante, premia trabalhos de caráter técnico ou científico, referente a implementação de projetos ou programas sociais junto à comunidade em geral, com a finalidade de assegurar condições de exercício da cidadania, garantia e ampliação aos direitos sociais, enfrentamento das questões sociais e preocupação com o desenvolvimento sustentável das comunidades. O participante deverá estar cursando Tecnólogo ou graduação de Ensino Superior, estar matriculado em cursos de pós-graduação (especialização, mestrado ou doutorado), ou ainda aqueles que obtiveram a graduação ou conclusão no ano de 2011, em Instituições de ensino do Rio Grande do Sul. ARTIGO II DAS RESTRIÇÕES Parágrafo 1º - Estarão automaticamente excluídos da premiação, os trabalhos que não estiverem de acordo com este Regulamento. Parágrafo 2º - Os trabalhos vencedores em edições anteriores não poderão ser reinscritos. Parágrafo 3º - Não poderão concorrer ao Prêmio diretores, conselheiros e funcionários da ABRH-RS. Parágrafo 4º - O mesmo case não poderá ser inscrito nas duas premiações (Top Ser Humano e Top Cidadania), devendo ser definido de acordo com a maior adequação/alinhamento/enquadramento a respectiva definição da premiação. ARTIGO III - INSCRIÇÕES Parágrafo 1º - Os participantes poderão inscrever um trabalho, ficando este sujeito às cláusulas deste regulamento.

2 Parágrafo 2º - A inscrição deve ser feita através do preenchimento de um formulário e enviada via web. Parágrafo 3º - Só poderão participar da premiação associados da ABRH RS, Sistema Nacional ABRH ou ARH Serrana. Os mesmos estarão isentos de taxa de inscrição. ARTIGO III - TRABALHOS Parágrafo 1º - Os trabalhos deverão constituir real contribuição teórica ou prática ao desenvolvimento sustentável, na dimensão social, ambiental ou financeira de comunidades ou indivíduos, sendo compatíveis com o objetivo do Prêmio Top Cidadania Parágrafo 2º - Os trabalhos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria (máximo 02 autores). Parágrafo 3º - Os trabalhos inscritos deverão estar enquadrados em: TCC - Trabalho de Conclusão de Curso Projeto de Pesquisa Parágrafo 4º - Os trabalhos deverão ser apresentados na seguinte formatação: Formato A4; Digitados; Espaçamento duplo; Letra arial 12(doze); As páginas deverão estar numeradas. Parágrafo 5º - Os trabalhos deverão conter no máximo 30 (trinta) páginas, apresentando os itens abaixo, na seguinte disposição: 1. A capa deve conter o nome do trabalho, nome do autor(es) e o nome do orientador, se houver; 2. Índice; Observação: A página da capa e a página do índice não deverão ser numeradas e não serão consideradas no número total de páginas do trabalho. 3. Resumo do trabalho: visão geral do trabalho;

3 4. Introdução: identificando o porquê do trabalho, o contexto em que foi desenvolvido, principais premissas em que a conclusão se baseia, linhas de pesquisa, metodologia de desenvolvimento e outros dados relevantes ao entendimento; 5. Corpo do trabalho: deverá conter o detalhamento do trabalho, contextualização da situação que gerou a implantação do projeto, os objetivos, os parâmetros, o desenvolvimento das hipóteses ou soluções e indicadores quantitativos e qualitativos; 6. Conclusão do trabalho; 7. Bibliografia. Parágrafo 6º - Os trabalhos deverão ser entregues com o Questionário do perfil e indicadores preenchidos. Parágrafo 7º - Anexos: O trabalho poderá ser acompanhado de anexos, desde que sejam evidências para o mesmo. (Exemplos: fotos, dvd, cd, publicações internas, gráficos). Parágrafo 8º - O material deve ser entregue em 4 (quatro) envelopes: 1 - Um (01) envelope com: o trabalho; o questionário do perfil preenchido; os anexos; uma carta endereçada ao Comitê Gestor da premiação, assinada pelo(s) responsável(s) do trabalho, contendo obrigatoriamente os seguintes itens: o informação do interesse em participar da premiação; o autorização para publicação do release; o autorização para publicação do trabalho. Obs.: No caso do trabalho ter sido desenvolvido em uma organização e esta identificada no trabalho, a carta também deverá estar assinada pelo responsável da organização. um release do trabalho (no máximo 1 página). Formatação: letra Arial, fonte 12, espaço simples; um CD contendo todo o material que está sendo entregue impresso: trabalho, questionário do perfil, anexos, carta de

4 autorização e o release. (conforme especificações do Artigo V do 1º ao 7º Parágrafo); o comprovante de matrícula ou declaração da instituição que está matriculado. No caso de formados, uma xerox do certificado de conclusão do curso. 2 Três (03) envelopes contendo cada um: o trabalho questionário do perfil; os anexos. Parágrafo 9º - Os quatro envelopes e o CD deverão ser identificados com as seguintes informações: Premiação Top Cidadania Categoria Estudante Nome(s) Completo(s): Orientador(a): Título do trabalho: Parágrafo 10º - A ABRH-RS fará uma triagem dos materiais entregues e só serão considerados efetivamente inscritos aqueles que cumprirem todas as especificações do Artigo V. ARTIGO VI COMITÊ AVALIADOR Parágrafo Único - O Comitê Avaliador, convidado pela Diretoria Executiva da ABRH-RS, é composto por membros de notória capacidade, com participação no meio acadêmico, empresarial e de associações representativas da sociedade. Para assegurar a imparcialidade do processo, a composição do Comitê só será divulgada no dia da entrega dos prêmios. ARTIGO VII - CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Parágrafo Único - Os 5 (cinco) critérios de avaliação que serão observados pelo comitê são: Apresentação, Aplicabilidade, Inovação, Conteúdo e Resultados. A - Apresentação: considera estruturação geral do trabalho (distribuição das partes/capítulos);

5 ilustrações e outros elementos similares; bibliografia. B Aplicabilidade: considera a compatibilidade do trabalho com a realidade do mundo das organizações públicas e privadas, do ambiente social e econômico das comunidades, através de sugestões de estratégias de implementação de projetos e programas sociais e a sustentabilidade das ações propostas. C - Inovação: avalia quando há propostas de melhorias nas formas de aplicação de ferramenta ou metodologia em projetos ou programas sociais já existentes. Ou quando propõe um novo projeto ou programa social com ferramenta e metodologia inédita. D - Conteúdo: considera a consistência do trabalho, a ordenação e clareza do tema e o embasamento teórico. E Indicadores de resultados: considera a apresentação de indicadores de mensuração do impacto e os benefícios decorrentes do trabalho para o público alvo. ARTIGO VIII - AVALIAÇÃO DOS TRABALHOS Parágrafo Único - Durante o processo de avaliação, o Comitê Avaliador poderá, através da ABRH-RS, solicitar informações complementares sobre o trabalho em análise. Será eleito um ou mais avaliadores que poderão entrevistar o participante e, se necessário o orientador, para comprovação das informações, busca de evidências e avaliação do conhecimento sobre o tema. ARTIGO IX - PREMIAÇÃO Parágrafo 1º - O Comitê Gestor da premiação fará a divulgação oficial do resultado da premiação através de comunicação eletrônica aos participantes no dia 28 de agosto de Parágrafo 2º - Serão considerados candidatos ao recebimento dos troféus àqueles trabalhos que atingirem 80% (oitenta por cento) dos critérios.

6 Parágrafo 3º - Os trabalhos não classificados não serão divulgados em hipótese alguma. Os trabalhos ficarão à disposição de seus autores, pelo prazo de dois meses, após a data da divulgação dos resultados aos participantes, sendo incinerados após este prazo. Uma cópia impressa e o CD dos trabalhos premiados ficarão guardados na ABRH-RS pelo prazo de 5 (cinco) anos. Parágrafo 4º - A ABRH-RS, representada pelo Comitê Gestor, reservase o direito de não conceder os prêmios na hipótese dos trabalhos concorrentes não alcançarem nível de qualidade adequado ou não preencherem os requisitos previstos neste regulamento. Parágrafo 5º - Os trabalhos vencedores receberão os seguintes prêmios: Troféu Top Cidadania Categoria Estudante (somente um troféu por trabalho vencedor); Certificados; Autorização para uso do selo da respectiva edição. Parágrafo 6º - O professor orientador e co-autor também serão homenageados, recebendo um certificado. Parágrafo 7º - No Estado do Rio Grande do Sul, somente os vencedores do Top Ser Humano ABRH-RS poderão se inscrever no Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia da ABRH Nacional, seguindo as regras da mesma. Parágrafo 8º - É de responsabilidade do autor a autenticidade de autoria do trabalho apresentado, sendo vedado plágio, cópia, entre outros, constituindo infração grave ao Regulamento. Parágrafo 9º - A ABRH-RS não se responsabiliza pela autenticidade da autoria dos trabalhos apresentados, sendo isenta de qualquer responsabilidade, respondendo o apresentante do trabalho exclusivamente pela utilização indevida de trabalhos de terceiros.

7 ARTIGO X - DIVULGAÇÃO Parágrafo 1º - Os trabalhos premiados serão objetos de divulgação por parte da ABRH-RS. A divulgação e publicação representará o reconhecimento pela ABRH-RS da importância do conhecimento de seu conteúdo pela sociedade, para a discussão das ideias apresentadas pelo(s) autor(es). A ABRH-RS, entretanto, não responde por pontos de vista pessoal do(s) autor(es). Parágrafo 2º - Ao se inscreverem, os candidatos ao Prêmio Top Cidadania - Edição 2012, certos de que têm seus direitos autorais resguardados pela legislação nacional vigente, concordam em autorizar a ABRH-RS, na utilização gratuita de seu nome, voz, imagem e trabalho inscrito para a divulgação em qualquer meio de comunicação nacional e internacional, em língua portuguesa ou traduzida para outros idiomas, na forma impressa ou eletrônica. A ABRH-RS se reserva o direito de publicar na íntegra ou em parte todos os trabalhos vencedores, em quaisquer veículos de comunicação de sua responsabilidade direta. Parágrafo 3º - A ABRH-RS promoverá ampla divulgação da premiação, em todas as suas fases, nos veículos de comunicação a seu alcance, além de resumos dos trabalhos em veículos de comunicação da entidade, inclusive internet. Parágrafo 4º - A ABRH-RS poderá convidar os autores para exibir, divulgar e debater os trabalhos em Universidades, Escolas, Congressos, Seminários e/ou qualquer outro evento pertinente. Parágrafo 5º - Só haverá divulgação e publicação dos trabalhos vencedores. Parágrafo 6º - O vencedor só poderá divulgar sua premiação após liberação da ABRH-RS, incluindo o selo da premiação e a marca ABRH- RS junto ao Troféu. ARTIGO XI - PRAZOS Parágrafo 1º - O prazo para inscrição dos trabalhos será de 06 de fevereiro a 04 de maio de 2012.

8 Parágrafo 2º - A entrega dos trabalhos deverá ser feita na ABRH-RS, Rua dos Andradas, nº 1234, conjunto 1802, Porto Alegre/RS, até o dia 05 de julho de ARTIGO XII DISPOSIÇÕES GERAIS Parágrafo 1º - As datas não definidas neste regulamento, para as etapas da premiação, serão divulgadas em tempo hábil, através do veículo de comunicação ao alcance da ABRH-RS. Parágrafo 2º - As questões não previstas neste regulamento serão resolvidas pelo Comitê Gestor da Premiação, e/ou Diretoria Executiva da ABRH-RS. Parágrafo 3º - O Comitê Gestor é soberano e de sua avaliação e decisão não caberá recurso de qualquer espécie. Parágrafo 4º - Ao ser inscrito, o candidato concorda com todas as disposições deste regulamento, sendo que o ato de inscrição implica automaticamente na cessão dos respectivos direitos de reprodução para fins não comerciais.

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor.

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor. PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2014 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / PROFISSIONAL A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Gestão de Pessoas / Profissional premia casos de caráter técnico

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH-PB - Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Organização do Terceiro Setor tem o objetivo de reconhecer e premiar projetos desenvolvidos

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH PB - Modalidade Gestão de Pessoas - Profissional, premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados à projetos implantados pelo profissional,

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIA: EMPRESAS PRIVADAS E

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA XI PRÊMIO SER HUMANO AS MELHORES PRÁTICAS EM GESTÃO DE PESSOAS ABRH- MG MODALIDADE RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA BELO HORIZONTE, DEZEMBRO DE 2011. MODALIDADE RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA REGULAMENTO

Leia mais

A1. A modalidade Gestão de Pessoas/Acadêmica está dividida nas seguintes categorias:

A1. A modalidade Gestão de Pessoas/Acadêmica está dividida nas seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/ACADÊMICA A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Acadêmica premia trabalhos de caráter técnico ou científico produzidos por alunos

Leia mais

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa A. Objetivo O Prêmio Ser Humano ABRH Amazonas, premia casos relacionados à Gestão de Pessoas, implantados, preferencialmente desenvolvidos por equipes, no âmbito da organização, seja ela de qualquer ramo

Leia mais

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor.

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/PROFISSIONAL A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Profissionais premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados

Leia mais

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias:

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/EMPRESAS A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Empresas premia os casos relacionados à gestão de pessoas desenvolvidos e implantados,

Leia mais

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas.

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2014 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ORGANIZAÇÃO A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia - Modalidade Gestão de Pessoas / Organização, premia os cases ou

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR MODALIDADE: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA: EMPRESA

Leia mais

B.3. Os projetos que concorrerem ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, deverão ser apresentados conforme a seguir:

B.3. Os projetos que concorrerem ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, deverão ser apresentados conforme a seguir: MODALIDADE: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA: EMPRESA A. Objetivo: O PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, Modalidade: Desenvolvimento Sustentável, Categoria: Empresa objetiva premiar projetos sociais

Leia mais

A2. A modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica está dividida nas seguintes categorias:

A2. A modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica está dividida nas seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ACADÊMICA A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica premia trabalhos de caráter técnico

Leia mais

PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH

PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH A. OBJETIVO E TEMA CENTRAL A1. O Prêmio de inovação universitária em RH premia projetos inovadores de alunos de graduação e recém formados (até 2 anos) referentes

Leia mais

O reconhecimento de um trabalho bem realizado Melhoria na empregabilidade. Ter seu nome mencionado na mídia

O reconhecimento de um trabalho bem realizado Melhoria na empregabilidade. Ter seu nome mencionado na mídia MODALIDADE: Gestão de Pessoas CATEGORIA: Acadêmica Objetivo: O PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, categoria Acadêmica, objetiva premiar os trabalhos de natureza científica, referente a qualquer área

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR MODALIDADE 2: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA

Leia mais

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas.

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / EMPRESA A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia Modalidade Gestão de Pessoas / Empresa premia os cases ou projetos implantados

Leia mais

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR A. OBJETIVO A modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO 1. DO OBJETIVO: Reconhecer, disseminar e premiar boas práticas e bons

Leia mais

Modalidade Franqueado

Modalidade Franqueado PRÊMIO o cumprimento ABF DESTAQUE de todos os critérios FRANCHISING deste Categoria regulamento, selecionando Sustentabilidade os melhores trabalhos. Modalidade Franqueado REGULAMENTO Objetivos O Prêmio

Leia mais

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO A ABRH-ES (Associação Brasileira de Recursos Humanos Seccional Espírito Santo) é integrante do Sistema Nacional ABRH e configura-se como instituição

Leia mais

2º PRÊMIO DE INOVAÇÃO DE JOINVILLE 2014

2º PRÊMIO DE INOVAÇÃO DE JOINVILLE 2014 2º PRÊMIO DE INOVAÇÃO DE JOINVILLE 2014 REGULAMENTO Art. 1º Do Objetivo e Perfil dos Participantes O 2º. Prêmio de Inovação de Joinville é motivado pelo cumprimento da Lei 7170/2011, em seu art. 7º, que

Leia mais

Observação: Poderão participar empresas públicas, privadas e mistas.

Observação: Poderão participar empresas públicas, privadas e mistas. PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESA A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade

Leia mais

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor;

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor; REGULAMENTO 3º Prêmio UniBH de Sustentabilidade 1 CARACTERIZAÇÃO 1.1 O Prêmio UniBH de Sustentabilidade tem o propósito de identificar, reconhecer, valorizar e premiar os esforços dos alunos e dos professores

Leia mais

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal A Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap) torna público o regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal.

Leia mais

REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social

REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social REGULAMENTO 10º Prêmio de Responsabilidade Social I DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO II DAS CATEGORIAS III DAS INSCRIÇÕES IV DOS PROJETOS V DO JULGAMENTO VI DAS DATAS VII DA COORDENAÇÃO I DA INSTITUIÇÃO DA

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL / EMPRESA CIDADÃ

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL / EMPRESA CIDADÃ Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH/MA - Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Empresa Cidadã tem o objetivo de certificar projetos, a seguir denominados de

Leia mais

REGULAMENTO DO 1º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIA VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE DO V CACUN 2015

REGULAMENTO DO 1º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIA VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE DO V CACUN 2015 REGULAMENTO DO 1º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIA VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE DO V CACUN 2015 O Concurso Cultural de Fotografia Universitário do V CACUN 2015 - VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE

Leia mais

Trabalhos Científicos do V Congresso Médico Acadêmico (COMA) da Faculdade de Medicina da Universidade Nove de Julho (UNINOVE) REGULAMENTO 2010

Trabalhos Científicos do V Congresso Médico Acadêmico (COMA) da Faculdade de Medicina da Universidade Nove de Julho (UNINOVE) REGULAMENTO 2010 Trabalhos Científicos do V Congresso Médico Acadêmico (COMA) da Faculdade de Medicina da Universidade Nove de Julho (UNINOVE) REGULAMENTO 2010 1. Disposições gerais 1.1. Todos os alunos da área da Saúde

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O R E G U L A M E N T O I CONCURSO MUNICIPAL DE JINGLE CAPÍTULO I - DO OBJETO Art. 1º A Associação Comercial e Industrial de Bagé-ACIBa, a Administração Pública Municipal e as Entidades parceiras, através

Leia mais

REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA

REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA 1. OBJETIVOS O 1º Prêmio Sport Infratech de Infraestrutura Esportiva visa reconhecer o esforço de organizações e profissionais envolvidos

Leia mais

II Edição do Prêmio IPEN de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL

II Edição do Prêmio IPEN de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL II Edição do Prêmio IPEN de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL 1. Objetivos 2. Participantes 3. Temas 4. Inscrição 5. Julgamento 6. Critérios de Avaliação 7. Premiação e Divulgação 8. Direitos e Obrigações

Leia mais

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013 1ª edição 1 DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO 1.1 O Sinduscon Premium Etapa Litoral Norte 1ª edição instituído pelo SINDUSCON RS, Sindicato das Indústrias

Leia mais

VIII PRÊMIO ANATEC REGULAMENTO

VIII PRÊMIO ANATEC REGULAMENTO VIII PRÊMIO ANATEC REGULAMENTO 1. DO PRÊMIO O Prêmio ANATEC é uma iniciativa da ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE EDITORES DE PUBLICAÇÕES - ANATEC e é organizado pela GARRIDO MARKETING. O prêmio tem amplitude nacional

Leia mais

3º Seminário Blogs: Redes Sociais e Comunicação Digital

3º Seminário Blogs: Redes Sociais e Comunicação Digital 3º Seminário Blogs: Redes Sociais e Comunicação Digital Regulamento 1. Disposições Gerais O Curso de Comunicação Social e o Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, com apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa,

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO ESTADÃO PME

REGULAMENTO PRÊMIO ESTADÃO PME REGULAMENTO PRÊMIO ESTADÃO PME 1. O PRÊMIO O Prêmio ESTADÃO PME é uma iniciativa pioneira e única do Grupo Estado e tem como objetivos valorizar as melhores histórias de pequenas e médias empresas e estimular

Leia mais

Para que os empreendedores sejam elegíveis para este prêmio, eles devem satisfazer os seguintes requisitos:

Para que os empreendedores sejam elegíveis para este prêmio, eles devem satisfazer os seguintes requisitos: 1. Objetivo O objetivo do prêmio é divulgar, promover e premiar o espírito empreendedor dos empresários Brasileiros, além de divulgar e reconhecer empreendedores de sucesso que muito contribuem para o

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 1ª REGIÃO DISTRITO FEDERAL - GOIÁS - MATO GROSSO - TOCANTINS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 1ª REGIÃO DISTRITO FEDERAL - GOIÁS - MATO GROSSO - TOCANTINS IV PRÊMIO CIENTÍFICO HELENA FEIJÓ 2011 REGULAMENTO CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO DO PRÊMIO SEÇÃO I DOS OBJETIVOS Art. 1º O IV PRÊMIO CIENTÍFICO HELENA FEIJÓ, promovido pelo Conselho Regional de Nutricionistas

Leia mais

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA REGULAMENTO A Universidade Comunitária da Região de Chapecó, em conjunto com a Caixa Econômica Federal, abre inscrições para 6º Prêmio Unochapecó/Caixa de Jornalismo Ambiental 2014 e dá outras providências.

Leia mais

CONCURSO ANUAL DO CBAR DE MONOGRAFIAS

CONCURSO ANUAL DO CBAR DE MONOGRAFIAS CONCURSO ANUAL DO CBAR DE MONOGRAFIAS 1 ÍNDICE I - Objetivos II Organização dos Concursos III Inscrições IV Requisitos de Apresentação dos Trabalhos V Comissão Julgadora VI Julgamento dos Trabalhos VI

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO (apenas modalidade 5)

REGULAMENTO ESPECÍFICO (apenas modalidade 5) REGULAMENTO ESPECÍFICO (apenas modalidade 5) 1. PARTICIPAÇÃO 1.1 Os trabalhos acadêmicos inscritos deverão ter sido implementados nos últimos 02 anos e os autores deverão ser portadores de diplomas de

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO BANCO CENTRAL DE ECONOMIA E FINANÇAS 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO BANCO CENTRAL DE ECONOMIA E FINANÇAS 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO BANCO CENTRAL DE ECONOMIA E FINANÇAS 2015 Disposições Gerais Art. 1º O Banco Central do Brasil (BCB), com o apoio da Federação Nacional de Associações de Servidores do Banco Central

Leia mais

REGULAMENTO DO I CONCURSO DE REDAÇÃO E DE ARTIGO DO MP-PROCON

REGULAMENTO DO I CONCURSO DE REDAÇÃO E DE ARTIGO DO MP-PROCON MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DA PARAÍBA PROGRAMA ESTADUAL DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR REGULAMENTO DO I CONCURSO DE REDAÇÃO E DE ARTIGO DO MP-PROCON TEMA: Impactos negativos da falsificação de produtos

Leia mais

FEDERAÇÃO NACIONAL DAS AUTO E MOTOESCOLAS E CFCs DIRETORIA EXECUTIVA DE EDUCAÇÃO EDITAL DE CONCURSO II PRÊMIO FENEAUTO DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO

FEDERAÇÃO NACIONAL DAS AUTO E MOTOESCOLAS E CFCs DIRETORIA EXECUTIVA DE EDUCAÇÃO EDITAL DE CONCURSO II PRÊMIO FENEAUTO DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO FEDERAÇÃO NACIONAL DAS AUTO E MOTOESCOLAS E CFCs DIRETORIA EXECUTIVA DE EDUCAÇÃO EDITAL DE CONCURSO II PRÊMIO FENEAUTO DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO O presidente da Federação Nacional das Auto e Motoescolas

Leia mais

III CONCURSO DE FOTOGRAFIA E POESIA DO CRO-MG

III CONCURSO DE FOTOGRAFIA E POESIA DO CRO-MG III CONCURSO DE FOTOGRAFIA E POESIA DO CRO-MG 2015 REGULAMENTO GERAL DO CONCURSO Art.1º - O Conselho Regional de Odontologia de Minas Gerais promove o III CONCURSO DE FOTOGRAFIA E POESIA, com o objetivo

Leia mais

TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2013

TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2013 TROFÉU SOLIDARIEDADE DESTAQUE SOCIAL 2013 1. OBJETIVOS DA PREMIAÇÃO A premiação TROFÉU SOLIDARIEDADE - DESTAQUE SOCIAL 2013 instituída pelo Sindicato das Empresas de Asseio, Conservação e Serviços Terceirizados

Leia mais

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO RETIFICADO O PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA, é uma iniciativa do Laboratório de Geoiconografia

Leia mais

Regulamento Prêmio Bom Design 2015

Regulamento Prêmio Bom Design 2015 Regulamento Prêmio Bom Design 2015 (Projetos de janeiro de 2014 até julho 2015) a. CARACTERIZAÇÃO O Prêmio Bom Design é uma premiação dos trabalhos de graduação e equivalentes das instituições de ensino

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE UNIBH VIII EDIÇÃO DO PRÊMIO DE INTERDISCIPLINARIDADE REGULAMENTO

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE UNIBH VIII EDIÇÃO DO PRÊMIO DE INTERDISCIPLINARIDADE REGULAMENTO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE UNIBH VIII EDIÇÃO DO PRÊMIO DE INTERDISCIPLINARIDADE REGULAMENTO Art. 1º - O presente regulamento estabelece regras para a premiação dos trabalhos desenvolvidos durante

Leia mais

Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração

Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração O Prêmio Planeta Casa 2012 busca valorizar empresas, organizações da sociedade civil e profissionais das áreas de arquitetura, design,

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA O Prêmio Mulheres que Fazem a Diferença é uma realização do Núcleo Multissetorial da Mulher Empresária da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis

Leia mais

Prêmio Sistema Fecomércio de Jornalismo 2015

Prêmio Sistema Fecomércio de Jornalismo 2015 1 OBJETIVO Regulamento 1.1 - O, promovido pelo Sistema Fecomércio, Sesc, Senac e Instituto Fecomércio Tocantins, visa fomentar a produção de reportagens e a divulgação de informações sobre o setor do comércio

Leia mais

REGULAMENTO. VII Prêmio ANATEC

REGULAMENTO. VII Prêmio ANATEC REGULAMENTO VII Prêmio ANATEC O PRÊMIO ANATEC é uma realização da ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE EDITORES DE PUBLICAÇÕES, com organização da GARRIDO MARKETING. Este projeto tem amplitude nacional e é dirigido

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO A Promotora do Prêmio Comigo de Jornalismo alterou os itens [1.1 e 1.2], tornando-se necessário ajustar o Regulamento do mesmo, que

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 I OBJETIVO DA PREMIAÇÃO 1.1 - O PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 é uma iniciativa do SINEPE/PR

Leia mais

FESTIVAL DE MÚSICA RÁDIO MEC E RÁDIO NACIONAL REGULAMENTO 2015

FESTIVAL DE MÚSICA RÁDIO MEC E RÁDIO NACIONAL REGULAMENTO 2015 FESTIVAL DE MÚSICA RÁDIO MEC E RÁDIO NACIONAL REGULAMENTO 2015 1. DOS OBJETIVOS 1.1 O Festival visa revelar e divulgar gravações de obras musicais inéditas*, abrindo espaço na programação da Rádio Nacional,

Leia mais

CONCURSO BRASILEIRO ANPOCS DE OBRAS CIENTÍFICAS E TESES UNIVERSITÁRIAS EM CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL 2012

CONCURSO BRASILEIRO ANPOCS DE OBRAS CIENTÍFICAS E TESES UNIVERSITÁRIAS EM CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL 2012 CONCURSO BRASILEIRO ANPOCS DE OBRAS CIENTÍFICAS E TESES UNIVERSITÁRIAS EM CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL 2012 A Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais anuncia a Terceira Edição do

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR

PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia Modalidade Desenvolvimento

Leia mais

CONCURSO DE FOTOGRAFIA FUNORTE: MONTES CLAROS PELO OLHAR UNIVERSITÁRIO 2015

CONCURSO DE FOTOGRAFIA FUNORTE: MONTES CLAROS PELO OLHAR UNIVERSITÁRIO 2015 CONCURSO DE FOTOGRAFIA FUNORTE: MONTES CLAROS PELO OLHAR UNIVERSITÁRIO 2015 1- GERAL O concurso de fotografia MONTES CLAROS PELO OLHAR UNIVERSITÁRIO é uma iniciativa das Faculdades Integradas do Norte

Leia mais

I CONCURSO MUNICIPAL AMADOR DE FOTOGRAFIAS REGULAMENTO

I CONCURSO MUNICIPAL AMADOR DE FOTOGRAFIAS REGULAMENTO I CONCURSO MUNICIPAL AMADOR DE FOTOGRAFIAS REGULAMENTO 1 TEMA: BELEZAS NATURAIS DE JAGUARÉ 1 OBJETIVO Despertar os munícipes para a necessidade da conservação dos recursos naturais, apresentar a multiplicidade

Leia mais

EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE

EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE DO CONCURSO 1. O CONCURSO de fotografia Olhares: Água e Vida na Ilha Grande, doravante denominado simplesmente

Leia mais

Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar

Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar Regulamento 2013 1 - Do Objetivo 1.1 O tem por objetivo o incentivo à pesquisa na área de saúde suplementar, reconhecendo os trabalhos de qualidade

Leia mais

I Concurso de Fotografia do Poder Judiciário de Mato Grosso

I Concurso de Fotografia do Poder Judiciário de Mato Grosso I Concurso de Fotografia do Poder Judiciário de Mato Grosso A Coordenadoria do Programa Bem Viver do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso realiza o I Concurso de Fotografia com o tema: " Um olhar

Leia mais

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 Curitiba, Fevereiro de 2014 Sumário 1. O PRÊMIO... 3 2. OBJETIVOS... 4 3. CATEGORIAS DE PREMIAÇÃO... 5 4. ETAPAS DE AVALIAÇÃO... 5 5. PREMIAÇÃO... 5 6. PARTICIPAÇÃO/INSCRIÇÃO...

Leia mais

2ª Olimpíada de Empreendedorismo Universitário

2ª Olimpíada de Empreendedorismo Universitário 2ª Olimpíada de Empreendedorismo Universitário da Universidade Federal de Goiás CATEGORIA 2 EMPREENDEDORISMO SOCIAL Agosto de 2015 REGULAMENTO CATEGORIA 2 EMPREENDEDORISMO SOCIAL 1. APRESENTAÇÃO A Categoria

Leia mais

Projeto Natal na Usina Boas Festas. Boas Energias Concurso Energisa de Presépios 2014 EDITAL

Projeto Natal na Usina Boas Festas. Boas Energias Concurso Energisa de Presépios 2014 EDITAL Projeto Natal na Usina Boas Festas. Boas Energias Concurso Energisa de Presépios 2014 EDITAL OBJETO: Seleção de presépios natalinos para o Concurso Energisa de Presépios 2014 CAPÍTULO I DO OBJETIVO 1.1

Leia mais

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1 INTRODUÇÃO O 1º Prêmio de Comunicação Grupo SMS 2014, com o tema Mobilidade Urbana é uma iniciativa do Grupo SMS, formado pelas empresas Auto Viação Salineira,

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA REGULAMENTO DA II GINCANA NACIONAL DE ECONOMIA CAPÍTULO I Seção I Dos Objetivos Art. 1º O Conselho Federal de Economia promoverá a II Gincana Nacional de Economia - 2012 na

Leia mais

Edital de Seleção de Textos Respeito às diversidades: estamos conectados?

Edital de Seleção de Textos Respeito às diversidades: estamos conectados? Prefeitura Municipal de Vitória Estado do Espírito Santo Secretaria de Cidadania e Direitos Humanos Secretaria Municipal de Educação Gerência de Políticas de Promoção e Defesa de Direitos Humanos Edital

Leia mais

1 FESTIVAL DE MÚSICA DO COLÉGIO MÓDULO REGULAMENTO

1 FESTIVAL DE MÚSICA DO COLÉGIO MÓDULO REGULAMENTO 1 FESTIVAL DE MÚSICA DO COLÉGIO MÓDULO REGULAMENTO 01. DA REALIZAÇÃO: O Colégio Módulo promoverá o 1 Festival de Música, direcionado ao público interno da Instituição, familiares e amigos. 02. DO OBJETIVO:

Leia mais

Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo. 16º Concurso de Roteiro Capixaba

Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo. 16º Concurso de Roteiro Capixaba 1 Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo 16º Concurso de Roteiro Capixaba A GALPÃO PRODUÇÕES, empresa privada com sede à Rua Professora Maria Cândida da Silva, nº 115 - Bairro República Vitória - Espírito

Leia mais

Regulamento do Concurso Cultural de produção de Curtas da Edição 2014 do Projeto CURTA NA EDUCAÇÃO: Curta Direitos Humanos na Educação. 1.

Regulamento do Concurso Cultural de produção de Curtas da Edição 2014 do Projeto CURTA NA EDUCAÇÃO: Curta Direitos Humanos na Educação. 1. Regulamento do Concurso Cultural de produção de Curtas da Edição 2014 do Projeto CURTA NA EDUCAÇÃO: Curta Direitos Humanos na Educação. 1. O Concurso de produção de Curtas para a Edição Temática 2014 do

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO P3D 2012

REGULAMENTO DO CONCURSO P3D 2012 REGULAMENTO DO CONCURSO P3D 2012 1 OBJETIVO DO CONCURSO O concurso P3D 2012 tem o objetivo de prestigiar o trabalho das ESCOLAS no desenvolvimento da cultura tecnológica e valorizar os profissionais e

Leia mais

SEMANA DE TURISMO CONCURSO DE FOTOGRAFIA: PAISAGENS BRASILEIRAS REGULAMENTO

SEMANA DE TURISMO CONCURSO DE FOTOGRAFIA: PAISAGENS BRASILEIRAS REGULAMENTO SEMANA DE TURISMO CONCURSO DE FOTOGRAFIA: PAISAGENS BRASILEIRAS REGULAMENTO Objetivo Estimular e divulgar imagens do Brasil, bem como promover a integração entre os alunos dos diversos cursos da Universidade

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO GABINETE DA SECRETÁRIA

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO GABINETE DA SECRETÁRIA EDITAL SEED-AP Nº 001/2014 GAB/PERGE/SEED. A Secretária de Estado de Educação do Amapá, no uso de suas atribuições, torna pública a realização do II Prêmio Estadual de Referência em Gestão Escolar 2014,

Leia mais

3 FESTIVAL DE MÚSICA DO MÓDULO REGULAMENTO

3 FESTIVAL DE MÚSICA DO MÓDULO REGULAMENTO 3 FESTIVAL DE MÚSICA DO MÓDULO REGULAMENTO 01. DA REALIZAÇÃO: O Grupo Módulo promoverá o 3 Festival de Música, direcionado ao público interno da Instituição, familiares e amigos. 02 DO OBJETIVO: O 3º Festival

Leia mais

EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS

EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS A SECRETARIA DE ESTADO DO TURISMO DO RIO GRANDE DO SUL SETUR/RS, torna público o presente EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA, visando à seleção de projetos com práticas inovadoras e

Leia mais

RESOLUÇÃO CRCRJ Nº 441/2014

RESOLUÇÃO CRCRJ Nº 441/2014 RESOLUÇÃO CRCRJ Nº 441/2014 APROVA NOVO REGULAMENTO DO PRÊMIO CONTADOR AMÉRICO MATHEUS FLORENTINO O Plenário do CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO (CRCRJ), no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL 2011/ 2012 PERÍODO DE INSCRIÇÃO: 22/02/2011 a 08/04/2011.

EDITAL 2011/ 2012 PERÍODO DE INSCRIÇÃO: 22/02/2011 a 08/04/2011. EDITAL 2011/ 2012 PERÍODO DE INSCRIÇÃO: 22/02/2011 a 08/04/2011. INFORMAÇÕES GERAIS: O processo seletivo do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação

Leia mais

REGULAMENTO. CAPÍTULO I - SOBRE O CONCURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL VIVER RECIFE: o Centro que precisamos

REGULAMENTO. CAPÍTULO I - SOBRE O CONCURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL VIVER RECIFE: o Centro que precisamos REGULAMENTO CAPÍTULO I - SOBRE O CONCURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL VIVER RECIFE: o Centro que precisamos Art. 1º. Em conjunto, a CDL Recife, o Observatório do Recife e a Faculdade Joaquim Nabuco realizarão

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL 15 ANOS DO CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA QUAL É A SUA MARCA?

REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL 15 ANOS DO CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA QUAL É A SUA MARCA? REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL 15 ANOS DO CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA QUAL É A SUA MARCA? DOS OBJETIVOS DO CONCURSO Art. 1º O Curso de Publicidade e Propaganda da Universidade do Vale do Itajaí,

Leia mais

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO REGULAMENTO Este Regulamento estabelece normas, condições e diretrizes para a realização da II Edição do Prêmio Mulher de Negócios de Caieiras, promovido pela Prefeitura Municipal de Caieiras, Secretaria

Leia mais

EDITAL Nº 01/2015 II CONCURSO DE FOTOGRAFIA MEMORIAL PONTES DE MIRANDA

EDITAL Nº 01/2015 II CONCURSO DE FOTOGRAFIA MEMORIAL PONTES DE MIRANDA EDITAL Nº 01/2015 II CONCURSO DE FOTOGRAFIA MEMORIAL PONTES DE MIRANDA O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO, por meio de sua instituição museológica, o Memorial Pontes de Miranda, torna público

Leia mais

REGULAMENTO DO 1º FESTIVAL DE PROGRESSO COM HUMOR PROGRESSO/RS

REGULAMENTO DO 1º FESTIVAL DE PROGRESSO COM HUMOR PROGRESSO/RS REGULAMENTO DO 1º FESTIVAL DE PROGRESSO COM HUMOR PROGRESSO/RS Progresso, abril de 2015. REGULAMENTO 1. OBJETIVO Festival de Humor de Progresso é um evento promovido por Região dos Vales Comunicação Digital,

Leia mais

10º SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA 10º SMVC FESTIVAL DE CINEMA DE SANTA MARIA Santa Maria Rio Grande do Sul Brasil 05 a 10 de dezembro de 2011 REGULAMENTO

10º SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA 10º SMVC FESTIVAL DE CINEMA DE SANTA MARIA Santa Maria Rio Grande do Sul Brasil 05 a 10 de dezembro de 2011 REGULAMENTO 10º SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA 10º SMVC FESTIVAL DE CINEMA DE SANTA MARIA Santa Maria Rio Grande do Sul Brasil 05 a 10 de dezembro de 2011 REGULAMENTO Inscrições para as Mostras Competitivas: 08 de setembro

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2015

EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2015 EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS 2015 1. DO OBJETO 1.1. O presente edital tem por objeto realizar uma chamada pública nacional para seleção de projetos que contribuam para o empoderamento das mulheres

Leia mais

EDITAL DG/FAED Nº 013/2012 CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGOMARCA COMEMORATIVA AOS 50 ANOS DA FAED

EDITAL DG/FAED Nº 013/2012 CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGOMARCA COMEMORATIVA AOS 50 ANOS DA FAED EDITAL DG/FAED Nº 013/2012 CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGOMARCA COMEMORATIVA AOS 50 ANOS DA FAED A Diretora Geral do Centro de Ciências Humanas e da Educação (FAED), da Universidade do Estado de Santa Catarina

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO CONSTRUIR NORDESTE. Aprovado na Reunião do Conselho Editorial de 15 de outubro de 2014.

REGULAMENTO DO PRÊMIO CONSTRUIR NORDESTE. Aprovado na Reunião do Conselho Editorial de 15 de outubro de 2014. REGULAMENTO DO PRÊMIO CONSTRUIR NORDESTE Aprovado na Reunião do Conselho Editorial de 15 de outubro de 2014. 1. Considerações Iniciais O Prêmio Construir Nordeste é uma premiação estritamente cultural,

Leia mais

Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014

Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014 Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014 O que é O concurso Mandando bem no trânsito é uma ação lançada no ano de 2012 pela Concessionária Nascentes das Gerais, empresa responsável pela administração do

Leia mais

11º SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA 11º SMVC FESTIVAL DE CINEMA DE SANTA MARIA Santa Maria Rio Grande do Sul Brasil 10 a 15 de dezembro de 2012.

11º SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA 11º SMVC FESTIVAL DE CINEMA DE SANTA MARIA Santa Maria Rio Grande do Sul Brasil 10 a 15 de dezembro de 2012. 11º SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA 11º SMVC FESTIVAL DE CINEMA DE SANTA MARIA Santa Maria Rio Grande do Sul Brasil 10 a 15 de dezembro de 2012. Inscrições para as Mostras Competitivas: 03 de setembro a 09

Leia mais

EDITAL - REGULAMENTO LICITAÇÃO PÚBLICA MODALIDADE CONCURSO ARTÍSTICO (FOTOGRAFIAS) TEMA: LIVRE

EDITAL - REGULAMENTO LICITAÇÃO PÚBLICA MODALIDADE CONCURSO ARTÍSTICO (FOTOGRAFIAS) TEMA: LIVRE EDITAL - REGULAMENTO LICITAÇÃO PÚBLICA MODALIDADE CONCURSO ARTÍSTICO (FOTOGRAFIAS) TEMA: LIVRE A PREFEITURA MUNICIPAL, inscrita no CNPJ Nº 05.121.991/0001-84 e estabelecida na Avenida Barão do Rio Branco

Leia mais

REGULAMENTO DO 19º PRÊMIO PARANÁ DE ECONOMIA

REGULAMENTO DO 19º PRÊMIO PARANÁ DE ECONOMIA 1 REGULAMENTO DO 19º PRÊMIO PARANÁ DE ECONOMIA I - DO OBJETIVO Artigo 1º - O Prêmio Paraná de Economia é instituído pelo Conselho Regional de Economia 6ª Região Paraná (CORECON-PR), em duas categorias:

Leia mais

Universidade de Pernambuco Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças Coordenação de Curso Disciplina de Enfermagem em Ginecologia

Universidade de Pernambuco Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças Coordenação de Curso Disciplina de Enfermagem em Ginecologia Universidade de Pernambuco Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças Coordenação de Curso Disciplina de Enfermagem em Ginecologia CONCURSO DE FOTOGRAFIAS EDITAL DA DISCIPLINA DE ENFERMAGEM EM GINECOLOGIA

Leia mais

Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. R$ 90 mil em prêmios

Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. R$ 90 mil em prêmios R$ 90 mil em prêmios Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. UM GRANDE PRÊMIO PARA GRANDES PROFISSIONAIS SUMÁRIO 1.

Leia mais

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE O Presidente da Fundação Nacional de Artes - Funarte, no uso das atribuições que lhe confere o inciso V artigo 14 do Estatuto aprovado pelo

Leia mais

MOSTRA DE PROJETOS 2015. Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local. REGULAMENTO Anexos I e II

MOSTRA DE PROJETOS 2015. Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local. REGULAMENTO Anexos I e II MOSTRA DE PROJETOS 2015 Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local REGULAMENTO Anexos I e II O Sesi Paraná, por meio do programa Sesi Indústria e Sociedade e do Movimento Nós Podemos

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER 1. O Prêmio 1.1. Apresentação O Prêmio Fortalecer é uma iniciativa da ThyssenKrupp CSA Siderúrgica do Atlântico (TKCSA), dentro do escopo do PROGRAMA FORTALECER. Este prêmio

Leia mais

Grupo Educacional UNIS - MG Núcleo de Empreendedorismo do UNIS - NEUNIS

Grupo Educacional UNIS - MG Núcleo de Empreendedorismo do UNIS - NEUNIS 2º CONCURSO UNIVERSITÁRIO DE PLANOS DE NEGÓCIO DO UNIS 2015 REALIZAÇÃO: UNIS/MG REGULAMENTO CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS Art. 1º O 2º Concurso Universitário de Planos de Negócio do Unis-MG é uma iniciativa

Leia mais

REGULAMENTO PARA A SUBMISSÃO DE ARTIGOS - ADMINISTRAR 2015

REGULAMENTO PARA A SUBMISSÃO DE ARTIGOS - ADMINISTRAR 2015 Este Regulamento tem como objetivo comunicar as orientações, normas e demais informações pertinentes a submissão de artigos do ADMINISTRAR 2015 a ser realizado nos dias 16,17 e 18 de outubro de 2015, com

Leia mais

REGULAMENTO BOLSA FIDE (FOUNDATION FOR INTERNATIONAL DERMATOLOGICAL EDUCATION) 2015/2016.

REGULAMENTO BOLSA FIDE (FOUNDATION FOR INTERNATIONAL DERMATOLOGICAL EDUCATION) 2015/2016. REGULAMENTO BOLSA FIDE (FOUNDATION FOR INTERNATIONAL DERMATOLOGICAL EDUCATION) 2015/2016. 1. DA BOLSA FIDE Art. 1º A Sociedade Brasileira de Dermatologia, por meio do presente Regulamento, torna público

Leia mais