REGULAMENTO. 1. O Circuito Padel Portugal, é composto por eventos constantes do Calendário Oficial de Provas da Federação Portuguesa de Ténis.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO. 1. O Circuito Padel Portugal, é composto por eventos constantes do Calendário Oficial de Provas da Federação Portuguesa de Ténis."

Transcrição

1 Regulamento CIRCUITO PADEL PORTUGAL 2014

2 REGULAMENTO 1. O Circuito Padel Portugal, é composto por eventos constantes do Calendário Oficial de Provas da Federação Portuguesa de Ténis. 2. O Circuito Padel Portugal, será constituído por todas as provas constantes do Calendário Oficial de Provas, da categoria de Seniores, em que sejam disputadas provas de Pares Masculinos e/ou Femininos e Pares Mistos. 3. O Circuito será constituído pelas seguintes provas: 5 provas Padel Portugal Campeonato Nacional de Padel Restantes provas oficiais 4. Ao Circuito Padel Portugal corresponderá uma classificação individual cumulativa, sendo a classificação publicada após a realização do Masters e designada como Ranking do circuito Para efeitos de posicionamento dos atletas no circuito, o mínimo de torneios a contabilizar será um e o máximo dez O atleta deverá ter a sua licença FPT regularizada para a época em curso As Classificações publicadas após a realização de cada um dos torneios que compõe o Circuito Padel Portugal serão classificações provisórias, indicativas do posicionamento dos jogadores durante o decorrer do Circuito. Pág. 1

3 4.4. Para efeitos de apuramento para o Masters o atleta deverá jogar obrigatoriamente o Campeonato Nacional, três das cinco provas Padel Portugal e mais duas provas do restante calendário oficial A última classificação do circuito, a publicar antes do início do Masters, apurará os jogadores para o mesmo A tabela de atribuição de pontos respeitantes às categorias dos torneios encontra-se distribuída da seguinte forma: 1ª ronda 1/32 1/16 1/8 1/4 1/2 Campeonato Nacional Masters 20 pontos por vitória fase de grupos Padel Portugal Prova A Prova B F V 5. Para efeitos de pontuação para o Ranking Circuito Padel Portugal, os torneios serão agrupados por categorias, a saber: Campeonato Nacional Provas Padel Portugal Provas A Prova B 6. Apuramento para o Masters: 6.1 Para os quadros de Pares Femininos e Pares Masculinos, serão apurados os 16 primeiros atletas femininos e 16 masculinos individuais da última classificação, anterior ao Masters. 6.2 Para o quadro de Pares Mistos, serão apurados os 8 primeiros atletas femininos e 8 masculinos da última classificação anterior ao Masters. 6.3 A composição das duplas para disputa do Masters é da responsabilidade dos atletas apurados. Pág. 2

4 7. O Masters Padel Portugal será disputado em duas fases distintas, uma fase de grupos e uma fase eliminatória na qual serão disputadas duas meias-finais e a Na fase de grupos será utilizado o sistema de todos-contra-todos, com dois grupos de 4 duplas, sendo apurados para as meias-finais os dois melhores classificados de cada grupo, após realização da totalidade dos encontros da primeira fase Na primeira fase existirá 1 cabeça-de-série em cada grupo, sendo as restantes duplas sorteadas. A ordenação é feita segundo o Ranking do Circuito A classificação de cada grupo será determinada pela aplicação sucessiva dos seguintes critérios: Maior número de vitórias; Maior número de encontros jogados; Sempre que se verifique um empate entre duas ou mais duplas, adopta-se o seguinte procedimento: Entre duas duplas - resultado do confronto directo; Entre três ou mais duplas: Consideram-se apenas os resultados entre as duplas empatadas e atende-se, pela ordem seguinte, à diferença entre: a) O número de partidas ganhas e perdidas; b) O número de jogos ganhos e perdidos. Após a aplicação deste critério, caso subsistam duas duplas empatadas, aplica-se o disposto no ponto Pág. 3

5 8. A primeira dupla classificada de cada grupo da primeira fase será colocada nas meias-finais em confronto com a segunda classificada do grupo oposto. As vencedoras das meias-finais jogarão a. 9. Nas provas do Circuito Padel Portugal e Masters, todos os encontros serão disputados à melhor de 3 sets, sem ponto de ouro e sendo o 3º set um super tie break na fase de grupos. Apenas as finais são disputadas á melhor de 3 sets sem super tie break. 10. Sistema competitivo de acordo com o Regulamento Geral de Provas de Padel da FPT. Pág. 4

III Virada Esportiva ATC Gênesis - 2013

III Virada Esportiva ATC Gênesis - 2013 III Virada Esportiva ATC Gênesis - 2013 CIRCUITO INTERNO DE TÊNIS ATC RANKING GERAL 2013 REGULAMENTO 4ª ETAPA VIRADA ESPORTIVA DO TORNEIO: O Ranking Geral do Alphaville Tênis Clube objetiva a melhor integração

Leia mais

Regulamento do Circuito Smashtour 2013

Regulamento do Circuito Smashtour 2013 REGULAMENTO CIRCUITO SMASHTOUR 2014 Regulamento do Circuito Smashtour 2013 1 - O Circuito será disputado em três fases, com um mínimo de 19 provas de cada fase de desenvolvimento Mínimo de 1 e máximo de

Leia mais

REGULAMENTO TORNEIO POR EQUIPES CURITIBA TENNIS CLASSIC 2013

REGULAMENTO TORNEIO POR EQUIPES CURITIBA TENNIS CLASSIC 2013 REGULAMENTO TORNEIO POR EQUIPES CURITIBA TENNIS CLASSIC 2013 1. DO CONCEITO O Curitiba TennisClassic é um série de eventos competitivos disputada entre as melhores equipes nas categorias por idade, de

Leia mais

CIRCUITO NACIONAL CORREIOS DE BEACH TENNIS REGULAMENTO GERAL PARA 2014 1. DO CAMPEONATO

CIRCUITO NACIONAL CORREIOS DE BEACH TENNIS REGULAMENTO GERAL PARA 2014 1. DO CAMPEONATO CIRCUITO NACIONAL CORREIOS DE BEACH TENNIS REGULAMENTO GERAL PARA 2014 1. DO CAMPEONATO O Campeonato será realizado nos meses de Junho, Agosto,Outubro e a Etapa Master final do ano(local e data a confirmar),

Leia mais

REGULAMENTO CIRCUITO SQUASH HOTEL SRA. DO CASTELO 14/15

REGULAMENTO CIRCUITO SQUASH HOTEL SRA. DO CASTELO 14/15 REGULAMENTO CIRCUITO SQUASH HOTEL SRA. DO CASTELO 14/15 O Circuito Mangualdense de Squash (Circuito Hotel Senhora do Castelo) organizado pelo Let&Stroke Secção de Squash da Casa do Povo de Mangualde, contará

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 INSCRIÇÕES... 4 DATAS E LOCAIS DOS ENCONTROS 4 ESCALÕES ETÁRIOS/DURAÇÃO DE JOGO... 4 CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA... Erro! Marcador não definido.

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL DE GIRA-PRAIA DE SUB. 16,18 e 20-2014

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL DE GIRA-PRAIA DE SUB. 16,18 e 20-2014 REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL DE GIRA-PRAIA DE SUB. 16,18 e 20-2014 ARTIGO 1º O Campeonato Nacional de Gira- Praia de Subs é uma competição de Voleibol de Praia de âmbito nacional, organizada pela

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA Departamento de Lazer e Desporto para Todos NORMAS ESPECÍFICAS

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA Departamento de Lazer e Desporto para Todos NORMAS ESPECÍFICAS NORMAS ESPECÍFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela F.P.T.M.- Departamento de Lazer e Desporto para Todos, para as provas por ela organizadas. As normas específicas aplicam-se a todos

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL GIRA-PRAIA (SUB. 16,18 e 20)

REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL GIRA-PRAIA (SUB. 16,18 e 20) REGULAMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL GIRA-PRAIA (SUB. 16,18 e 20) I DISPOSIÇÔES GERAIS ARTIGO 1º O Campeonato Nacional Gira-Praia é uma competição de Voleibol de Praia de âmbito nacional, organizada pela

Leia mais

REGULAMENTO CURITIBA TENNIS CLASSIC 2013

REGULAMENTO CURITIBA TENNIS CLASSIC 2013 REGULAMENTO CURITIBA TENNIS CLASSIC 2013 1. DO CONCEITO O Curitiba Tennis Classic é uma competição aberta composta de uma série de eventos competitivos disputado por equipes de tenistas amadores. O evento

Leia mais

REGULAMENTO PADRÃO PARA TORNEIOS ABERTOS - 2014

REGULAMENTO PADRÃO PARA TORNEIOS ABERTOS - 2014 REGULAMENTO PADRÃO PARA TORNEIOS ABERTOS - 2014 1 - DO CAMPEONATO Os campeonatos abertos serão regidos pelo presente regulamento em consonância com resoluções, atualizações e normas aprovadas pela diretoria

Leia mais

Calendários e Regulamentos das Competições Federativas Nacionais 2015. Pesagens (horário provisório) 07/02 Sábado VIII Supertaça Fernando Gaspar 15:00

Calendários e Regulamentos das Competições Federativas Nacionais 2015. Pesagens (horário provisório) 07/02 Sábado VIII Supertaça Fernando Gaspar 15:00 Calendários e Regulamentos das Competições Federativas Nacionais 2015 1. Calendário Federativo Nacional Data Dia da Semana Evento Pesagens (horário provisório) 07/02 Sábado VIII Supertaça Fernando Gaspar

Leia mais

REGULAMENTO DE PROVA CAMPEONATO NACIONAL DAS ASSOCIAÇOES MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA

REGULAMENTO DE PROVA CAMPEONATO NACIONAL DAS ASSOCIAÇOES MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA FEDERAÇÃO PORTUGUESA MATRAQUILHOS E FUTEBOL DE MESA FUNDADA EM 0 DE FEVEREIRO DE 200 FILIADA NA ITSF - INTERNATIONAL TABLE SOCCER FEDERATION SEDE OFICIAL AV. ENG.º ARMANDO MAGALHAES, 31 4440-505 VALONGO

Leia mais

CIRCUITO REGIONAL GIRA PRAIA

CIRCUITO REGIONAL GIRA PRAIA Associação de Voleibol do ALENTEJO e ALGARVE 2015 = REGULAMENTO = Artigo 1º Enquadramento da prova e dos atletas participantes 1 O Circuito Regional de Gira Praia é uma competição regional organizada em

Leia mais

REGULAMENTO ESPECIFICO DE PROVAS OFICIAIS DE POLO-AQUATICO 2015/2016 INDICE... 2 PO1 CAMPEONATO NACIONAL DA 1.ª DIVISÃO MASCULINOS...

REGULAMENTO ESPECIFICO DE PROVAS OFICIAIS DE POLO-AQUATICO 2015/2016 INDICE... 2 PO1 CAMPEONATO NACIONAL DA 1.ª DIVISÃO MASCULINOS... REGULAMENTO ESPECÍFICO DE PROVAS OFICIAIS 2015/2016 INDICE INDICE... 2 PO1 CAMPEONATO NACIONAL DA 1.ª DIVISÃO MASCULINOS... 5 1 PRÉMIOS... 5... 5... 5 PO2 CAMPEONATO NACIONAL DA 2.ª DIVISÃO MASCULINOS...

Leia mais

BOWLING WORLD CUP 2015 Qualificação MASCULINOS e FEMININOS

BOWLING WORLD CUP 2015 Qualificação MASCULINOS e FEMININOS BOWLING WORLD CUP 2015 Qualificação MASCULINOS e FEMININOS Art. 1 ORGANIZAÇÃO 1.1 O apuramento para a QubicaAMF Bowling World Cup, é organizado em Portugal, pela Bowling Masters, na qualidade de representante

Leia mais

REGULAMENTO LIGA DE APOSTAS AEFMUP MUNDIAL DE FUTEBOL FIFA BRASIL 2014. Artigo 1º - Definição e Organização

REGULAMENTO LIGA DE APOSTAS AEFMUP MUNDIAL DE FUTEBOL FIFA BRASIL 2014. Artigo 1º - Definição e Organização REGULAMENTO LIGA DE APOSTAS AEFMUP MUNDIAL DE FUTEBOL FIFA BRASIL 2014 Artigo 1º - Definição e Organização 1. A Liga de Apostas AEFMUP Mundial de Futebol FIFA Brasil 2014 é uma iniciativa organizada pelo

Leia mais

4ª Copa Interestadual de Tênis de Mesa Pernambuco 2015

4ª Copa Interestadual de Tênis de Mesa Pernambuco 2015 4ª Copa Interestadual de Tênis de Mesa Pernambuco 2015 A Federação Pernambucana de Tênis de Mesa, tem a honra de convidar a todos os Atletas, Técnicos e Dirigentes de Federações e Clubes filiados a CBTM,

Leia mais

Ranking Nacional. Departamento de Combates

Ranking Nacional. Departamento de Combates Departamento de Combates ÍNDICE ARTIGO 1 - ENQUADRAMENTO 3 ARTIGO 2 - DESÍGNIO 3 ARTIGO 4 - PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS 3 ARTIGO 5 - FÓRMULA DE CÁLCULO DA PONTUAÇÃO FINAL NO EVENTO 5 ARTIGO 6 - FÓRMULA DE

Leia mais

REGULAMENTO BEACH TENNIS

REGULAMENTO BEACH TENNIS REGULAMENTO BEACH TENNIS 1. FILIAÇÃO 1.1. VALOR 1.2. BENEFÍCIOS 2. RANKING 2.1. VALIDAÇÃO 2.2. PONTUAÇÃO PARA JOGADOR 2.3. PONTUAÇÃO NO RANKING BRASILEIRO 3. TORNEIOS HOMOLOGADOS PELA CBT 3.1. ESPECIFICAÇÕES

Leia mais

REGULAMENTO do TORNEIO

REGULAMENTO do TORNEIO REGULAMENTO do TORNEIO As regras de jogo aplicadas no Maia Handball Cup 2014 são as que estão em vigor na Federação de Andebol de Portugal que, por sua vez, baseia a sua lei na IHF. No entanto, ficam estabelecidas

Leia mais

Câmara Municipal de Montemor-o-Velho. Unidade de Desporto XVII TORNEIO DE FUTEBOL JUVENIL 2014 REGULAMENTO

Câmara Municipal de Montemor-o-Velho. Unidade de Desporto XVII TORNEIO DE FUTEBOL JUVENIL 2014 REGULAMENTO Câmara Municipal de Montemor-o-Velho Unidade de Desporto XVII TORNEIO DE FUTEBOL JUVENIL 2014 REGULAMENTO Montemor-o-Velho, Maio de 2014 Índice REGULAMENTO... 3 1. ORGANIZAÇÃO... 3 2. DESTINATÁRIOS/ESCALÕES

Leia mais

2º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS. Normas de Funcionamento

2º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS. Normas de Funcionamento 2º CAMPEONATO MUNICIPAL DE MATRAQUILHOS Normas de Funcionamento Normas de Funcionamento Considerando a importância que a promoção da dinâmica desportiva assume no concelho, a Câmara Municipal da Lourinhã,

Leia mais

ÍNDICE. I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Âmbito

ÍNDICE. I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Âmbito ÍNDICE I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Âmbito II. ORGANIZAÇÃO DE PROVAS Artigo 2º - Modelo Competitivo Artigo 3º - Sistema Competitivo Artigo 4º - Ordem dos Jogos Artigo 5º - Duração dos Jogos Artigo

Leia mais

F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DE VELOCIDADE

F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DE VELOCIDADE F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DE VELOCIDADE Em vigor a partir de 27 de Janeiro de 2010 INDICE 1. CAMPEONATO NACIONAL DE REGATAS EM LINHA... 3 2. DEFINIÇÃO... 3 3.

Leia mais

Campeonato Nacional da II Divisão. Para conhecimento dos Sócios Ordinários, Clubes, SAD s e demais interessados

Campeonato Nacional da II Divisão. Para conhecimento dos Sócios Ordinários, Clubes, SAD s e demais interessados COMUNICADO OFICIAL N.: 421 DATA: 2009.06.04 Regulamento das Provas Oficiais de Futebol de Onze Campeonato Nacional da II Divisão Para conhecimento dos Sócios Ordinários, Clubes, SAD s e demais interessados

Leia mais

PÓLO AQUÁTICO. associação de natação de lisboa. Regulamentos Específicos

PÓLO AQUÁTICO. associação de natação de lisboa. Regulamentos Específicos PÓLO AQUÁTICO Regulamentos Específicos Época 2015/2016 TORNEIO DE ABERTURA DE ABSOLUTOS MASCULINOS A divulgar em circular. 2. PARTICIPAÇÃO Podem participar os jogadores do género masculino com idade mínima

Leia mais

CAMPEONATOS NACIONAIS DE EQUIPAS 2014 / 2015. - Este Campeonato será disputado por 10 (dez) equipas incluídas numa Zona Única.

CAMPEONATOS NACIONAIS DE EQUIPAS 2014 / 2015. - Este Campeonato será disputado por 10 (dez) equipas incluídas numa Zona Única. CAMPEONATOS NACIONAIS DE EQUIPAS 2014 / 2015 I DIVISÃO - SENIORES MASCULINOS - Este Campeonato será disputado por 10 (dez) equipas incluídas numa Zona Única. - O Campeonato compreenderá duas fases distintas:

Leia mais

TAXAS ÉPOCA 2010/2011 American Pool. * Jogadores com idade até 21 anos contados em 31 de Dezembro do acto da inscrição.

TAXAS ÉPOCA 2010/2011 American Pool. * Jogadores com idade até 21 anos contados em 31 de Dezembro do acto da inscrição. Federação Portuguesa de Bilhar Rua Gonçalves Crespo, 28, 4º - 1150-186 LISBOA Tel: 21 3153220 Fax: 213538497 email: fpbilhar@fpbilhar.pt Site: www.fpbilhar.pt TAXAS ÉPOCA 2010/2011 American Pool Filiação

Leia mais

REGULAMENTO DE REMO 2007 2008

REGULAMENTO DE REMO 2007 2008 REGULAMENTO DE REMO 2007 2008 REGATAS OFICIAIS E CAMPEONATOS ESTADUAIS CAPÍTULO I DOS REMADORES E SUAS CATEGORIAS: Artigo 1º O(a)(s) remador(a)(es)(as) que vierem a participar de regatas da serão divididos

Leia mais

BARRAGEM TENNIS OPEN 2015

BARRAGEM TENNIS OPEN 2015 REGULAMENTO BARRAGEM TENNIS OPEN 2015 I - Da barragem: Art. 1 - Os Torneios e a Barragem têm como principal objetivo a integração dos alunos e maior variedade de parceiros, bem como a manutenção e garantia

Leia mais

Regulamento do Circuito das Estações para o 6º Open de Beach Tennis ASBT primavera 2015 04 05 e 06 de setembro

Regulamento do Circuito das Estações para o 6º Open de Beach Tennis ASBT primavera 2015 04 05 e 06 de setembro Regulamento do Circuito das Estações para o 6º Open de Beach Tennis ASBT primavera 2015 04 05 e 06 de setembro As inscrições para o 6º OPEN DE BEACH TENNIS ASBT PRIMAVERA 2015 deverão ser feitas através

Leia mais

COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2014

COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2014 COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2014 1. DO CAMPEONATO Anualmente a CBT - Confederação Brasileira de Tênis promoverá a Copa das Federações, para definir o Estado Campeão Brasileiro. A Copa das

Leia mais

CAMPEONATO BRASILEIRO DE PADEL

CAMPEONATO BRASILEIRO DE PADEL CAMPEONATO BRASILEIRO DE PADEL REGULAMENTO 2015 O Campeonato Brasileiro de Padel é promovido, implantado e administrado pela Confederação Brasileira de Padel COBRAPA. O presente regulamento é válido para

Leia mais

Apoios e Subsídios 2015/2016

Apoios e Subsídios 2015/2016 Época 2015/2016 Federação Portuguesa de Bilhar Apoios e Subsídios 2015/2016 Notas prévias: Por cada duas equipas que os Clubes inscrevam numa modalidade será dada a possibilidade de inscrição da terceira

Leia mais

Feminino 2ª Divisão 2010_11. FASE FINAL APURADOS (1º ao 6º LUGAR) REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO

Feminino 2ª Divisão 2010_11. FASE FINAL APURADOS (1º ao 6º LUGAR) REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO Campeonato Nacional Feminino 2ª Divisão 2010_11 FASE FINAL APURADOS (1º ao 6º LUGAR) REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO A. Clubes Apurados B. Modelo Competitivo C. Marcação de Jogos D. Arbitragem E. Inscrição das

Leia mais

CLUB INTERNACIONAL DE FOOT-BALL

CLUB INTERNACIONAL DE FOOT-BALL REGULAMENTO GERAL DE PROVAS de Futebol 11 (categoria sénior) Capítulo I - Da realização dos torneios e jogos Capítulo II - Das inscrições Capítulo III - Da disciplina Capítulo IV - Da representação das

Leia mais

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010.

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010. COPA SENAI 2010 REGULAMENTO GERAL SESI SENAI - SP 2010 REGULAMENTO GERAL FASE INTERCLASSES I DOS OBJETIVOS Art. 01 A COPA SENAI 2010, tem por finalidade o bem estar e a integração do aluno perante a sociedade

Leia mais

TÉNIS. As pessoas que apostam responsavelmente certificam-se que conhecem todas as particularidades do evento em que irão apostar.

TÉNIS. As pessoas que apostam responsavelmente certificam-se que conhecem todas as particularidades do evento em que irão apostar. TÉNIS As pessoas que apostam responsavelmente certificam-se que conhecem todas as particularidades do evento em que irão apostar. Elas decidem com antecedência quanto tempo e dinheiro querem gastar. Jogar

Leia mais

Federação Portuguesa de Minigolfe UPD REGULAMENTO GERAL DE PROVAS. Aprovado na Assembleia Geral de 2013-12-07

Federação Portuguesa de Minigolfe UPD REGULAMENTO GERAL DE PROVAS. Aprovado na Assembleia Geral de 2013-12-07 Federação Portuguesa de Minigolfe UPD REGULAMENTO GERAL DE PROVAS Aprovado na Assembleia Geral de 2013-12-07 REGULAMENTO GERAL DE PROVAS DESPORTIVAS 1. PROVAS FEDERATIVAS 1.1. São consideras Provas Federativas

Leia mais

Seletiva Estadual Universitária de RUGBY SEVEN

Seletiva Estadual Universitária de RUGBY SEVEN Seletiva Estadual Universitária de RUGBY SEVEN LOCAL/ DATA/ HORÁRIO Local: Campo Federação Paulista de Rugby Parque Esportivo do Trabalhador (Antigo CERET) Rua Canuto de Abreu, s/número - Tatuapé Data:

Leia mais

BOLETIM REGULAMENTAR 2013 RUGBY TAG CEUS

BOLETIM REGULAMENTAR 2013 RUGBY TAG CEUS BOLETIM REGULAMENTAR 2013 RUGBY TAG CEUS CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES GERAIS 1. Todas as partidas serão disputadas de acordo com as Leis do jogo em vigor conforme estipulado pela Federação Paulista de Rugby.

Leia mais

CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 CIDADE DE CABO FRIO - RJ Dias 04, 05, 06 e 07 de Junho de 2015 VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO CABO FRIO VOLEI MASTER 2015

CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 CIDADE DE CABO FRIO - RJ Dias 04, 05, 06 e 07 de Junho de 2015 VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 REALIZAÇÃO APOIO ASSOCIAÇÃO MASTER DE VOLEIBOL DO RIO DE JANEIRO AMAVOLEI CABO FRIO VOLEI MASTER 2015 VOLEIBOL DE QUADRA PREFEITURA MUNICIPAL DE CABO FRIO SECRETARIA DE ESPORTES DE CABO FRIO Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013

REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013 REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013 1. INTRODUÇÃO O 1º Torneio de Futsal Mosaico de Paisagens 2013, organizado pelo Município de Caminha, será disputado por um total máximo de

Leia mais

I Aberto do Sport Club do Recife

I Aberto do Sport Club do Recife I Aberto do Sport Club do Recife Troféu Amizade (Homenagem aos dois grandes atletas e colaboradores do Tênis de Mesa Pernambucano há mais de 30 anos, Natália Pereira e Domingos Cardozo). Associação dos

Leia mais

A. Disposições Gerais

A. Disposições Gerais FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ATLETISMO Direcção Técnica Nacional Sector juvenil Versão de 29 de Maio de 2008 REGULAMENTO GERAL DE COMPETIÇÕES NORMAS RELACIONADAS COM OS ESCALÕES DO ATLETISMO JUVENIL A. Disposições

Leia mais

LIGA REGIONAL 2016 / REGULAMENTO

LIGA REGIONAL 2016 / REGULAMENTO LIGA REGIONAL 2016 / REGULAMENTO 1-CALENDÁRIO: DATA INSC. INÍCIO TÉRMINO TORNEIO E CIDADE ATÉ 06/01 16/01 à 06/02 TÊNIS CLUBE DE SOROCABA ATÉ 03/02 13/02 à 13/03 ST/RICARDO MIRANDA/CERQUILHO ATÉ 09/03

Leia mais

FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS. Calendário de Torneios 1º Semestre de 2011. Torneios Abertos Regulamentos Calendário Interclubes Informações Gerais

FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS. Calendário de Torneios 1º Semestre de 2011. Torneios Abertos Regulamentos Calendário Interclubes Informações Gerais FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS Calendário de Torneios 1º Semestre de 2011 Torneios Abertos Regulamentos Calendário Interclubes Informações Gerais COMO FILIAR-SE E TAXAS PARA O ANO DE 2011 Para participar

Leia mais

REGULAMENTO CIRCUITO BANCO DO BRASIL VÔLEI DE PRAIA OPEN /NACIONAL

REGULAMENTO CIRCUITO BANCO DO BRASIL VÔLEI DE PRAIA OPEN /NACIONAL REGULAMENTO DO CIRCUITO BANCO DO BRASIL VÔLEI DE PRAIA OPEN /NACIONAL Etapas de Cuiabá/MT e Goiânia/GO ÍNDICE CAPÍTULO 1: 1.1 CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE VOLEIBOL...04 1.2 DIREITOS DA CBV SOBRE OS EVENTOS

Leia mais

CAMPEONATO BRASILEIRO INFANTO-JUVENIL CIRCUITO NACIONAL CORREIOS ETAPA BRASÍLIA

CAMPEONATO BRASILEIRO INFANTO-JUVENIL CIRCUITO NACIONAL CORREIOS ETAPA BRASÍLIA CAMPEONATO BRASILEIRO INFANTO-JUVENIL CIRCUITO NACIONAL CORREIOS ETAPA BRASÍLIA REGULAMENTO GERAL PARA 2014 1. DO CAMPEONATO O Campeonato será realizado no mês de julho, regendo-se pelo presente regulamento,

Leia mais

1ª Liga de Futsal 2014/2015

1ª Liga de Futsal 2014/2015 1ª Liga de Futsal 2014/2015 Patrono RICARDINHO 1 I Liga Futsal 2014/2015 Regulamento Equipas Artigo 1º Esta liga de futsal encontra-se aberta a equipas de empresas devidamente certificadas, podendo ser

Leia mais

2º TORNEIO KICK-OFF / WORTEN

2º TORNEIO KICK-OFF / WORTEN 2º TORNEIO KICK-OFF / WORTEN DOSSIER DO TORNEIO 1. Introdução A nossa empresa conta com alguns anos de experiência na organização de eventos desportivos, surgindo este no seguimento de outros por nós realizados.

Leia mais

Regulamento para Seletiva de Arco Composto Campeonato das Américas 2014 de Tiro com Arco, Rosário - Argentina

Regulamento para Seletiva de Arco Composto Campeonato das Américas 2014 de Tiro com Arco, Rosário - Argentina Regulamento para Seletiva de Arco Composto Campeonato das Américas 2014 de Tiro com Arco, Rosário - Argentina Local: Centro de Treinamento CBTARCO Maricá, RJ Data: 30 e 31 de agosto de 2014. A seletiva

Leia mais

CAMPEONATO ESCOLAR DE BASQUETEBOL 3X3 COMPAL AIR REGULAMENTO DOS TORNEIOS

CAMPEONATO ESCOLAR DE BASQUETEBOL 3X3 COMPAL AIR REGULAMENTO DOS TORNEIOS CAMPEONATO ESCOLAR DE BASQUETEBOL 3X3 COMPAL AIR REGULAMENTO DOS TORNEIOS INTRODUÇÃO No Campeonato Escolar Compal Air estão incluídos um conjunto de Torneios 3x3, correspondentes às fases Local, Regional

Leia mais

GINÁSTICA DE TRAMPOLINS

GINÁSTICA DE TRAMPOLINS GINÁSTICA DE TRAMPOLINS SELEÇÕES NACIONAIS E ALTO RENDIMENTO 2013-2016 PROCESSO DE SELEÇÃO CAMPEONATO DA EUROPA 2014 e CAMPEONATO DO MUNDO 2014 Duplo Mini Trampolim Tumbling Trampolim Individual PROCESSO

Leia mais

NORMAS ESPECÍFICAS. Taça Fundação INATEL

NORMAS ESPECÍFICAS. Taça Fundação INATEL NORMAS ESPECÍFICAS Taça Fundação INATEL FUTEBOL - ÉPOCA 2009-2010 Taça Fundação INATEL NORMAS ESPECÍFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela Direcção Desportiva, em complemento do Código

Leia mais

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN Artigo 1º - Os Jogos Universitários tem como objetivo: * Incentivar a participação dos jovens em atividades saudáveis do ponto de vista social,

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Os jogos internos do COLÉGIO FRACTAL (JICOF) têm por finalidade principal humanizar a prática desportiva, valorizando

Leia mais

REGULAMENTO INTERCLUBES SENIORS 2016

REGULAMENTO INTERCLUBES SENIORS 2016 REGULAMENTO INTERCLUBES SENIORS 2016 1. DO CAMPEONATO Poderá participar do Interclubes Seniors toda agremiação que estiver devidamente cadastrada na FPT e com suas obrigações financeiras em dia. O campeonato

Leia mais

Nota Oficial 008/2013 Ref.: PETECA

Nota Oficial 008/2013 Ref.: PETECA Nota Oficial 008/2013 Ref.: PETECA A Coordenação Técnica da Copa FECEMG 2013 no uso de suas atribuições legais especificadas no Regulamento Geral da competição, torna público as normas de realização dos

Leia mais

CIF Club Internacional de Foot-Ball. Regulamento do Torneio Escada 2015

CIF Club Internacional de Foot-Ball. Regulamento do Torneio Escada 2015 CIF Club Internacional de Foot-Ball Regulamento do Torneio Escada 2015 INTRODUÇÃO 1. O Torneio Escada do CIF é aberto a sócios e não sócios do CIF. 2. O torneio é disputado em três escalões: femininos,

Leia mais

FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS. Calendário de Torneios 2º Semestre de 2011. Torneios Abertos Regulamentos Calendário Interclubes Informações Gerais

FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS. Calendário de Torneios 2º Semestre de 2011. Torneios Abertos Regulamentos Calendário Interclubes Informações Gerais FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS Calendário de Torneios 2º Semestre de 2011 Torneios Abertos Regulamentos Calendário Interclubes Informações Gerais COMO FILIAR-SE E TAXAS PARA O ANO DE 2011 Para participar

Leia mais

PROF. RESPONS.: Luiz Iwashita CEB Centro Esportivo Bagozzi Rua Caetano Marchesini, 850 - Portão Curitiba Pr Fone: (41) 3345-7130 / (041) 9979-1210

PROF. RESPONS.: Luiz Iwashita CEB Centro Esportivo Bagozzi Rua Caetano Marchesini, 850 - Portão Curitiba Pr Fone: (41) 3345-7130 / (041) 9979-1210 Ru PROF. RESPONS.: Luiz Iwashita Rua Caetano Marchesini, 850 - Portão Curitiba Pr Fone: (41) 3345-7130 / (041) 9979-1210 CONVITE A Associação de Judô IWASHITA tem a imensa satisfação de convidar a Vossa

Leia mais

Apoios e Subsídios 2014/2015

Apoios e Subsídios 2014/2015 Apoios e Subsídios 2014/2015 Notas prévias: Apenas serão apoiados e subsidiados os atletas e equipas vinculados a clubes que tenham a sua situação financeira regularizada perante a FPB; As equipas e atletas

Leia mais

CÂMARA MUNICPAL DO NORDESTE GABINETE DO DESPORTO TORNEIO DE FUTSAL INTER-FREGUESIAS DO NORDESTE 2015

CÂMARA MUNICPAL DO NORDESTE GABINETE DO DESPORTO TORNEIO DE FUTSAL INTER-FREGUESIAS DO NORDESTE 2015 CÂMARA MUNICPAL DO NORDESTE I.INTRODUÇÃO Com a organização do Torneio de Futsal Inter-Freguesias do Nordeste 2015, o gabinete do Desporto pretende proporcionar à população concelhia um espaço privilegiado

Leia mais

X CAMPEONATO NACIONAL BULLSHOOTER

X CAMPEONATO NACIONAL BULLSHOOTER X CAMPEONATO NACIONAL BULLSHOOTER Évora, 10 a 14 de Junho de 2009 1 X CAMPEONATO NACIONAL BULLSHOOTER Évora, 10 a 14 de Junho de 2009 A Bullshooter Portugal e a Federação Portuguesa de Dardos e Setas gostariam

Leia mais

Circular nº 05 2015/2016 24-09-2015 Carambola - Época 2015/2016

Circular nº 05 2015/2016 24-09-2015 Carambola - Época 2015/2016 Instituição de Utilidade Pública Instituição de Utilidade Pública Desportiva Membro do Comité Olímpico de Portugal Membro da Confederação do Desporto de Portugal Membro da Confédération Européenne de Billard

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL 1. Os jogos de Futsal serão realizados de acordo com as Regras Oficiais, salvo o estabelecido neste Regulamento. 2. Cada equipe poderá inscrever

Leia mais

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 I - DOS JOGOS Art.1 - A Olimpíada Especial UBM/PMBM tem por finalidade desenvolver o intercâmbio desportivo e social entre os atletas, professores

Leia mais

XII TORNEIO 24 HORAS FUTSAL INTER-BOMBEIROS

XII TORNEIO 24 HORAS FUTSAL INTER-BOMBEIROS XII TORNEIO 24 HORAS FUTSAL INTER-BOMBEIROS Regulamento Base 1. FINALIDADE É do interesse deste Corpo de Bombeiros fomentar a prática desportiva por parte dos bombeiros e outros agentes de proteção civil,

Leia mais

PORTUGAL OPEN 2015 REGULAMENTO

PORTUGAL OPEN 2015 REGULAMENTO Oeiras - Portugal 30 de Agosto a 5 de setembro de 2015 1. ORGANIZADOR Federação Portuguesa de Xadrez (FPX) Rua Francisco Foreiro, n.º2, 4º esq 1150-166 Lisboa Portugal Tel: (+ 351) 213 579 144, Fax: (+

Leia mais

COLÉGIO MOTIVA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTES COORDENAÇÃO DE EVENTOS BASQUETE

COLÉGIO MOTIVA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTES COORDENAÇÃO DE EVENTOS BASQUETE BASQUETE Art. 1º - As competições da modalidade de Basquete serão regidas pelas regras oficiais da FIBA, em consonância com este regulamento específico e o Regulamento Geral da competição. a) Fase Classificatória

Leia mais

REGULAMENTO DE PROVAS

REGULAMENTO DE PROVAS REGULAMENTO DE PROVAS CAPITULO I DA ORGANIZAÇÃO DAS PROVAS ARTIGO 1º - LIMITES DA ÉPOCA OFICIAL 1 - É considerada Época Oficial, o período compreendido entre 1 de Agosto e 31 de Julho. ARTIGO 2º - PROVAS

Leia mais

FUTEBOL. www.inatel.pt

FUTEBOL. www.inatel.pt NORMAS ESPECIFICAS FUTEBOL www.inatel.pt FUTEBOL NORMAS ESPECIFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela Direção Desportiva, em complemento do Código Desportivo, para as provas organizadas

Leia mais

CALENDÁRIO DESPORTIVO 2012 SPORTS CALENDAR 2012

CALENDÁRIO DESPORTIVO 2012 SPORTS CALENDAR 2012 FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE MATRAQUILHOS RUA RODRIGUES ALVES, 98 4440-696 VALONGO TLF. 22 422 87 58 geral@fpm.pt www.fpm.pt CALENDÁRIO DESPORTIVO 2012 SPORTS CALENDAR 2012 Patrocinador Oficial da FPM 0 JANEIRO

Leia mais

3 ETAPAS JULHO SETEMBRO NOVEMBRO MAIS DE 400 ATLETAS

3 ETAPAS JULHO SETEMBRO NOVEMBRO MAIS DE 400 ATLETAS 3 ETAPAS JULHO SETEMBRO NOVEMBRO 2013 MAIS DE 400 ATLETAS Circuito Potiguar de Tênis Um novo evento para o calendário potiguar de grandes competições. O Circuito Potiguar de Tênis será realizado no mais

Leia mais

6º MERCOSUL OPEN SENIORS DE BADMINTON Torneio Integração dos Povos do Mundo

6º MERCOSUL OPEN SENIORS DE BADMINTON Torneio Integração dos Povos do Mundo 6º MERCOSUL OPEN SENIORS DE BADMINTON Torneio Integração dos Povos do Mundo A Comissão Organizadora e a Comunidade Chinesa do Paraguai convidam todas as entidades de prática e atletas do Brasil e do Exterior

Leia mais

REGULAMENTO GERAL PARA O ANO DE 2015

REGULAMENTO GERAL PARA O ANO DE 2015 1. TRANSFERÊNCIAS DE ATLETAS REGULAMENTO GERAL PARA O ANO DE 2015 1.1. A transferência de atletas entre a FPBOL e demais Federações do país deverá ser por meio de formulário de solicitação de Transferência,

Leia mais

APURAMENTO CAMPEÃO AFH JUNIORES A FUTSAL

APURAMENTO CAMPEÃO AFH JUNIORES A FUTSAL Rua Cônsul Dabney 9900-014 Horta APURAMENTO CAMPEÃO AFH JUNIORES A FUTSAL DATA: 06 e 07 de fevereiro de 2015 LOCAL: Pavilhão das Lajes das Flores / Lajes das Flores / Flores Página Net : www.afhorta.com

Leia mais

REGULAMENTO PARTICULAR DA TAÇA DE PORTUGAL CROSS COUNTRY MARATONA (XCM) 2013. (Atualizado a 10.04.2013)

REGULAMENTO PARTICULAR DA TAÇA DE PORTUGAL CROSS COUNTRY MARATONA (XCM) 2013. (Atualizado a 10.04.2013) REGULAMENTO PARTICULAR DA TAÇA DE PORTUGAL CROSS COUNTRY MARATONA (XCM) 2013 1. INTRODUÇÃO (Atualizado a 10.04.2013) 1.1- A Taça de Portugal XCM é um troféu oficial da UVP/ Federação Portuguesa de Ciclismo.

Leia mais

Copa Cariri Garden Shopping de Tênis de Mesa - CE

Copa Cariri Garden Shopping de Tênis de Mesa - CE Copa Cariri Garden Shopping de Tênis de Mesa - CE A Federação dos Mesatenistas do Ceará-FMC tem a honra de convidar a todos os Atletas, Técnicos e Dirigentes das Federações e Clubes filiados a CBTM, a

Leia mais

νµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτ ψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπα σδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκ χϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθ

νµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτ ψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπα σδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκ χϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθ θωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψ υιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδ φγηϕκλζξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζ ξχϖβνµθωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµ II Campeonato de Bisca do Porto da Cruz θωερτψυιοπασδφγηϕκλζξχϖβνµθωερτψ

Leia mais

REGULAMENTO DO RANKING PARAIBANO 2015

REGULAMENTO DO RANKING PARAIBANO 2015 REGULAMENTO DO RANKING PARAIBANO 2015 DO RANKING, DOS OBJETIVOS E DENOMINAÇÕES Artigo 01. O Ranking Paraibano de Tênis será realizado pelo sistema portal do tênis paraibano, localizado no endereço eletrônico

Leia mais

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL * Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL 1. DOS JOGOS: Os jogos de Futsal serão regidos pelas Regras Oficiais vigentes da Confederação Brasileira de Futsal, observadas as exceções previstas neste Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO DE FUTSAL

REGULAMENTO DE FUTSAL REGULAMENTO DE FUTSAL Capítulo I DAS FINALIDADES Art. 1º O campeonato de futsal masculino, é promovido como uma das modalidades dos VI JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA, promovido e organizado pela AMB Associação

Leia mais

REGULAMENTO JIU-JITSU

REGULAMENTO JIU-JITSU DATA/ LOCAL/ HORÁRIO Data: 16 de maio (DOMINGO) LIGA UNIVERSITÁRIA PAULISTA REGULAMENTO JIU-JITSU Local: Clube Escola Mooca Rua Taquari, 635 (EM FRENTE A UNIVERSIDADE SÃO JUDAS) Bairro Mooca São Paulo

Leia mais

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 Organização, compromisso e qualidade em prol do esporte universitário paulista www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 REGULAMENTO

Leia mais

Regulamento do Campeonato Gaúcho de Rugby 2013 1ª Divisão - Categoria Principal

Regulamento do Campeonato Gaúcho de Rugby 2013 1ª Divisão - Categoria Principal Regulamento do Campeonato Gaúcho de Rugby 2013 1ª Divisão - Categoria Principal Introdução O Campeonato Gaúcho de 2013 da primeira divisão ( CGR 2013 Principal ) terá por objetivo a consolidação dos principais

Leia mais

XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 R E G U L A M E N T O

XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 R E G U L A M E N T O XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 R E G U L A M E N T O DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - O XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 é uma promoção e realização da Federação

Leia mais

F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DAS PRIMEIRAS PAGAIADAS

F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DAS PRIMEIRAS PAGAIADAS F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DAS PRIMEIRAS PAGAIADAS Em vigor a partir de 21 de Agosto de 2015 1. PRIMEIRAS PAGAIADAS 1.1. Objetivos O quadro competitivo promovido

Leia mais

11º CAMPEONATO BRASILEIRO DE TERCETOS - 2015

11º CAMPEONATO BRASILEIRO DE TERCETOS - 2015 11º CAMPEONATO BRASILEIRO DE TERCETOS - 2015 R E G U L A M E N T O 1. Datas, horários e locais de disputa O 11º Campeonato Brasileiro de Tercetos será realizado em Minas Gerais, no período de 4 a 7 de

Leia mais

Paralisia Cerebral- Associação Nacional de Desporto

Paralisia Cerebral- Associação Nacional de Desporto B O C C I A REGULAMENTAÇÃO GERAL NACIONAL 2008/2009 1 INTRODUÇÃO Todos os intervenientes em competições de zona e nacionais, acções de formação e classificação médico - desportiva, deverão reger-se pelos

Leia mais

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO I - DOS LOCAIS DOS JOGOS Art. 1º - Os jogos serão realizados nos seguintes locais: Quadras 01,02 e 03 - térreo do Prédio 80 Quadras 01,02 e 03-4º andar do Prédio

Leia mais

IV Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil

IV Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil IV Jogos Estudantis do Colégio Vital Brazil Antes da pretensão de promover um campeonato, deve-se promover o homem em sua infinita potencialidade e complexidade REVERDITO, SCAGLIA E MONTAGNER 2013. [...]

Leia mais

Campeonato Regional de Ténis 2009 Iniciados e Juvenis CLUBE DE TÉNIS DO ESTORIL

Campeonato Regional de Ténis 2009 Iniciados e Juvenis CLUBE DE TÉNIS DO ESTORIL 1 Introdução DOCUMENTO ORIENTADOR O Campeonato Regional de Ténis enquadra-se num conjunto de Campeonatos Regionais da responsabilidade da Direcção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo. O presente

Leia mais

FUTSAL INTER CURSOS 2013/14 REGULAMENTO GERAL DA PROVA

FUTSAL INTER CURSOS 2013/14 REGULAMENTO GERAL DA PROVA INTER CURSOS 2013/14 REGULAMENTO GERAL DA PROVA 1 MODELO COMPETITIVO DO INTER CURSOS 1.1 ESTA COMPETIÇÃO SERÁ DISPUTADA ENTRE 35 EQUIPAS, DISTRIBUIDAS 12 PELA PRIMEIRA DIVISÃO, E DOIS GRUPOS NA SEGUNDA

Leia mais

APOIO: 1ª COPA FUNILÂNDIA SESCON/MG

APOIO: 1ª COPA FUNILÂNDIA SESCON/MG 1ª COPA FUNILÂNDIA SESCON/MG VOLEIBOL 2015 CARTA CONVITE A Prefeitura Municipal de Funilândia em parceria com a SESCON/MG e a MACKSSUD convida todas as entidades esportivas a participarem da 1ª COPA FUNILÂNDIA

Leia mais

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO CAPITULO I Da Denominação e Participação Art. 1º - O Campeonato de Voleibol Masculino 2015 OAB SP/CAASP, organizado

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO FUTSAL

REGULAMENTO TÉCNICO FUTSAL FUTSAL Art. 1º - O campeonato de Futebol de Salão será regido pelas regras oficiais da CBFS - Confederação Brasileira de Futsal, por este Regulamento e conforme o disposto no Regulamento Geral. Art. 2º

Leia mais

TORNEIO DE SUECA. CAFÉ CLASSIC Regulamento

TORNEIO DE SUECA. CAFÉ CLASSIC Regulamento TORNEIO DE SUECA CAFÉ CLASSIC Regulamento Torneio de sueca 1º O torneio será em forma de grupos. 2º Exemplo: podendo ser alteradas o número de equipas apuradas, dependendo das equipas inscritas! Grupo

Leia mais