Conteúdos. Escalada Rapel Tirolesa Slackline

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Conteúdos. Escalada Rapel Tirolesa Slackline"

Transcrição

1 Conteúdos Escalada Rapel Tirolesa Slackline

2 Habilidades Conhecer os esportes de aventura, entendendo os conceitos do esporte e os cuidados necessários. Reconhecer nos esportes de aventura uma alternativa de atividade que proporcione o contato com a natureza

3 PAUTA DO DO Acolhida Memorial Corpo em movimento Equipes Problematização Exibição de vídeo

4 PAUTA DO DO Leitura de imagem Atividades teórico-práticas Atividades complementares Interatividade

5 MEMORIAL PAUTA DO

6 VIVÊNCIA PAUTA DO DAS EQUIPES Coordenação Socialização Síntese Avaliação

7 CORPO PAUTA EM DO MOVIMENTO Atividade Nome: Olhos pardais Desenvolvimento: Formar duas fileiras de cadeiras, uma de frente para a outra a uma distância de 4 metros. Os alunos ficam sentados enquanto uma pessoa fica ao centro (em pé).

8 CORPO PAUTA EM DO MOVIMENTO Os alunos terão que trocar olhares com as pessoas que estão sentadas na fila oposta, a dupla que cruzar fixamente o olhar deverá trocar de lugar sem que o colega que está em pé tome o seu lugar.

9 CORPO PAUTA EM DO MOVIMENTO Em determinado momento o professor poderá anunciar em voz alta: olhos pardais, estão todos deverão trocar de lugar, dando possibilidade para que seja trocado o colega que está em pé.

10 CORPO PAUTA EM DO MOVIMENTO

11 PROBLEMATIZAÇÃO PAUTA DO Em que lugar este esporte é realizado?

12 PROBLEMATIZAÇÃO PAUTA DO Este esporte é perigoso?

13 PROBLEMATIZAÇÃO PAUTA DO Ao praticar este esporte, qual é a sensação sentida pelo atleta em sua opinião?

14 LEITURA PAUTA DE DO IMAGEM Orientações - Atividade Local 3 Grupo 01: Desenhar em um cartaz um esporte de aventura visto no vídeo, que mais chamou sua atenção.

15 LEITURA PAUTA DE DO IMAGEM Orientações - Atividade Local 3 Grupo 02: Escrever no caderno um texto narrativo contanto uma aventura vivida por vocês que se identifica com um dos esportes vistos no vídeo

16 LEITURA PAUTA DE DO IMAGEM Orientações - Atividade Local 3 Grupo 03: Descrever outro esporte que você acredite que é um esporte de aventura, mas que não aparece no vídeo.

17 ESPORTE DE AVENTURA Também conhecido como: - esporte de ação - esporte radical

18

19 - Maior grau de risco físico -Variantes como a altura e a velocidade. - Esporte emocionante. - situações extremas de limite físico e psicológico.

20 Os esportes radicais e classificações Comuns

21 Arvorismo

22 Bungee Jumping

23 Escalada

24 Slackline

25 Parkour

26 Tirolesa

27 Orientação

28 Mountainbike

29 Os esportes radicais e classificações Com máquinas

30 Automobilismo

31 MotoCross

32 Snowmobile

33 Snowbord

34 Os esportes radicais e classificações De aventura aérea

35 Rapel

36 Paraquedismo

37 Parapente

38 Asa delta

39 Balonismo

40 Os esportes radicais e classificações Em corredeiras, rio ou mar

41 Mergulho

42 Wakebard

43 Surf

44 Rafting

45 Caiaque

46 Em nossa aula de hoje: RAPEL TIROLESA

47 Em nossa aula de hoje: ESCALADA SLAKELINE

48 Segurança e Equipamentos Calçado Capacete apropriado

49 Arnês ou Corda Mosquetões cadeirinhas

50 Freios Fitas

51 Escalada: Objetivo atingir o alto de uma parede rochosa, de um bloco ou mesmo de um muro.

52 Tipos: Escalada Livre Escalada artificial Muro de escalada

53 O rapel Descida de paredes e vão livres Rappel palavra em francês significa chamar ou recuperar Criador do termo: Jean Charlet-Stranton

54 Explica: "Quando chegava perto de meus companheiros eu puxava fortemente a corda por uma de suas pontas e assim a trazia de volta para mim..."

55 O rapel também é utilizado como técnica de salvamento ou resgate.

56 A tirolesa Consiste em um cabo de aço aéreo, ancorado entre dois pontos em o atleta se deslocará através de roldanas.

57 Pode ser praticado em: Campo aberto Lagos

58 O slackline Fita elástica esticada entre dois pontos fixo, o que permite ao praticante andar e fazer manobras por cima.

59 Slackline significa linha folgada. Também conhecido como corda bamba

60 Modalidades Trickline Longline

61 Modalidades Highline Waterline

62 Atividade: GRUPO 1: Desenhar e identificar os equipamentos usados nos esportes de aventura citados na aula. Monte um mural

63 GRUPO 2: Criar uma história contando uma aventura em que o(os) personagem (ens) pratique um dos esportes radicais citados na aula.

64 GRUPO 3: Cite e descreva um filme que mostre em suas cenas um esporte de aventura.

65 ATIVIDADES PAUTA DO COMPLEMENTARES A corrida de orientação Esporte individual Objetivo: realizar um percurso em um terreno variado, de acordo com a descrição de um mapa, passando por lugares definidos como pontos controles, antes de alcançar a linha de chegada.

66 ATIVIDADES PAUTA DO COMPLEMENTARES

67 ATIVIDADES PAUTA DO COMPLEMENTARES Competidor equipado: - bússola, - mapa topográfico - cartão de controle ou resposta

68 ATIVIDADES PAUTA DO COMPLEMENTARES O Local: Área Verde - Floresta ou parques.

69 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Para realizar a corrida de orientação: - Cada competidor com um mapa e um cartão resposta - Marca-se o tempo inicial

70 ATIVIDADES COMPLEMENTARES - O competidor deverá passar por cada ponto e registrar no cartão. - Ponto de chegada: registrar o tempo do competidor e conferir o cartão resposta.

71 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Atividade Grupo 01 Desenhar um mapa aéreo do local que será realizado a orientação.

72 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Grupo 02 Montar o mapa mestre e os mapas para 10 percursos diferentes.

73 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Grupo 03 Elaborar 20 perguntas, o gabarito dos 10 percursos, Montar as fichas de respostas e fichar as perguntas e as balizas nos campos.

74 ATIVIDADES COMPLEMENTARES Com o percurso montado, inicie a atividade distribuindo os mapas e seguindo o percurso da corrida de orientação.

75 ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Conteúdos: O anúncio. Recursos para redução e ampliação de texto.

Conteúdos: O anúncio. Recursos para redução e ampliação de texto. Conteúdos: O anúncio. Recursos para redução e ampliação de texto. Habilidades: - Compreender as funções do texto descritivo usado no gênero anúncio. - Identificar estratégias persuasivas, argumentativas

Leia mais

Aula 10.2 Conteúdo: Os esportes indígenas na cultura não indígena. DINÂMICA LOCAL INTERATIVA APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA

Aula 10.2 Conteúdo: Os esportes indígenas na cultura não indígena. DINÂMICA LOCAL INTERATIVA APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA A A Aula 10.2 Conteúdo: Os esportes indígenas na cultura não indígena. 2 A A Habilidades: Reconhecer os jogos com heranças indígenas. 3 A A O esporte indígena na cultura não indígena: A cultura brasileira

Leia mais

AS TRÊS DIMENSÕES DO CONTEÚDO NA EDUCAÇÃO FÍSICA: TEMATIZANDO OS ESPORTES RADICAIS NA ESCOLA PÚBLICA

AS TRÊS DIMENSÕES DO CONTEÚDO NA EDUCAÇÃO FÍSICA: TEMATIZANDO OS ESPORTES RADICAIS NA ESCOLA PÚBLICA AS TRÊS DIMENSÕES DO CONTEÚDO NA EDUCAÇÃO FÍSICA: TEMATIZANDO OS ESPORTES RADICAIS NA ESCOLA PÚBLICA Daniel Teixeira Maldonado Maurício Bráulio Daniel Bocchini Prefeitura de São Paulo EMEF 19 de Novembro

Leia mais

PAUTA DO DIA. Acolhida Memorial Vivencia das Equipes Corpo em Movimento Problematização Exibição do Vídeo

PAUTA DO DIA. Acolhida Memorial Vivencia das Equipes Corpo em Movimento Problematização Exibição do Vídeo PAUTA DO DIA Acolhida Memorial Vivencia das Equipes Corpo em Movimento Problematização Exibição do Vídeo PAUTA DO DIA Acolhida Memorial Vivencia das Equipes Corpo em Movimento Problematização Exibição

Leia mais

ROTEIRO DIÁRIO SEQUÊNCIA DAS ATIVIDADES/ ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS. Vinheta do Projeto. Aula: 15 Teleaula: 55 Título: Alavancas 13:01h às13:05h 4 min.

ROTEIRO DIÁRIO SEQUÊNCIA DAS ATIVIDADES/ ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS. Vinheta do Projeto. Aula: 15 Teleaula: 55 Título: Alavancas 13:01h às13:05h 4 min. Componente Curricular: Ciências Série/Ano Letivo: 9º ano/2014 Professor Ministrante: Giselle Palmeira e Silone Guimarães Carga Horária: 5 horas/aula Data: 27/03/2014 Aula: 15 Teleaula: 55 Título: Alavancas

Leia mais

Aula 14.2 Conteúdo: Esportes de aventura e o meio urbano. DINÂMICA LOCAL INTERATIVA APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA

Aula 14.2 Conteúdo: Esportes de aventura e o meio urbano. DINÂMICA LOCAL INTERATIVA APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER EDUCAÇÃO FÍSICA A A Aula 14.2 Conteúdo: Esportes de aventura e o meio urbano. 2 A A Habilidades: Relacionar a prática esportiva e o ambiente urbano. 3 A A Esporte de aventura o que são? São esportes com maior grau de

Leia mais

ROTEIRO DIÁRIO. Vinheta do Projeto

ROTEIRO DIÁRIO. Vinheta do Projeto Componente Curricular: Língua Inglesa Série/Ano Letivo: 7 Ano/ 2014 Professores Ministrantes: Tiago Pereira & Claudia Borges Carga Horária: 5 horas/aula Data: 07/07/2014 Aula: 03 Teleaula: 16 Título: Be

Leia mais

CENTRO DE MÍDIAS DE EDUCAÇÃO DO AMAZONAS

CENTRO DE MÍDIAS DE EDUCAÇÃO DO AMAZONAS Componente Curricular: Matemática Série/Ano Letivo: 9 ano/2014 Professor Ministrante: Rilner Conceição Carga Horária: 5 horas/aula Data: 03/09/2014 Aula: 23 Teleaula: 40 Título: Triângulos. Conteúdos:

Leia mais

Rafting no Atibaia. Campinas/SP. Diversão garantida para todas as idades

Rafting no Atibaia. Campinas/SP. Diversão garantida para todas as idades Rafting no Atibaia Campinas/SP Diversão garantida para todas as idades Definição O rafting consiste na descida de rios em botes infláveis. Os participantes remam conduzidos por um instrutor, responsável

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO

REGULAMENTO ESPECÍFICO REGULAMENTO ESPECÍFICO MULTIATIVIDADES DE AR LIVRE 2013 2017 (Revisto em setembro de 2015) ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 2 2. ESCALÕES ETÁRIOS, PARTICIPAÇÃO E ATIVIDADES A DESENVOLVER 3 3. CONSTITUIÇÃO DAS EQUIPAS

Leia mais

Conteúdos: Sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica

Conteúdos: Sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica Conteúdos: Sílabas Classificação das palavras quanto ao número de sílabas Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica Habilidades: - Perceber a ligação entre tonicidade e número de sílabas

Leia mais

Colégio Visconde de Porto Seguro

Colégio Visconde de Porto Seguro Colégio Visconde de Porto Seguro Unidade I 2011 AULA 1 Ensino Fundamental e Ensino Médio Atividade de Recuperação Contínua Nome do (a) Aluno (a): Atividade de Recuperação Contínua de Ciências Nível I Classe:

Leia mais

EJA 5ª FASE PROF. KIM RAONE PROF. MARCUS MELO

EJA 5ª FASE PROF. KIM RAONE PROF. MARCUS MELO EJA 5ª FASE PROF. KIM RAONE PROF. MARCUS MELO Unidade II CULTURA: A pluralidade na expressão humana. 2 Aula 7.2 Conteúdo: A interação do homem com o meio ambiente através dos esportes. 3 Habilidade: Valorizar

Leia mais

Rafting no Peixe Socorro/SP. O mais desafiador rafting paulista.

Rafting no Peixe Socorro/SP. O mais desafiador rafting paulista. Rafting no Peixe Socorro/SP O mais desafiador rafting paulista. Definição O rafting consiste na descida de rios em botes infláveis. Os participantes remam conduzidos por um instrutor, responsável pela

Leia mais

R e g u l a m e n t o

R e g u l a m e n t o R e g u l a m e n t o Corrida de Aventura i9 Eco Adventure - Brotas- SP 1 CORRIDA DE AVENTURA: 1.1 A Corrida de Aventura i9 ECO ADVENTURE Brotas SP É uma modalidade multesportiva priorizando o máximo possível

Leia mais

Acolhida Memorial/Prazer de Casa Equipes Problematização Vídeo Leitura de Imagem. Livro Texto Atividades complementares Interatividades

Acolhida Memorial/Prazer de Casa Equipes Problematização Vídeo Leitura de Imagem. Livro Texto Atividades complementares Interatividades PAUTA DO DIA Acolhida Memorial/Prazer de Casa Equipes Problematização Vídeo Leitura de Imagem PAUTA DO DIA Livro Texto Atividades complementares Interatividades MEMORIAL 1 Elabore uma lista com as mudanças

Leia mais

Cursos Juquitiba - São Paulo. Cursos oferecidos no Sítio Canoar.

Cursos Juquitiba - São Paulo. Cursos oferecidos no Sítio Canoar. Juquitiba - São Paulo oferecidos no Sítio Canoar. Definição O rafting consiste na descida de rios em botes infláveis. A canoagem em águas brancas a descida de rios com corredeiras em caiaques. O ducking

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS PREVENÇÃO DO RISCO DE QUEDA EM ALTURA EM APOIOS E FACHADAS DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO

MANUAL DE PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS PREVENÇÃO DO RISCO DE QUEDA EM ALTURA EM APOIOS E FACHADAS DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO MANUAL DE PROCEDIMENTOS OPERACIONAIS PREVENÇÃO DO RISCO DE QUEDA EM ALTURA EM APOIOS E FACHADAS DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO ÍNDICE 1. PREÂMBULO... 3 2. PO 1 - ACESSO A POSTO EM ALTURA COM ESCADA PORTÁTIL FACHADAS

Leia mais

Esportes de Interação com a Natureza

Esportes de Interação com a Natureza Esportes de Interação com a Natureza Aula 2 Canoagem e Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar dois esportes da categoria DE INTERAÇÃO COM A NATUREZA e suas principais regras. 2 Conhecer a história

Leia mais

Algumas ideias para a produção textual!!!

Algumas ideias para a produção textual!!! Algumas ideias para a produção textual!!! O que é texto? Desmitificar as tradicionais aulas de produção de texto Produção escrita de diversos gêneros de textos Ter ou não aulas específicas para produção

Leia mais

Quiz temático Esportes (fevereiro)

Quiz temático Esportes (fevereiro) Quiz temático Esportes (fevereiro) Primeira semana - Quiz Temático Esportes Durante todo o mês de fevereiro, o Programa de Relacionamento da Prysmian vai testar seus conhecimentos sobre esportes! Nesta

Leia mais

ROTEIRO DIÁRIO SEQUÊNCIA DAS ATIVIDADES/ ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS. Vinheta do Projeto

ROTEIRO DIÁRIO SEQUÊNCIA DAS ATIVIDADES/ ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS. Vinheta do Projeto Componente Curricular: Ciências Série/Ano Letivo: 9º ano/2014 Professor Ministrante: Giselle Palmeira e Silone Guimarães Carga Horária: 5 horas/aula Data: 26/03/2014 Aula: 14 Teleaula: 53 Título: Gerador

Leia mais

PROJETO O MUNDO DOS DINOSSAUROS

PROJETO O MUNDO DOS DINOSSAUROS PROJETO O MUNDO DOS DINOSSAUROS http://pixabay.com/pt/tiranossauro-rex-dinossauro-r%c3%a9ptil-284554/ Público alvo: Educação Infantil / Crianças a partir de 3 anos Disciplina: Natureza e Sociedade Duração:

Leia mais

As leis de Newton e suas aplicações

As leis de Newton e suas aplicações As leis de Newton e suas aplicações Disciplina: Física Geral e Experimental Professor: Carlos Alberto Objetivos de aprendizagem Ao estudar este capítulo você aprenderá: O que significa o conceito de força

Leia mais

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA EJA - Ensino Fundamental 2º Segmento PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA Fase/Ano: 4ª Fase -6º e 7º Ano Ano Letivo: 2014 Componente Curricular: História Professora do Estúdio: Isabel Saraiva Silva Carga Horária:

Leia mais

Moutain biking Uma modalidade de ciclismo na qual o atleta deve fazer vários percursos com obstáculos e irregularidades

Moutain biking Uma modalidade de ciclismo na qual o atleta deve fazer vários percursos com obstáculos e irregularidades Moutain biking Uma modalidade de ciclismo na qual o atleta deve fazer vários percursos com obstáculos e irregularidades surgiu na Califórnia na década de 1950, através das brincadeiras de alguns ciclistas

Leia mais

Insígnia Mundial do Meio Ambiente IMMA

Insígnia Mundial do Meio Ambiente IMMA Ficha Técnica no. 5.2 Atividade Principal no. 5.2 PREPARAÇÃO PARA UM DESASTRE Objetivo da : 5 Os escoteiros estão trabalhando para um mundo onde as pessoas estejam preparadas para responder aos perigos

Leia mais

Treinamento e Desenvolvimento Território Selvagem Canoar:

Treinamento e Desenvolvimento Território Selvagem Canoar: Prezados, A Território Selvagem, empresa atuante no mercado de turismo de aventura e natureza desde 1999, no ano de 2010 uniu forças com a Canoar (1ª operadora de Rafting do Brasil) tornando-se Território

Leia mais

Projeto Meninos do Lago Núcleo de Iniciação Itaipu Binacional. Plano de aula n :16 Data: 01 A 04 MARÇO 2010. Professor: Conhecer os locais de treino.

Projeto Meninos do Lago Núcleo de Iniciação Itaipu Binacional. Plano de aula n :16 Data: 01 A 04 MARÇO 2010. Professor: Conhecer os locais de treino. Projeto Meninos do Lago Núcleo de Iniciação Itaipu Binacional. Plano de aula n :16 Data: 01 A 04 MARÇO 2010. Conhecer os locais de treino. Levar aos alunos a conhecer os locais de treino e explicar suas

Leia mais

Programa de Formação Esportiva Escolar COMPETIÇÕES DE ATLETISMO. Fase escolar

Programa de Formação Esportiva Escolar COMPETIÇÕES DE ATLETISMO. Fase escolar Programa de Formação Esportiva Escolar COMPETIÇÕES DE ATLETISMO Fase escolar Introdução O Programa de Formação Esportiva Escolar tem como premissas a democratização do acesso ao esporte, o incentivo da

Leia mais

Na Trilha Certa. São Luiz do Paraitinga

Na Trilha Certa. São Luiz do Paraitinga Na Trilha Certa São Luiz do Paraitinga PATROCINADORES ÍNDICE - Descritivo 4 - São Luz do Paraitinga 5 - Pré Evento 6 - Evento 9 - Galeria de fotos 11 - Estrutura 12 - Depoimentos 14 DESCRITIVO Na Trilha

Leia mais

Responsabilidade. Responsabilidade - NÃO

Responsabilidade. Responsabilidade - NÃO Exercitando o Caráter 6 a 9 anos Responsabilidade Caráter é o jeito que a gente realmente é. É o modo como agimos quando não há ninguém olhando... As pessoas boas fazem coisas boas, não para ganhar aprovação

Leia mais

Concurso Planear Estarreja (orientações para a implementação)

Concurso Planear Estarreja (orientações para a implementação) (orientações para a implementação) Escolas Programa de Regeneração Urbana da Cidade de Estarreja Fases do Fase 1. Diagnóstico Fase 2. Estratégia e Plano de Ação 2 Exercícios para preparação de diagnóstico

Leia mais

Lista de Exercícios - Unidade 6 Aprendendo sobre energia

Lista de Exercícios - Unidade 6 Aprendendo sobre energia Lista de Exercícios - Unidade 6 Aprendendo sobre energia Energia Cinética e Potencial 1. (UEM 01) Sobre a energia mecânica e a conservação de energia, assinale o que for correto. (01) Denomina-se energia

Leia mais

Conteúdos: Funções da Linguagem

Conteúdos: Funções da Linguagem Conteúdos: Funções da Linguagem Habilidades: Analisar a função da linguagem utilizada em diferentes gêneros textuais, de acordo com a sua finalidade comunicativa; Habilidades: Identificar e classificar

Leia mais

LUTAS, CAPOEIRA E PRÁTICAS CORPORAIS DE AVENTURA

LUTAS, CAPOEIRA E PRÁTICAS CORPORAIS DE AVENTURA LUTAS, CAPOEIRA E PRÁTICAS CORPORAIS DE AVENTURA LUTAS CONCEITO... Práticas corporais com importância histórica e social. Objetivo: oposição entre indivíduos. Foco: corpo da outra pessoa, a partir de ações

Leia mais

ROTEIRO DIÁRIO (Plano de Aula)

ROTEIRO DIÁRIO (Plano de Aula) ROTEIRO DIÁRIO (Plano de Aula) Componente Curricular: Ensino Religioso / 7º ano Ano Letivo: 2014 Professor Ministrante: Lúcia Clemeci Carga Horária: 5 horas/ aula Data: 02/ 07/2014 Aula: 03 Título: Crescimento

Leia mais

Federação Paranaense de Canoagem FEPACAN

Federação Paranaense de Canoagem FEPACAN Federação Paranaense de Canoagem FEPACAN Meninos do Lago Núcleo Caiaque Pólo Projeto: Núcleo do Morumbi Prof. Valdecir Fernandes da Cruz CREF. 005870/PR Plano de Aula mês: 09/ 2009 1º Semana: 01 à 04 Manhã:

Leia mais

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA EJA - Ensino Fundamental 2º Segmento GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA Fase/Ano: 4ª Fase -6º e 7º Ano Ano Letivo: 2014 Componente Curricular: História Professores do Estúdio: Cláudio

Leia mais

OPERADORA. Rafting no Juquiá. Sítio Canoar Juquitiba/SP. Rio Juquiá. O rafting no Brasil começou aqui.

OPERADORA. Rafting no Juquiá. Sítio Canoar Juquitiba/SP. Rio Juquiá. O rafting no Brasil começou aqui. Rafting no Juquiá OPERADORA Sítio Canoar Juquitiba/SP Rio Juquiá. O rafting no Brasil começou aqui. Definição O Rafting consiste na descida de rios em botes infláveis. Os participantes remam conduzidos

Leia mais

Rafting Noturno no Jacaré

Rafting Noturno no Jacaré Rafting Noturno no Jacaré Brotas/SP OPERADORA Rio Jacaré-Pepira. O mais visitado do país. Definição O rafting consiste na descida de rios em botes infláveis. Os participantes remam conduzidos por um instrutor,

Leia mais

REGULAMENTO DE PROVA

REGULAMENTO DE PROVA REGULAMENTO DE PROVA O evento Desafio Cascais Desnível D+ consiste numa prova de corrida aventura não oficial, destinada essencialmente a todos aqueles que querem experimentar a modalidade mas também aos

Leia mais

Ministério do Turismo CADASTUR Sistema de Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos

Ministério do Turismo CADASTUR Sistema de Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos FORMULÁRIO DE CADASTRO PRESTADOR DE SERVIÇO TURÍSTICO PESSOA JURÍDICA ACAMPAMENTO TURÍSTICO Institucional Data Início Operação * Nome Fantasia * Inscrição Municipal * Representante Legal * Cargo Representante

Leia mais

CURSO SUPERVISOR DE TRABALHO EM ALTURA

CURSO SUPERVISOR DE TRABALHO EM ALTURA FUNCIONAMENTO DO CURSO O curso terá duração de 40 horas/aula, composto pelos seguintes módulos: MÓDULO h/a Noções de Segurança no Trabalho em Altura 4 Laboratório de Materiais e Equipamentos 4 Gestão de

Leia mais

Ecoturismo. Parque Nacional Tapantí em Costa Rica.

Ecoturismo. Parque Nacional Tapantí em Costa Rica. Ecoturismo Parque Nacional Tapantí em Costa Rica. O ecoturismo, segundo a EMBRATUR, é um "segmento de atividade turística que utiliza, de forma sustentável, o patrimônio natural e cultural, incentiva sua

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO. Modelo: BALANCIM INDIVIDUAL GUINCHO DE CABO PASSANTE

MANUAL DE OPERAÇÃO. Modelo: BALANCIM INDIVIDUAL GUINCHO DE CABO PASSANTE MANUAL DE OPERAÇÃO Balancim Individual do Tipo Cadeirinha Mecânica Cabo Passante O Balancim Individual Manual AeroAndaimes é um equipamento para movimentações verticais realizadas através do guincho de

Leia mais

PLANOS DE TRABALHO MATEMÁTICA 2º ANO

PLANOS DE TRABALHO MATEMÁTICA 2º ANO PLANOS DE TRABALHO MATEMÁTICA 2º ANO Adriana da Silva Santi Coordenação Pedagógica de Matemática Piraquara Março/2014 PLANO DE TRABALHO - 2º ANO CONTEÚDOS OBJETIVOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Geometria: -

Leia mais

SURVIVOR TRIP TRAIL 2014 Mountain Bike PRÓ 4ª etapa (PARQUE DO CHINA)

SURVIVOR TRIP TRAIL 2014 Mountain Bike PRÓ 4ª etapa (PARQUE DO CHINA) SURVIVOR TRIP TRAIL 2014 Mountain Bike PRÓ 4ª etapa (PARQUE DO CHINA) Regulamento 1. A PROVA: Local: Parque do China - ES Data: 19/10 Largada: 10:00h Percursos: 45 km 2. INSCRIÇÕES: 2.1. Datas e valores

Leia mais

A FÍSICA DOS ESPORTES RADICAIS: UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO CONTEXTUALIZADO

A FÍSICA DOS ESPORTES RADICAIS: UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO CONTEXTUALIZADO 1 A FÍSICA DOS ESPORTES RADICAIS: UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO CONTEXTUALIZADO Murilo Grassi Ignacio¹, João Paulo Rossetto², Rodrigo Gomes Faust³, Sibelly Strey 4, José Francisco Custódio 5 ¹Universidade

Leia mais

PLANEJAMENTO TRIMESTRAL III Trimestre / 2009. PROFESSORA: Bianca de Souza NÚCLEO 3 TURMA N3-8 OBJETIVOS 1

PLANEJAMENTO TRIMESTRAL III Trimestre / 2009. PROFESSORA: Bianca de Souza NÚCLEO 3 TURMA N3-8 OBJETIVOS 1 PLANEJAMENTO TRIMESTRAL III Trimestre / 2009 PROFESSORA: Bianca de Souza OBJETIVOS 1 Os objetivos para o terceiro trimestre com a turma N3-8 é o estudo e a construção de uma maquete da escola. Uma sequência

Leia mais

PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2014

PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2014 PROVA DE FÍSICA 3 o TRIMESTRE DE 2014 PROF. VIRGÍLIO NOME N o 1 a SÉRIE A compreensão do enunciado faz parte da questão. Não faça perguntas ao examinador. É terminantemente proibido o uso de corretor.

Leia mais

PLANEJAMENTO BIMESTRAL QUARTO BIMESTRE 2012 (01/10 a 20/12)

PLANEJAMENTO BIMESTRAL QUARTO BIMESTRE 2012 (01/10 a 20/12) PLANEJAMENTO BIMESTRAL QUARTO BIMESTRE 2012 (01/10 a 20/12) PROFESSORA: Bianca de Souza 7ª SÉRIE - TURMAS: 71 e 72 ÁREA DE CONHECIMENTO: Geografia SEQUÊNCIA DIDÁTICA: Estudo do continente americano (América

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

MANUTENÇÃO EM CADEIAS DE ISOLADORES DE LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA

MANUTENÇÃO EM CADEIAS DE ISOLADORES DE LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA MANUTENÇÃO EM CADEIAS DE ISOLADORES DE LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA RICARDO INFORZATO GREJO 1 JOSÉ JOÃO BARRICO 2 RESUMO O investimento em tecnologias modernas é fundamental para a melhoria

Leia mais

UNOCHAPECÓ Lista 03 de exercícios Mecânica (lançamento de projéteis) Prof: Visoli

UNOCHAPECÓ Lista 03 de exercícios Mecânica (lançamento de projéteis) Prof: Visoli UNOCHAPECÓ Lista 03 de exercícios Mecânica (lançamento de projéteis) Prof: Visoli 1. A figura abaixo mostra o mapa de uma cidade em que as ruas retilíneas se cruzam perpendicularmente e cada quarteirão

Leia mais

IAM Desportos ao Ar Livre

IAM Desportos ao Ar Livre Escola Básica e Secundária de Santa Maria IAM Desportos ao Ar Livre Discentes: Delfim Vieira Nº9 Francisco Silva Nº10 Henrique Ferreira Nº11 Henrique Barros Nº 13 Índice Surf página 3 Body Board página

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO 1

PROJETO PEDAGÓGICO 1 PROJETO PEDAGÓGICO 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Título: Maricota ri e chora Autor: Mariza Lima Gonçalves Ilustrações: Andréia Resende Formato: 20,5 cm x 22 cm Número de páginas: 32

Leia mais

Física 1 ano Prof. Miranda. Lista de Exercícios II Unidade

Física 1 ano Prof. Miranda. Lista de Exercícios II Unidade Física 1 ano Prof. Miranda Lista de Exercícios II Unidade mirandawelber@gmail.com 01. O que é necessário para determinar (caracterizar) uma: a) grandeza escalar? b) grandeza vetorial? 02. Classifique os

Leia mais

Lista 2 Espelhos Planos Construções Extensivo Noite

Lista 2 Espelhos Planos Construções Extensivo Noite 1. (Fuvest 2007) A janela de uma casa age como se fosse um espelho e reflete a luz do Sol nela incidente, atingindo, às vezes, a casa vizinha. Para a hora do dia em que a luz do Sol incide na direção indicada

Leia mais

PLANEJAMENTO BIMESTRAL QUARTO BIMESTRE 2012 (01/10 a 20/12)

PLANEJAMENTO BIMESTRAL QUARTO BIMESTRE 2012 (01/10 a 20/12) PLANEJAMENTO BIMESTRAL QUARTO BIMESTRE 2012 (01/10 a 20/12) PROFESSORA: Bianca de Souza 6ª SÉRIE - TURMAS: 61 e 62 ÁREA DE CONHECIMENTO: Geografia SEQUÊNCIA DIDÁTICA: O clima, o relevo, a hidrografia,

Leia mais

TURISMO. Muita adrenalina, lazer e prazer em harmonia com a natureza AVENTURAS

TURISMO. Muita adrenalina, lazer e prazer em harmonia com a natureza AVENTURAS TURISMO AVENTURAS Muita adrenalina, lazer e prazer em harmonia com a natureza Desafiar montanhas, embrenhar-se pelas trilhas nas matas, buscar segredos escondidos nas cavernas, aventurar-se nas cachoeiras

Leia mais

Organizando Voluntariado na Escola. Aula 2 Liderança e Comunidade

Organizando Voluntariado na Escola. Aula 2 Liderança e Comunidade Organizando Voluntariado na Escola Aula 2 Liderança e Comunidade Objetivos 1 Entender o que é liderança. 2 Conhecer quais as características de um líder. 3 Compreender os conceitos de comunidade. 4 Aprender

Leia mais

Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication

Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication Uma Cidade para Todos Ficha Técnica: Design e Impressão Mediana Global Communication Colaboração Nuno Oliveira, coordenador do Serviço de Psicologia do 1º ciclo do Ensino Básico da EMEC - Empresa Municipal

Leia mais

DEZEMBRO 2015 BOURBON CATARATAS

DEZEMBRO 2015 BOURBON CATARATAS DEZEMBRO 2015 BOURBON CATARATAS ADULTOS/TEENS Jantar Natalino com banda ao vivo (Jantar com decoração, música e gastronomia diferenciada) Quarteto de vozes natalinas (Apresentação de músicas natalinas

Leia mais

Conteúdos: Leitura e interpretação de texto Produção de texto.

Conteúdos: Leitura e interpretação de texto Produção de texto. Conteúdos: Leitura e interpretação de texto Produção de texto. Habilidades: Ler as entrelinhas, deduzir, criar e relacionar informações; Partilhar sentimentos e experiências através das produções textuais.

Leia mais

ROBÔS QUE BRINCAM. Eles já existem fora dos desenhos animados

ROBÔS QUE BRINCAM. Eles já existem fora dos desenhos animados COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Troca do Livro Lições de Língua Portuguesa, História 4º A 4º B 4º C Vivência Religiosa - 4º ano quarta-feira segunda-feira quinta-feira Leia o texto abaixo para fazer as lições

Leia mais

EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO)

EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO) Explorando a obra EXPLORANDO A OBRA (ALUNOS SENTADOS EM CÍRCULO) INTRODUÇÃO Antes da leitura Peça para que seus alunos observem a capa por alguns instantes e faça perguntas: Qual é o título desse livro?

Leia mais

Professor: Natação com coletes salva vidas.

Professor: Natação com coletes salva vidas. Plano de aula n : 01 Data: 07/08/ dezembro Natação com coletes salva vidas. Demonstrar aos alunos a maneira correta de utilização e ajustes do material em beneficio de uma maior segurança. Local amplo

Leia mais

DISCIPLINA EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LECTIVO 2014/2015 TURMA 12º I CURSO PROFISSIONAL MULTIMÉDIA PROFESSOR: JOÃO MOTA

DISCIPLINA EDUCAÇÃO FÍSICA ANO LECTIVO 2014/2015 TURMA 12º I CURSO PROFISSIONAL MULTIMÉDIA PROFESSOR: JOÃO MOTA 1º Período 3ºª Feira Módulo 3 JOGOS DESP. COLETIVOSIII (VOLEIBOL) 22 tempos Início16/09/14 Fim: 25/11/14 VOLEIBOL (Módulo 3) Nível Avançado - O aluno: 1. Em exercício 1x1; 3x3 e situação de jogo 4x4 e

Leia mais

1º TRIATLO DA FLORESTA (Integrado na Expo Mortágua)

1º TRIATLO DA FLORESTA (Integrado na Expo Mortágua) REGULAMENTO DA PROVA 1º TRIATLO DA FLORESTA (Integrado na Expo Mortágua) APRESENTAÇÃO A ABAADV Associação Beira Aguieira de Apoio ao Deficiente Visual, propõe-se realizar uma prova desportiva a que deu

Leia mais

Bem vindos ao Trekking de Regularidade!! Apostila

Bem vindos ao Trekking de Regularidade!! Apostila Amigos e Amigas, Bem vindos ao Trekking de Regularidade!! Apostila O Trekking de Regularidade é uma modalidade esportiva agradável e de esforço moderado. As provas acontecem todo mês e o contato com a

Leia mais

PRINCIPAIS FUNÇÕES NA EQUIPE

PRINCIPAIS FUNÇÕES NA EQUIPE Trekking é uma caminhada com uma boa dose de aventura na qual os praticantes não andam com guia, mas fazem o percurso com o auxílio de uma planilha de navegação. A prova de Trekking de Regularidade se

Leia mais

Cartões de recurso pedagógico

Cartões de recurso pedagógico Cartões de recurso pedagógico Movimentações e habilidades 1. Movimentação - Sem bola 2. Adaptação à bola - Manipulação da bola 3. Movimentação - Com bola 4. Habilidades de lançamento - Rolamento 5. Habilidades

Leia mais

Apostila de Atividades

Apostila de Atividades Apostila de Atividades IMAX A viagem pelo espaço continua aqui Transforme a sua sala de aula em uma divertida aventura pelo espaço. Assim que sua classe viver a experiência sem limites pelo universo com

Leia mais

Conteúdos. Imperativo na forma negativa Verbo Have (ter, possuir)

Conteúdos. Imperativo na forma negativa Verbo Have (ter, possuir) Conteúdos Imperativo na forma negativa Verbo Have (ter, possuir) Habilidades Usar adequadamente o Imperativo na forma negativa Identificar e utilizar apropriadamente o verbo Have (ter, possuir) PAUTA DO

Leia mais

BULLYING EI! QUEM É VOCÊ?

BULLYING EI! QUEM É VOCÊ? CONCURSO PARA PROFESSORES do EM das Etecs: Trabalhando com os roteiros de aprendizagem ROTEIRO DE APRENDIZAGEM BULLYING EI! QUEM É VOCÊ? a) APRESENTAÇÃO: Este roteiro tem como objetivo geral, trabalhar

Leia mais

PROJETO ANUAL. Tema Central: Mãe Terra, o que deixaremos para os nossos filhos?

PROJETO ANUAL. Tema Central: Mãe Terra, o que deixaremos para os nossos filhos? PROJETO ANUAL Tema Central: Mãe Terra, o que deixaremos para os nossos filhos? I TRIMESTRE Turmas: Maternal ao 5º ano Enfatizando: Maternal e jardim I: O Circo {A magia do riso] Levar os alunos a compreender

Leia mais

IX CIRCUITO DE ORIENTAÇÃO DA PARAÍBA Campeonato Paraibano de Orientação VI Etapa 22 de novembro de 2015

IX CIRCUITO DE ORIENTAÇÃO DA PARAÍBA Campeonato Paraibano de Orientação VI Etapa 22 de novembro de 2015 IX CIRCUITO DE ORIENTAÇÃO DA PARAÍBA Campeonato Paraibano de Orientação VI Etapa 22 de novembro de 2015 BOLETIM Nº 2 REALIZAÇÃO: APOIO: ORGANIZAÇÃO: A Federação Orientação da Paraíba e o Clube de Orientação

Leia mais

Curso Básico de Escalada em Rocha

Curso Básico de Escalada em Rocha Curso Básico de Escalada em Rocha Objetivo: introduzir conceitos gerais como ética na montanha, conduta de mínimo impacto, gerenciamento de risco e prevenção de acidentes. Capacitar o aluno nas técnicas

Leia mais

MANUAL DOS PAIS UM PROJETO DESTINADO ÀS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL E SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

MANUAL DOS PAIS UM PROJETO DESTINADO ÀS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL E SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL 1 UM PROJETO DESTINADO ÀS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL E SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL É hora de promover a segurança e a harmonia no trânsito. E os pais podem dar o exemplo. No Brasil, o índice

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.919

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.919 ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.919 OS PRINCIPIOS DE GESTÃO E PLANIFICAÇÃO DE PRÁTICAS TURISTICAS LIGADAS AO SEGMENTO DE

Leia mais

um metro. A aceleração da gravidade na Lua é equivalente a um sexto da aceleração da gravidade da Terra.

um metro. A aceleração da gravidade na Lua é equivalente a um sexto da aceleração da gravidade da Terra. Atividade extra Questão 1 Durante uma viagem de pesquisa à Lua, um astronauta deixa cair um ovo na superfície da Lua,de uma altura de um metro. A aceleração da gravidade na Lua é equivalente a um sexto

Leia mais

METODOLOGIA DE RESGATE COM LINHA DE VIDA

METODOLOGIA DE RESGATE COM LINHA DE VIDA METODOLOGIA DE RESGATE COM LINHA DE VIDA Autor Carmelindo Monteiro Neto COMPANHIA ENERGÉTICA DO CEARÁ - COELCE RESUMO Este trabalho apresenta metodologias bastante simples de instalação de linha de vida

Leia mais

como a arte pode mudar a vida?

como a arte pode mudar a vida? como a arte pode mudar a vida? LONGE DAQUI, AQUI MESMO 1 / 2 Longe daqui, aqui mesmo 1 Em um caderno, crie um diário para você. Pode usar a escrita, desenhos, recortes de revista ou jornais e qualquer

Leia mais

Voo das. Cachoeiras. Brotas/SP OPERADORA. Uma maneira diferente de contemplar a natureza.

Voo das. Cachoeiras. Brotas/SP OPERADORA. Uma maneira diferente de contemplar a natureza. Voo das Cachoeiras Brotas/SP OPERADORA Uma maneira diferente de contemplar a natureza. Definição Tirolesa é o deslocamento em uma linha aérea delimitada por um cabo de aço; e trekking, a caminhada por

Leia mais

MANUAL DE USO TREINOS E EQUIPAMENTOS

MANUAL DE USO TREINOS E EQUIPAMENTOS 2015 MANUAL DE USO TREINOS E EQUIPAMENTOS FITA SUSPENSA BOLA SUIÇA FAIXA ELÁSTICA CORDA PROFISSIONAL TAPETE DE EXERCÍCIOS MOCHILA SACO Nossos equipamentos são leves, práticos e simples de usar para que

Leia mais

Exercícios de Memória - I

Exercícios de Memória - I Métodos de Treino GENERALIDADES: - Nos dias que antecedem uma competição, não devem ser feitos treinos de técnicas específicas, devendo os percursos ser o mais parecidos possível com a competição. Não

Leia mais

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens Disponível no site Esoterikha.com: http://bit.ly/dinamicas-para-jovens Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos As dinâmicas de grupo já fazem parte do cotidiano empresarial,

Leia mais

MOVIMENTO SOB A AÇÃO DA GRAVIDADE QUEDA LIVRE Lançamento obliquo e horizontal. profº CARLOS ALÍPIO

MOVIMENTO SOB A AÇÃO DA GRAVIDADE QUEDA LIVRE Lançamento obliquo e horizontal. profº CARLOS ALÍPIO 1 MOVIMENTO SOB A AÇÃO DA GRAVIDADE QUEDA LIVRE Lançamento obliquo e horizontal 2 QUEDA LIVRE MOVIMENTO SOB AÇÃO DA GRAVIDADE Na natureza podemos observar que um corpo abandonado dentro do campo gravitacional

Leia mais

O Movimento Paralímpico. Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1

O Movimento Paralímpico. Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1 O Movimento Paralímpico Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1 Objetivos 1 2 Apresentar a classificação funcional dos esportes Paralímpicos. Conhecer os seguintes esportes Paralímpicos: atletismo, halterofilismo,

Leia mais

INSTRUÇÕES GERAIS. -Caso a equipa não realize a etapa deverá dirigir-se ao local indicado para proceder à leitura dos SI cards.

INSTRUÇÕES GERAIS. -Caso a equipa não realize a etapa deverá dirigir-se ao local indicado para proceder à leitura dos SI cards. INSTRUÇÕES GERAIS PROMOÇÃO Este Raid Book irá regular a Prova Aventura de Mafra 3ª prova da Taça de Portugal de Corridas de Aventura, época 2014 e, em complemento ao Regulamento de Competições de Corridas

Leia mais

PREFEITURA DE ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SÃO ROQUE - SP DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES EDUCAÇÃO PARA A PAZ

PREFEITURA DE ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SÃO ROQUE - SP DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES EDUCAÇÃO PARA A PAZ PREFEITURA DE ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SÃO ROQUE - SP DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES EDUCAÇÃO PARA A PAZ TEMA PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES Educação para a Paz Aplicadores:

Leia mais

Zelo. A Regra de Ouro. Por que ser zeloso? Parceiros atingidos. Zelo - SIM. Zelo - NÃO

Zelo. A Regra de Ouro. Por que ser zeloso? Parceiros atingidos. Zelo - SIM. Zelo - NÃO Exercitando o Caráter 6 a 9 anos Zelo O zelo, ou cuidado, é uma qualidade típica das pessoas de bom caráter. A pessoa zelosa tem cuidado para não prejudicar as outras pessoas e demais seres vivos, nem

Leia mais

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA EJA - Ensino Fundamental 2º Segmento GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA Fase/Ano: 4ª Fase -6º e 7º Ano Ano Letivo: 2014 Componente Curricular: História Professores do Estúdio: Cláudio

Leia mais

Observação na Escolinha EMEI Cebolinha no Dia 02 de setembro de 2015

Observação na Escolinha EMEI Cebolinha no Dia 02 de setembro de 2015 Observação na Escolinha EMEI Cebolinha no Dia 02 de setembro de 2015 Acadêmica: Ewelyn Sampaio Cardoso Ao chegar à Escola EMEI cebolinha ás 08h00min, a professora do pré I já estava na escola com uma aluna

Leia mais

Forças geradas por uma queda

Forças geradas por uma queda Forças geradas por uma queda Avaliar os riscos envolvidos em cada uma das etapas de trabalho e usar o equipamento adequado nem sempre é procedimento suficiente para impedir um acidente. É preciso considerar

Leia mais

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------- GESTÃO DEMOCRÁTICA DA ESCOLA, ÉTICA E SALA DE AULAS Cipriano Carlos Luckesi 1 Nos últimos dez ou quinze anos, muito se tem escrito, falado e abordado sobre o fenômeno da gestão democrática da escola. Usualmente,

Leia mais

Conteúdos. Pronomes demonstrativos this/these, that/those Estruturas: How does it work? / What is this? Vocabulário: Máquinas do escritório e de casa

Conteúdos. Pronomes demonstrativos this/these, that/those Estruturas: How does it work? / What is this? Vocabulário: Máquinas do escritório e de casa Conteúdos Pronomes demonstrativos this/these, that/those Estruturas: How does it work? / What is this? Vocabulário: Máquinas do escritório e de casa Prepositions of place Habilidades Compreender as instruções

Leia mais

INSTRUÇÃO DE EXAMES CANDIDATO INS-002

INSTRUÇÃO DE EXAMES CANDIDATO INS-002 Página 1 de 14 1. OBJETIVO Fornecer ao candidato as instruções necessárias para execução do exame prático de Acesso por Corda de acordo com o Sistema de Certificação ANEAC. 2. DOCUMENTOS APLICÁVEIS - NAC-005

Leia mais

Unidade 3 Múltiplos e divisores

Unidade 3 Múltiplos e divisores Sugestões de atividades Unidade 3 Múltiplos e divisores 6 MATEMÁTICA Matemática. Escreva V para as afirmações verdadeiras e F para as falsas. a) ( ) Todo número par é divisível por 8. b) ( ) Todo número

Leia mais