São Paulo, 19 de Setembro de 2011 DTE/DEAT/CIR/3.8142/11

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "São Paulo, 19 de Setembro de 2011 DTE/DEAT/CIR/3.8142/11"

Transcrição

1 Prezados senhores, De acordo com o disposto no Inciso III, do artigo 7º, da Resolução Camex nº35 de 22 de novembro de 2006, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, e Comércio Exterior- MDIC, a Secretaria do Desenvolvimento da Produção -SDP fez publicar no Site do MDIC em 16 de Setembro de 2011, a Consulta Pública n 04/11, ANEXA, contendo LISTA DE PLEITOS DE EX S TARIFÁRIOS, SUJEITOS AO EXAME DE PRODUÇÃO NACIONAL cuja importação é pretendida. Desta forma, caso alguns dos aludidos produtos se enquadrem ou tenham substitutivos em sua linha de fabricação, essa empresa deve encaminhar sua manifestação, conforme roteiro para comprovação anexo, diretamente ao SDP Secretaria do Desenvolvimento da Produção (Esplanada dos Ministérios, Bloco J, 5º andar, sala 524, aos cuidados do Protocolo Geral - Brasília - DF, CEP ), no prazo de 30 (trinta) dias a contar da data de publicação da aludida circular. As manifestações devem estar acompanhadas de catálogos/documentos descritivos dos bens, contendo as respectivas características técnicas, bem como informações referentes a percentuais relativos aos requisitos de origem do MERCOSUL (DECLARAÇÃO EMITIDA PELA EMPRESA INFORMANDO OS INDICES DE NACIONALIZAÇÃO EM VALOR E PESO PRATICADOS DE ACORDO COM O CRITÉRIO DO BNDES-FINAME) e unidades já produzidas no País (RELAÇÃO DE FORNECIMENTOS CONTENDO DESCRIÇÃO DO PRODUTO, EMPRESA PARA QUEM FOI FORNECIDO, DATA DO FORNECIMENTO E Nº DE NOTA FISCAL), sem os quais não será caracterizada a existência de produção nacional. Solicitamos que nos envie uma cópia da sua manifestação, a fim de que possamos tomar medidas complementares, visando à defesa dos interesses dos fabricantes nacionais de máquinas e equipamentos, atendendo ao preceituado acima sem o que ficaremos impossibilitados de complementar sua contestação. Atenciosamente, Paulo Sérgio Medeiros Ferreira Gerente de Análise Técnica Tel : (011) Fax : (011) Site : CIR-EX-04/11/DEAT/MRL

2 Consulta Pública Consulta Pública para Manifestação de Produção Nacional Importação de Bens de Capital e Bens de Informática e Telecomunicação, sob o Regime dos Ex-Tarifários O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior-MDIC, por meio do Comitê de Análise de Ex-tarifários CAEx, é responsável pelas análises dos pedidos de redução temporária da alíquota do imposto de importação para Bens de Capital e Bens de Informática e Telecomunicações no âmbito do Regime dos Ex-tarifários. Trata-se de uma ação do Governo visando reduzir os custos dos investimentos destinados à ampliação e modernização do setor produtivo nacional e do setor de serviços de infraestrutura. Tal regime é regulamentado pela Resolução CAMEX nº 35, de 22 de novembro de 2006, e comtempla apenas bens que não contam com produção nacional. Consulta Pública nº 4, de 16 de setembro de 2011 O Comitê de Análise de Ex-Tarifários - CAEx, do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, de acordo com o inciso III, do art. 7º, da Resolução CAMEX nº 35, de 22 de novembro de 2006, torna público os pedidos de Ex-Tarifários relacionados no link acima intitulado "Consulta Pública nº 4/2011". 1. Manifestações sobre a existência de produção nacional dos bens relacionados deverão ser dirigidas à Secretaria do Desenvolvimento da Produção - SDP, Esplanada dos Ministérios, Bloco J, 5º andar, sala 524, aos cuidados do Protocolo Geral, Brasília - DF, CEP , no prazo de 30 (trinta) dias corridos, a contar do dia seguinte da data de publicação desta Consulta. 2. Tais manifestações deverão estar acompanhadas de catálogos/documentos descritivos dos bens, contendo as respectivas características técnicas, bem como informações referentes a percentuais relativos aos requisitos de origem do Mercosul e unidades já produzidas e fornecidas no País. A ausência de tais informações caracterizará a inexistência de produção nacional. 3. A realização de Consulta Pública para análise de produção nacional dos pedidos de Ex-Tarifários será efetuada periodicamente na página eletrônica deste MDIC na Internet ( Documentos de certificação de inexistência de produção nacional emitidos por entidades representantes da indústria nacional continuarão a ser aceitos, alternativamente à consulta pública. Consulta Pública nº 04 de 16 de Setembro de 2011 Roteiro para manifestação de produção nacional HELOÍSA REGINA GUIMARÃES DE MENEZES SECRETÁRIA DO DESENVOLVIMENTO DA PRODUÇÃO/MDIC

3 CONSULTA PÚBLICA Nº 04 DE 16/09/2011 NCM DESCRIÇÃO Sistemas digitais de controle distribuído (SDCD), utilizados nos processos de fabricação de fios de elastano, compostos de: 1 conjunto servidores e estações de operação do tipo PC; 1 conjunto de controladores microprocessados; 1 conjunto de cartões de entrada e saídas analógicas e digitais; 1 conjunto de painéis, cabos de comunicação e peças reservas; 1 conjunto de licenças de software Combinações de máquinas para fabricação de tiras de aço carbono de largura compreendida entre 150 e 2.000mm e espessura compreendida entre 3 e 16mm a partir do corte longitudinal de bobinas de aço laminadas a quente, de até 40toneladas, largura compreendida entre 500 e 2.000mm e espessura compreendida entre 3 e 16mm e velocidade de alimentação de 12m/min, compostas de: rampa de armazenamento com 3 berços; carro de entrada de bobinas; desenrolador de bobinas, endireitador de tira, conjunto de cabeçotes de corte rotativo, acumulador de tiras, unidade de tensionamento, rebobinador e cruz giratória para retirada das bobinas de tiras Combinações de máquinas para fabricação de chapas de aço carbono de comprimento compreendido entre e mm, largura compreendida entre 800 e mm e espessura compreendida entre 6 e 25,4mm, a partir do corte transversal de bobinas de aço laminadas a quente ou frio, de até 40 toneladas e diâmetro máximo de mm, largura compreendida entre 800 e mm e espessura compreendida entre 6 e 25,4 mm e velocidade de alimentação de até 30 m/min, compostas de: rampa de armazenamento com 2 berços em "V"; carro de entrada de bobinas com roletes motorizados, velocidade transversal de 8m/min e velocidade de elevação de 3 m/min; desenrolador de bobinas com 2 mandris opostos com extensão hidráulica e dispositivo de centralização vertical de bobinas provido de fotocélulas para detecção das condições de alinhamento entre a bobina e os mandris, com tolerância de +/-2,5 mm; alimentador da chapa na seção de entrada, com máquina de escovação para remoção de oxidação da face superior da chapa; dente de aberura da bobina; unidade de centralização mecânica; rolos puxadores ("Pinch Rolls") com 5 rolos de pré-endireitamento de 300 mm de diâmetro cada; máquina para remoção de carepas por meio de escovação das superfícies superior e inferior da chapa durante o desbobinamento; estação de corte de sucata, com mesa de transporte e carro para armazenagem; máquina aplainadora com cassete de 11 rolos de 160 mm e carga nominal de toneladas; tacômetro para medição do comprimento da chapa e velocidade de avanço; sistema automático de regulagem do equipamento para as diversas espessuras e materiais, rolos alimentadores para a entrada da tesoura de corte; estação de corte "voador" de chapas - sem parada da linha, com guilhotina para corte de chapas da bobina, rolo para alimentação da guilhotina com tacômetro, correia transportadora da saída da guilhotina; correia transportadora com 2 posições (recebimento da chapa da guilhotina e encaminhamento para sucata ou pilha de

4 estocagem) e caixa coletora de sucata, alimentador de chapas, rolo puxador de chapas; empilhador de chapas; plataformas elevatórias eletrohidráulicas para recebimento de chapas e formação de pacotes com carregamento por correntes motorizadas; transportador de correntes para retirada do pacote de chapas; alimentador de fita de aço para embalagem do pacote de chapas e transportadores de corrente para retirada dos pacotes de chapas; motorização AC tipo VVVF ( variable voltage valiable frequence ) Guindastes "off shore", montados em pedestal, com acionamento diesel-hidráulico, com capacidade de carga de 1tonelada a 15m e de 7toneladas a 7m, com controlador lógico programável (CLP) para controle de posicionamento e limites de movimento e sistema hidráulico manual auxiliar para liberação controlada do cabo do gancho em caso de falhas e emergências Moinhos de bolas, com diâmetro igual ou superior a 5.000mm e comprimento igual ou superior a 9.000mm, com motor de acionamento de 5.000HP, ímã esférico e sistema de coleta de poeira da área de recuperação Máquinas para corte e rompimento de blocos de pedra, quartzito, mármore ou granito, utilizando fio diamantado, com potência de motor igual ou superior a 50HP (37kW), com 8 pólos, com ventilação para baixar a temperatura do motor, unidade eletrônica de controle global (PMI), com transferência de mensagem para celular por meio de uma conexão GSM informando condição trabalho no momento, dispositivo de tração automático, tensão de força do fio, sistema de controle automático da distribuição da água ao longo do fio diamantado e com rotação hidráulica do cabeçote para cortes sem movimentação da máquina. SI Sistema integrado para vulcanização contínua por tripla extrusão a seco (dry cure) por nitrogênio, em catenária, de cabos isolados por compostos termofixos (XLPE, XLPE-TR, EPDM) para média tensão (35 kv a 69 kv), utilizando condutores em cobre de 25 a 630 mm2 ou em alumínio de 35 a 800 mm2, semicondutor externo com diâmetro máximo de 70 mm, velocidade máxima da linha de 30 m/min, composto por: 2 cavaletes desenroladores, com motor AC de 5,5 kw, equipado com bailarinos (NCM: ); 1 acumulador horizontal para acumular cabos com até 120 metros de comprimento, equipado com motor AC de 7,5 kw e sistema de alarmes sonoro e luminoso, mais parada de emergência (NCM: ); 1 cabrestante de polia com diâmetro de mm, intervalos ajustáveis de 0 a 30 m/min com caixa de 04 marchas, para puxar e tensionar cabos com diâmetro de até 100 mm, equipado com motor AC de 11 kw, sensor de velocidade, gabinete, suportes (NCM: ); 1 extrusora com diâmetro de 80 mm, pressão máxima de trabalho de 70 MPa, para semicondutor interno, equipada com sistema de

5 aquecimento e resfriamento, motor AC de 45 kw, gabinete, cabine para instalação elétrica, sensores para controle de temperatura e pressão e alimentador (NCM: ); 1 extrusora com diâmetro de120 mm e pressão máxima de trabalho de 70 MPa, para semicondutor externo, equipada com sistema de aquecimento e resfriamento, motor AC de 110 kw, gabinete, cabine para instalação elétrica, sensores para controle de temperatura e pressão e alimentador (NCM: ); 1 extrusora com diâmetro de150 mm e pressão máxima de trabalho de 100 MPa, para isolamento, equipada com sistema de aquecimento e resfriamento, motor AC de 132 kw, gabinete, cabine para instalação elétrica, sensores para controle de temperatura e pressão e alimentador (NCM: ); tripla cabeça extrusora em aço para conexão com as extrusoras diâmetros 80, 120 e 150 milímetros, com dispositivo de aquecimento e resfriamento (NCM: ); tubo telescópico em aço inoxidável 304, de ação pneumática, curso de mm (NCM: ); um aparelho para medição e controle do diâmetro, ovalização, espessura da parede e excentricidade na produção de cabos de energia (NCM: ); 6 tubos para aquecimento, em aço inoxidável 304, cada um deles com 6 metros de comprimento e diâmetro de 219 mm, com sistema de controle de temperatura (NCM: ); uma seção de préresfriamento (seção neutra) para mudança gradual da temperatura, com 12 metros de comprimento (NCM ); uma seção de resfriamento composta por oito tubos em aço inoxidável 304, comprimento de 60 m (NCM: ); um controle de posição da catenária, tipo não-contato (NCM: ); 1 caixa de dupla selagem para controle pneumático primário e secundário da pressão e do volume de água de resfriamento, em aço inoxidável (NCM: ); um cabrestante de polia com diâmetro de mm, intervalos ajustáveis de 0 a 30 m/min com caixa de 04 marchas e transmissão helicoidal, força máxima de puxamento de 30 kn para cabos com diâmetro de até 100 mm, equipado com motor AC de 11 kw, sensor de velocidade, gabinete, suportes (NCM: ); duas máquinas tensionadoras, estacionárias (NCM: ); um contador de metragem, com 5 dígitos (NCM: ); calha para resfriamento em aço inoxidável, comprimento de 50 metros (NCM: ); 2 cavaletes enroladores com capacidade máxima de enrolamento de 14 ton, motor AC de 7,5 kw, duas marchas, velocidade de 0 a 30 m/min, para bobinas de mm a mm (NCM: ); 1 unidade para controle do fornecimento, pressão e descarga de nitrogênio, componente do sistema "dry cure" (NCM: ); um circuito independente de controle de nível de água de resfriamento no tubo da catenária, acompanhado de duas bombas, válvulas, tubulação, interligado ao PLC central (NCM: ); uma unidade de controle elétrico, composto por gabinetes, simulador de operações, medidores, sistema de ventilação, interligado através de PLC (NCM: ); 1 central de comando através de PLC (NCM: ); 7 desviadores da linha (NCM: ) Máquinas-ferramentas, com controle numérico computadorizado, para endireitar placas e partes metálicas, trabalhadas ou não, de espessura compreendida entre 3 mm a 35 mm, largura máxima compreendida entre mm e mm e comprimento mínimo igual a 220 mm, com painel de controle, ajuste hidráulico, proteção contra sobrecarga nos rolos, contendo sistema de troca rápida de rolos.

6 Máquinas-ferramentas, com controle numérico computadorizado, para endireitar placas e partes metálicas, trabalhadas ou não, de espessura compreendida entre 2 mm a 23 mm, largura máxima compreendida entre 800 mm e mm e comprimento mínimo igual a 160 mm, com painel de controle, ajuste hidráulico, proteção contra sobrecarga nos rolos, contendo sistema de troca rápida de rolos Máquinas-ferramentas, com controle numérico computadorizado, para endireitar placas e partes metálicas, trabalhadas ou não, de espessura compreendida entre 0,5 mm a 12 mm, largura máxima compreendida entre 800 mm e mm e comprimento mínimo igual a 100 mm, com painel de controle, ajuste hidráulico, proteção contra sobrecarga nos rolos, contendo sistema de troca rápida de rolos Máquina automática para fabricação de moldes em areia verde para fundição, por moldagem sem caixas, com linha de divisão horizontal, dimensões do molde 813 mm de comprimento x 813 mm de largura e altura total continuamente ajustável entre 450 a 650 mm, operada por controlador lógico programável (CLP), colocador automático de machos, método de confecção do molde por sopro monitorado de ar seguido de compressão hidráulica, deslocamento transferido aos moldes pela máquina de no máximo 0,25 mm e capacidade produtiva máxima de 100 moldes/hora Laminadoras parabólicas de barras de aço chato, a quente, para barras com dimensões máximas de mm x 120 mm x 60 mm (comprimento x largura x espessura) e dimensões de saída de até mm x 120 mm x 5 mm (comprimento máximo x largura x espessura mínima) em perfil parabólico, com tolerância de 0,15 mm e capacidade média de produção de até 60 peças por hora, constituídas por sistema de carregamento e descarregamento de barras, painel de comando elétrico, dispositivo para endireitar lâminas após laminado, dispositivo de corte das pontas e perfuração de centro, sistema de resfriamento das barras e comando com controlador lógico programável (CLP).

São Paulo, 30 de Julho de 2012 DTE/DEAT/CIR/3.8475/12

São Paulo, 30 de Julho de 2012 DTE/DEAT/CIR/3.8475/12 Prezados senhores, De acordo com o disposto nos artigos 32 e 33 da Portaria SECEX nº 10, de 24 de maio de 2010, alterada pela Portaria SECEX nº 17, de 15 de setembro de 2010 do Ministério do Desenvolvimento,

Leia mais

DESCRITIVO TÉCNICO. 1 Alimentador

DESCRITIVO TÉCNICO. 1 Alimentador DESCRITIVO TÉCNICO Nome Equipamento: Máquina automática para corte de silício 45º e perna central até 400 mm largura Código: MQ-0039-NEP Código Finame: *** Classificação Fiscal: 8462.39.0101 1 Alimentador

Leia mais

São Paulo, 10 de Dezembro de 2010 DTE/DEAT/CIR/3.7702/10

São Paulo, 10 de Dezembro de 2010 DTE/DEAT/CIR/3.7702/10 Prezados senhores, De acordo com o disposto no subitem a.1 do art. 22 da Portaria DECEX nº08, de 13 de maio de 1991, com redação dada pela Portaria MDIC nº235, de 07 de dezembro de 2006 do Ministério do

Leia mais

ICE-Trade s.a. ICE-Trade Production Sp. z o.o.

ICE-Trade s.a. ICE-Trade Production Sp. z o.o. ICE-Trade s.a. A ICE-Trade s.a. foi criada em setembro de 2001 e se especializou no fornecimento de Maquinário e Equipamento para empresas de serviços de correias e fabricantes de correias transportadoras.

Leia mais

Especifi cação Técnica. Pavimentadora de Concreto SP 92 / SP 92 i

Especifi cação Técnica. Pavimentadora de Concreto SP 92 / SP 92 i Especifi cação Técnica Pavimentadora de Concreto SP 92 / SP 92 i Especifi cação Técnica Pavimentadora de Concreto SP 92 SP 92 i Vibradores e circuitos Vibração hidráulica Vibração elétrica Vibradores de

Leia mais

Especifi cação técnica Pavimentadora de Concreto SP 850

Especifi cação técnica Pavimentadora de Concreto SP 850 Especifi cação técnica Pavimentadora de Concreto SP 850 Especificação técnica Pavimentadora de concreto SP 850 Vibradores e circuitos Vibração elétrica 24 conexões Vibradores acionados eletricamente Curvos

Leia mais

KRC-4000 KRC-3000 KRC-30 KRC-50

KRC-4000 KRC-3000 KRC-30 KRC-50 KRC-4000 Capacidade de Carga: 4.000kg De medição: Diam. Mín. = 2,5mm² - Diam. Máx. = 500mm² De Bobinas: Diam. Máx. = 2.500mm - Largura = 1.500mm Comprimento: 500mm cada cavalete Largura: 2.500mm cada cavalete

Leia mais

Barramentos Blindados em Geral

Barramentos Blindados em Geral Barramentos Blindados em Geral Os Barramentos Blindados da Wampfler, são sistemas seguros para a eletrificação de consumidores móveis, utilizados mundialmente em instalações de transporte, máquinas e equipamentos

Leia mais

GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300. Capacidade de Elevação 130t

GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300. Capacidade de Elevação 130t GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300 Capacidade de Elevação 130t PÁGINA 01 GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300 Comprimento da extensão total da lança principal de 60m, perfil U, placa de aço WELDOX de alta resistência.

Leia mais

Robustez e alta velocidade com a garantia de cortes de alta precisão.

Robustez e alta velocidade com a garantia de cortes de alta precisão. METAL MECÂNICA AUTOCUT 4.0P HDX/2HDX Robustez e alta velocidade com a garantia de cortes de alta precisão. AutoCut 4.0P HDX/2HDX A AutoCut 4.0P é uma máquina CNC para corte de chapas de aço-carbono, aço

Leia mais

Assunto: Pedido de alteração do Imposto de Importação Regime de Autopeças Não Produzidas

Assunto: Pedido de alteração do Imposto de Importação Regime de Autopeças Não Produzidas Ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior MDIC Secretaria de Desenvolvimento da Produção SDP Esplanada dos Ministérios, Bloco J, andar Térreo Brasília DF CEP: 70.053-900 Assunto:

Leia mais

www.ferdimat.com.br Retificadoras Cilíndricas Série CA / CA51H

www.ferdimat.com.br Retificadoras Cilíndricas Série CA / CA51H * Imagem ilustrativa, a máquina pode estar equipada com acessórios opcionais. Vendas nacionais Rua Dr. Miranda de Azevedo, N 415 Pompéia, São Paulo - SP Tel. (11) 3673-3922 - Fax. (11) 3862-6587 E-mail:

Leia mais

ATecnopress, fundada em 1987, é hoje. equipamentos para automação de prensas, fornecendo soluções e prestando

ATecnopress, fundada em 1987, é hoje. equipamentos para automação de prensas, fornecendo soluções e prestando Mais Tecnologia para Maior Produtividade ATecnopress, fundada em 1987, é hoje a mais moderna indústria brasileira na fabr icação de equipamentos para automação de prensas, fornecendo soluções e prestando

Leia mais

O USO EFICIENTE DE EQUIPAMENTOS VIBRATÓRIOS NO MODERNO PROCESSO DE FUNDIÇÃO

O USO EFICIENTE DE EQUIPAMENTOS VIBRATÓRIOS NO MODERNO PROCESSO DE FUNDIÇÃO O USO EFICIENTE DE EQUIPAMENTOS VIBRATÓRIOS NO MODERNO PROCESSO DE FUNDIÇÃO Introdução 4 Alimentadores de Carregamento Móvel Descargas Vibratórias Mesa de knock-out Resfriadores de fundição 6 8 10 12

Leia mais

Relés de Proteção Térmica Simotemp

Relés de Proteção Térmica Simotemp Relés de Proteção Térmica Simotemp Confiabilidade e precisão para controle e proteção de transformadores Answers for energy. A temperatura é o principal fator de envelhecimento do transformador Os relés

Leia mais

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET CONJUNTOS DE FACAS WINDJET CONJUNTO DE FACAS WINDJET SOPRADORES CONJUNTOS DE FACAS WINDJET SUMÁRIO Página Visão geral dos pacotes de facas de ar Windjet 4 Soprador Regenerativo 4 Facas de ar Windjet 4

Leia mais

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág.

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. DT_20130524 GUILHOTINA HIDRÁULICA DE ÂNGULO VARIÁVEL MARCA NEWTON LINHA Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. 1/5 DT_20130524

Leia mais

TruTool. As novas ferramentas com bateria de íon de lítio: Power-Head-Technology. Máquinas / Ferramentas Elétricas Tecnologia Laser / Eletrônicos

TruTool. As novas ferramentas com bateria de íon de lítio: Power-Head-Technology. Máquinas / Ferramentas Elétricas Tecnologia Laser / Eletrônicos TruTool As novas ferramentas com bateria de íon de lítio: Power-Head-Technology Máquinas / Ferramentas Elétricas Tecnologia Laser / Eletrônicos Tesoura especiais TruTool C 160 Power-Head-Technology A TRUMPF

Leia mais

PV-2200 MANUAL DE INSTRUÇÃO

PV-2200 MANUAL DE INSTRUÇÃO Pág.:1 MÁQUINA: MODELO: NÚMERO DE SÉRIE: ANO DE FABRICAÇÃO: O presente manual contém instruções para instalação e operação. Todas as instruções nele contidas devem ser rigorosamente seguidas do que dependem

Leia mais

MOTOR SISTEMA ELÉTRICO TRANSMISSÃO SISTEMA HIDRÁULICO SISTEMA DE GIRO PARTE RODANTE CABINE E COMANDOS CAPACIDADES DE ABASTECIMENTO

MOTOR SISTEMA ELÉTRICO TRANSMISSÃO SISTEMA HIDRÁULICO SISTEMA DE GIRO PARTE RODANTE CABINE E COMANDOS CAPACIDADES DE ABASTECIMENTO MOTOR Tier II Modelo F4GE0684B*D600 Marca New Holland Fabricante FPT Tipo diesel, de injeção direta, 4 tempos, turboalimentado, intercooler Bomba Injetora Rotativa Potência líquida (SAE J1349) 170 hp (120

Leia mais

Customers. The core of our innovation. Alimentação & Transporte Secagem Dosagem Controle de Temperatura Refrigeração. Granulação

Customers. The core of our innovation. Alimentação & Transporte Secagem Dosagem Controle de Temperatura Refrigeração. Granulação PT Customers. The core of our innovation Alimentação & Transporte Secagem Dosagem Controle de Temperatura Refrigeração Granulação Tecnologias Piovan para Refrigeração: Chillers com compressores scroll

Leia mais

Tecnologia de sistemas.

Tecnologia de sistemas. Tecnologia de sistemas. HYDAC Dinamarca HYDAC Polônia HYDAC Brasil HYDAC Índia HYDAC China HYDAC França HYDAC Alemanha Seu parceiro profissional para a tecnologia de sistemas. Com mais de 7.500 colaboradores

Leia mais

Lembramos que a importação de bens USADOS, de acordo com a Portaria 08/91, é restritiva aqueles com substitutivos de produção nacional.

Lembramos que a importação de bens USADOS, de acordo com a Portaria 08/91, é restritiva aqueles com substitutivos de produção nacional. Prezados senhores, De acordo com o disposto no subitem a.1 do art. 22 da Portaria DECEX nº08, de 13 de maio de 1991, com redação dada pela Portaria MDIC nº235, de 07 de dezembro de 2006 do Ministério do

Leia mais

BRASILCHINA Imp. E Exp.

BRASILCHINA Imp. E Exp. BRASILCHINA Imp. E Exp. www.brasilchina.ind.br Telefone: (34) 3215-6477 083002 Máquina automática para empilhar galões de 20 litros Chinesa Resumo: Esta máquina paletizador automática de cinco litros de

Leia mais

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância Monitoramento de Transformadores de Potência Gerenciamento de Dados para o Monitoramento e Avaliação da Condição Operativa de Transformadores Seminário: Transmissão de Energia Elétrica a Longa Distância

Leia mais

BOLETIM DE GARANTIA. (N o 05 / 2013) LED do TIMER pisca frequência de 1Hz / segundo. LED do TIMER pisca freqüência de 1Hz / segundo.

BOLETIM DE GARANTIA. (N o 05 / 2013) LED do TIMER pisca frequência de 1Hz / segundo. LED do TIMER pisca freqüência de 1Hz / segundo. BOLETIM DE GARANTIA (N o 05 / 2013) Código de erro do Cassete e Piso-Teto No. TIPO DESCRIÇÃO Flash Blink Código Nota 1 Falha 2 Falha 3 Falha 4 Falha 5 Falha 6 Falha Placa acusa erro no sensor de temperatura

Leia mais

Desempenho ao longo da linha. Sistemas Schuler de automação. Forming the Future

Desempenho ao longo da linha. Sistemas Schuler de automação. Forming the Future Desempenho ao longo da linha. Sistemas Schuler de automação. Forming the Future Desempenho ao longo da linha Sistemas Schuler de automação Automaticamente mais Know-how. Bem-vindo à Schuler. Como líder

Leia mais

Manual Técnico. Transformadores de potência. Revisão 5 ÍNDICE

Manual Técnico. Transformadores de potência. Revisão 5 ÍNDICE Página 1 de 10 Manual Técnico Transformadores de potência Revisão 5 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO...2 2 RECEBIMENTO...2 3 INSTALAÇÃO...3 3.1 Local de instalação...3 3.2 Ligações...3 3.3 Proteções...7 4 MANUTENÇÃO...9

Leia mais

Sistema de Telemetria para Hidrômetros e Medidores Aquisição de Dados Móvel e Fixa por Radio Freqüência

Sistema de Telemetria para Hidrômetros e Medidores Aquisição de Dados Móvel e Fixa por Radio Freqüência Sistema de Telemetria para Hidrômetros e Medidores Aquisição de Dados Móvel e Fixa por Radio Freqüência O princípio de transmissão de dados de telemetria por rádio freqüência proporciona praticidade, agilidade,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 03, DE 17 FEVEREIRO DE 2005.

RESOLUÇÃO Nº 03, DE 17 FEVEREIRO DE 2005. RESOLUÇÃO Nº 03, DE 17 FEVEREIRO DE 2005. O PRESIDENTE DO CONSELHO DE MINISTROS DA CÂMARA DE COMÉRCIO EXTERIOR, no exercício da atribuição que lhe confere o 3 o do art. 5 o do Decreto n o 4.732, de 10

Leia mais

TRANSFORMADOR A SECO Geafol de 75 a 25.000 kva

TRANSFORMADOR A SECO Geafol de 75 a 25.000 kva Com a linha Geafol, obteve-se um transformador com excelentes características elétricas, mecânicas e térmicas que, adicionalmente, ainda é ecológico. São produzidos sob certificação DQS, ISO 9001 e ISO

Leia mais

AR CONDICIONADO. Componentes

AR CONDICIONADO. Componentes AR CONDICIONADO AR CONDICIONADO Basicamente, a exemplo do que ocorre com um refrigerador (geladeira), a finalidade do ar condicionado é extrair o calor de uma fonte quente, transferindo-o para uma fonte

Leia mais

Sistemas para Estacionamento e Vagas de Garagem DUPLIKAR. Projetamos e desenvolvemos inúmeras soluções para estacionamentos.

Sistemas para Estacionamento e Vagas de Garagem DUPLIKAR. Projetamos e desenvolvemos inúmeras soluções para estacionamentos. A Empresa A Duplikar é representante autorizado da marca Engecass, queremos apresentar uma solução caso tenha necessidades de aumentar suas vagas de garagem. A Engecass é uma indústria Brasileira, fabricante

Leia mais

2.2. Antes de iniciar uma perfuração examine se não há instalações elétricas e hidráulicas embutidas ou fontes inflamáveis.

2.2. Antes de iniciar uma perfuração examine se não há instalações elétricas e hidráulicas embutidas ou fontes inflamáveis. 1. Normas de segurança: Aviso! Quando utilizar ferramentas leia atentamente as instruções de segurança. 2. Instruções de segurança: 2.1. Aterramento: Aviso! Verifique se a tomada de força à ser utilizada

Leia mais

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar VIESMANN VITOSOLIC Controlador para sistemas de energia solar Nº de referência e preços: ver lista de preços VITOSOLIC 100 Controlador electrónico por diferença de temperatura Para sistemas com produção

Leia mais

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica

EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica EQUIPAMENTO ESTERILIZADOR - Autoclave Horizontal - Especificação Técnica Descrição Geral: Equipamento esterilizador horizontal automático para esterilização por vapor saturado de alta temperatura com duas

Leia mais

GRSS. Resistance WELDING SOLDAGEM POR RESISTÊNCIA ELÉTRICA

GRSS. Resistance WELDING SOLDAGEM POR RESISTÊNCIA ELÉTRICA SOLDAGEM POR RESISTÊNCIA ELÉTRICA Princípios A soldagem por resistência elétrica representa mais uma modalidade da soldagem por pressão na qual as peças a serem soldadas são ligadas entre si em estado

Leia mais

Como funciona o motor de corrente contínua

Como funciona o motor de corrente contínua Como funciona o motor de corrente contínua Escrito por Newton C. Braga Este artigo é de grande utilidade para todos que utilizam pequenos motores, principalmente os projetistas mecatrônicos. Como o artigo

Leia mais

ANEXO IX INJETORA DE MATERIAIS PLÁSTICOS 1. Para fins de aplicação deste Anexo considera-se injetora a máquina utilizada para a fabricação

ANEXO IX INJETORA DE MATERIAIS PLÁSTICOS 1. Para fins de aplicação deste Anexo considera-se injetora a máquina utilizada para a fabricação ANEXO IX INJETORA DE MATERIAIS PLÁSTICOS 1. Para fins de aplicação deste Anexo considera-se injetora a máquina utilizada para a fabricação descontínua de produtos moldados, por meio de injeção de material

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 413/2014 - CPL 04 SESACRE

1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 413/2014 - CPL 04 SESACRE 1ª RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 413/2014 - CPL 04 SESACRE OBJETO: Aquisição de Equipamentos, Mobiliários, Eletroeletrônicos e Eletrodomésticos, para atender as Necessidades

Leia mais

JATEAMENTO - INTRODUÇÃO APLICAÇÃO

JATEAMENTO - INTRODUÇÃO APLICAÇÃO www.sinto.com.br JATEAMENTO - INTRODUÇÃO APLICAÇÃO O Jateamento com abrasivo é um método de trabalho a frio que consiste no arremesso de partículas contra uma determinada superfície, a elevadas velocidades,

Leia mais

CAMEX - Câmara de Comércio Exterior

CAMEX - Câmara de Comércio Exterior CAMEX - Legislação- Resolução /13 Page 1 of 9 26/02/13 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior CAMEX - Câmara de Comércio Exterior RETIFICAÇÃO (Publicada no D.O.U. de 22/02/13) Na

Leia mais

Manual Ref. Técnica Plataforma Elevac 250

Manual Ref. Técnica Plataforma Elevac 250 Apresentação 1 A Plataforma Elevac traz comodidade e praticidade para todas as pessoas com dificuldades permanentes ou temporárias de locomoção. Ideal para clínicas, escolas, hospitais, hotéis e quaisquer

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013. Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total

ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013. Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total ANEXO III 1 ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS LICITAÇÃO Nº PP03060001/2013 Item Especificação Unid Vr. Unit Vr. Total 1 CAMINHÃO TOCO COM CAPACIDADE DE CARGA ÚTIL VARIANDO DE 10.000 A 12.000KG. DEVERÁ COMPOR

Leia mais

TRANSFORMADORES MOLDADOS EM RESINA

TRANSFORMADORES MOLDADOS EM RESINA MODELO TAM TRANSFORMADORES - TIPO TAM Os transformadores a seco moldados em resina epóxi são indicados para operar em locais que exigem segurança, os materiais utilizados em sua construção são de difícil

Leia mais

elevador de cremalheira metax.com.br

elevador de cremalheira metax.com.br elevador de cremalheira metax.com.br elevador de cremalheira Equipamento moderno e de alta tecnologia; Grande versatilidade para a elevação de pessoas e cargas em alturas mais elevadas; Segurança e economia

Leia mais

Homologado pelos fabricantes de equipamentos

Homologado pelos fabricantes de equipamentos Homologado pelos fabricantes de equipamentos Confiabilidade e durabilidade são indispensáveis. A suspensão de uma sessão de radioterapia ou a perda de hélio em uma ressonância magnética precisam ser evitadas

Leia mais

CARROS DE APOIO À INDUSTRIA

CARROS DE APOIO À INDUSTRIA Carros de Mão Carros Ligeiros com Carros para Cargas Médias/Elevadas Carros Armário com e sem Prateleiras Carros com Banca de Trabalho Carros de Apoio à Industria Carros de Reboque Carros para Escritóio

Leia mais

PTR 13530-P PTR 17530-P

PTR 13530-P PTR 17530-P DESCRITIVO TÉCNICO Linha P -22/02/12 Rev. I PRENSA DOBRADEIRA HIDRÁULICA SINCRONIZADA marca NGP mod. P Especificações Técnicas: Descrição Unid 4020-P 13530-P 17530-P 22030-P 26030-P 32030-P 40040-P Força

Leia mais

ANALISADORES DE GASES

ANALISADORES DE GASES BGM BOMBA DE SUCÇÃO SÉRIE COMPACTA ANALISADORES DE GASES Descrição: Gera uma depressão no processo, succionando a amostra e criando a vazão exata para atender o tempo necessário de condicionamento do gás

Leia mais

DC Modular Otimizado para consumo mínimo de água

DC Modular Otimizado para consumo mínimo de água DC Modular Otimizado para consumo mínimo de água A água aquecida que retorna do processo ingressa no DryCooler e ao sair é recolhida em um reservatório, sendo bombeada de volta ao processo já na temperatura

Leia mais

MÁQUINA DE BLOCOS DE CONCRETO Serie TBM.

MÁQUINA DE BLOCOS DE CONCRETO Serie TBM. MÁQUINA DE BLOCOS DE CONCRETO Serie TBM. Nós somos um dos primeiros fabricantes (1986) de máquinas de bloco e equipamentos Motores SIEMENS Automatizadas com CLP MITSUBISHI Componentes elétricos da SCHNEIDER

Leia mais

E L E V A D O R A C E S S I B I L I D A D E

E L E V A D O R A C E S S I B I L I D A D E E L E V A D O R A C E S S I B I L I D A D E REV DEZ/2011 Imagens meramente ilustrativas. Com mais de 15 anos de mercado, a Daiken apresenta a experiência e a tecnologia de uma empresa que é referência

Leia mais

AVISO DE RESULTADO DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 039/2015 - SAÚDE MENOR PREÇO POR ITEM

AVISO DE RESULTADO DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 039/2015 - SAÚDE MENOR PREÇO POR ITEM AVISO DE RESULTADO DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 039/25 - SAÚDE MENOR PREÇO POR ITEM A Pregoeira Pollyanna Allen Gomes de Jesus, designado pela Portaria nº 092/24 da Prefeitura Municipal de Goiânia / Secretaria

Leia mais

Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença

Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença Chiller Industrial Quando confiabilidade faz a diferença Produzidos com os melhores componentes disponíveis no mundo e projetados com foco em economia de energia e facilidade de operação e manutenção,

Leia mais

Wampfler - Tecnologia mundial

Wampfler - Tecnologia mundial Wampfler - Tecnologia mundial http://www.wampfler.com Qualidade, tecnologia e assistência técnica A Wampfler coloca à disposição de seus clientes, profissionais especializados e inúmeras representações

Leia mais

ULTRA-SOM MEDIÇÃO DE ESPESSURA PROCEDIMENTO DE END PR 036

ULTRA-SOM MEDIÇÃO DE ESPESSURA PROCEDIMENTO DE END PR 036 Página: 1 de 5 1. OBJETIVO Este procedimento fixa as condições mínimas do ensaio não destrutivo por meio de ultra-som para medição de espessura em materiais metálicos, em exames de qualificação do Sistema

Leia mais

SENSOR INFRAVERMELHO ATIVO DUPLO FEIXE

SENSOR INFRAVERMELHO ATIVO DUPLO FEIXE SENSOR INFRAVERMELHO ATIVO DUPLO FEIXE duoiva-3010 MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA TODO O CONTEÚDO DESTE MANUAL ANTES DE INICIAR A INSTALAÇÃO Esta página foi intencionalmente deixada em branco. INTRODUÇÃO

Leia mais

Sua solução - todos os dias

Sua solução - todos os dias Sua solução - todos os dias A produção de um leite de qualidade depende de diversos fatores, entre eles a higiene da ordenha e do tanque, a manutenção dos equipamentos, a disponibilidade de um ambiente

Leia mais

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS VENTILADORES AXIAL UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS DESCRIÇÃO E NOMENCLATURA DE VENTILADORES AXIAL Diâmetro Fabricação Aspiração Rotor Empresa Ex: EAFN 500 Diâmetro da seleção Tipo de Fabricação G = Gabinete

Leia mais

elevador de cremalheira

elevador de cremalheira elevador de cremalheira Equipamento moderno e de alta tecnologia; Grande versatilidade para a elevação de pessoas e cargas em alturas mais elevadas; Segurança e economia de tempo no deslocamento de pessoas

Leia mais

Watchdog TM Elite Monitor de Risco para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia

Watchdog TM Elite Monitor de Risco para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia Watchdog TM Elite Monitor de Risco para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia APLICAÇÃO Monitor combinado para alinhamento de correia, velocidade da correia, temperatura de rolamento contínua,

Leia mais

ANEXO II ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS E ROTINAS DE MANUTENÇÃO ED. SEDE ELEVADORES ATLAS SCHINDLER

ANEXO II ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS E ROTINAS DE MANUTENÇÃO ED. SEDE ELEVADORES ATLAS SCHINDLER ANEXO II ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS E ROTINAS DE MANUTENÇÃO 1. Identificação: ED. SEDE ELEVADORES ATLAS SCHINDLER 1.1. Elevador nº 1 Uso privativo dos juízes 1.2. Elevador nº 2 Uso de Serviço (Cargas)

Leia mais

Termômetro por infravermelho

Termômetro por infravermelho Termômetro por infravermelho testo 835 Rápido, preciso instrumento de medição com infravermelho para comércio e industria Mede de forma precisa e segura, mesmo temperaturas muito elevadas 4 pontos a laiser

Leia mais

2) REATOR / BATEDEIRA / HOMOGENIZADOR 1) TANQUE DE INOX 3) REATOR / BATEDEIRA/ HOMOGENIZADOR 4) REATOR / BATEDEIRA / HOMOGENIZADOR 6) FUSOR 5) REATOR

2) REATOR / BATEDEIRA / HOMOGENIZADOR 1) TANQUE DE INOX 3) REATOR / BATEDEIRA/ HOMOGENIZADOR 4) REATOR / BATEDEIRA / HOMOGENIZADOR 6) FUSOR 5) REATOR 1) TANQUE DE INOX Agitação lateral por hélice naval. Variação de velocidade eletrônica. Saída do produto por válvula, na parte inferior. 2) REATOR / BATEDEIRA / HOMOGENIZADOR Estrutura de aço SAE 1.020,

Leia mais

SISTEMAS DE TRANSPORTADORES CONTINUOS

SISTEMAS DE TRANSPORTADORES CONTINUOS Consiste na movimentação constante entre dois pontos pré-determinados. d São utilizados em mineração, indústrias, terminais de carga e descarga, terminais de recepção e expedição ou em armazéns. Esteiras

Leia mais

Fundamentos de Automação. Pneumática 01/06/2015. Pneumática. Pneumática. Pneumática. Considerações Iniciais CURSO DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL

Fundamentos de Automação. Pneumática 01/06/2015. Pneumática. Pneumática. Pneumática. Considerações Iniciais CURSO DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Ministério da educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Técnica SETEC Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Rio Grande Considerações Iniciais "PNEUMÁTICA

Leia mais

GERADORES MECÂNICOS DE ENERGIA ELÉTRICA

GERADORES MECÂNICOS DE ENERGIA ELÉTRICA GERADORES MECÂNICOS DE ENERGIA ELÉTRICA Todo dispositivo cuja finalidade é produzir energia elétrica à custa de energia mecânica constitui uma máquina geradora de energia elétrica. O funcionamento do

Leia mais

Comandos Eletro-eletrônicos SENSORES

Comandos Eletro-eletrônicos SENSORES Comandos Eletro-eletrônicos SENSORES Prof. Roberto Leal Sensores Dispositivo capaz de detectar sinais ou de receber estímulos de natureza física (tais como calor, pressão, vibração, velocidade, etc.),

Leia mais

www.keelautomacao.com.br Linha KSDX Solução em processamento CNC

www.keelautomacao.com.br Linha KSDX Solução em processamento CNC Linha KSDX Solução em processamento CNC Automatize a produção de sua empresa Instalada em Tubarão, SC, a KEEL atua na fabricação de equipamentos para Corte, Solda e Sistemas (CNC). Fundada em 2002, a empresa

Leia mais

Manual de Referência Técnica

Manual de Referência Técnica Manual de Referência Técnica Apresentação O Elevador Pneumático ELEVAC, fabricado pela MHM,indústria brasileira, com patente registrada, é um sistema de transporte vertical pneumático, sem cabos, pistões

Leia mais

Manual de Referência Técnica ELEVAC 250

Manual de Referência Técnica ELEVAC 250 Manual de Referência Técnica ELEVAC 250 t e c n o l o g i a em e l e v a d o r e s ESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO A Plataforma Elevac 250 traz comodidade e praticidade para todas as pessoas com dificuldades permanentes

Leia mais

Motores Lineares Industriais

Motores Lineares Industriais Motores Lineares Industriais Sistema de accionamento puramente eléctrico Controlo de posição livre ao longo de todo o curso Para tarefas de posicionamento precisas e dinâmicas Vida útil maior com a tecnologia

Leia mais

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 CATÁLOGO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Relé de Proteção de Motores RPM foi desenvolvido para supervisionar até 2 (dois) grupos ventiladores/motores simultaneamente, é utilizado

Leia mais

Pack Tempérys. Tempérys. Ventilação de conforto com regulação integrada > ventilação. caixas com bateria de aquecimento integrada e auto-regulada

Pack Tempérys. Tempérys. Ventilação de conforto com regulação integrada > ventilação. caixas com bateria de aquecimento integrada e auto-regulada ventilação Tempérys caixa de insuflação com revestimento duplo e bateria de aquecimento eléctrico Pack Tempérys caixa de insuflação + caixa de extracção com revestimento duplo, sistema de comando e de

Leia mais

Título: Ex-tarifário nas importações de robôs Processo de redução de imposto que contribui para a competitividade

Título: Ex-tarifário nas importações de robôs Processo de redução de imposto que contribui para a competitividade Instituto de Educação Tecnológica Pós-graduação Engenharia Logística - Turma nº6 02 de Maio de 2015 Título: Ex-tarifário nas importações de robôs Processo de redução de imposto que contribui para a competitividade

Leia mais

Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies. Gianfranco Verona

Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies. Gianfranco Verona Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies Gianfranco Verona DESCARTE ZERO NUMA CABINE DE PINTURA SKIMMERFLOT Para o tratamento e a reutilização de águas provenientes

Leia mais

GESTÃO DE OPERAÇÕES E LOGÍSTICA I AULA 05: LOGÍSTICA INTEGRADA E OUTRAS QUESTÕES TÓPICO 05: MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAS O manuseio de materiais representa atividade de maior custo logístico, além de consumir

Leia mais

3. Programa Experimental

3. Programa Experimental 3. Programa Experimental 3.1. Considerações Iniciais Este estudo experimental foi desenvolvido no laboratório de estruturas e materiais (LEM) da PUC- Rio e teve o propósito de estudar o comportamento de

Leia mais

QY 50K. Guindaste XCMG Modelo QY 50K. Espaçosa Cabine de Transporte. Moderna Cabine de Operação

QY 50K. Guindaste XCMG Modelo QY 50K. Espaçosa Cabine de Transporte. Moderna Cabine de Operação 3Y 50K Guindaste Telescópico Classe Mundial Sistema Telescópico da Lança 30 QY 50K equipado com lança telescópica de 40,10 Lança Telescópica de Excelente Desempenho ü Lança de perfil OVIFORME reduz o peso

Leia mais

Linha. Booster. Soluções em Bombeamento

Linha. Booster. Soluções em Bombeamento Linha Booster Booster ESTAÇÃO PRESSURIZADORA TIPO BOOSTER MOVÉL As Estações Pressurizadoras IMBIL do tipo Booster Móvel são utilizadas nos segmentos de Saneamento, Empresas Estaduais, Municipais, SAAEs,

Leia mais

IRMÃOS ZEN S.A IND. METALÚRGICA

IRMÃOS ZEN S.A IND. METALÚRGICA IRMÃOS ZEN S.A IND. METALÚRGICA Sumário 1. TENSIONADOR DE BORRACHA ZEN... 1 1.1. Partes do Tensionador... 1 1.2. Alocação na Bancada... 1 1.3. Melhorias na Bancada... 2 2. TANQUES DE COMBUSTÍVEL DE RETORNO...

Leia mais

Instalações Elétricas Industriais

Instalações Elétricas Industriais Instalações Elétricas Industriais ENG 1480 Professor: Rodrigo Mendonça de Carvalho Instalações Elétricas Industriais CAPÍTULO 01 INTRODUÇÃO Flexibilidade: admitir mudanças nas localizações dos equipamentos,

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 2014

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 2014 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 2014 www.henrimak.com.br vendas@henrimak.com.br / henrimak@henrimak.com.br TEL.: 21 3391-4646 / 21 3449-4112 CEL.: 7852-4626 / ID: 645*16704 A EMPRESA A HenrimaK foi fundada

Leia mais

CADASTRO TÉCNICO DE FORNECEDORES SISTEMA NORMATIVO CORPORATIVO MATERIAIS PADRONIZADOS APLICADOS EM CÂMARA DE TRANSFORMAÇÃO 15KV - ATENDIMENTO COLETIVO

CADASTRO TÉCNICO DE FORNECEDORES SISTEMA NORMATIVO CORPORATIVO MATERIAIS PADRONIZADOS APLICADOS EM CÂMARA DE TRANSFORMAÇÃO 15KV - ATENDIMENTO COLETIVO SISTEMA NORMATIVO CORPORATIVO CADASTRO TÉCNICO CÓDIGO TÍTULO VERSÃO CD.DT.PDN.03.14.001 03 APROVADO POR MARCELO POLTRONIERI ENGENHARIA E CADASTRO (DEEE) SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 3 2. HISTÓRICO DAS REVISÕES...

Leia mais

USADOS atualização 09.10.15

USADOS atualização 09.10.15 biomassa Marca: Vanmaq. Largura da boca de 500 mm, altura de passagem de 150 mm. Esteira de entrada de 3500 mm. Polia para motor principal. 1 chave reversora, com correias torque team. 2 redutores e 2

Leia mais

SHORT TRAVEL STANDARD SH ST ALVENARIA

SHORT TRAVEL STANDARD SH ST ALVENARIA 2 SHORT TRAVEL STANDARD SH ST ALVENARIA Com um conceito que busca facilidades, desenvolvemos uma plataforma cabinada, compacta e moderna, perfeita para o tipo de aplicação em estrutura de alvenaria. Com

Leia mais

Relatório da inspecção preliminar dos elevadores. (Modelo) Entidade utilizadora : Equipamentos n.º : Empreiteiro dos elevadores : Inspector :

Relatório da inspecção preliminar dos elevadores. (Modelo) Entidade utilizadora : Equipamentos n.º : Empreiteiro dos elevadores : Inspector : Anexo 2 Relatório da inspecção preliminar dos elevadores (Modelo) Relatório n.º: Entidade utilizadora : Equipamentos n.º : Tipo de equipamentos: Empreiteiro dos elevadores : Inspector : Data de inspecção

Leia mais

SHF 6260NC MODELO SHF 6260NC/SHF 6260A. Máquinas importadas de Taiwan e comercializadas por: 10-600mm CAPACIDADE DE CORTE

SHF 6260NC MODELO SHF 6260NC/SHF 6260A. Máquinas importadas de Taiwan e comercializadas por: 10-600mm CAPACIDADE DE CORTE SHF 6260NC SHF 6260NC/SHF 6260A MAXIMO MINIMO 10-600mm L10xA10~L620xA600mm L480xA440mm L260x360mm 6560x41x1,3mm Os modelos SHF-6260NC e SHF-6260A foram projetados para cortes leves, como vigas H, cantoneiras,

Leia mais

Hardware Básico. Refrigeração. Professor: Wanderson Dantas

Hardware Básico. Refrigeração. Professor: Wanderson Dantas Hardware Básico Refrigeração Professor: Wanderson Dantas Ventoinhas Ventoinhas são pequenos ventiladores que melhoram o fluxo de ar dentro do computador, trazendo ar frio para dentro do computador e removendo

Leia mais

-DJ MOTOR DIRECT-DRIVE

-DJ MOTOR DIRECT-DRIVE -DJ MOTOR DIRECT-DRIVE Manual de operação e manutenção- motor direct-drive...11~14 Encaixe o cabeçote na base e instale os cabos corretamente na caixa de controle MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO-

Leia mais

Dados técnicos Guindaste sobre esteiras HS 895 HD

Dados técnicos Guindaste sobre esteiras HS 895 HD Dados técnicos Guindaste sobre esteiras HS 895 HD Dimensões Máquina básica com carro inferior R 9760 3650 10000 5480 3675 2445 1810 3950 1610 1700 7945 9360 3975 1720 R 6360 1100 6800 620 17380 Peso operacional

Leia mais

CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA. Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho

CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA. Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho SÉRIE DV14 1417 / 1422 / 1432 / 1442 CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA O Centro de Usinagem

Leia mais

Catálogo de Máquinas OCCASION MACHINES

Catálogo de Máquinas OCCASION MACHINES Catálogo de Máquinas OCCASION MACHINES 2014/2015 A Empresa A OCCASION MACHINES - IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO - é uma empresa especializada na comercialização de Máquinas Operatrizes em Geral COMPRA e VENDA.

Leia mais

São Paulo, 27 de Junho de 2011 DTE/DEAT/CIR/3.7971/11

São Paulo, 27 de Junho de 2011 DTE/DEAT/CIR/3.7971/11 Prezados senhores, De acordo com o disposto no subitem a.1 do art. 22 da Portaria DECEX nº08, de 13 de maio de 1991, com redação dada pela Portaria MDIC nº235, de 07 de dezembro de 2006 do Ministério do

Leia mais

COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS

COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS EMPRESA PARANAPANEMA JULHO - 2013 COBRE INTRODUÇÃO - Fundamental no desenvolvimento das primeiras civilizações, o cobre mantém-se como o melhor e mais indicado material

Leia mais

Nova máquina de blocos de concreto de alto desempenho fornecida à Arábia Saudita

Nova máquina de blocos de concreto de alto desempenho fornecida à Arábia Saudita Quadra, 74130 Contamine sur Arve, França Nova máquina de blocos de concreto de alto desempenho fornecida à Arábia Saudita A empresa Khaleeg sediada em Dammam, fundada em 1992, oferece produtos de concreto

Leia mais

CONHECIMENTOS TÉCNICOS DE AERONAVES

CONHECIMENTOS TÉCNICOS DE AERONAVES CONHECIMENTOS TÉCNICOS DE AERONAVES MÓDULO 2 Aula 4 Professor: Ricardo Rizzo MAGNETISMO É uma propriedade muito conhecida dos imãs, de atrair o ferro. Um imã possui dois pólos magnéticos denominados norte

Leia mais

Medidores de nível de combustível LLS 20160 е LLS-AF 20310

Medidores de nível de combustível LLS 20160 е LLS-AF 20310 Medidores de nível de combustível LLS 20160 е LLS-AF 20310 Conteúdo 1 INTRODUÇÃO... 3 2 DESCRIÇÃO E OPERAÇÃO... 4 2.1 USO DO PRODUTO... 4 2.2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 4 2.2.1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Detector / Sensor de Fumaça Autônomo Rede AC e Bateria - Com Saída Rele NA/NF - Código: AFDFAR. O detector de Fumaça código AFDFAR é um equipamento que deve ser instalado no teto ou na parede das edificações

Leia mais