Criando Inteligência de Negócios através do ibolt Business Integration Suíte

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Criando Inteligência de Negócios através do ibolt Business Integration Suíte"

Transcrição

1 Criando Inteligência de Negócios através do ibolt Business Integration Suíte Introdução O ambiente de negócios no qual as empresas operam atualmente está se tornando cada vez mais complexo. As empresas, privadas ou públicas, sentem crescentes pressões forçando-as a responder rapidamente a condições em constante mutação, além de terem que inovar na maneira como operam. Estas atividades exigem agilidade e tomada de decisão rápida e freqüente, sejam elas, estratégicas, táticas e operacionais. Tomar decisões pode exigir quantidade consideráveis de dados oportunos e relevantes, bem como informações e conhecimento. O processamento dessas informações, na estrutura das decisões necessárias, deve ser feito de forma rápida, com freqüência em tempo real e comumente exige um apoio computadorizado. Turban et al. (2009).1 Diante deste cenário, cada vez mais empresas buscam na Tecnologia da Informação, soluções focadas em inteligência de negócios para tomada de decisões gerenciais. Neste artigo, apresentaremos uma solução de inteligência de negócios, proposta para o IplanRio, através da criação de sistemas de informações corporativas e sistema de informações geográficas. O problema Visando dinamizar a tomada de decisão sobre as obras de engenharia, a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (PCRJ), considerou a necessidade de georreferenciamento das informações existentes em seus sistemas legado no mapa digital do Município, sem que seja necessário realizar manutenção nas bases de dados existentes. Como ponto de partida, foram eleitos dois sistemas que apóiam os processos de negócio da Secretaria Municipal de Obras (SMO) e da Secretaria Municipal de Habitação (SMH) respectivamente, realizando o controle e acompanhamento, inclusive orçamentário, das obras de engenharia da cidade. A PCRJ definiu como escopo inicial, a análise das informações do Sistema de Acompanhamento, Controle de Obras e Serviços de Engenharia (SISCOB), do Sistema de Orçamento e Controle de Obras (ORC) e Sistema de Monitoramento e Acompanhamento (SIMA), sendo os dois últimos relativos a projetos habitacionais. O objetivo final é o georreferenciamento das informações de cada sistema no mapa digital do Município. A solução Para solução proposta, foram analisados alguns pontos importantes apresentados no problema, a saber: 1. A solução não poderia solicitar manutenção nos sistemas legado; 2. Deveriam ser lidas diversas fontes de dados, tanto em sistemas gerenciadores de banco de dados como em serviços web; 1 Turban E., Sharda R., Aronson J., King D. (2009). Business intelligence : um enfoque gerencial para inteligência de negócio. Tradução Fabiano Bruno Gonçalves: Porto Alegue-RS: Bookman

2 3. A nova massa de dados deveria ser utilizada por Sistemas de Informações Geografias - SIG O maior problema encontrava-se em como ler os dados de diversas fontes, sem criar uma solução de alto custo, com agilidade e flexibilidade suficiente para adapta-se a mudanças nas estratégias de negócios. Precisava-se utilizar uma ferramenta corporativa de integração (ESB) para criar uma base única, a ser utilizada por softwares de Sistemas de Informações Geográficas (SIG) e de Inteligência de Negócios (BI) A resposta veio através da utilização do ibolt Business Integration Suíte da Magic Software Brasil, empresa parceira da ADD Technologies. O ibolt é um suite de integração flexível, com um ótimo custo-efetivo e de fácil uso, alavancando o investimento no legado, enquanto cria rápida e dinamicamente novos processos de negócios, serviços e aplicações. Seu design poderoso e simplificado - que não requer virtualmente nenhuma habilidade de programação - assegura as empresas, integração de negócios rápida e bem sucedida, enquanto gera um rápido retorno sobre o investimento (ROI), aumentando o rendimento e a satisfação do cliente. ibolt contêm diversos conectores para SGBDs, sistemas SAP, Web Services, Salesforce, ERP, Serviços de , Enterprise Java Beans, Microsoft Office, SNMP, Google Docs, JDEdwards, HTTP, Classes Java, Lótus Domino, XML, Websphere MQ, Microsoft MQ, Java Message Sevice, FTP, dentre outros, prontos pra uso. É só plugare-usar. Dessa forma diminui-se o custo do projeto e proporciona-se flexibilidade necessária em caso de mudança nas regras de negócios. A solução também faz uso do conceito de Data Marts no armazenamento dos dados das fontes diversas. Data Marts são parte integrante de soluções de Data Warehouse, que armazenam dados referentes a um assunto em especial (ex: Vendas, Estoque,

3 Controladoria) ou diferentes níveis de sumarização (ex: Vendas Anual, Vendas Mensal, Vendas 5 anos), que focalizam uma ou mais áreas específicas. Seus dados são desnormalizados e indexados para suportar intensa pesquisa. O objetivo do uso de Data Mart é proporcionar a consulta dos dados não somente para uso de sistemas de Informações Geográficas, mas também por Sistemas de Informações Corporativas, adicionando assim inteligência ao negócio, no apoio a tomada de decisões corporativas. Além disso, os dados podem servir como fontes de dados para soluções de Data Warehouse que a prefeitura possua ou venha a possuir. A figura abaixo mostra o processo de negócio criado no ibolt. Fluxos que compõem o Processo de Negócio Processo de Negócio Componentes Ilustração 1 - Visão geral de projeto no ibolt A estrutura de um projeto no ibolt é composta básicamente pelos seguinte elementos: Processo de Negócio (BP) elemento que permite a modelagem de processos de negócios empresariais. Facilita a captura e manutenção do conhecimento sobre o negócio, bem como permite a visualização dos objetivos de negócios a serem atingidos no projeto. Fluxos elemento que compõe o processo de negócio. São efetivamente os passos executáveis do BP. O relacionamento entre fluxos e processos é flexível, podendo um fluxo estar relacionando a um ou mais processos. Componentes elementos usados dentro de um fluxo para prover a funcionalidade de integração. Os componentes podem ser conectores, adaptadores, conversores e processadores. O ibolt inclui um conjunto de componentes out-of-the-box. Adicionalmente, pode-se desenvolver componentes específicos através do Kit de Desenvolvimento de Componentes da ferramenta. Recursos do Projeto elemento onde são configurados os acessos as fontes de dados, serviços web e qualquer recurso que será usado dentro do projeto.

4 O primeiro passo para construção de uma solução usando o ibolt, é a criação do Processo de Negócio (Business Process BP). A ferramenta contém um módulo de Gerenciamento de Processos de Negócio (BPM), que permite uma visão geral da integração dos BPs. O editor de BP habilita o usuário, a representar fisicamente as atividades de negócios, dentro da perspectiva de negócios da organização. Com essa modelagem é possível visualizar graficamente como os processos de negócios são organizados no projeto de integração, validando a existência de elementos existentes ou até mesmo propondo a criação de novos processos. No projeto IplanRio, foram criados seis componentes do BP, a saber: DB Sistemas Legado representante dos data sources que compõem os sistemas legado (SISCOB, ORC, SIMA); Query Dados Legado representante do processo de leitura dos sistemas legado; Trata Dados/Atualiza SIG/GIS representante do processo de mapeamento de dados, que fará o processo de limpeza e carga no banco de dados a ser lido pelo Sistema de Informações Geográficas (dentre outros); Query Dados Espacias representante do processo de leitura dos serviços web necessário para recuperar as coordenadas espaciais (x, y) de outros órgãos ligados a PCRJ. DB SIG representante do data mart que armazenará os dados extraídos e tratados dos sistemas legado e serviços web WebService representante dos recursos de serviços web de outros órgãos da PCRJ Não houve necessidade de criar mais de um processo de negócio para o projeto IplanRio. A descrição do processo de negócio que compõe a solução para o IplanRio e data a seguir: 1. O ibolt automaticamente inicia os fluxos de leitura das bases de dados dos sistemas legado e repassa as informações para o componente de Tratamento e Atualização no DB SIG; 2. O componente de tratamento realiza o processo de limpeza dos dados, de acordo com regras de negócio pré-configuradas. Durante o processo de limpeza dos dados, pode ser necessária a consulta de alguns serviços web fornecidos por outros órgãos da PCRJ. Sendo assim, o componente de consulta aos serviços web é chamado e o resultado armazenado no componente que originou a requisição. 3. Posteriormente a limpeza e chamada dos serviços web, os dados são inseridos ou atualizados no BD SIG; Para garantir o funcionamento do processo acima, foram criados 9 fluxos, cada um contendo os componentes necessários para realizar sua tarefa específica. A seguir exemplificam-se os fluxos principais, para um melhor entendimento dos componentes.

5 O processo inicia com a leitura de dados dos sistemas legados, entretanto, este processo se divide em três fluxos: 1. Importa Dados: acionado pelo componente Chama Importa Dados. O fluxo faz a leitura de arquivos CSV e MDB de tabelas de conversão que serão usadas para limpeza de dados 2. Limpa Dados SIG: acionado pelo componente Chama Limpa Dados SIG. O fluxo prepara a base de dados SIG para receber registros 3. Trata Dados/Atualiza SIG: acionado pelo componente Le Legado > Call trata Dados. O fluxo faz a leitura dos sistemas legado e chama os fluxos de tratamento de dados Ilustração 2 - Fluxos de leitura e limpeza de dados de sistemas legado Detalharemos a seguir os componentes que compõem o fluxo 1 e 3, permitindo o leitor ter uma visão clara de como o ibolt faz importação e mapeamento de dados. O fluxo Importa Dados, é chamado pelo componente Chama Importa Dados. Este último é um componente do tipo Invoke Flow, que têm como função a chamada de fluxos dentro de um fluxo. A Ilustração 3 mostra a configuração do componente em detalhes. Portanto, quem realmente executa algo é o fluxo Importa Dados.

6 Ilustração 3 - Configuração do componente Invoke Flow em detalhes Como dito anteriormente, o fluxo Importa Dados prepara as tabelas de conversão a serem usadas na limpeza de dados. A ilustração abaixo mostra como é feito o mapeamento de dados, usando o componente Data Mapper no IBolt. Ilustração 4- Configuração de um Data Mapper para carga de tabelas a partir de dados CSV e MDB Após a importação e limpeza dos dados é acionado o fluxo de tratamento dos dados e gravação no banco de dados SIG, que servirá de base de dados para os Sistemas de Informações Geográficas e Sistemas de Informações Corporativas. A Ilustração abaixo mostra os componentes que compõem o fluxo de Trata Dados/Atualiza SIG

7 Ilustração 5 - componentes que compõem o fluxo de Trata Dados/Atualiza SIG Percebe-se que o ibolt permite com que sejam criadas lógicas decisórias entre componentes de fluxos, possibilitando que a ferramenta estenda sua capacidade de integração de dados para integração de componentes de negócios. Por fim a ilustração abaixo mostra o componente de gravação no banco de dados final. Ilustração 6 - Gravação dos dados nas variáveis que alimentam a tabela SIG

8 O Resultado A organização administrativa do município do Rio de Janeiro divide-se em Bairros, Regiões Administrativas (RA) e Áreas de Planejamento (AP). No entanto, alguns registros de obras deveriam ser georreferenciados pelo seu logradouro mais número predial ou número do logradouro, por exemplo, obra de manutenção a rua voluntários da pátria, 5678 Segue abaixo alguns problemas encontrados no projeto e sua resolução no ibolt. Problema Solução Os nomes dos logradouros não tinham um Foi importado um arquivo CSV com os padrão comum de tipos tipos padrões e feito a conversão durante a leitura dos sistemas legado Os códigos dos logradouros são Foi criado um fluxo específico para fornecidos via serviços web por outro consulta de códigos de logradouros a órgão partir de composição do nome do logradouro nos serviços web. A lógica do fluxo permite filtrar o bairro retornado pelo serviço web. Os números de logradouros (numeração Foram criadas regras de negócios e predial) estavam em campos extratores, que filtravam o número a partir alfanuméricos sem um padrão de um conjunto de caracteres determinado alfanuméricos. O resultado foi gravado em outra coluna, permitindo que a PCRJ pudesse observar quais registros foram limpos. A PCRJ repassou 4320 registros como amostra de dados. A solução e mostrou eficiente, uma vez que como resultado, obteve-se 100% dos dados de obras dos sistemas legados, tratados e com possibilidade de georreferenciamento pelo Sistema de Informação Geográfica da PCRJ. Segue números do resultado final: 1115 registro com referência de logradouros, sendo 592 tratados pelo ibolt, tornando-os georreferenciaveis pela dupla logradouro e número predial. Os 523 não tratados, foram georreferenciaveis pelo bairro georreferenciados por Bairros, pois não continham informações de logradouros 233 georreferenciados por RA, pois não continham informações de logradouros nem bairros 1531 georreferenciados por AP, pois não continham informações de logradouros, nem bairros, nem RAs. Segue abaixo o conjunto de ilustrações retiradas do Sistema de Informações Geográficas da PCRJ a partir da leitura da base da dados SIG gerada pela solução proposta pela ADDTECH.

9 Ilustração 7 - Obras por bairros

10 Ilustração 8 - Obras por RA Ilustração 9 - Obras por AP

11 Conclusão A solução proposta pela ADDTECH para resolver o problema de georreferenciamento das informações existentes nos sistemas legado da PCRJ em um mapa digital do município do Rio de Janeiro, sem que seja necessário realizar manutenção nas bases de dados existentes. Não obstante, o uso do do ibolt Business Integration Suíte como ferramenta corporativa de integração e de gerenciamento de processos de negócios, permitiu estender a solução para atender outras áreas de negócios, bem como, a leitura de dados por Sistemas de Informações Corporativas, alavancando a solução em não somente um ferramenta de integração, mas também em uma solução que permite Inteligência de Negócios, uma vez que fornece informações cruciais a sistemas de apoio a decisão. Sobre o Colunista_ Hilton Menezes é, Mestre em Ciência da Computação pela UFSC c/ MBA em Gestão de Negócios e TI pela FGV. Atua como arquiteto de soluções Java/JEE na Add Technologies, fazendo parte da equipe de arquitetos da empresa e tendo participado de projetos para clientes corporativos IPLANRIOPrefeitura, Ação Informática, GoldenCross e Prudential. Tem se especializado em projetos de integração usando software de Business Process Management como ibolt e soluções de Geografical Information System com ismart.

Interatividade aliada a Análise de Negócios

Interatividade aliada a Análise de Negócios Interatividade aliada a Análise de Negócios Na era digital, a quase totalidade das organizações necessita da análise de seus negócios de forma ágil e segura - relatórios interativos, análise de gráficos,

Leia mais

Business Intelligence. BI CEOsoftware Partner YellowFin

Business Intelligence. BI CEOsoftware Partner YellowFin Business Intelligence BI CEOsoftware Partner YellowFin O que é Business Intelligence Business Intelligence (BI) é a utilização de uma série de ferramentas para coletar, analisar e extrair informações,

Leia mais

IBM WebSphere Business Monitor

IBM WebSphere Business Monitor Obtenha visibilidade em tempo real do desempenho dos processos de negócios IBM WebSphere Business Monitor Fornece aos usuários de negócios uma visão abrangente e em tempo real do desempenho dos processos

Leia mais

TÉCNICAS DE INFORMÁTICA WILLIAN FERREIRA DOS SANTOS

TÉCNICAS DE INFORMÁTICA WILLIAN FERREIRA DOS SANTOS TÉCNICAS DE INFORMÁTICA WILLIAN FERREIRA DOS SANTOS Vimos em nossas aulas anteriores: COMPUTADOR Tipos de computadores Hardware Hardware Processadores (CPU) Memória e armazenamento Dispositivos de E/S

Leia mais

Data Warehousing Visão Geral do Processo

Data Warehousing Visão Geral do Processo Data Warehousing Visão Geral do Processo Organizações continuamente coletam dados, informações e conhecimento em níveis cada vez maiores,, e os armazenam em sistemas informatizados O número de usuários

Leia mais

Destaques Aproveite o insight de negócios ao enriquecer as mensagens de forma dinâmica com dados de aplicativos, bancos de dados e arquivos.

Destaques Aproveite o insight de negócios ao enriquecer as mensagens de forma dinâmica com dados de aplicativos, bancos de dados e arquivos. Melhore a agilidade de negócios com o Message Broker Melhore a flexibilidade e conectividade enquanto controla os custos e aumenta a satisfação do cliente Destaques Aproveite o insight de negócios ao enriquecer

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ

PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ Renan Felipe dos Santos Prof. Alexander Roberto Valdameri,Orientador ROTEIRO

Leia mais

Tecnologias e Sistemas de Informação

Tecnologias e Sistemas de Informação Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 02 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 06 ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN MÓDULO 01 Páginas 278 à 285 1 AULA 06 APOIO ÀS DECISÕES DE E BUSINESS 2 E business e Apoio

Leia mais

Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai

Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai Plug & Play Options Integrating Systems Flávio De Nadai Desenvolvimento de Negócios Utilities & Telecom

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE, O ELEMENTO CHAVE PARA O SUCESSO DAS ORGANIZAÇÕES.

BUSINESS INTELLIGENCE, O ELEMENTO CHAVE PARA O SUCESSO DAS ORGANIZAÇÕES. Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 88 BUSINESS INTELLIGENCE, O ELEMENTO CHAVE PARA O SUCESSO DAS ORGANIZAÇÕES. Andrios Robert Silva Pereira, Renato Zanutto

Leia mais

Aline França a de Abreu, Ph.D

Aline França a de Abreu, Ph.D Aline França a de Abreu, Ph.D igti.eps.ufsc.br 07 / 10/ 04 Núcleo de estudos Criado em 1997 - UFSC/EPS Equipe multidisciplinar, com aproximadamente 20 integrantes OBJETIVO Gerar uma competência e uma base

Leia mais

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser:

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser: CONCEITOS INICIAIS O tratamento da informação precisa ser visto como um recurso da empresa. Deve ser planejado, administrado e controlado de forma eficaz, desenvolvendo aplicações com base nos processos,

Leia mais

INDICE 3.APLICAÇÕES QUE PODEM SER DESENVOLVIDAS COM O USO DO SAXES

INDICE 3.APLICAÇÕES QUE PODEM SER DESENVOLVIDAS COM O USO DO SAXES w w w. i d e a l o g i c. c o m. b r INDICE 1.APRESENTAÇÃO 2.ESPECIFICAÇÃO DOS RECURSOS DO SOFTWARE SAXES 2.1. Funcionalidades comuns a outras ferramentas similares 2.2. Funcionalidades próprias do software

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

Business Intelligence para Computação TítuloForense. Tiago Schettini Batista

Business Intelligence para Computação TítuloForense. Tiago Schettini Batista Business Intelligence para Computação TítuloForense Tiago Schettini Batista Agenda Empresa; Crescimento de Dados; Business Intelligence; Exemplos (CGU, B2T) A empresa Empresa fundada em 2003 especializada

Leia mais

Esri Maps para Inteligência de Negócios Conceitos e Produtos Esri. Rodrigo Barrionuevo

Esri Maps para Inteligência de Negócios Conceitos e Produtos Esri. Rodrigo Barrionuevo Esri Maps para Inteligência de Negócios Conceitos e Produtos Esri Rodrigo Barrionuevo O que é Business Intelligence? Plataforma apoio a decisão Online Analytic Process OLAP Reporting & Ad Hoc Query Business

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 04 Conceito Sistema de Informação é uma série de elementos ou componentes inter-relacionados que coletam (entrada), manipulam e armazenam (processo),

Leia mais

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br POR QUE ESCREVEMOS ESTE E-BOOK? Nosso objetivo com este e-book é mostrar como a Gestão de Processos

Leia mais

Professor: Disciplina:

Professor: Disciplina: Professor: Curso: Esp. Marcos Morais de Sousa marcosmoraisdesousa@gmail.com Sistemas de informação Disciplina: Introdução a SI Noções de sistemas de informação Turma: 01º semestre Prof. Esp. Marcos Morais

Leia mais

APLICATIVOS CORPORATIVOS

APLICATIVOS CORPORATIVOS Sistema de Informação e Tecnologia FEQ 0411 Prof Luciel Henrique de Oliveira luciel@uol.com.br Capítulo 3 APLICATIVOS CORPORATIVOS PRADO, Edmir P.V.; SOUZA, Cesar A. de. (org). Fundamentos de Sistemas

Leia mais

Thiago Locatelli de OLIVEIRA, Thaynara de Assis Machado de JESUS; Fernando José BRAZ Bolsistas CNPq; Orientador IFC Campus Araquari

Thiago Locatelli de OLIVEIRA, Thaynara de Assis Machado de JESUS; Fernando José BRAZ Bolsistas CNPq; Orientador IFC Campus Araquari DESENVOLVIMENTO DE AMBIENTE PARA A GESTÃO DO CONHECIMENTO RELACIONADO AOS DADOS PRODUZIDOS PELO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE TRANSITO DA CIDADE DE JOINVILLE/SC PARTE I Thiago Locatelli de OLIVEIRA, Thaynara

Leia mais

Business Intelligence

Business Intelligence 1/ 24 Business Intelligence Felipe Ferreira 1 Nossa empresa Jornal O Globo Jornais Populares Parcerias Grupo Folha Grupo Estado 2 1 Fundada em 1925 3100 funcionários 2 Parques Gráficos e SP Globo: 220

Leia mais

01/12/2009 BUSINESS INTELLIGENCE. Agenda. Conceito. Segurança da Informação. Histórico Conceito Diferencial Competitivo Investimento.

01/12/2009 BUSINESS INTELLIGENCE. Agenda. Conceito. Segurança da Informação. Histórico Conceito Diferencial Competitivo Investimento. BUSINESS INTELLIGENCE Agenda BI Histórico Conceito Diferencial Competitivo Investimento Segurança da Objetivo Áreas Conceito O conceito de Business Intelligencenão é recente: Fenícios, persas, egípcios

Leia mais

Convergência TIC e Projetos TIC

Convergência TIC e Projetos TIC TLCne-051027-P1 Convergência TIC e Projetos TIC 1 Introdução Você responde essas perguntas com facilidade? Quais os Projetos TIC mais frequentes? Qual a importância de BI para a venda de soluções TIC (TI

Leia mais

Universidade Cruzeiro do Sul. Campus Virtual Unidade I: Unidade: Processos Mercadológicos

Universidade Cruzeiro do Sul. Campus Virtual Unidade I: Unidade: Processos Mercadológicos Universidade Cruzeiro do Sul Campus Virtual Unidade I: Unidade: Processos Mercadológicos 2010 0 O Processo pode ser entendido como a sequência de atividades que começa na percepção das necessidades explícitas

Leia mais

Thalita Moraes PPGI Novembro 2007

Thalita Moraes PPGI Novembro 2007 Thalita Moraes PPGI Novembro 2007 A capacidade dos portais corporativos em capturar, organizar e compartilhar informação e conhecimento explícito é interessante especialmente para empresas intensivas

Leia mais

Padrões Abertos, Componentização e SOA A chave para a evolução e criação de uma nova geração de sistemas de gestão comercial

Padrões Abertos, Componentização e SOA A chave para a evolução e criação de uma nova geração de sistemas de gestão comercial Padrões Abertos, Componentização e SOA A chave para a evolução e criação de uma nova geração de sistemas de gestão comercial Sindo V. Dias Antônio C. Mosca Rogério A. Rondini Agenda Cenário do Setor de

Leia mais

MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA.

MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA. MAIS AGILIDADE, CONTROLE E RENTABILIDADE NA SUA CONSTRUTORA E INCORPORADORA. SANKHYA. A nova geração de ERP Inteligente. Atuando no mercado brasileiro desde 1989 e alicerçada pelos seus valores e princípios,

Leia mais

Pacotes de Relatório do IBM Cognos 8 BI MidMarket Atenda a todos os seus requisitos de relatório dentro do orçamento

Pacotes de Relatório do IBM Cognos 8 BI MidMarket Atenda a todos os seus requisitos de relatório dentro do orçamento Data Sheet Pacotes de Relatório do IBM Cognos 8 BI MidMarket Atenda a todos os seus requisitos de relatório dentro do orçamento Visão Geral Organizações de tamanho médio precisam melhorar drasticamente

Leia mais

Sistema. Atividades. Sistema de informações. Tipos de sistemas de informação. Everson Santos Araujo everson@everson.com.br

Sistema. Atividades. Sistema de informações. Tipos de sistemas de informação. Everson Santos Araujo everson@everson.com.br Sistema Tipos de sistemas de informação Everson Santos Araujo everson@everson.com.br Um sistema pode ser definido como um complexo de elementos em interação (Ludwig Von Bertalanffy) sistema é um conjunto

Leia mais

Sistemas de Informação Gerenciais (SIG)

Sistemas de Informação Gerenciais (SIG) Faculdade de Engenharia - Campus de Guaratinguetá Sistemas de Informação Gerenciais (SIG) Prof. José Roberto Dale Luche Unesp Um SISTEMA DE INFORMAÇÃO é um conjunto de componentes inter-relacionados, desenvolvidos

Leia mais

Business Intelligence e ferramentas de suporte

Business Intelligence e ferramentas de suporte O modelo apresentado na figura procura enfatizar dois aspectos: o primeiro é sobre os aplicativos que cobrem os sistemas que são executados baseados no conhecimento do negócio; sendo assim, o SCM faz o

Leia mais

A importância da. nas Organizações de Saúde

A importância da. nas Organizações de Saúde A importância da Gestão por Informações nas Organizações de Saúde Jorge Antônio Pinheiro Machado Filho Consultor de Negócios www.bmpro.com.br jorge@bmpro.com.br 1. Situação nas Empresas 2. A Importância

Leia mais

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia P ORTFÓ FÓLIO Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia versão 1.1 ÍNDICE 1. A EMPRESA... 3 2. BI (BUSINESS INTELLIGENCE)... 5 3. DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS... 6 3.1. PRODUTOS

Leia mais

Integração de Dados Plataforma Hub Magento E-Commerce

Integração de Dados Plataforma Hub Magento E-Commerce Integração de Dados Plataforma Hub Magento E-Commerce Facilitando Negócios Conectando softwares com Magento Plataforma de E-Commerce Integração de Dados Plataforma Hub Magento E-Commerce Este documento

Leia mais

IBM Software IBM Business Process Manager Simples e Poderoso

IBM Software IBM Business Process Manager Simples e Poderoso IBM Software IBM Business Process Manager Simples e Poderoso Uma única plataforma BPM que oferece total visibilidade e gerenciamento de seus processos de negócios 2 IBM Business Process Manager Simples

Leia mais

Enterprise Content Management [ECM] Impulsionando o Poder da Informação

Enterprise Content Management [ECM] Impulsionando o Poder da Informação Enterprise Content Management [ECM] Impulsionando o Poder da Informação O SoftExpert ECM Suite provê as tecnologias utilizadas para criar, capturar, gerenciar, armazenar, preservar e distribuir todos os

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE IV: Fundamentos da Inteligência de Negócios: Gestão da Informação e de Banco de Dados Um banco de dados é um conjunto de arquivos relacionados

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE -Inteligência nos Negócios-

BUSINESS INTELLIGENCE -Inteligência nos Negócios- UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS, HUMANAS E SOCIAIS BUSINESS INTELLIGENCE -Inteligência nos Negócios- Curso: Administração Hab. Sistemas de Informações Disciplina: Gestão de Tecnologia

Leia mais

srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo

srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo CBSI Curso de Bacharelado em Sistemas de Informação BI Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo Tópicos Especiais em Sistemas de Informação Faculdade de Computação Instituto

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Tecnologia da Informação

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Tecnologia da Informação Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Tecnologia da Informação Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Gestão de Tecnologia da Informação tem por fornecer conhecimento

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE BI Aplicado à Gestão das Águas Subterrâneas. Frederico Cláudio Peixinho Flávio Luis de Mello 23 a 26 de Outubro de 2012

BUSINESS INTELLIGENCE BI Aplicado à Gestão das Águas Subterrâneas. Frederico Cláudio Peixinho Flávio Luis de Mello 23 a 26 de Outubro de 2012 XVII Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas Bonito - MT Serviço Geológico do Brasil CPRM BUSINESS INTELLIGENCE BI Aplicado à Gestão das Águas Subterrâneas Frederico Cláudio Peixinho Flávio Luis de

Leia mais

Unique business solutions. Easily implemented

Unique business solutions. Easily implemented Unique business solutions. Easily implemented Premier Business Partner ezly tecnologia ltda www.ezly.com.br rua gomes de carvalho 892 9º andar 04547 003 vila olímpia são paulo sp brasil t+ 55 11 3045 8282

Leia mais

BusinessRX para Consultores ou Diretores Financeiros

BusinessRX para Consultores ou Diretores Financeiros Business Report expert BusinessRX para Consultores ou Diretores Financeiros Descubra como obter sucesso com o BusinessRX e a modelação de mapas de gestão inteligentes e interativos, que podem ajudá-lo

Leia mais

Microsoft Nosso Comprometimento Mais de 9 bilhões em P&D/ano

Microsoft Nosso Comprometimento Mais de 9 bilhões em P&D/ano Microsoft Nosso Comprometimento Mais de 9 bilhões em P&D/ano Windows e Web Dynamics Comunicação e Produtividade Servidores Infraestrutura Empresarial Busca e Anúncios Mobilidade Entretenimento e TV PRODUTIVIDADE

Leia mais

Planejamento operacional e sistemas automatizados de gestão de recursos organizacionais. Prof. Gilberto Porto porto@gilbertoporto.com.

Planejamento operacional e sistemas automatizados de gestão de recursos organizacionais. Prof. Gilberto Porto porto@gilbertoporto.com. Planejamento operacional e sistemas automatizados de gestão de recursos organizacionais Prof. Gilberto Porto porto@gilbertoporto.com.br Sistemas de Informação SE SSD/ SAE Estratégico Tipos de decisão Não

Leia mais

Módulo 6. Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste material sem a permissão expressa do autor.

Módulo 6. Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste material sem a permissão expressa do autor. Módulo 6 Módulo 6 Desenvolvimento do projeto com foco no negócio BPM, Análise e desenvolvimento, Benefícios, Detalhamento da metodologia de modelagem do fluxo de trabalho EPMA. Todos os direitos de cópia

Leia mais

Semântica para Sharepoint. Busca semântica utilizando ontologias

Semântica para Sharepoint. Busca semântica utilizando ontologias Semântica para Sharepoint Busca semântica utilizando ontologias Índice 1 Introdução... 2 2 Arquitetura... 3 3 Componentes do Produto... 4 3.1 OntoBroker... 4 3.2 OntoStudio... 4 3.3 SemanticCore para SharePoint...

Leia mais

Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios

Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Sistemas de Informações Gerenciais Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Como Melhorar a Tomada de Decisão e a Gestão do Conhecimento Capítulo

Leia mais

ESTE DOCUMENTO APRESENTA UMA VISÃO GERAL SOBRE A SOLUÇÃO NFC-e DA NDD

ESTE DOCUMENTO APRESENTA UMA VISÃO GERAL SOBRE A SOLUÇÃO NFC-e DA NDD NFC-e ESTE DOCUMENTO APRESENTA UMA VISÃO GERAL SOBRE A SOLUÇÃO NFC-e DA NDD NECESSIDADE PERCEBIDA As empresas possuem a necessidade de adequação quanto ao projeto de nível nacional, o qual tem o objetivo

Leia mais

Universidade de Brasília. Departamento de Ciência da Informação e Documentação. Prof a.:lillian Alvares

Universidade de Brasília. Departamento de Ciência da Informação e Documentação. Prof a.:lillian Alvares Universidade de Brasília Departamento de Ciência da Informação e Documentação Prof a.:lillian Alvares Fóruns óu s/ Listas de discussão Espaços para discutir, homogeneizar e compartilhar informações, idéias

Leia mais

PRIMAVERA P6 ANALYTICS DA ORACLE

PRIMAVERA P6 ANALYTICS DA ORACLE PRIMAVERA P6 ANALYTICS DA ORACLE O Primavera P6 Analytics da Oracle é um pacote de solução de inteligência de negócios que fornece percepções valiosas sobre seus projetos e portfólios no Primavera P6 Enterprise

Leia mais

BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO

BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO João Felipe D Assenção Faria Arquiteto JEE Especialista SOA/BPM JOÃO FELIPE D ASSENÇÃO FARIA Arquiteto JEE (12 anos) Especialista SOA/BPM (aprox. 4 anos)

Leia mais

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4.

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4. SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4.1 Armazenamento... 5 4.2 Modelagem... 6 4.3 Metadado... 6 4.4

Leia mais

RESUMO DA SOLUÇÃO CA ERwin Modeling. Como eu posso gerenciar a complexidade dos dados e aumentar a agilidade dos negócios?

RESUMO DA SOLUÇÃO CA ERwin Modeling. Como eu posso gerenciar a complexidade dos dados e aumentar a agilidade dos negócios? RESUMO DA SOLUÇÃO CA ERwin Modeling Como eu posso gerenciar a complexidade dos dados e aumentar a agilidade dos negócios? O CA ERwin Modeling fornece uma visão centralizada das principais definições de

Leia mais

Capítulo 13: Tecnologia da Informação. Prof.: Roberto Franciscatto

Capítulo 13: Tecnologia da Informação. Prof.: Roberto Franciscatto Capítulo 13: Tecnologia da Informação Prof.: Roberto Franciscatto Introdução Uma informação é um arranjo de dados (nomes, palavras, números, sons, imagens) capazes de dar forma ou sentido a algo do interesse

Leia mais

INFRAESTRUTURA PARA INOVAÇÃO BPM e SOA

INFRAESTRUTURA PARA INOVAÇÃO BPM e SOA INFRAESTRUTURA PARA INOVAÇÃO BPM e SOA Palestrante: Eduardo José Ribeiro de Castro, MSc. eduardo@quaddract.com.br 25/08/2009 1 Objetivo Geral APL Brasília Capital Digital Desenvolver entre as empresas

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Business Intelligence (BI)

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Business Intelligence (BI) Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Business Intelligence (BI) Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Business Intelligence Inteligência Competitiva tem por fornecer conhecimento

Leia mais

Principais inovações baseadas em nuvem Relatório de início rápido do SAP HANA Enterprise Cloud para [Nome do cliente]

Principais inovações baseadas em nuvem Relatório de início rápido do SAP HANA Enterprise Cloud para [Nome do cliente] Principais inovações baseadas em nuvem Relatório de início rápido do SAP HANA Enterprise Cloud para [Nome do cliente] [Data] Página 1 de 10 DECLARAÇÃO DE CONFIDENCIALIDADE E EXCEÇÕES DA SAP Este documento

Leia mais

PLANO DE ENSINO PRÉ-REQUISITOS: ENS

PLANO DE ENSINO PRÉ-REQUISITOS: ENS UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI PLANO DE ENSINO DEPARTAMENTO: DSI Departamento de Sistema de Informação DISCIPLINA: Data Warehouse

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Engenharia de Software Orientada a Serviços (SOA)

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Engenharia de Software Orientada a Serviços (SOA) Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Engenharia de Software Orientada a Serviços (SOA) Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Engenharia de Software Orientada a Serviços

Leia mais

EXECUTIVE. A Web 2.0. pode salvar o BI?

EXECUTIVE. A Web 2.0. pode salvar o BI? EXECUTIVE briefing guia executivo para decisões estratégicas A Web 2.0 pode salvar o BI? A usabilidade e a intuitividade das tecnologias Web 2.0 revolucionam o complexo mercado de Business Intelligence.

Leia mais

Quem estiver interessado favor mandar currículo para sabrina.rodrigues@neogrid.com. As vagas são as seguintes: *Analista de BI (2 vagas)*

Quem estiver interessado favor mandar currículo para sabrina.rodrigues@neogrid.com. As vagas são as seguintes: *Analista de BI (2 vagas)* Quem estiver interessado favor mandar currículo para sabrina.rodrigues@neogrid.com. As vagas são as seguintes: *Analista de BI (2 vagas)* Buscamos candidatos com interesse e experiência na área de desenvolvimento,

Leia mais

Criação e uso da Inteligência e Governança do BI

Criação e uso da Inteligência e Governança do BI Criação e uso da Inteligência e Governança do BI Criação e uso da Inteligência e Governança do BI Governança do BI O processo geral de criação de inteligência começa pela identificação e priorização de

Leia mais

PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012

PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012 PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012 Curso: TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL Habilitação: TECNÓLOGO Disciplina: NEGÓCIOS INTELIGENTES (BUSINESS INTELLIGENCE) Período: M V N 4º semestre do Curso

Leia mais

Business Intelligence e Inteligência Analítica BUSINESS INTELLIGENCE

Business Intelligence e Inteligência Analítica BUSINESS INTELLIGENCE Business Intelligence e Inteligência Analítica BUSINESS INTELLIGENCE Sumário Conceitos/Autores chave... 3 1. Introdução... 4 2. Teoria de Negócios... 5 3. Profi ssionais de BI... 6 4. Verdades e Mitos

Leia mais

Desenvolvimento de um Sistema de Apoio à Decisão. Thiago Rafael Zimmermann. Prof. Dr. Oscar Dalfovo

Desenvolvimento de um Sistema de Apoio à Decisão. Thiago Rafael Zimmermann. Prof. Dr. Oscar Dalfovo Desenvolvimento de um Sistema de Apoio à Decisão Acadêmico Thiago Rafael Zimmermann Orientador Prof. Dr. Oscar Dalfovo Roteiro da apresentação Introdução Objetivos Fundamentação Teórica Informação Sistemas

Leia mais

Simplificando a TECNOLOGIA

Simplificando a TECNOLOGIA 3 Simplificando a TECNOLOGIA SEGURANÇA DESENVOLVIMENTO BANCO DE DADOS S O L U Ç Õ ES E M T E C N O L O G I A MISSÃO VISÃO Contribuir com o sucesso dos Clientes através da Ser a melhor provedora de Soluções

Leia mais

As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012

As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012 As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012 Universo TOTVS Fundada em 1983 6ª maior empresa de software (ERP) do mundo Líder em Software no Brasil e

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO CA IT Asset Manager como gerenciar o ciclo de vida de ativos, maximizar o valor dos investimentos em TI e obter uma exibição do portfólio de todos os meus ativos? agility made possible

Leia mais

CONTABILIDADE E SEUS CONTROLES

CONTABILIDADE E SEUS CONTROLES CONTABILIDADE E SEUS CONTROLES ( Contabilidade Gerencial ) Contabilidade Tradicional [ é dominada pela ditadura das TI s ( ERP s, Legados e Parceiros, BPM, BI ) ; não registra os negócios da empresa e

Leia mais

DATA WAREHOUSE. Introdução

DATA WAREHOUSE. Introdução DATA WAREHOUSE Introdução O grande crescimento do ambiente de negócios, médias e grandes empresas armazenam também um alto volume de informações, onde que juntamente com a tecnologia da informação, a correta

Leia mais

Apresentação, xix Prefácio à 8a edição, xxi Prefácio à 1a edição, xxiii. Parte I - Empresa e Sistemas, 1

Apresentação, xix Prefácio à 8a edição, xxi Prefácio à 1a edição, xxiii. Parte I - Empresa e Sistemas, 1 Apresentação, xix Prefácio à 8a edição, xxi Prefácio à 1a edição, xxiii Parte I - Empresa e Sistemas, 1 1 SISTEMA EMPRESA, 3 1.1 Teoria geral de sistemas, 3 1.1.1 Introdução e pressupostos, 3 1.1.2 Premissas

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO EMPRESARIAL E A ADMINISTRAÇÃO DE PATRIMÔNIO ALUNO: SALOMÃO DOS SANTOS NUNES MATRÍCULA: 19930057

SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO EMPRESARIAL E A ADMINISTRAÇÃO DE PATRIMÔNIO ALUNO: SALOMÃO DOS SANTOS NUNES MATRÍCULA: 19930057 INTRODUÇÃO SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO EMPRESARIAL E A ADMINISTRAÇÃO DE PATRIMÔNIO ALUNO: SALOMÃO DOS SANTOS NUNES MATRÍCULA: 19930057 Há algum tempo, podemos observar diversas mudanças nas organizações,

Leia mais

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO*

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* RESUMO Marilia Costa Machado - UEMG - Unidade Carangola Graciano Leal dos Santos

Leia mais

Bem-vindo à apresentação do SAP Business One.

Bem-vindo à apresentação do SAP Business One. Bem-vindo à apresentação do SAP Business One. Neste tópico, responderemos à pergunta: O que é o Business One? Definiremos o SAP Business One e discutiremos as opções e as plataformas disponíveis para executar

Leia mais

Conceitos. - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação. - Dados x Informações. Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com.

Conceitos. - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação. - Dados x Informações. Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com. Conceitos - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação - Dados x Informações Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com.br Definição de Sistema Uma coleção de objetos unidos por alguma forma

Leia mais

Business Intelligence Um enfoque gerencial para a Inteligência do Negócio.Efrain Turban e outros.tradução. Bookman, 2009.

Business Intelligence Um enfoque gerencial para a Inteligência do Negócio.Efrain Turban e outros.tradução. Bookman, 2009. REFERÊNCIAS o o Business Intelligence Um enfoque gerencial para a Inteligência do Negócio.Efrain Turban e outros.tradução. Bookman, 2009. Competição Analítica - Vencendo Através da Nova Ciência Davenport,

Leia mais

SMARTPLANT ENTERPRISE FOR OWNER OPERATORS

SMARTPLANT ENTERPRISE FOR OWNER OPERATORS SMARTPLANT ENTERPRISE FOR OWNER OPERATORS ALAVANCANDO A BASE DE PROJETOS DE ENGENHARIA DURANTE TODO O CICLO DE VIDA DA PLANTA BUSINESS CASE OWNER OPERATORS se deparam, atualmente, com uma incrível demanda

Leia mais

ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação

ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação UNIFEI Universidade Federal de Itajubá Prof. Dr. Alexandre Ferreira de Pinho 1 Componentes de uma empresa Organizando uma empresa: funções empresariais básicas Funções

Leia mais

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Aviso de Isenção de Responsabilidade e Direitos Autorais As informações contidas neste documento representam a visão atual da Microsoft

Leia mais

Escritório sem Papel Paperless Office

Escritório sem Papel Paperless Office EDOC SALVADOR 2012: DO AMBIENTE FÍSICO AO DIGITAL Escritório sem Papel Paperless Office Porque Como Quando Qual tecnologia usar! GED + ECM + BPM + KM + BI + BD (Big Data) + MS (Mídia Social) ROI Retorno

Leia mais

Microsoft System Center Operations Manager 2007

Microsoft System Center Operations Manager 2007 Microsoft System Center Operations Manager 2007 Visão Geral Microsoft Corporation Publicado: 18 de dezembro de 2006 Atualizado: 5 de abril de 2007 Sumário Executivo O System Center Operations Manager 2007

Leia mais

Tópicos Avançados Business Intelligence. Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira. Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence.

Tópicos Avançados Business Intelligence. Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira. Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence. Tópicos Avançados Business Intelligence Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence Roteiro Introdução Níveis organizacionais na empresa Visão Geral das

Leia mais

Uma estrutura (framework) para o Business Intelligence (BI)

Uma estrutura (framework) para o Business Intelligence (BI) Uma estrutura conceitural para suporteà decisão que combina arquitetura, bancos de dados (ou data warehouse), ferramentas analíticas e aplicações Principais objetivos: Permitir o acesso interativo aos

Leia mais

MAIS RENTABILIDADE, SEGURANÇA E AGILIDADE NA GESTÃO DE SEUS CONTRATOS, PROJETOS E SERVIÇOS.

MAIS RENTABILIDADE, SEGURANÇA E AGILIDADE NA GESTÃO DE SEUS CONTRATOS, PROJETOS E SERVIÇOS. MAIS RENTABILIDADE, SEGURANÇA E AGILIDADE NA GESTÃO DE SEUS CONTRATOS, PROJETOS E SERVIÇOS. SANKHYA. A nova geração de ERP Inteligente. Atuando no mercado brasileiro desde 1989 e alicerçada pelos seus

Leia mais

Portfólio de Serviços

Portfólio de Serviços Portfólio de Serviços A empresa A FollowUp é uma empresa que presta serviços em Tecnologia da Informação (TI). O principal foco é o outsourcing de serviços de análise e desenvolvimento de sistemas computacionais.

Leia mais

Fornecendo Inteligência, para todo o mundo, a mais de 20 anos.

Fornecendo Inteligência, para todo o mundo, a mais de 20 anos. Fornecendo Inteligência, para todo o mundo, a mais de 20 anos. Fundada em 1989, a MicroStrategy é fornecedora líder Mundial de plataformas de software empresarial. A missão é fornecer as plataformas mais

Leia mais

1. P06 Recursos Tecnológicos. Plataformas de ECM e BPMS P06.005

1. P06 Recursos Tecnológicos. Plataformas de ECM e BPMS P06.005 1. IDENTIFICAÇÃO Padrão Segmento Código P06.005 Revisão v. 2015 2. PUBLICAÇÃO Plataformas de ECM e BPMS Recursos Tecnológicos Versão Data para adoção Publicação v. 2015 02 de outubro de 2015 PORTARIA N

Leia mais

Definições. BPM - Business Process Management. BPMN Business Process Modeling Notation. BPMS Business Process Management System

Definições. BPM - Business Process Management. BPMN Business Process Modeling Notation. BPMS Business Process Management System Definições BPM - Business Process Management BPMN Business Process Modeling Notation BPMS Business Process Management System Erros da Gestão de Processos / BPM 1. Fazer a Gestão sem Automação Desenho,

Leia mais

Arquitetura de Disseminação de Informações baseada em Datawarehouse 05/04/2006

Arquitetura de Disseminação de Informações baseada em Datawarehouse 05/04/2006 Arquitetura de Disseminação de Informações baseada em Datawarehouse 05/04/2006 Agenda A Informal Perspectiva Histórica Modelos de Arquitetura Benefícios para Gestão Caso de Referência Agenda A Informal

Leia mais

Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Gerencial

Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Gerencial Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Gerencial Sistemas de Apoio à decisão (DSS) Os sistemas de apoio à decisão (Decision Support System, ou DSS) são uma das principais categorias de sistemas de

Leia mais

Sistema de Gestão dos Documentos da Engenharia [EDMS] O caminho para a Colaboração da Engenharia e Melhoria de Processos

Sistema de Gestão dos Documentos da Engenharia [EDMS] O caminho para a Colaboração da Engenharia e Melhoria de Processos Sistema de Gestão dos Documentos da Engenharia [EDMS] O caminho para a Colaboração da Engenharia e Melhoria de Processos O gerenciamento de informações é crucial para o sucesso de qualquer organização.

Leia mais

A Nova Interface do Data Discovery no MicroStrategy 10. Anderson Santos, Sales Engineer Brazil 11/08/2015

A Nova Interface do Data Discovery no MicroStrategy 10. Anderson Santos, Sales Engineer Brazil 11/08/2015 A Nova Interface do Data Discovery no MicroStrategy 10 Anderson Santos, Sales Engineer Brazil 11/08/2015 Empresas participantes do MicroStrategy 10 Beta Test Pela primeira vez na história, MicroStrategy

Leia mais

Tecnologia da Informação

Tecnologia da Informação Tecnologia da Informação Os sistemas ERP são divididos em módulos, tanto comercial quanto didaticamente, dentre os quais os mais clássicos são: financeiro, materiais, vendas, controladoria, qualidade,

Leia mais

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Franco Vieira Sampaio 1 Atualmente a informática está cada vez mais inserida no dia a dia das empresas, porém, no início armazenavam-se os dados em folhas,

Leia mais

Disciplina: Automação de Processos de Negócio

Disciplina: Automação de Processos de Negócio Disciplina: Automação de Processos de Negócio PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE PROCESSOS DE NEGÓCIO Professor: Eros Viggiano Ementa da disciplina Viabilização da otimização de processo através da

Leia mais

Liderança em idéias, métodos e resultados em BPM no Brasil. Automação de Processos. Jones Madruga

Liderança em idéias, métodos e resultados em BPM no Brasil. Automação de Processos. Jones Madruga Liderança em idéias, métodos e resultados em BPM no Brasil Automação de Processos Jones Madruga Promover melhorias e inovações que efetivamente criam valor não é simples... Apresentação Ø Organização PRIVADA

Leia mais