PARECER TÉCNICO Diretoria de Tecnologia e Infra-Estrutura - DT Superintendência de Tecnologia STT

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PARECER TÉCNICO Diretoria de Tecnologia e Infra-Estrutura - DT Superintendência de Tecnologia STT"

Transcrição

1 I. Objetivo Este documento esclarece dúvidas, define uma classificação dos itens indicados como equipamentos de informática ou equipamentos de tecnologia da informação previstos no Decreto , Artigo 39, publicados no Diário Oficial do Município de Belo Horizonte (DOM) no dia 28/06/2001 e faz um parecer técnico com orientações para o processo de compra de suprimentos e peças para equipamentos de Informática. Ao final, é apresentado um glossário que se faz necessário para equalizar conceitos e definições referentes aos equipamentos de tecnologia da informação. II. Introdução Uma especificação técnica, conforme previsto no Decreto citado, descreve uma série de características que um produto ou equipamento deve possuir visando atender as necessidades de uma terminada atividade ou situação aplicáveis aos usos de Tecnologia da Informação na PBH. Esta especificação técnica deve atender aos princípios básicos da boa gestão administrativa no setor público. As Especificações Técnicas geradas pela Prodabel procuram conciliar vários aspectos, como: Manter o parque de equipamentos de informática da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) atualizado; Suprir as necessidades dos usuários de TI da PBH de acordo com as suas atividades; Estimular e ampliar a concorrência entre os fornecedores-licitantes de equipamentos; Propiciar a redução de custos e; Atender as exigências legais e jurídicas pertinentes à compras para Instituição pública. Este Parecer Técnico, a partir de uma demanda específica, esclarece e orienta para que processos de compra de suprimentos e peças para equipamentos de informática possam ser realizados sem que sejam feitas Especificações Técnicas pela Prodabel, dando agilidade aos processos licitatórios e outros. III. Análise Atualmente, a STT Superintendência de Tecnologia é o setor da Prodabel responsável pela elaboração das especificações técnicas dos equipamentos de Informática para PBH. Página 1 de 5

2 A STT tem recebido questionamentos sobre quais os equipamentos necessitam de especificação técnica para sua aquisição, após uma analise dos mesmos, percebemos que está havendo uma confusão entre equipamento de Informática, acessório, peças e suprimentos. Para unificar os conceitos apresentamos as definições e exemplos dos itens citados. Equipamentos de informática e Periférico Consideramos como equipamento de informática todo e qualquer aparelho, dispositivo ou elemento físico que compõe meio necessário ou suficiente à realização de tratamento de informação por meio de máquinas eletrônicas. Definiremos Periféricos como qualquer aparelho ou dispositivo eletrônico que envia e recebe informações da CPU (microprocessador), sendo o mesmo dividido basicamente, em 4 tipos, periférico de armazenamento, entrada, saída e misto (entrada, saída e armazenamento). Segue abaixo exemplos de equipamentos e periféricos: microcomputador, notebook, sub-notebook, handheld(palm), smartfone; Impressoras: Jato de tinta, laser, matricial, multifuncional, plotter; scanner, máquinas fotográficas digital, monitores de vídeo (CRT ou LCD); Componentes como: HD (hard disk), memórias, processadores, placa mãe (motherboard), placa de vídeo, adaptadores de rede (ethernet 10/100/1000 e wireless), gabinete, unidade CD/DVD ROM ou R/W, mouse, teclado. Acessório Consideraremos acessórios todos os itens que acompanham o equipamento de informática principal, geralmente são entregues junto com equipamento na compra: Segue abaixo exemplos de acessórios: Cabos de conexão de interface: USB, serial, Paralela, IEEE 1394 (FireWire), VGA, DVI-A, DVI-D, DVI-I, S-vídeo, RCA; cabos de alimentação; mouse pad; capas de proteção para equipamentos; bolsas para transporte; controle remoto; caixas de som; manuais; mídias com drivers e informações técnicas do equipamento. Peças para equipamentos de informática Peça para equipamentos de informática é todo componente que faz parte integrante e necessária ao funcionamento do equipamento como um todo unitário para o usuário final. Normalmente o próprio fabricante, possui para cada modelo de equipamento uma relação de itens indicados como peças para manutenção e reposição. Segue abaixo exemplo de suprimentos: cabeça de impressão para impressoras; cooler para microprocessadores; fonte de alimentação; Página 2 de 5

3 Suprimento Suprimento é todo material de consumo do equipamento que necessite de reposição de acordo com o uso. Normalmente o próprio fabricante, possui para cada modelo de equipamento uma relação de itens indicados como suprimento. Segue abaixo exemplo de suprimentos: cartuchos de tinta para impressoras e plotters; toner impressoras Laser; kit fotocondutor (fotoreceptor) para impressoras Laser; fitas para impressoras matricial; todo tipo de papel de impressão (folha comum, transparência, papel fotográfico, rolo de papel para plotter); cabeçote de impressão para plotter; mídias como: disquete, CD/DVD R ou CD/DVD RW lâmpada para projetor multimídia; Agora que esclarecemos as dúvidas sobre os objetos das especificações técnicas, precisamos conhecer os artigos do Decreto que se referem às mesmas: Art Compete à Secretaria Municipal da Coordenação de Administração e Recursos Humanos, no âmbito do Poder Executivo, formular e promover a política geral e o controle de fornecedores, de materiais e de almoxarifados e estoques, bem como o gerenciamento dos respectivos sistemas informatizados e ainda licitar e contratar a aquisição de: IV - suprimentos de informática, respeitadas as especificações estabelecidas pela Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte S/A - PRODABEL. Art. 39 Na aquisição de equipamentos de informática que se destinem à conecção à Rede Municipal de Informática - RMI deverão ser observadas as especificações técnicas de compatibilidade formuladas pela Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte S/A PRODABEL. Com relação ao artigo 37, inciso IV, que trata de suprimento, a STT/Prodabel não está elaborando especificações técnicas para estes produtos, pois a maioria destes são específicos para um determinado fabricante e modelo de equipamento. Entretanto, alguns requisitos mínimos devem ser exigidos nos processos de compra. Para suprimentos ou peças para equipamentos de informática para uso específico, devem ser exigidos, no mínimo os seguintes requisitos: Produtos sejam novos, não remanufaturados; Produtos deverão ser de uso específico para aquela marca e modelo em que a peça e/ou suprimento será utilizado. Produtos originais, e sempre que possível, devem ser fornecidos pelo fabricante do equipamento e de acordo com o modelo e suas características técnicas. Suprimentos para uso em equipamentos de informática de uso genérico, ou seja, que podem ser utilizados em qualquer tipo de equipamento, independentemente de marca, modelo ou fabricante, deverão ser observados os padrões de referência, de fato ou de júri, adotados pelo mercado, tais como: Página 3 de 5

4 PARECER TÉCNICO Dimensões de largura e comprimento, Capacidade mínima, Formas de utilização do produto; Para os itens definidos como acessórios também não existe necessidade de que sejam feitas especificações técnicas pela Prodabel para sua aquisição, pois com exceção dos cabos de conexão de interface e alimentação, a maioria destes produtos são simples, não influencia no funcionamento do equipamento principal e possui um índice de defeito/substituição baixo. O artigo 39, refere-se aos equipamentos de informática, para todos os itens definidos como equipamentos de informática e periféricos já descritos e exemplificados anteriormente, a STT/Prodabel está elaborando as especificações técnicas As especificações técnicas já elaboradas pela STT/Prodabel já estão disponíveis para uso e consulta pública no endereço (URL) Elas estão no formato PDFe assinadas digitalmente com validade Jurídica. IV - Conclusão Com as informações e recomendações técnicas aqui apresentadas, os usuários da PBH que necessitarem realizar compras de peças e suprimentos para equipamentos de informática poderão fazê-las sem a necessidade de interferência da Prodabel. Esclarecimentos e dúvidas técnicas para aquisição de equipamentos de informática para a Prefeitura de Belo Horizonte poderão ser feitas pelo site, por ou através de um Consultor da Prodabel. Colocamo-nos à disposição para outros esclarecimentos referentes a especificação técnica através do endereço de Belo Horizonte, 6 de Agosto de Evandro Luiz de Oliveira Superintendente de Tecnologia STT-DT-Prodabel Marconi Oliveira Campos Gerente de Tecnologia GTTT-STT-DT-Prodabel Página 4 de 5

5 Glossário de Sigla e Termo ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA - Descrição das características de produtos, processos e métodos de produção, de serviços e métodos operacionais conexos e de normas administrativas a eles aplicáveis. PBH - Prefeitura Municipal de Belo Horizonte. PRODABEL - Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte S.A STT - Superintendência de Tecnologia. Informática - As ciências e tecnologias aplicadas a computação e processamento de dados Interface - Dispositivo que permite a comunicação, entrada e saída de dados entre equipamentos diferentes. Referências Bibliográficas 1 - Decreto publicado em 28/06/ Disponível em: <http://bhz5.pbh.gov.br/dom2001.nsf/domgeral/8f0671bf28737cdf03256a c?opend ocument>. Acesso em: 17 jul Ministério da Ciência e Tecnologia - Disponível em: <http://www.venturecapital.gov.br/vcn/e_cr.asp>. Acesso em: 17 jul Universidade Federal da Bahia Disponivel em: <http://www.moodle.ufba.br/mod/glossary/index.php?id=8791> Acesso em: 21 jul Página 5 de 5

Informática. Aulas: 01 e 02/12. Prof. Márcio Hollweg. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.

Informática. Aulas: 01 e 02/12. Prof. Márcio Hollweg. www.conquistadeconcurso.com.br. Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM. Informática Aulas: 01 e 02/12 Prof. Márcio Hollweg UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO

Leia mais

Instruções para o preenchimento da planilha de desfazimento Sumário

Instruções para o preenchimento da planilha de desfazimento Sumário Instruções para o preenchimento da planilha de desfazimento Sumário 1 - Introdução...3 2 Como preencher a planilha de desfazimento...3 3 Aba Informações do órgão...4 4 Aba CPU...5 4.1 Item (CPU)...5 4.2

Leia mais

É solicitada fonte de 400Watts e volume máximo de 13.000cm3.

É solicitada fonte de 400Watts e volume máximo de 13.000cm3. Florianópolis, 14 de outubro de 2015. Para que todos tenham o mesmo entendimento, abaixo questionamentos formulados por empresa interessada no certame, bem como os esclarecimentos por parte do Senac/SC.

Leia mais

Lista de Exercícios Introdução à Informática

Lista de Exercícios Introdução à Informática Lista de Exercícios Introdução à Informática Histórico e Evolução da Computação 1. Cite alguns problemas que o uso de válvulas provocava nos computadores de 1ª geração. 2. O que diferencia os computadores

Leia mais

Introdução à Ciência da Computação

Introdução à Ciência da Computação Introdução à Ciência da Computação Prof. Edberto Ferneda Hardware: Computador e Periféricos 1 John L. von Neumann (1903-1957) Armazenamento secundário Dispositivos de armazenamento de dados e programas

Leia mais

Curso básico em técnicas de Manutenção para activistas comunitários

Curso básico em técnicas de Manutenção para activistas comunitários Curso básico em técnicas de Manutenção para activistas comunitários Perguntas relacionadas com a Aula 2 do Módulo I Aula 2 1. Qual das alíneas encontram-se mencionados todos os tipos de computador por

Leia mais

Montagem e Manutenção (Hardware) Aula 01

Montagem e Manutenção (Hardware) Aula 01 Aula 01 1 Explique porque é importante saber Montagem e Manutenção de Computadores hoje? 2 Defina Hardware. 3 Explique Transistor. 4 Faça uma breve explicação da Evolução dos Hardwares usados nos computadores.

Leia mais

RETIFICAÇÃO À CARTA CONVITE Nº 01/2010

RETIFICAÇÃO À CARTA CONVITE Nº 01/2010 RETIFICAÇÃO À CARTA CONVITE Nº 01/2010 A Comissão Permanente de Licitação, no uso de suas atribuições legais, resolve RETIFICAR os ANEXOS I e II da Carta Convite nº 01/2010, passando a integrar o referido

Leia mais

MICROCOMPUTADOR TIPO I

MICROCOMPUTADOR TIPO I MICROCOMPUTADOR TIPO I Processador...: Processador com memória cache mínima de 1 MB; Tipo...: 1)Intel Pentium IV Prescott com freqüência de 3.0 Ghz ou Superior Memória...: Memória RAM instalada de 512

Leia mais

Sendo só para o momento, aproveito a oportunidade para renovar-lhe protestos de estima e consideração.

Sendo só para o momento, aproveito a oportunidade para renovar-lhe protestos de estima e consideração. Ofício Circular n.º 15/98 - AI São Paulo, 16 de junho de 1998. Prezado(a) Senhor (a) Devido às constantes evoluções na tecnologia de recursos de informática, o parque de equipamentos de informática da

Leia mais

MODULO II - HARDWARE

MODULO II - HARDWARE MODULO II - HARDWARE AULA 01 O Bit e o Byte Definições: Bit é a menor unidade de informação que circula dentro do sistema computacional. Byte é a representação de oito bits. Aplicações: Byte 1 0 1 0 0

Leia mais

b) Estabilizador de tensão, fonte no-break, Sistema Operacional, memória principal e memória

b) Estabilizador de tensão, fonte no-break, Sistema Operacional, memória principal e memória CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA SISUTEC DISCIPLINA: INTRODUÇÃO A COMPUTAÇÃO PROF.: RAFAEL PINHEIRO DE SOUSA ALUNO: Exercício 1. Assinale a opção que não corresponde a uma atividade realizada em uma Unidade

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA TERESA

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA TERESA Pregão Presencial Nº 000091/2015 Abertura 15/6/2015 09:00 Processo 004522/2015 00001 - LOTE 01 IMPRESSORA LASER POLICROMATICA TIPO 1 (UM) - PORTARIA 255/2013 (IMPRESSORA LASER POLICROMÁTICA VELOCIDADE

Leia mais

Hardware 2. O Gabinete. Unidades Derivadas do BYTE. 1 KB = Kilobyte = 1024B = 2 10 B. 1 MB = Megabyte = 1024KB = 2 20 B

Hardware 2. O Gabinete. Unidades Derivadas do BYTE. 1 KB = Kilobyte = 1024B = 2 10 B. 1 MB = Megabyte = 1024KB = 2 20 B 1 2 MODULO II - HARDWARE AULA 01 OBiteoByte Byte 3 Definições: Bit é a menor unidade de informação que circula dentro do sistema computacional. Byte é a representação de oito bits. 4 Aplicações: Byte 1

Leia mais

CONCEITOS BÁSICOS DE HARDWARE. Disciplina: INFORMÁTICA 1º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA

CONCEITOS BÁSICOS DE HARDWARE. Disciplina: INFORMÁTICA 1º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA CONCEITOS BÁSICOS DE HARDWARE Disciplina: INFORMÁTICA 1º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA COMPUTADOR QUANTO AO TIPO COMPUTADOR SISTEMAS DE COMPUTAÇÃO o Analógico o Digital o Híbrido o Hardware (parte física)

Leia mais

15/08/2013 DIREITO DA. Professor: Luis Guilherme Magalhães (62) 9607-2031 INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA

15/08/2013 DIREITO DA. Professor: Luis Guilherme Magalhães (62) 9607-2031 INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA DIREITO DA INFORMÁTICA Professor: Luis Guilherme Magalhães (62) 9607-2031 INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA 1 CONCEITOS BÁSICOS Informática infor + mática. É o tratamento da informação de forma automática Dado

Leia mais

POLÍTICA DE ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I.

POLÍTICA DE ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I. POLÍTICA DE ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I. SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 2. ÂMBITO DE APLICAÇÃO 3. ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I. 3.1.1. Diretrizes 3.1.2. Responsabilidades 4. SERVIÇOS 4.1.1. Reparos efetuados

Leia mais

Introdução a Informática. Prof.: Roberto Franciscatto

Introdução a Informática. Prof.: Roberto Franciscatto Introdução a Informática Prof.: Roberto Franciscatto 4.1 HARDWARE COMPONENTES BÁSICOS Qualquer PC é composto pelos mesmos componentes básicos: Processador, memória, HD, placa-mãe, placa de vídeo e monitor

Leia mais

Dispositivos de Entrada e Saída E/S E/S E/S E/S E/S

Dispositivos de Entrada e Saída E/S E/S E/S E/S E/S Dispositivos de Entrada e Saída Também chamados de: Periféricos Unidades de Entrada e Saída Destinam-se à captação de informações necessárias ao processamento pelo computador e na disponibilização da informação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de equipamentos para atendimento das demandas de usuários de todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO

Leia mais

Vivo Soluciona TI. Manual de Autoinstalação

Vivo Soluciona TI. Manual de Autoinstalação Vivo Soluciona TI Manual de Autoinstalação Veja a seguir como aproveitar ao máximo seu Vivo Soluciona TI. Parabéns por adquirir o Vivo Soluciona TI. A partir de agora, sua empresa conta com uma solução

Leia mais

Microinformática. Perguntas:

Microinformática. Perguntas: Microinformática UNICERP Disciplina: Informática Prof. Denis Henrique Caixeta Perguntas: Como foi a evolução da computação? Qual a função do computador? O que é Hardware? O que é Software? BIT, Byte, etc

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA LOCAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS REPROGRÁFICOS.

TERMO DE REFERÊNCIA PARA A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA LOCAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS REPROGRÁFICOS. TERMO DE REFERÊNCIA PARA A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA LOCAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS REPROGRÁFICOS. JUSTIFICATIVA Justifica-se a presente contratação, tendo em vista a necessidade desta

Leia mais

Prof. Lázaro Nogueira trabalhoseatividades@yahoo.com.br www.lazzoz.xpg.com.br

Prof. Lázaro Nogueira trabalhoseatividades@yahoo.com.br www.lazzoz.xpg.com.br Prof. Lázaro Nogueira trabalhoseatividades@yahoo.com.br ti id d h b www.lazzoz.xpg.com.br Introdução a Informática Informática: é a ciência que estudo o tratamento automático e racional da informação.

Leia mais

Para existência de um sistema de informação, fazem-se necessários três componentes, são eles:

Para existência de um sistema de informação, fazem-se necessários três componentes, são eles: RESUMO Um sistema de informação é composto de três componentes, Hardware, Software e Peopleware. Para quantificar a memória do equipamento é utilizado um sistema de medida, ou seja, o byte, que significa

Leia mais

Ministério Público do Estado de São Paulo. Procuradoria-Geral de Justiça

Ministério Público do Estado de São Paulo. Procuradoria-Geral de Justiça Ministério Público do Estado de São Paulo Procuradoria-Geral de Justiça GAIMP Grupo de Acompanhamento da Informatização do Ministério Público Doutor Alberto Carlos Dib Júnior Promotor de Justiça Coordenador

Leia mais

Informática Computador Visão Geral. Prof. Marcos André Pisching, M.Sc.

Informática Computador Visão Geral. Prof. Marcos André Pisching, M.Sc. Informática Computador Visão Geral Prof. Marcos André Pisching, M.Sc. Objetivos Identificar os componentes básicos de um sistema de computador: entrada, processamento, saída e armazenamento. Relacionar

Leia mais

Microinformática Introdução ao hardware. Jeronimo Costa Penha SENAI - CFP/JIP

Microinformática Introdução ao hardware. Jeronimo Costa Penha SENAI - CFP/JIP Microinformática Introdução ao hardware Jeronimo Costa Penha SENAI - CFP/JIP Informática Informática é o termo usado para se descrever o conjunto das ciências da informação, estando incluídas neste grupo:

Leia mais

Tecnologia da Informação

Tecnologia da Informação Tecnologia da Informação Componentes Sistema Informação Hardware - Computadores - Periféricos Software - Sistemas Operacionais - Aplicativos - Suítes Peopleware - Analistas - Programadores - Digitadores

Leia mais

Conceitos Básicos de Informática. Antônio Maurício Medeiros Alves

Conceitos Básicos de Informática. Antônio Maurício Medeiros Alves Conceitos Básicos de Informática Antônio Maurício Medeiros Alves Objetivo do Material Esse material tem como objetivo apresentar alguns conceitos básicos de informática, para que os alunos possam se familiarizar

Leia mais

Prof. Daniel Gondim danielgondimm@gmail.com. Informática

Prof. Daniel Gondim danielgondimm@gmail.com. Informática Prof. Daniel Gondim danielgondimm@gmail.com Informática Componentes de um SC Barramento Também conhecido como BUS É um conjunto de linhas de comunicação que permitem a interligação entre dispositivos,

Leia mais

O relacionamento direto com o cliente, respeito mútuo, responsabilidade, flexibilidade e adaptabilidade são os principais valores da Infolux.

O relacionamento direto com o cliente, respeito mútuo, responsabilidade, flexibilidade e adaptabilidade são os principais valores da Infolux. A NOSSA HISTÓRIA A Infolux Informática possui seu foco de atuação voltado para o mercado corporativo, auxiliando micro, pequenas e médias empresas na tarefa de extrair o máximo de benefícios com investimentos

Leia mais

Curso de Tecnologia 1º semestre Introdução à Informática Professor: Gale. Thiago R. França: 06030860 Denis Brolesi: : 06030711

Curso de Tecnologia 1º semestre Introdução à Informática Professor: Gale. Thiago R. França: 06030860 Denis Brolesi: : 06030711 Curso de Tecnologia 1º semestre Introdução à Informática Professor: Gale Thiago R. França: 06030860 Denis Brolesi: : 06030711 Introdução: Há 4 tipos básicos de impressoras utilizados normalmente em escritórios,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA ANEXO I - PLANILHA DE QUANTIDADES E S 1 un 150,00 2 un 25,00 Microcomputador com a seguinte configuração mínima: Placa mãe Asus P5K-seProcessador socket 775 C2D E67502 pentes de memória DDR2 800 Mhz de

Leia mais

Estrutura geral de um computador

Estrutura geral de um computador Estrutura geral de um computador Prof. Helio H. L. C. Monte-Alto Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu

Leia mais

Prof. Esp. Lucas Cruz

Prof. Esp. Lucas Cruz Prof. Esp. Lucas Cruz O hardware é qualquer tipo de equipamento eletrônico utilizado para processar dados e informações e tem como função principal receber dados de entrada, processar dados de um usuário

Leia mais

Informática para Banca IADES. Hardware e Software

Informática para Banca IADES. Hardware e Software Informática para Banca IADES Conceitos Básicos e Modos de Utilização de Tecnologias, Ferramentas, Aplicativos e Procedimentos Associados ao Uso de Informática no Ambiente de Escritório. 1 Computador É

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 16, DE 04 DE ABRIL DE 2013

INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 16, DE 04 DE ABRIL DE 2013 INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 16, DE 04 DE ABRIL DE 2013 * Publicado no DOE em 10/04/2013 Altera a Instrução Normativa n.º 04, de 31 de janeiro de 2013, que lista os produtos de informática de que tratam a alínea

Leia mais

Respostas aos Questionamentos

Respostas aos Questionamentos Parte 01 Respostas aos Questionamentos Está sendo solicitado que os bens, objeto do PREGÃO ELETRÔNICO, deverão ser entregues sem qualquer ônus para o CONTRATANTE, estando incluídas no valor do pagamento

Leia mais

Dispositivos de entrada, saída, entrada e saída

Dispositivos de entrada, saída, entrada e saída Dispositivos de entrada, saída, entrada e saída Classificação dos dispositivos (ou periféricos) ricos) Entrada Teclado Rato, touchpad, pointing device, track ball Scanner Câmaras digitais (fotográficas

Leia mais

Curso básico em técnicas de manutenção para activistas comunitários

Curso básico em técnicas de manutenção para activistas comunitários Curso básico em técnicas de manutenção para activistas comunitários Modulo I INTRODUÇÃO AO EQUIPAMENTO INFORMÁTICO Respostas as perguntas do modulo I Aula 1 1. Qual dos seguintes itens faz parte do kit

Leia mais

ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO

ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO DEPENDÊNCIA: TRIBUNAL DE JUSTICA DO ESTADO DE GOIAS - TRIBUNAL DE JUSTICA - (GO) LICITAÇÃO: (Ano: 2007/ TRIBUNAL DE JUSTICA DO ESTADO DE GOIAS / Nº Processo: 2290332/2007)

Leia mais

- SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ENXOVAL HOSPITALAR - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMAS

- SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ENXOVAL HOSPITALAR - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMAS - SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ENXOVAL HOSPITALAR - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMAS I - Aspectos gerais: 1. Sistema eletrônico para gestão e rastreamento do enxoval hospitalar, composto por etiquetas dotadas

Leia mais

Republicada em 04.02.2014 por incorreções no original, publicada no D.O. de 31.01.2014 RESOLUÇÃO SEPLAG Nº 1071 DE 30 DE JANEIRO DE 2014

Republicada em 04.02.2014 por incorreções no original, publicada no D.O. de 31.01.2014 RESOLUÇÃO SEPLAG Nº 1071 DE 30 DE JANEIRO DE 2014 Republicada em 04.02.2014 por incorreções no original, publicada no D.O. de 31.01.2014 RESOLUÇÃO SEPLAG Nº 1071 DE 30 DE JANEIRO DE 2014 ALTERA O ANEXO DO DECRETO Nº 41.126, DE 09 DE JANEIRO DE 2008. O

Leia mais

INSTALAÇÃO e MANUTENÇÃO de MICRO COMPUTADORES

INSTALAÇÃO e MANUTENÇÃO de MICRO COMPUTADORES INSTALAÇÃO e MANUTENÇÃO de MICRO COMPUTADORES 2010/2011 1 Equipamentos informáticos Hardware e Software Hardware refere-se aos dispositivos físicos (electrónicos, mecânicos e electromecânicos) que constituem

Leia mais

ATA DA CONSULTA PÚBLICA N

ATA DA CONSULTA PÚBLICA N ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 002/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EVENTUAL CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE IMPRESSÃO DEPARTAMENTAL (QUESTIONAMENTOS e RESPOSTAS) ((TEXTO))Aos

Leia mais

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA

Empresa GÊNIO INFORMÁTICA 0 Empresa Com mais de 15 anos de experiência no mercado, GÊNIO INFORMÁTICA é líder em seu segmento e se destaca na prestação de serviços em redes de computadores e instalação de CFTV (Câmeras de segurança).

Leia mais

O Banco do Brasil não exige que o toner seja original, cabe ao fornecedor oferecer a melhor proposta desde que atenda ao item 2.24.2 e 2.26.

O Banco do Brasil não exige que o toner seja original, cabe ao fornecedor oferecer a melhor proposta desde que atenda ao item 2.24.2 e 2.26. 1 Dúvida: Diretoria de Apoio aos Negócios e Operações Referente aos itens: item 1.3.3.3., item 2.24, item 2.24.2. Entendemos que todos os PROPONENTES deveriam ofertar apenas toners originais do fabricante

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino-Americana Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00010/2013 Às 10:25 horas do dia 22 de maio de 2013, após analisado o resultado do

Leia mais

Informática. Técnico em Agronegócio 1º. Módulo Profa. Madalena Pereira da Silva madalena.silva@ifsc.edu.br

Informática. Técnico em Agronegócio 1º. Módulo Profa. Madalena Pereira da Silva madalena.silva@ifsc.edu.br Informática Técnico em Agronegócio 1º. Módulo Profa. Madalena Pereira da Silva madalena.silva@ifsc.edu.br Roteiro de Aula Introdução Computador Hardware, Software básico, Software Aplicativo Hardwares

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MTEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS

DEPARTAMENTO DE MTEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS DEPARTAMENTO DE MTEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS Planificação da Disciplina de Informática Vocacional 3º ciclo Componente de Formação Vocacional Anos Letivos de 2014/2015 e 2015/2016 Manual adotado:

Leia mais

ESTADO DO PARÁ MAPA DEMONSTRATIVO P. P. Nº 074/2015 (SUPRIMEN. E EQUIP. DE INFORMATICA)

ESTADO DO PARÁ MAPA DEMONSTRATIVO P. P. Nº 074/2015 (SUPRIMEN. E EQUIP. DE INFORMATICA) ESTADO DO PARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DO ARAGUAIA MAPA DEMONSTRATIVO P. P. Nº 074/2015 (SUPRIMEN. E EQUIP. DE INFORMATICA) ITEM QNT. UND. DISCRIMINAÇÃO DOS PRODUTO/SERVIÇOS EMPRESA UNIT. VALOR

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO A Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo, por intermédio da Pregoeira Substituta designada pelo Ato da Mesa Diretora nº 923, publicado no Diário do Poder Legislativo de

Leia mais

Sexta-feira, 15 de Abril de 2016 Edição N 153 Caderno I. ESTADO DA BAHIA Câmara Municipal de Catu

Sexta-feira, 15 de Abril de 2016 Edição N 153 Caderno I. ESTADO DA BAHIA Câmara Municipal de Catu Onde lê-se: LOTE III Aviso aos interessados em participar do Pregão Presencial Nº 08/2016 do termo de referencia do referido edital 3. Estabilizador 3.1. Configuração única 5 unidades Leia-se: LOTE III

Leia mais

INFORMÁTICA BÁSICA. Prof. Rafael Zimmermann

INFORMÁTICA BÁSICA. Prof. Rafael Zimmermann INFORMÁTICA BÁSICA Prof. Rafael Zimmermann 1. INFORMÁTICA É a ciência que estuda o processamento de informações. Nasceu da necessidade do homem processar informações cada vez mais complexas e com maior

Leia mais

Fl.1/5 A P O S T I L A - COMPEL Nº. 05/2015. PREGÃO PRESENCIAL Nº. 50/2014 Registro de Preços - Relançamento

Fl.1/5 A P O S T I L A - COMPEL Nº. 05/2015. PREGÃO PRESENCIAL Nº. 50/2014 Registro de Preços - Relançamento Fl.1/5 A P O S T I L A - COMPEL Nº. 5/215 PREGÃO PRESENCIAL Nº. 5/214 Registro Preços - Relançamento A Prefeitura Mata São João, pessoa jurídica direito público interno, inscrita no CNPJ/MF sob o no 13.85.528/1-8,

Leia mais

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I Folha: 000 00 0800 MICROCOMPUTADOR com processador de dois núcleos com clock mínimo de 3,00 real GHz, 64 Bits, Largura de banda para acesso à memória de no mínimo Gbps, memória cache de no minimo 4MB,

Leia mais

ILHA I GERENCIAMENTO DE CONTEÚDO CMS DISCIPLINA: Introdução à Computação MÓDULO II Memórias e Processamento

ILHA I GERENCIAMENTO DE CONTEÚDO CMS DISCIPLINA: Introdução à Computação MÓDULO II Memórias e Processamento MÓDULO II Memórias e Processamento Esse módulo irá relatar sobre as memórias seus tipos e a ligação com os tipos variados de processamento. Leia atentamente todo o conteúdo e participe dos fóruns de discursão,

Leia mais

MOTAGEM E MANUTENÇÃO Hardware. Professor: Renato B. dos Santos

MOTAGEM E MANUTENÇÃO Hardware. Professor: Renato B. dos Santos MOTAGEM E MANUTENÇÃO Hardware Professor: Renato B. dos Santos 1 O computador é composto, basicamente, por duas partes:» Hardware» Parte física do computador» Elementos concretos» Ex.: memória, teclado,

Leia mais

Por razões, é requerido um módulo de E/S, que deve desempenhar duas funções principais:

Por razões, é requerido um módulo de E/S, que deve desempenhar duas funções principais: Entrada e Saída Além do processador e da memória, um terceiro elemento fundamental de um sistema de computação é o conjunto de módulos de E/S. Cada módulo se conecta com o barramento do sistema ou com

Leia mais

Sistemas de Computação. Dentro da Unidade do Sistema

Sistemas de Computação. Dentro da Unidade do Sistema Sistemas de Computação Dentro da Unidade do Sistema Conexão de rede subwoofer impressora microfone Unidade de disco flexível Monitor de vídeo Unidade de DVD modem Alto-falante Unidade de sistema ou gabinete

Leia mais

Componentes de um computador típico

Componentes de um computador típico Componentes de um computador típico Assim como em um videocassete, no qual é necessário ter o aparelho de vídeo e uma fita contendo o filme que será reproduzido, o computador possui a parte física, chamada

Leia mais

AULA 2. Informática Básica. Gustavo Leitão. gustavo.leitao@ifrn.edu.br. Disciplina: Professor: Email:

AULA 2. Informática Básica. Gustavo Leitão. gustavo.leitao@ifrn.edu.br. Disciplina: Professor: Email: AULA 2 Disciplina: Informática Básica Professor: Gustavo Leitão Email: gustavo.leitao@ifrn.edu.br Índice Continuação aula anterior... Memória Barramento Unidades de armazenamento Periféricos Interfaces

Leia mais

INFORMÁTICA - BICT (noturno)

INFORMÁTICA - BICT (noturno) INFORMÁTICA - BICT (noturno) Organização de Computadores Professor: Dr. Rogério Vargas 2014/2 http://rogerio.in Introdução O que é mesmo um Computador? O computador é uma máquina eletrônica que permite

Leia mais

ILUSTRÍSSIMA SENHORA PREGOEIRA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS

ILUSTRÍSSIMA SENHORA PREGOEIRA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS ILUSTRÍSSIMA SENHORA PREGOEIRA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS REF. Pregão Eletrônico Sistema de Registro de Preços 002/2012, sediada a Rua Vicentina Coutinho Camargos,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA TERESA

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA TERESA Pregão Presencial Nº 000131/2014 Abertura 24/10/2014 09:00 Processo 012339/2014 Lote 00001 - LOTE 01 - IMPRESSORA Descrição Ítem Código Especificação Unidade Quantidade Marca Unitário Valor Total 00001

Leia mais

SUPLEMENTO Nº 02 ANEXO DO EDITAL INSTRUÇÕES TÉCNICAS. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE FORNECIMENTO (Configuração Mínima Obrigatória)

SUPLEMENTO Nº 02 ANEXO DO EDITAL INSTRUÇÕES TÉCNICAS. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE FORNECIMENTO (Configuração Mínima Obrigatória) SUPLEMENTO Nº 02 1. Com referência a Tomada de Preços TP.DAQ.G.0078.2004, temos a informar que estamos alterando as especificações de cada objeto desta licitação, descritas no anexo do edital, que passam

Leia mais

EMENTA DA DISCIPLINA Hardware e dispositivos de E/S Sistema Operacional Editor de Texto

EMENTA DA DISCIPLINA Hardware e dispositivos de E/S Sistema Operacional Editor de Texto www.francosampaio.com Informática Curso de Administração de Empresas Prof. Franco Sampaio URCAMP Universidade da Região da Campanha EMENTA DA DISCIPLINA Hardware e dispositivos de E/S Sistema Operacional

Leia mais

sobre Hardware Conceitos básicos b Hardware = é o equipamento.

sobre Hardware Conceitos básicos b Hardware = é o equipamento. Conceitos básicos b sobre Hardware O primeiro componente de um sistema de computação é o HARDWARE(Ferragem), que corresponde à parte material, aos componentes físicos do sistema; é o computador propriamente

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 052/2010 ESCLARECIMENTO 4

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 052/2010 ESCLARECIMENTO 4 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento 4 Referência: Pregão Eletrônico n. 052/2010 Data: 19/11/2010 Objeto: Contratação de serviços técnicos especializados de atendimento remoto e presencial a usuários de tecnologia

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 14/2015

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 14/2015 Página 1 de 5 Tipo de Julgamento: Menor Preço por Sub. Qtde. Unid. Descrição Marca/Modelo Valor Valor Total 1 2,00 UN MICROCOMPUTADOR completo novo, com as seguintes características mínimas: gabinete ATX,

Leia mais

1a LISTA DE EXERCÍCIOS

1a LISTA DE EXERCÍCIOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CAMPUS SÃO JOSÉ COORDENADORIA DE ÁREA DE TELECOMUNICAÇÕES

Leia mais

Aplicativos Informatizados da Administração. Hardware A evolução e o impacto dos computadores nas áreas de negócios.

Aplicativos Informatizados da Administração. Hardware A evolução e o impacto dos computadores nas áreas de negócios. Aplicativos Informatizados da Administração Hardware A evolução e o impacto dos computadores nas áreas de negócios. Habilidades, Competências e Bases Tecnológicas Bases tecnológicas: Fundamentos de equipamentos

Leia mais

ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO MÓDULO INFORMÁTICA Manual do Associado

ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO MÓDULO INFORMÁTICA Manual do Associado ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO MÓDULO INFORMÁTICA Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA BRASIL ASSISTÊNCIA S.A., CNPJ: 68.181.221/0001-47 ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO Ao necessitar de algum

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SUMÁRIO CONTEÚDO PG. 1. OBJIVO 02 2. ÂMBITO 02 3. CONCEITOS 02 4. NORMAS E LEGISLAÇÃO APLICÁVEIS 02 5. INSTRUÇÕES GERAIS 02 5.1. Processador 02 5.2. Memória 03 5.3. Periféricos Inclusos 03 5.4. Unidades

Leia mais

Sistemas Operacionais. Roteiro. Hardware. Marcos Laureano

Sistemas Operacionais. Roteiro. Hardware. Marcos Laureano Sistemas Operacionais Marcos Laureano 1/25 Roteiro Estrutura de um sistema operacional Interrupções Proteção do núcleo Níveis de privilégio Chamadas de sistema 2/25 Mono-processadores atuais seguem um

Leia mais

Placa Principal (Motherboard)

Placa Principal (Motherboard) Placa Principal (Motherboard) Placa mãe placa de circuito impresso. Slots de expansão conectores onde se ligam as placas de expansão. Barramento ou bus fios condutores dispostos em paralelo. Constituição

Leia mais

Introdução à Informática. Alexandre Meslin

Introdução à Informática. Alexandre Meslin Introdução à Informática Alexandre Meslin (meslin@nce.ufrj.br) Módulo 4 Objetivos Aula 1 Componentes principais em um computador pessoal Fluxo de informações em um computador idealizado Componentes do

Leia mais

COMPUTADORES PC. Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br 24/11/2009 CRONOGRAMA INFORMÁTICA - BANRISUL EDITAL

COMPUTADORES PC. Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br 24/11/2009 CRONOGRAMA INFORMÁTICA - BANRISUL EDITAL CRONOGRAMA INFORMÁTICA - BANRISUL Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br AULAS 1 E 2 CONCEITOS BÁSICOS/HARDWARE AULA 3 SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS AULA 4 EXCEL AULA 5 WORD AULA 6 CALC E WRITER AULAS

Leia mais

PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE

PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE Versão 1.0 Data: 09/12/2013 Desenvolvido por: - TI Unimed Rio Verde 1 ÍNDICE 1. Objetivo... 4 2. Requsitos de Infraestrutura

Leia mais

ERRATA DE EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL 005/2015

ERRATA DE EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL 005/2015 ERRATA DE EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL 005/2015 No Anexo I Termo de Referência Item 03 (Três) Da Especificação. Os respectivos itens estão sublinhados. ONDE SE LÊ: 1) DA ESPECIFICAÇÃO 1 Processador

Leia mais

CIINF SISTEMA DE INFRA-ESTRUTURA DE INFORMÁTICA

CIINF SISTEMA DE INFRA-ESTRUTURA DE INFORMÁTICA CIINF SISTEMA DE INFRA-ESTRUTURA DE INFORMÁTICA Agenor Costa Filho 1 agenor.costa@pop.com.b r Jéssica Lehmann de Morais 1 jessicalehmann@pop.com. br Renata Sant Anna Krauss 1 renatakrauss@superonda.com.br

Leia mais

ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA USS SOLUÇÕES GERENCIADAS S.A. CNPJ: 01.979.

ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA USS SOLUÇÕES GERENCIADAS S.A. CNPJ: 01.979. ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA USS SOLUÇÕES GERENCIADAS S.A. CNPJ: 01.979.936/0001-79 ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Ao necessitar de algum

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 248/2012

PREGÃO ELETRÔNICO N 248/2012 CIRCULAR N 02/2012 PREGÃO ELETRÔNICO N 248/2012 OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS de microcomputadores, notebooks, projetores multimídia e servidores básicos, de acordo com as condições e especificações constantes

Leia mais

ESCLARECIMENTO 1 17/02/2012

ESCLARECIMENTO 1 17/02/2012 REFERENTE AO EDITAL Nº PE1160003 Objeto: contratar empresa para prestação de serviços de impressão, cópias e digitalização em preto e branco e em cores com disponibilização de equipamentos com tecnologia

Leia mais

Configuração de Microcomputadores 2 Documento de Padronização

Configuração de Microcomputadores 2 Documento de Padronização Configuração de Microcomputadores 2 Documento de Padronização COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 07/2011 Sumário 3 1 Configuração padrão Marca e modelo do equipamento deverão constar da HCL - Lista

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Proposta de Preços Item 22

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Proposta de Preços Item 22 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Proposta de Preços Item 22 PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 52/2013 14 de Agosto de 2013 Dell Brasil Ltda Av. Industrial Belgraf, 400 Eldorado do Sul- RS Brasil

Leia mais

Apresentação. Conceitos Iniciais. Apresentação & Introdução. www.profricardobeck.com.br. contato@profricardobeck.com.br.

Apresentação. Conceitos Iniciais. Apresentação & Introdução. www.profricardobeck.com.br. contato@profricardobeck.com.br. Apresentação Apresentação & Introdução Condicionamento www.profricardobeck.com.br contato@profricardobeck.com.br Material Didático Site / E-mail Testes? Edital Mensurando Dados Sistemas de numeração Conceitos

Leia mais

Apresentação. Conceitos Iniciais. www.profricardobeck.com.br. contato@profricardobeck.com.br. Apresentação & Introdução.

Apresentação. Conceitos Iniciais. www.profricardobeck.com.br. contato@profricardobeck.com.br. Apresentação & Introdução. Apresentação www.profricardobeck.com.br contato@profricardobeck.com.br Apresentação & Introdução Condicionamento Material Didático Site / E-mail Testes? Edital Conceitos Iniciais 1 Mensurando Dados Sistemas

Leia mais

Introdução a Informática

Introdução a Informática Inclusão Projeto Digital do Jovem Agricultor Introdução a Informática Projeto 1/18 Inclusão Projeto Digital do Jovem Agricultor Conteúdo Programático Introdução; História do computador; Hardware, Software

Leia mais

ONDE LEIA SE: LOTE 01

ONDE LEIA SE: LOTE 01 Divinolândia, 21 de Setembro de 2011 Prezados senhores interessados, Esta comissão de Julgamento de Licitação do Conderg Hospital Regional de Divinolândia, esclarece através deste, alteração feita no Edital

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Item Unidade Qtd Objeto da proposta Valor máximo aceitável SCANNER TIPO PLANETÁRIO MARCA ZEUTCHEL MODELO OS 12002 C

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Item Unidade Qtd Objeto da proposta Valor máximo aceitável SCANNER TIPO PLANETÁRIO MARCA ZEUTCHEL MODELO OS 12002 C ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento de scanner para a Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul FABICO/UFRGS, situada na Rua Ramiro Barcelos n. 2705,

Leia mais

Vivo Soluciona TI Manual de Autoinstalação

Vivo Soluciona TI Manual de Autoinstalação Vivo Soluciona TI Manual de Autoinstalação TELVPG-5228 Adpt WK Kit Vivo Soluciona TI_15 REV.indd 1 23/2/15 16:42 Veja a seguir como aproveitar ao máximo seu Vivo Soluciona TI. Parabéns por adquirir o Vivo

Leia mais

Curso de Manutenção de Notebook

Curso de Manutenção de Notebook Curso de Manutenção de Notebook Instrutor: João Ivan A de Macedo Apoio: ARQUITETURA DO NOTEBOOK NOTEBOOK 1. Tampa Superior É através dela que a tela (LCD) é sustentada e protegida. 2. Fecho da tampa Sua

Leia mais

Como è feito computador

Como è feito computador Como è feito computador O computador contém uma parte elétrica e uma parte eletrónica. Parte elétrica é usada para transformar e dinstribuir a eletricidade que vem para os vários componentes. Parte eletrónica

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Referência: Pregão nº 72/2007 Processo 1.00.000.006404/2007-36 Fase: Impugnação de Edital A Empresa TN INDÚSTRIAL SOLUÇÕES E SERVIÇOS LTDA. interpõe

Leia mais

Licitação. Relação de Itens da Licitação

Licitação. Relação de Itens da Licitação PREFEITURA MICIPAL DE 0000 001 8,00 ESTABILIZADOR 500 VA 6 TOMADAS 220/110 ESTABILIZADOR DE 500VA padrão NBR 14136 BIVOLT 06 TOMADAS com as seguintes características mínimas: Microprocessado (tecnologia

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROJETO BÁSICO

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROJETO BÁSICO TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROJETO BÁSICO 1. OBJETIVO Substituir impressoras defasadas tecnologicamente ou sem condições de manutenção e ampliação da capacidade

Leia mais