Ata de Reunião Análise Crítica do Sistema de Gestão da Qualidade da FDSM

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ata de Reunião Análise Crítica do Sistema de Gestão da Qualidade da FDSM"

Transcrição

1 FACULDADE DE DIREITO DO SUL DE MINAS Av. Dr. João Beraldo, 1075 Centro Pouso Alegre MG Fone: (35) Fax: (35) Rev.: 00 / / Form.: Aprov.: Pág 1 de 1 Ata de Reunião Crítica do Sistema de Gestão da Qualidade da FDSM Reunião nº Tipo: Hora: Local: 01 de 2011 Extraordinária 14h Diretoria Descrição da reunião Em 20 de janeiro de 2011, quinta-feira, às 14 horas, na sala da Diretoria, realizou-se reunião da Alta Administração da FDSM, sob a condução do representante da direção, Prof. Carlos A. Conti Pereira, conforme procedimento estabelecido no Manual da Qualidade (2.9 Crítica pela Direção, p. 10), com o objetivo de analisar os indicadores da qualidade. PROCES SO GESTOR ÁREA INDICADOR DAD OS DE 2010 META PARA 2011 DADOS DE 2011 ÍNDICE ALCANÇA DO Diurno 2,28 5% 2,23-2% COMERCI AL CRISTIANE Ascom (1) Noturno 2,39 5% 2,65 11% (2) 35 10% Em andamento (1) - Indicador: relação entre o número de candidatos inscritos no vestibular de graduação e o total de vagas oferecidas, por turno. Método de cálculo: soma do total de inscritos confirmados no concurso vestibular dividido pelo total de vagas oferecidas em graduação. Meta: aumento de 5% em relação ao ano anterior. Nota-se que a divisão do indicador pelos turnos oferecidos pelo curso de graduação não é a mais adequada uma vez que a campanha de divulgação do processo seletivo é única e não é viável a realização de forma diferente. Portanto, o indicador deve ser considerado de uma forma diferente, ou seja, relação entre o número de candidatos inscritos no vestibular de graduação e o total de vagas oferecidas OBS: Considerando a revisão do critério, a meta foi não só atingida, mas superada de forma expressiva. 1

2 (2) - Indicador: relação entre o número de contratos de prestação de serviços educacionais de pós graduação do ano corrente e o ano anterior. Método de cálculo: soma do total de contratos de prestação de serviços educacionais de pós graduação do ano corrente dividido pelo total do ano anterior. Meta: aumento de 10% em relação ao ano anterior. Prejudicada, pois o período de matrícula ainda está vigente. Processo Suprir PROCESSO GESTOR ÁREA INDICADOR SUPRIR ANDRÉIA DADO S DE 2009 META PARA 2010 (3) 54,29% 60% Biblioteca (4) 91,29% 70% Secretaria (5) 85,66% 70% (6) NA 10% (7) NA 5% TI (8) 84,63% 70% Tesouraria RH (9) 60% (10) 73% (11) 24% (12) 28,57% 3) - Indicador: porcentagem do número de obras da bibliografia básica mínima exigida pelo MEC Método de cálculo: Utilizando-se do AN 001 IT 008 PQ 05, tomar no mínimo três obras da bibliografia básica de cada matéria de cada ano do curso de graduação. O número de obras ideal é de 1 exemplar para cada 8 alunos. A diferença entre o real e o ideal, em porcentagem, considerando-se a média aritmética de todas as matérias de todos os anos, é o indicador. Meta: aumento de 5% em relação ao ano anterior. Meta atingida, manter para 2011 com acréscimo de 5%, ou seja, 65%. Iniciar a partir de 2011 controle do mesmo indicador nos mesmos moldes para o curso semestral. (Ver tabelas anexadas). (4) Indicador: pesquisa de satisfação do usuário curso de graduação e de pós-graduação. Graduação :de acordo com a tabela enviada pelo setor de TI, 674 alunos responderam a pesquisa 1 Biblioteca - Precisão das Informações ,28 2 Biblioteca - Rapidez no atendimento ,91 3 Biblioteca - espaço físico - mobiliário ,98 4 Biblioteca - espaço físico - conforto térmico ,14 5 Biblioteca - espaço físico - nível de ruído ,39 6 Biblioteca - qualidade do acervo - conservação ,78 7 Biblioteca - Quantidade do Acervo ,05 8 Biblioteca - Atitude dos profissionais ,34 2

3 Os itens conforto térmico, nível de ruído e quantidade do acervo não atingiriam a meta estabelecida, permanecendo abaixo de 70% do total de respostas para muito satisfatório e satisfatório. Os demais atingiram e devem ser mantidos nestes patamares. De acordo com registro da Ouvidoria serão instalados ventiladores no setor, o que vai refletir na melhoria do item 4 da tabela acima, portanto, verificar resultado na pesquisa institucional de Nível de ruído: em relação aos fatores internos promover campanha de conscientização. Quanto aos fatores externos, quando possível, realizar contato no sentido de solicitar colaboração. Item 7: ver análise do indicador 3 e promover conscientização. Pós-graduação Prejudicada neste momento em função do curso ainda estar sendo ministrado. Previsão de encerramento: julho de Obs. Alterar metodologia de realização da pesquisa, uma vez que não se utiliza o portal da FDSM e sim o contato direto com o aluno em sala de aula. (5) Indicador: pesquisa de satisfação do usuário curso de graduação e de pós-graduação. Graduação De acordo com a tabela enviada pelo setor de TI, 674 alunos responderam a pesquisa 9 Secretaria - Horário de funcionamento ,79 10 Secretaria -Atendimento no prazo acordado ,60 11 Secretaria -Rapidez no atendimento ,20 12 Secretaria -Atitude dos profissionais ,12 13 Secretaria -Presteza das informações ,64 14 Secretaria -Espaço físico condições ambientais ,35 Todos os itens atingiriam a meta estabelecida e devem ser mantidos nestes patamares. Obs. Como há item específico, indicador 16, tratando da satisfação da secretaria da pós-graduação retirar do texto deste indicador a expressão pós-graduação (6) Indicador: porcentagem de acerto do orçamento anual Método de cálculo: porcentagem obtida entre o valor do orçamento executado no exercício dividido pelo valor previsto para o mesmo exercício e multiplicado 100. Meta: diferença de no máximo 10% acima ou abaixo do previsto Face a implantação do novo software de gestão adquirido da Totvs e o processo de adaptação de todo o setor financeiro a esta nova ferramenta, aliada a criação dos centros de custo específico de cada setor, o acompanhamento do indicador foi prejudicado. Manter para (7) Indicador: porcentagem de inadimplência Método de cálculo: número de alunos inadimplentes em relação ao total de alunos da graduação Meta: redução de 5% em relação ao ano anterior. Considerando que o período de matrícula se estende durante o mês de fevereiro a avaliação só pode ser realizada após o encerramento das matrículas. Fica como sugestão o estudo para alteração da data limite para realização de matrículas. Realizar análise no mês de março. Manter indicador para

4 (8) Indicador: pesquisa de satisfação do usuário curso de graduação ou de pós-graduação. Graduação: 674 alunos responderam a pesquisa Laboratório de Informática - Horário de funcionamento do 15 laboratório ,53 16 Laboratório de Informática - Número de equipamentos disponíveis ,16 17 Laboratório de Informática - Manutenção dos equipamentos ,00 18 Laboratório de Informática - Site fora do ar ,91 19 Laboratório de Informática - Material disponível no site ,66 20 Laboratório de Informática - Espaço físico Mobiliário ,01 21 Laboratório de Informática - Espaço físico - Conforto térmico ,98 22 Laboratório de Informática - Espaço físico - Nível de ruído ,26 Com exceção do item 18 da tabela acima, todos os demais atingiram a meta estabelecida e devem ser mantidos nestes patamares. Para atender o item 18 já foram adquiridos e instalados equipamentos para evitar os picos de energia que geraram o problema. Não manter indicador para (9) Indicador: porcentagem de professores no Núcleo Docente Estruturante NDE com titulação de pósgraduação stricto sensu (doutorado). Método de cálculo: número total de professores doutores titulados em relação ao total de professores no NDE multiplicado por cem. Dados de 2009: 60% - 15 integrantes Dados de 2010: 60% 15 integrantes A meta não atingida. Considerando a disponibilidade do atual quadro docente e as necessidades do setor específico a providência para melhoria do indicador é investir na qualificação de professores que já integrem o NDE. Não manter o indicador para (10) Indicador: porcentagem de docentes do curso de graduação com titulação de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado). Método de cálculo: número total de docentes titulados em relação ao total de docentes. Dados de 2009: 73% Dados de 2010: 73% A meta não foi atingida em função das alterações promovidas no quadro docente ao longo do ano de 2010, que significaram na redução do quadro total de professores e em maior envolvimento dos que permaneceram. Já em andamento o apoio inclusive financeiro por parte da instituição para qualificação de mais dez dos atuais professores (entre doutorado e mestrado). Manter o indicador para (11) Indicador: porcentagem de docentes do curso de graduação com titulação de pós-graduação stricto sensu (doutorado). Método de cálculo: número total de docentes titulados em relação ao total de docentes. Dados de 2009: 24% Dados de 2010: 24% 4

5 A meta não foi atingida em função das alterações promovidas no quadro docente ao longo do ano de 2010, que significaram na redução do quadro total de professores e em maior envolvimento dos que permaneceram. Já em andamento o apoio inclusive financeiro por parte da instituição para qualificação de mais cinco dos atuais professores. Manter o indicador para (12) Indicador: porcentagem de docentes do curso de graduação com dedicação integral (contratação em tempo integral). Método de cálculo: número total de docentes com dedicação integral em relação ao número total de docentes da IES. Dados 2009: 28,57% Dados 2010: 32,61% Meta atingida. Não manter o indicador para Processo Graduação PROCESSO GESTOR ÁREA INDICADOR ENSINO GRADUAÇÃO DADOS DE 2009 NATÁLIA Coordenadoria de curso (13) NA META PARA 2010 (14) 5% (15) NA 70% (13) Indicador: porcentagem de docentes do curso de graduação que produziu material didático/científico no corrente ano. Método de cálculo: número total de docentes que produziu material didático/científico ao longo do ano, considerando no mínimo três materiais por docente, em relação ao número total de docentes da IES. De acordo com as informações disponibilizadas pela Coordenação do Curso (através do levantamento nas pastas dos professores e da consulta no Currículo Lattes) a meta foi atingida pois houve aumento do material produzido. Manter a meta para 2011, promovendo posterior discussão com o NDE para melhor avaliação de um índice a ser adotado. (14) Indicador: frequência média dos alunos da graduação, considerando-se os cinco anos de curso. Método de cálculo: cálculo da média de frequência de todos os alunos de cada turma, de cada ano de curso. Meta: aumento de 5% em relação ao ano anterior % FREQUENCIA 2009 % FREQUENCIA 2010 SÉRIE 1 ºA 80,16% 83,32% 3,16% 1 º B 79,18% 84,51% 5,33% 1 º D 80,91% 88,99% 8,08% 2º A 82,23% 85,43% 3,20% 2º B 83,41% 83,75% 0,34% 2º D 86,77% 85,40% -1,37% 3º A 82,57% 87,56% 4,99% 3º B 82,78% 88,29% 5,51% 3º D 83,70% 85,76% 2,06% 4º A 82,36% 82,71% 0,35% 5

6 4º B 81,21% 83,01% 1,80% 4º D 84,18% 82,54% -1,64% 5º A 81,93% 83,56% 1,63% 5º B 82,30% 82,26% -0,04% 5º D 86,04% 85,57% -0,47% A meta não foi atingida, entretanto a análise dos dados demonstra que o ponto de partida para o indicador já estava acima do mínimo exigido pelo MEC (75%), o que demonstra que não há espaço para melhorias significativas. Não manter o indicador para (15) Indicador: pesquisa de satisfação do usuário curso de graduação, divididos por série e por turno. Graduação: 674 alunos responderam a pesquisa 23 Salas de aulas Mobiliário ,73 24 Salas de aulas - Conforto térmico ,80 25 Salas de aulas Nível de ruído ,10 26 Pesquisa grupos de estudos ,46 27 Pesquisa iniciação científica ,38 28 Extensão atividades acadêmicas ,22 29 Extensão cursos ,73 30 Estágio ,48 Meta não atingida nos itens e 25 que estão ligados à condições de instalação da organização. Em relação ao item 23 a instituição tomou providências após apontamento do MEC sobre inadequação das carteiras nas salas de aula, realizando a troca de 100% delas. Além disso não há registro no setor de Ouvidoria de reclamação do cliente neste sentido. Os itens 24 e 25 demandam disponibilidade de recursos financeiros consideráveis e também alterações na infra-estrutura dos prédios e as duas questões são inviáveis. Não manter os indicadores para Em relação aos itens 26 até 30 apenas o item 28 conta com a participação de toda a comunidade acadêmica, portanto os demais devem ser avaliados por quem participa e não pela totalidade dos alunos. Manter os indicadores para 2011 com a alteração anteriormente comentada. Processo Pós-graduação (16) Indicador: pesquisa de satisfação do usuário Método de cálculo: aplicação de pesquisa via portal da FDSM, para todos os alunos dos cursos de pós-graduação. Meta: a soma das respostas Muito satisfatório (5) e Satisfatório (4) deve ser de no mínimo 70% do total de ENSINO PÓS GRADUAÇÃO Domínio da matéria Quadro Didática docente Interação com a classe Disponibilidade de material didático Espaço físico - salas de aula Subdivisões do curso em módulos Muito satisfatório (5) Satisfatório (4) OBS: A avaliação dos docentes, nos parâmetros estabelecidos inicialmente, sofreu alteração em função da pesquisa qualitativa realizada no primeiro semestre. De acordo com recomendação da CPA, o ideal é manter os critérios qualitativos para iniciar um trabalho de formação de banco de dados que permita comparação ao longo do tempo. Ver anexo. Regular (3) Insatisfatório (2) Muito insatisfatório (1) 6

7 Sistema de avaliação Atendimento da secretaria da pós graduação Prejudicada neste momento em função do curso ainda estar sendo ministrado. Previsão de encerramento: julho de Obs. Alterar metodologia de realização da pesquisa, uma vez que não se utiliza o portal da FDSM e sim o contato direto com o aluno em sala de aula. Rever a redação de periodicidade (alterar de anual para ao final do curso). Avaliar como oportunidade de melhoria avaliação de cada módulo. Indicador Manutenção em Sim 02 Sim 03 Sim 04 Sim 05 Não 06 Sim 07 Sim 08 Não 09 Não 10 Sim 11 Sim 12 Não 13 Sim 14 Não 15 Sim (parcialmente) 16 Sim Nada mais havendo a tratar, o Sr. Diretor agradeceu a presença de todos dando por encerrada a reunião da qual foi lavrada esta ata. Rafael Tadeu Simões Diretor Carlos Abel Guersoni Rezende Vice-diretor Luiz Otávio de Oliveira Rezende Presidente da Fundação Sul Mineira de Ensino Leonardo de Oliveira Rezende Coordenador do Curso Carlos Alberto Conti Pereira Representante da Direção 7

Pesquisa de Satisfação

Pesquisa de Satisfação Pesquisa de Satisfação Análise dos dados Formato do Evento: Curso de Extensão Tema: Estudos Dirigidos de Direito Empresarial Títulos de Crédito Datas dos encontros: /3, 8/3, 5/4, 29/4, 3/5 e 2/5/4. Professor

Leia mais

RELATÓRIO GERAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2014

RELATÓRIO GERAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2014 RELATÓRIO GERAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2014 2014 Dados da Instituição FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DO SUL DE MINAS - FACESM Código: 508 Faculdade privada sem fins lucrativos Estado: Minas Gerais

Leia mais

AVALIAÇÃO TRIMESTRAL DE METAS PDI- 2011/2015

AVALIAÇÃO TRIMESTRAL DE METAS PDI- 2011/2015 AVALIAÇÃO TRIMESTRAL DE METAS PDI- 2011/2015 METAS AÇÕES PRAZOS Expansão do número de vagas do curso de Engenharia de Produção. SITUAÇÃO MARÇO DE 2015 AVALIAÇÃO PROCEDIDA EM 12.03.2015 CPA E DIRETORIA

Leia mais

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DA ATUAÇÃO E CONDIÇÕES DE TRABALHO DOS TUTORES DE POLO DE APOIO PRESENCIAL

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DA ATUAÇÃO E CONDIÇÕES DE TRABALHO DOS TUTORES DE POLO DE APOIO PRESENCIAL RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DA ATUAÇÃO E CONDIÇÕES DE TRABALHO DOS TUTORES DE POLO DE APOIO PRESENCIAL ENSINO A DISTÂNCIA 2º SEMESTRE - 2014 CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER COMISSÃO PRÓPRIA

Leia mais

Pesquisa de Satisfação

Pesquisa de Satisfação Pesquisa de Satisfação Análise dos dados Formato do Evento: Mini Curso de Extensão Tema: Empreendedorismo Jurídico Datas dos encontros: 22/8 e 29/8/25. Professor Responsável: Ma. Ana Carolina de Faria

Leia mais

RESULTADO DE ENQUETE APLICADA PELO PORTAL

RESULTADO DE ENQUETE APLICADA PELO PORTAL 01/11/2012 10:31:12 1 Código Nome da Enquete D. Inicio D. Fim 597 Outras Dimensões - 4º ano A 08/10/12 31/10/12 1-1. 1ª Dimensão Planejamento Institucional: Você acessa as normas institucionais (Regimento,

Leia mais

INFRAESTRUTURA 1. ESPAÇO FÍSICO 1.1. Gabinetes de Trabalho para Professores Tempo Integral - TI

INFRAESTRUTURA 1. ESPAÇO FÍSICO 1.1. Gabinetes de Trabalho para Professores Tempo Integral - TI INFRAESTRUTURA 1. ESPAÇO FÍSICO Atualmente a FIBRA encontra-se em novas instalações contando com 33 salas de aula climatizadas, com instalações de equipamentos de multimídia, auditório climatizado com

Leia mais

A. Critérios para Avaliação e Aprovação de Cursos Novos de História

A. Critérios para Avaliação e Aprovação de Cursos Novos de História A. Critérios para Avaliação e Aprovação de Cursos Novos de História 1. Apoio institucional. Clara manifestação de apoio por parte da IES proponente, expressa tanto no provimento da infraestrutura necessária,

Leia mais

FACULDADE UNIDADE SERRA PLANO DE AÇÃO - CPA

FACULDADE UNIDADE SERRA PLANO DE AÇÃO - CPA FACULDADE UNIDADE SERRA PLANO DE AÇÃO - CPA PLANO DE AÇÃO Apresentação do Plano de Ação da CPA Os dados trabalhados são baseados na Avaliação Institucional realizada em Maio/2013 CPA- (comissão permanente

Leia mais

DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização

DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização DIMENSÃO 2: - Política para o ensino, pesquisa, pós-graduação e extensão - Respectivas normas de operacionalização 2.1 - GRADUAÇÃO 2.1.1. Descrição do Ensino de Graduação na UESC Cursos: 26 cursos regulares

Leia mais

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014 A CPA (Comissão Própria De Avaliação) apresentou ao MEC, em março de 2015, o relatório da avaliação realizada no ano de 2014. A avaliação institucional, realizada anualmente, aborda as dimensões definidas

Leia mais

D I R E I T O SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES AUTORIZAÇÃO

D I R E I T O SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES AUTORIZAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Superior Sesu Departamento de Supervisão da Educação Superior - Desup Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Inep Diretoria

Leia mais

Relatório da Avaliação pela CPA

Relatório da Avaliação pela CPA 1 Relatório da Avaliação pela CPA 10 de outubro 2011 Visando atender a abrangência necessária no que tange à Avaliação Institucional da AJES, conforme Sistema elaborado pela CPA, este Relatório busca aliar

Leia mais

2º RELATÓRIO PARCIAL DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

2º RELATÓRIO PARCIAL DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2º RELATÓRIO PARCIAL DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL - CPA Mantenedora: Fundação Presidente Antônio Carlos Mantida: Faculdade Presidente Antônio Carlos de Araguari

Leia mais

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação em Direito (presencial e a distância)

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação em Direito (presencial e a distância) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Inep Diretoria de Avaliação da Educação Superior DAES Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior Sinaes

Leia mais

AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL CURSO COORDENAÇÃO DE CURSO DOCENTES E UNIDADE CURRICULAR ATENDIMENTO AO ALUNO INFRAESTRUTURA COMUNICAÇÃO E IMAGEM

AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL CURSO COORDENAÇÃO DE CURSO DOCENTES E UNIDADE CURRICULAR ATENDIMENTO AO ALUNO INFRAESTRUTURA COMUNICAÇÃO E IMAGEM FACULDADE SENAC PORTO ALEGRE FSPOA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL CURSO COORDENAÇÃO DE CURSO DOCENTES E UNIDADE CURRICULAR ATENDIMENTO AO ALUNO INFRAESTRUTURA COMUNICAÇÃO E IMAGEM CPA 2013/2 PARTICIPAÇÃO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 6/2014 TÍTULO I: DOS OBJETIVOS

RESOLUÇÃO Nº 6/2014 TÍTULO I: DOS OBJETIVOS RESOLUÇÃO Nº 6/2014 O Diretor da Faculdade de Direito no uso de suas atribuições, altera a resolução 13/2005 que passará a ter a seguinte redação: TÍTULO I: DOS OBJETIVOS Art. 1º. A avaliação institucional

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA A 4ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO EM EDUCAÇÃO

PROCESSO SELETIVO PARA A 4ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO EM EDUCAÇÃO EDITAL Nº 07/2014 DA PRÓ-REITORIA DE PROCESSO SELETIVO PARA A 4ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO EM EDUCAÇÃO Em conformidade com o Art. 40 do Regulamento da Pró-reitoria de Pós-graduação e Pesquisa

Leia mais

VERIFICAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE OFERTA PARA FINS DE RECONHECIMENTO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA VETERINÁRIA

VERIFICAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE OFERTA PARA FINS DE RECONHECIMENTO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA VETERINÁRIA 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR - SESu COORDENAÇÃO DAS COMISSÕES DE ESPECIALISTAS DE ENSINO COMISSÃO DE ESPECIALISTAS EM ENSINO EM MEDICINA VETERINÁRIA VERIFICAÇÃO

Leia mais

Avaliação Institucional 2005-2. Faculdade de Jussara. Pós-Graduação

Avaliação Institucional 2005-2. Faculdade de Jussara. Pós-Graduação Graduação ITEM: As carteiras das salas de aula são adequadas. 88,2% Graduação ITEM: As instalações do laboratório de informática são adequadas. Graduação ITEM: As instalações da biblioteca são adequadas.

Leia mais

FACULDADE INTERNACIONAL DO DELTA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL CORPO DOCENTE - 2014.1

FACULDADE INTERNACIONAL DO DELTA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL CORPO DOCENTE - 2014.1 FACULDADE INTERNACIONAL DO DELTA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL CORPO DOCENTE - 2014.1 A Comissão Própria de Avaliação (CPA) é o órgão responsável por coordenar,

Leia mais

BIBLIOTECA PROF. JOSÉ ROBERTO SECURATO RELATÓRIO DE GESTÃO 2014. São Paulo

BIBLIOTECA PROF. JOSÉ ROBERTO SECURATO RELATÓRIO DE GESTÃO 2014. São Paulo BIBLIOTECA PROF. JOSÉ ROBERTO SECURATO RELATÓRIO DE GESTÃO 2014 São Paulo 2015 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. REALIZAÇÕES... 3 2.1 Acervo... 3 2.2 Plano de atualização e expansão do acervo... 3 2.3 Divulgação...

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 6. Cronograma de Aulas Pág. 9. Coordenação Programa e metodologia; Investimento

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 6. Cronograma de Aulas Pág. 9. Coordenação Programa e metodologia; Investimento 1 SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento 3 4 5 Etapas do Processo Seletivo Pág. 6 Matrícula 8 Cronograma de Aulas Pág. 9 2 PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO CONTINUADA E

Leia mais

ORIENTAÇÃO AOS ALUNOS DE TURMAS ANTERIORES 2008.1

ORIENTAÇÃO AOS ALUNOS DE TURMAS ANTERIORES 2008.1 ORIENTAÇÃO AOS ALUNOS DE TURMAS ANTERIORES 2008.1 1.- Objetivos do Curso de Mestrado: a. Formação de professores para o magistério superior; b. Formação de pesquisadores; c. Capacitação para o exercício

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE MÚSICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE MÚSICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE MÚSICA Edital Nº 001 / 2011 Edital de Seleção ao Curso de Pós-Graduação

Leia mais

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ECONOMIA DOMÉSTICA

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ECONOMIA DOMÉSTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ECONOMIA DOMÉSTICA ROTEIRO DE AVALIAÇÃO PARA AUTORIZAÇÃO

Leia mais

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2012-2 E 2013-1

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2012-2 E 2013-1 Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2012-2 E 2013-1 1. INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO SELETIVO 2013.1 Vestibular para estudantes que não prestaram o ENEM; entrevista para candidatos com Transferência Externa,

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DO MESTRADO E DOUTORADO EM DIREITO - TURMA 2016

EDITAL DE SELEÇÃO DO MESTRADO E DOUTORADO EM DIREITO - TURMA 2016 EDITAL DE SELEÇÃO DO MESTRADO E DOUTORADO EM DIREITO - TURMA 2016 A Coordenação do Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Direito da Universidade de Santa Cruz do Sul comunica a abertura do processo

Leia mais

Documento orientador de um curso que traduz as políticas acadêmicas institucionais

Documento orientador de um curso que traduz as políticas acadêmicas institucionais Documento orientador de um curso que traduz as políticas acadêmicas institucionais Construção coletiva a partir das experiências, coordenada pelo Colegiado do Curso de Graduação (art. 34 do Regimento Geral

Leia mais

FESURV UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2009-2010

FESURV UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2009-2010 FESURV UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2009-2010 1 Fragilidade resultado inferior a 50% Ponto a ser melhorado 50% e 59,9% Potencialidade igual ou

Leia mais

CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA VISCONDE DE CAIRU CEPPEV CURSO: GESTÃO DE DATACENTER E COMPUTAÇÃO EM NUVEM 2013.2

CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA VISCONDE DE CAIRU CEPPEV CURSO: GESTÃO DE DATACENTER E COMPUTAÇÃO EM NUVEM 2013.2 NÚMERO DE VAGAS: 25 (Vinte e Cinco) Vagas. PREVISÃO DE INÍCIO DAS AULAS 01 de Novembro de 2013 CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA VISCONDE DE CAIRU CEPPEV APRESENTAÇÃO / JUSTIFICATIVA A Fundação Visconde

Leia mais

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC de GESTÃO E LIDERANÇA EM INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE ENSINO

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC de GESTÃO E LIDERANÇA EM INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE ENSINO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CÂMPUS LAGES Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO

Leia mais

Informativo Comissão Própria de Avaliação URI Erechim

Informativo Comissão Própria de Avaliação URI Erechim Informativo Comissão Própria de Avaliação URI Erechim 7ª edição março 2015 Avaliação Institucional: um ato de consolidação para as universidades! Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais

Leia mais

Relatório Parcial de Autoavaliação Institucional

Relatório Parcial de Autoavaliação Institucional Relatório Parcial de Autoavaliação Institucional Faculdade Promove de Sete Lagoas 1.º-213 Sete Lagoas (MG) Membros da CPA Nome Segmento que representa Ludimila Tavares Rocha Silva Antônio Marcos de Oliveira

Leia mais

Eixo 1 - Ensino. As questões respondidas pelos discentes sobre a temática do ensino somam oito interrogações, as quais seguem em análise:

Eixo 1 - Ensino. As questões respondidas pelos discentes sobre a temática do ensino somam oito interrogações, as quais seguem em análise: Relatório de análise de dados O presente relatório trata da análise dos resultados provenientes de informações obtidas por meio dos questionários da autoavaliação referentes ao curso de graduação em Dança

Leia mais

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA Faculdades Integradas Dom Pedro II São José do Rio Preto - SP

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA Faculdades Integradas Dom Pedro II São José do Rio Preto - SP RELATÓRIO DA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DAS FACULDADES INTEGRADAS DOM PEDRO II SÃO JOSÉ DO RIO PRETO-SP 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS As, ao apresentar o Relatório do sistema de autoavaliação (CPA), consideram

Leia mais

Cursos de Graduação EAD - UNINASSAU Perguntas e Respostas - Comunicação Interna

Cursos de Graduação EAD - UNINASSAU Perguntas e Respostas - Comunicação Interna Cursos de Graduação EAD - UNINASSAU Perguntas e Respostas - Comunicação Interna INFORMAÇÕES GERAIS 1. Sobre os Cursos EAD da UNINASSAU Celebramos mais um momento de conquistas, a UNINASSAU a partir deste

Leia mais

EDITAL. Abertura de inscrições para a seleção de candidatos ao Programa de Mestrado em Administração da UNIP

EDITAL. Abertura de inscrições para a seleção de candidatos ao Programa de Mestrado em Administração da UNIP EDITAL Abertura de inscrições para a seleção de candidatos ao Programa de Mestrado em Administração da UNIP Recomendado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES, de acordo

Leia mais

FACULDADE SETE LAGOAS - FACSETE COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO / CPA RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DA CPA NO ANO DE 2013

FACULDADE SETE LAGOAS - FACSETE COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO / CPA RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DA CPA NO ANO DE 2013 FACULDADE SETE LAGOAS - FACSETE COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO / CPA RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DA CPA NO ANO DE 2013 Sete Lagoas Março de 2014 Sumário 1. DADOS DA INSTITUIÇÃO... 4 1.1. Composição da Comissão

Leia mais

Questionário para Estudantes de Pós- Graduação na modalidade a distância

Questionário para Estudantes de Pós- Graduação na modalidade a distância Questionário para Estudantes de Pós- Graduação na modalidade a distância Este questionário é um instrumento de coleta de informações para a realização da auto-avaliação da UFG que tem como objetivo conhecer

Leia mais

Instrumento de Avaliação

Instrumento de Avaliação Monitoramento e Avaliação do Bolsa-Formação 2012 - Instrumento_de_Avaliação - # 42 Instrumento de Avaliação {{>toc}} I - Contextualização da Unidade Ofertante a. Nome da mantenedora; b. Base legal da mantenedora

Leia mais

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE PSICOLOGIA

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE PSICOLOGIA UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE PSICOLOGIA 1 Dimensão 2 - Acadêmico avaliando professor POTENC. PTO. A MELHOR. FRAGIL. 1 -

Leia mais

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL LEVANTAMENTO DAS MEDIDAS REALIZADAS

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL LEVANTAMENTO DAS MEDIDAS REALIZADAS AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL LEVANTAMENTO DAS MEDIDAS REALIZADAS RELATÓRIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL CPA 2011/12 Porto Velho RO 2011/2012 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO - CPA Profª Drª. Nelice Milena Batistelli

Leia mais

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE ENFERMAGEM

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE ENFERMAGEM UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE ENFERMAGEM 1 Dimensão 2 - Acadêmico avaliando professor 1 - O professor comparece com regularidade

Leia mais

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE FISIOTERAPIA

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE FISIOTERAPIA UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE FISIOTERAPIA 1 Dimensão 2 - Acadêmico avaliando professor POTENC. PTO. A MELHOR. FRAGIL. 1

Leia mais

Fundação Presidente Antônio Carlos - FUPAC Faculdade Presidente Antônio Carlos de Aimorés

Fundação Presidente Antônio Carlos - FUPAC Faculdade Presidente Antônio Carlos de Aimorés REGULAMENTO DOS PROJETOS DE SOFTWARE DA FACULDADE PRESIDENTE ANTONIO CARLOS DE AIMORÉS Regulamenta o desenvolvimento dos Projetos de Software do Curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Leia mais

II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação

II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação 25 de maio de 2016 EIXO 1: PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 03 Fragilidades; 04 Sugestões de Superação de Fragilidade; 03 Potencialidades. A CPA identificou

Leia mais

ASSOCIACAO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIAO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL DE REPOSTA DE PROFESSORES. 2º SEMESTRE DE 2013

ASSOCIACAO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIAO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL DE REPOSTA DE PROFESSORES. 2º SEMESTRE DE 2013 ASSOCIACAO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIAO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL DE REPOSTA DE PROFESSORES. 2º SEMESTRE DE 2013 1.1 Organização Institucional Q1 Cumprimento da missão da

Leia mais

EDITAL 01/2015 ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

EDITAL 01/2015 ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO EDITAL 01/2015 ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO A Assessoria de Comunicação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG) Câmpus Rio Pomba, setor da Direção-Geral,

Leia mais

EDITAL Nº 01/2013/DRI/UFLA

EDITAL Nº 01/2013/DRI/UFLA UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS DIRETORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS Caixa Postal 3037 Lavras MG 37200 000 Telefone: (35) 3829-1858 - E-mail: dri@dri.ufla.br EDITAL Nº 01/2013/DRI/UFLA INGLÊS SEM FRONTEIRAS

Leia mais

CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA REGULAMENTO

CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA REGULAMENTO CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA REGULAMENTO 2013 CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA REGULAMENTO

Leia mais

Regulamento de Matrícula

Regulamento de Matrícula Regulamento de Matrícula A Coordenadora do Curso de Direito da Faculdade Processus, juntamente com a Diretora do Curso, no exercício de suas atribuições, com o intuito de normatizar a efetividade e dinâmica

Leia mais

seletivo para ingresso no 1 0 semestre de 2015 no curso de mestrado em Geotecnia, oferecido pela

seletivo para ingresso no 1 0 semestre de 2015 no curso de mestrado em Geotecnia, oferecido pela ESCOLA DE ENGENHARIA DE SÃO CARLOS Edital de abertura do Processo Seletivo para ingresso na Pós-Graduação em Geotecnia A Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Geotecnia da Escola de Engenharia

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA COORDENAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA E CIÊNCIA DE MATERIAIS - MESTRADO E D I T A L 14/2015

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA COORDENAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA E CIÊNCIA DE MATERIAIS - MESTRADO E D I T A L 14/2015 COORDENAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA E CIÊNCIA DE MATERIAIS - MESTRADO E D I T A L 14/2015 Edital de Inscrição, Seleção e Matrícula para o Mestrado Acadêmico em Engenharia e Ciência de

Leia mais

Ata de Reunião para Análise Crítica do Sistema de Gestão da Qualidade da FDSM

Ata de Reunião para Análise Crítica do Sistema de Gestão da Qualidade da FDSM FACULDADE DE DIREITO DO SUL DE MINAS Av. Dr. João Beraldo, 1075 Centro Pouso Alegre MG Fone: (35) 3449-8100 Fax: (35) 3499-8102 Ata de Reunião para Análise Crítica do Sistema de Gestão da Qualidade da

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO COMISSÃO DE ENSINO MÉDIO E EDUCAÇÃO SUPERIOR Parecer nº 137/2006 Processo UERGS nº 1.388/19.50/05.1 RELATÓRIO Reconhece o Curso de Administração

Leia mais

crítica na resolução de questões, a rejeitar simplificações e buscar efetivamente informações novas por meio da pesquisa, desde o primeiro período do

crítica na resolução de questões, a rejeitar simplificações e buscar efetivamente informações novas por meio da pesquisa, desde o primeiro período do Dimensão 2 As políticas para o ensino, a pesquisa, a pós-graduação, a extensão e as respectivas normas de operacionalização, incluídos os procedimentos para estímulo à produção acadêmica, as bolsas de

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2º/2015 Coordenador: Prof. Dr. Antônio Corrêa de Lacerda Vice-Coordenadora: Profa. Dra. Regina Maria d Aquino Fonseca Gadelha Estarão abertas, no período de 01/04/2015 a

Leia mais

Apresentação. Prezado aluno,

Apresentação. Prezado aluno, A Faculdade São Judas Tadeu tem como missão promover a emancipação do indivíduo através da educação, compreendida pelo desenvolvimento do conhecimento, atitudes e valores e respeito à dignidade humana.

Leia mais

FACULDADE ANCHIETA DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2SEM2013 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO

FACULDADE ANCHIETA DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2SEM2013 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO FACULDADE ANCHIETA DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2SEM2013 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO Constituída em atendimento à Lei nº 10.861/2004, regulamentada pela Portaria

Leia mais

PLANO DE AÇÃO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO

PLANO DE AÇÃO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO PLANO DE AÇÃO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO 2014 APRESENTAÇÃO O Plano de Ação ora apresentado planeja o processo da Autoavaliação Institucional, que vem se consolidando na Faculdade Norte Capixaba de São

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CARGO PROFESSOR BOLSISTA

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CARGO PROFESSOR BOLSISTA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CARGO PROFESSOR BOLSISTA Edital nº 002/2015 de 07 de Maio de 2015. O Coordenador Geral do Núcleo de Ensino a Distância

Leia mais

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação Bacharelados, Licenciaturas e Cursos Superiores de Tecnologia (presencial e a distância)

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação Bacharelados, Licenciaturas e Cursos Superiores de Tecnologia (presencial e a distância) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Inep Diretoria de Avaliação da Educação Superior DAES Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior Sinaes

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO. Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos a distância

Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO. Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos a distância Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos a distância A Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis, informa

Leia mais

www.pucrs.br/pos *AVALIAÇÃO CAPES POR QUE A PUCRS?

www.pucrs.br/pos *AVALIAÇÃO CAPES POR QUE A PUCRS? A Pós-Graduação da PUCRS é a porta de entrada para um novo momento da sua vida profissional e acadêmica. Você pode ampliar habilidades, fomentar ideias e adquirir conhecimento com experiências inovadoras

Leia mais

PADRÕES OPERACIONAIS DA SEÇÃO ACADÊMICA EM RELAÇÃO AOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 1. CADASTRO DE CANDIDATOS AO PROCESSO SELETIVO DE CURSOS PG

PADRÕES OPERACIONAIS DA SEÇÃO ACADÊMICA EM RELAÇÃO AOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 1. CADASTRO DE CANDIDATOS AO PROCESSO SELETIVO DE CURSOS PG PADRÕES OPERACIONAIS DA SEÇÃO ACADÊMICA EM RELAÇÃO AOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 1. CADASTRO DE CANDIDATOS AO PROCESSO SELETIVO DE CURSOS PG O processo seletivo para os cursos de PG inicia com a aprovação

Leia mais

INDICADORES E PADRÕES DE QUALIDADE DE CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO

INDICADORES E PADRÕES DE QUALIDADE DE CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE NUTRIÇÃO E ECONOMIA DOMÉSTICA INDICADORES E PADRÕES

Leia mais

FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 0 ÍNDICE NATUREZA E FINALIDADE 2 COORDENAÇÃO DOS CURSOS 2 COORDENAÇÃO DIDÁTICA 2 COORDENADOR DE CURSO 2 ADMISSÃO AOS CURSOS 3 NÚMERO

Leia mais

EDITAL Nº 63/2015 DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

EDITAL Nº 63/2015 DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EDITAL Nº 63/2015 DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS REGULARES DO MESTRADO PROFISSIONAL EM CIÊNCIAS APLICADAS À SAÚDE A da Universidade do Vale do Sapucaí PROPPES/Univás,

Leia mais

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA RELATÓRIO FINAL DE AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DA CPA DA FACULDADE ARAGUAIA 2014/01 a 2014/02 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 1. Análise dos resultados

Leia mais

Representante da Sociedade Civil Organizada Calixto Nunes da França. Representante Discente Artur da Costa Júnior

Representante da Sociedade Civil Organizada Calixto Nunes da França. Representante Discente Artur da Costa Júnior I DADOS DA INSTITUIÇÃO Nome: Faculdade de Medicina de Juazeiro do Norte Código da IES INEP: 1547 Caracterização da IES: Instituição Privada Sem Fins Lucrativos Estado: Ceará Cidade: Juazeiro do Norte Composição

Leia mais

Padrões de Qualidade para os Cursos de Graduação em Direito

Padrões de Qualidade para os Cursos de Graduação em Direito MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR COORDENAÇÃO DAS COMISSÕES DE ESPECIALISTAS DE ENSINO COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE DIREITO APRESENTAÇÃO: Padrões de Qualidade para os Cursos

Leia mais

PORTARIA Nº 300, DE 30 DE JANEIRO DE 2006.

PORTARIA Nº 300, DE 30 DE JANEIRO DE 2006. PORTARIA Nº 300, DE 30 DE JANEIRO DE 2006. Aprova, em extrato, o Instrumento de Avaliação Externa de Instituições de Educação Superior do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior SINAES O MINISTRO

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2º/2014 Coordenador: Prof. Dr. Eugênio Rondini Trivinho Vice-Coordenador: Prof. Dr. José Luiz Aidar Prado Estarão abertas, no período de U14/04/2014U a U05/05/2014U, as

Leia mais

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA RELATÓRIO FINAL DE AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIADA CPA DA FACULDADE ARAGUAIA

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA RELATÓRIO FINAL DE AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIADA CPA DA FACULDADE ARAGUAIA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA RELATÓRIO FINAL DE AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIADA CPA DA FACULDADE ARAGUAIA 2013/01 a 2013/02 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 1. Diagnóstico geral

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SISTEMA DE BIBLIOTECAS PROCEDIMENTOS PARA COMPRA DE MATERIAL BIBLIOGRÁFICO NA UFPR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SISTEMA DE BIBLIOTECAS PROCEDIMENTOS PARA COMPRA DE MATERIAL BIBLIOGRÁFICO NA UFPR UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SISTEMA DE BIBLIOTECAS PROCEDIMENTOS PARA COMPRA DE MATERIAL BIBLIOGRÁFICO NA UFPR Para a compra de materiais bibliográficos, primeiramente o solicitante deve possuir o recurso

Leia mais

EDITAL Nº 01 13 DE AGOSTO DE 2015

EDITAL Nº 01 13 DE AGOSTO DE 2015 FACULDADE EVANGÉLICA DO PIAUÍ CREDENCIADA PELO MEC-PORTARIA Nº 2.858-13/09/2004 C.N.P.J 03.873.844/0001-35 EDITAL Nº 01 13 DE AGOSTO DE 2015 A Coordenação do Curso de Pedagogia da Faculdade Evangélica

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2 º SEMESTRE DE 2015

PROCESSO SELETIVO 2 º SEMESTRE DE 2015 1 Processo Seletivo 2015.2 Edital FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC RIO PROCESSO SELETIVO 2 º SEMESTRE DE 2015 SENAC RJ FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC RIO O SENAC Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial,

Leia mais

Avaliação Institucional 2005-2. Faculdade de Jussara. Administração de Empresas

Avaliação Institucional 2005-2. Faculdade de Jussara. Administração de Empresas CURSO:ADMINISTRAÇÃO EMPRESAS ITEM: As carteiras das salas de aula são adequadas. CURSO:ADMINISTRAÇÃO EMPRESAS ITEM: A infra-estrutura do prédio da Faculdade é adequada. CURSO:ADMINISTRAÇÃO EMPRESAS ITEM:

Leia mais

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS DIRETOR GERAL: RUBENSMIDT RIANI

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS DIRETOR GERAL: RUBENSMIDT RIANI ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS DIRETOR GERAL: RUBENSMIDT RIANI CREDENCIAMENTO DE DOCENTE ESP-MG Nº 23 /2014 CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU - ESPECIALIZAÇÃO EM COMUNICACAO E SAÚDE

Leia mais

REGULAMENTO DA OUVIDORIA DA FACULDADE ARQUIDIOCESANA DE MARIANA CAPÍTULO I DA OUVIDORIA

REGULAMENTO DA OUVIDORIA DA FACULDADE ARQUIDIOCESANA DE MARIANA CAPÍTULO I DA OUVIDORIA REGULAMENTO DA OUVIDORIA DA FACULDADE ARQUIDIOCESANA DE MARIANA CAPÍTULO I DA OUVIDORIA Art.1º A Ouvidoria foi instituída para estabelecer ligação entre a comunidade acadêmica, comunidade externa, docentes

Leia mais

COMISSÃO DE ENSINO MÉDIO E EDUCAÇÃO SUPERIOR Parecer nº 428/2007 Processo UERGS nº 1.673/19.50/06.9

COMISSÃO DE ENSINO MÉDIO E EDUCAÇÃO SUPERIOR Parecer nº 428/2007 Processo UERGS nº 1.673/19.50/06.9 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO COMISSÃO DE ENSINO MÉDIO E EDUCAÇÃO SUPERIOR Parecer nº 428/2007 Processo UERGS nº 1.673/19.50/06.9 Reconhece o Curso de Pedagogia Educação Infantil,

Leia mais

INDICADORES DE GESTÃO

INDICADORES DE GESTÃO INDICADORES DE GESTÃO Os indicadores representam adequadamente a amplitude e diversidade de características do fenômeno monitorado porque são objetivos. Procuramos, em um primeiro instante, criar indicadores

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES CREDENCIAMENTO DE PÓLO DE APOIO PRESENCIAL PARA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES CREDENCIAMENTO DE PÓLO DE APOIO PRESENCIAL PARA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação a Distância SEED Departamento de Regulação e Supervisão da Educação a Distância - Dresead Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira

Leia mais

DOUTORADO INTERINSTITUCIONAL - MINTER UNIVERSIDADE NOVE DE JULHO FACULDADE IDEAU. Edital de Seleção

DOUTORADO INTERINSTITUCIONAL - MINTER UNIVERSIDADE NOVE DE JULHO FACULDADE IDEAU. Edital de Seleção DOUTORADO INTERINSTITUCIONAL - MINTER UNIVERSIDADE NOVE DE JULHO FACULDADE IDEAU Edital de Seleção Este edital disciplina as informações, abre as inscrições e descreve as etapas do processo seletivo dos

Leia mais

F A C U L D AD E S E S T

F A C U L D AD E S E S T F A C U L D AD E S E S T Edital P R O C E S S O S E L E T I V O 2 0 1 5-2 ª C H A M A D A 2 º s e m e s t r e MESTRADO PROFISSIONAL EM TEOLOGIA São Leopoldo 2015 A Faculdades EST torna pública a abertura

Leia mais

Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica PPEE/UFJF EDITAL 001/2015

Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica PPEE/UFJF EDITAL 001/2015 EDITAL 001/2015 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD) DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA (PPEE-UFJF) EDITAL Nº 001/2015 O Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL UNIDADE SANTO AMARO São Paulo, fevereiro de 2012 NOSSA MISSÃO Proporcionar acesso a um ensino de qualidade para diferentes segmentos da população, criando vínculos fortes e duradouros

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL Gabinete do Reitor

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL Gabinete do Reitor SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL Gabinete do Reitor EDITAL Nº 367/UFFS/2013 - PROCESSO DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA O CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM SEGURANÇA ALIMENTAR

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 06/04/2005 (*) Portaria/MEC nº 1.112, publicada no Diário Oficial da União de 06/04/2005 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO

Leia mais

Mestrado em Ciências Contábeis Centro Universitário Álvares Penteado

Mestrado em Ciências Contábeis Centro Universitário Álvares Penteado Processo Seletivo 1º Semestre de 2016 Programa de Mestrado em Ciências Contábeis A FECAP Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado de maneira especial foca suas atividades no Programa de Mestrado em

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Teologia

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Teologia EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2º/2015 Coordenador: Prof. Dr. Boris Agustín Nef Ulloa Vice-Coordenador: Prof. Dr. Ney de Souza Estarão abertas, no período de 01/04/2015 a 24/04/2015, as inscrições para

Leia mais

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2014-2 E 2015-1

Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2014-2 E 2015-1 Faculdade AGES AGENDA INSTITUCIONAL 2014-2 E 2015-1 ANO MÊS DIA EVENTO OUTUBRO Publicação da programação do semestre (disciplinas e horários) online no site da Faculdade. 30 Comunicar por e-mail e publicar

Leia mais

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DA INFRAESTRUTURA FÍSICA E TECNOLÓGICA

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DA INFRAESTRUTURA FÍSICA E TECNOLÓGICA RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DA INFRAESTRUTURA FÍSICA E TECNOLÓGICA FACINTER - EAD 2º SEMESTRE - 2011 FACULDADE INTERNACIONAL DE CURITIBA FACINTER COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA RELATÓRIO GERENCIAL

Leia mais

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE E AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM GRADUAÇÃO PRESENCIAL

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE E AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM GRADUAÇÃO PRESENCIAL RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE E AMBIENTE VIRTUAL DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL 2º SEMESTRE 2014 CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA RELATÓRIO GERENCIAL

Leia mais

FACULDADE GLOBAL DE UMUARAMA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FACULDADE GLOBAL DE UMUARAMA FGU / UNIESP RELATÓRIO FINAL 2012/2013

FACULDADE GLOBAL DE UMUARAMA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FACULDADE GLOBAL DE UMUARAMA FGU / UNIESP RELATÓRIO FINAL 2012/2013 FACULDADE GLOBAL DE UMUARAMA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FACULDADE GLOBAL DE UMUARAMA FGU / UNIESP RELATÓRIO FINAL 2012/2013 UMUARAMA, DEZEMBRO, 2012 RELATÓRIO DE AUTO-AVALIAÇÃO I DADOS DA INSTITUIÇÃO Nome/

Leia mais

RESOLUÇÃO. Santa Rosa, RS, 28 de novembro de 2013.

RESOLUÇÃO. Santa Rosa, RS, 28 de novembro de 2013. RESOLUÇÃO CAS Nº 25/2013, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2013 DISPÕE REGULAMENTO DA ATIVIDADE DE AVALIAÇÃO INTEGRADORA DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DAS FACULDADES INTEGRADAS MACHADO DE ASSIS FEMA. O CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

EDITAL PPGEEL N o 01/2014

EDITAL PPGEEL N o 01/2014 Reconhecimento MEC Portaria n 1.077, de 31/08/2012, publicado no Diário Oficial da União em 13.09/2012. (Mestrado Profissional e Acadêmico). Reconhecimento renovado pelo Decreto Estadual n 1.707, de 30.08.2013,

Leia mais

Indicadores e Padrões de Qualidade para Cursos de Graduação da área de CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO

Indicadores e Padrões de Qualidade para Cursos de Graduação da área de CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DO ENSINO SUPERIOR COORDENAÇÃO DAS COMISSÕES DE ESPECIALISTAS DE ENSINO COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE CIÊNCIA DA INFORAMÇÃO-CEECInfo Indicadores e Padrões de Qualidade

Leia mais

MINI STÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINI STRO P ORTARIA Nº 808, DE 18 DE JUNHO DE 2010

MINI STÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINI STRO P ORTARIA Nº 808, DE 18 DE JUNHO DE 2010 MINI STÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINI STRO P ORTARIA Nº 808, DE 18 DE JUNHO DE 2010 Aprova o instrumento de avaliação para reconhecimento de Cursos Pedagogia, no âmbito do Sistema Nacional de Avaliação

Leia mais