Bem Querido, Bem Tombado.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Bem Querido, Bem Tombado."

Transcrição

1 Prefeitura Municipal de Pará de Minas/MG RELATÓRIO DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL Bem Querido, Bem Tombado. QUADRO V janeiro :: 2011 exercício :: 2012

2 Relatório de Educação Patrimonial página 2 :: 14 folha de rosto QUADRO V Data de encaminhamento ao IEPHA/MG: 15/01/2011 ENDEREÇO DA PREFEITURA NOME DO PREFEITO NOME DO SETOR DE PATRIMÔNIO CULTURAL DA PREFEITURA ENDEREÇO DO SETOR TELEFONE DO SETOR (37) PARÁ DE MINAS/MG Rua Afonso Pena, 30. Bairro Centro. Pará de Minas/MG. CEP José Porfírio de Oliveira Filho Secretaria Municipal de Cultura Praça Francisco Torquato, 26. Centro. Pará de Minas/MG. CEP ENDEREÇO ELETRÔNICO DO SETOR NOME DO GERENTE Maiza Maria dos Santos Lage Barbosa Pasta 11 (contém 14 páginas) PROJETO DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL PERÍODO DE REALIZAÇÃO Bem Querido, Bem Tombado. Mar/2010 a Out/2010

3 Relatório de Educação Patrimonial página 3 :: Município: Pará de Minas. 2. Nome do Projeto: Bem Querido, Bem Tombado. 3. Técnicos envolvidos: Maiza Maria dos Santos Lage Barbosa - Secretaria M. de Cultura 4. Público Participante: Cristina Gabriela Miranda Pereira - Secretaria Municipal de Educação José Roberto Pereira - Secretaria Municipal de Cultura Diretamente: 740 alunos da Zona Rural da Rede Municipal de Ensino de Pará de Minas. Nome da Escola Localização (Povoado) Nº de Alunos Séries Escola Municipal Marechal Deodoro Meireles 164 Ensino Infantil ao 9º ano Escola Municipal Vicente de Paula Souza Matinha 131 Ensino Infantil ao 5º ano Escola Municipal Vereador Bosco Mendonça Bom Jesus do Pará 213 Ensino Infantil ao 9º ano Escola Municipal Francisco Severo Oliveira Bom Sucesso 27 Ensino Infantil ao 5º ano Escola Municipal Padre Pereira Caetano Breto 37 Ensino Infantil ao 5º ano Escola Municipal Nenem Coutinho Guardas 24 Ensino Infantil ao 5º ano Escola Municipal Padre Miguel Vital Gorduras 44 Ensino Infantil ao 5º ano Escola Municipal Nhonhô Brochado Muquem 9 Ensino Infantil ao 5º ano Escola Municipal Conceição Mara Moreira Limão 91 Ensino Infantil ao 9º ano Indiretamente: Comunidade de Pára de Minas em geral (jovens e adultos). 5. Cronograma: mês/ano atividade/fase método/técnica tempo e objetivo avaliação a partir de mar/2010 (mudando a cada 20 dias) Atividade 1 Exposição Itinerante nas Escolas da Zona Rural 6 horas Abertura da exposição nas escolas e palestra Quantitativa Atividade 2 Leitura dos banners e/ou Visitas de Reconhecimento 20 horas Interpretação e Pesquisa Exercícios dos alunos Consecutivamente a cada exposição em cada escola ( de mar a set/2010) Atividade 3 Produção de desenhos e textos 20 horas Produção Qualitativa Atividade 4 Análise e seleção dos trabalhos 20 horas Avaliação e Divulgação Qualitativa set/2010 Atividade 5 Exposição Itinerante em locais abertos ao público 80 horas Divulgação para a comunidade em geral Quantitativa Contagem dos visitantes Conforme mostra o cronograma acima, as atividades 2, 3 e 4 fazem parte de uma ação seqüencial, iniciada a partir da inauguração da exposição em cada escola. Portanto, o detalhamento dessas atividades no presente relatório encontra-se agrupado.

4 Relatório de Educação Patrimonial página 4 :: 14 DETALHAMENTO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS ATIVIDADE 1: Abertura da exposição BEM QUERIDO, BEM TOMBADO A. Descrição da atividade realizada: Os 17 banners dos bens tombados de Pará de Minas, que compõem a Exposição Bem Tombado, Bem Querido, foram expostos nas escolas da Zona Rural: Escola Municipal Marechal Deodoro, Escola Municipal Vicente de Paula Souza, Escola Municipal Vereador Bosco Mendonça, Escola Municipal Francisco Severo Oliveira, Escola Municipal Padre Pereira, Escola Municipal Nenem Coutinho, Escola Municipal Padre Miguel Vital, Escola Municipal Nhonhô Brochado e Escola Municipal Conceição Mara Moreira. Mesmo dentro das escolas, essas exposições foram abertas a toda a comunidade, abrangendo pais e alunos dos povoados onde estas instituições de ensino se inserem. Antes da abertura de cada Exposição, foi ministrada uma palestra pela diretora da Escola de Artes de Pará de Minas, Érica Gaede, que também é secretária do Conselho Municipal de Patrimônio Cultural, apresentando os bens protegidos pelo município, conceitos que envolvem o patrimônio cultural e o trabalho a ser desenvolvido nas escolas. A Exposição de caráter itinerante continha banners com fotos e informações sobre os 16 bens tombados pela municipalidade: 1) Asilo Padre José Pereira Coelho FAPAM; 2) Escola Estadual Torquato de Almeida; 3) Escola Estadual Fernando Otávio; 4) Centro Literário Pedro Nestor; 5) Gruta de Nossa Senhora de Lourdes; 6) Hospital Nossa Senhora da Conceição Irmandade; 7) Praça Torquato de Almeida e Praça Francisco Torquato; 8) Escola Estadual Governador Valadares; 9) Igreja Nossa Senhora das Graças; 10) Estação Ferroviária; 1) Fórum Desembargador Pedro Nestor; 12) Prédio Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira Casa da Cultura; 13) Cristo Redentor; 14) Museu Histórico, Documental, Fotográfico e do Som de Pará de Minas; 15) Escola Municipal de Artes e Ofícios Raimundo Nogueira de Faria Sica; e 16) Casa Maria Capanema. B. Objetivos alcançados: - continuidade do projeto Bem Querido Bem Tombado nas escolas da zona rural. - divulgação dos bens tombados de Pará de Minas. - sensibilização dos alunos pela importância de preservação do patrimônio cultural. C. Produtos Advindos: - Exposição nas escolas municipais da zona rural de Pará de Minas. - Divulgação da Exposição na mídia local.

5 Relatório de Educação Patrimonial página 5 :: 14 D. Fotografias e produtos: (IMAGENS: Acervo da Secretaria Municipal de Cultura, abr/2010) Exposição, Bem Querido Bem Tombado, instalada na Escola Municipal Marechal Deodoro. Alunos do povoado de Meireles durante palestra de abertura da Exposição. Inauguração da exposição na comunidade escolar de Bom Jesus do Pará. Exposição da Escola Municipal Vereador Bosco Mendonça.

6 Relatório de Educação Patrimonial página 6 :: 14 Alunos da comunidade Matinha também receberam a Exposição Bem Tombado, Bem Querido. A exposição itinerante também passou pela Escola Municipal Vicente de Paula Souza. E. Avaliação dos resultados obtidos pela/com a atividade: Os resultados foram extremamente satisfatórios, visto que a exposição itinerante em 2010 ampliou seu raio de atuação, dessa vez, abrangendo as escolas municipais da zona rural (já que em 2009 a exposição circulou apenas no distrito sede). A mobilização dos alunos foi bastante eficaz, contando com a colaboração dos professores que aderiram ao projeto e levaram a cabo até o final. E ainda, o caráter necessário de continuidade do processo de educação patrimonial foi firmado com o empenho da equipe técnica da Secretaria Municipal de Cultura de Pará de Minas, fundamental para resultados a médio e longo prazo.

7 Relatório de Educação Patrimonial página 7 :: 14 ATIVIDADES 2: Leitura dos banners e/ou Visitas de Reconhecimento 3: Produção de desenhos e textos sobre o patrimônio cultural tombado 4: Seleção A. Descrição da atividade realizada: A partir da Exposição em cada escola, tiveram início os exercícios de Leitura do Bem a partir dos próprios banners, já que não foi possível a visita na cidade. Os alunos foram orientados a identificar a época e estilo construtivo do bem cultural tombado, as diferenças entre as características construtivas de cada bem, a observar e identificar diferenças e aproximações entre o antigo e as edificações contemporâneas, como também foram estimulados a pesquisar os usos do prédio ao longo do tempo e localização e identificação dos bens tombados no mapa do município. Da mesma forma que nas escolas urbanas, os alunos da Zona Rural serão incitados a produzir materiais sobre o patrimônio estudado. Os desenhos foram direcionados para os alunos da educação infantil e a produção de textos para os alunos do ensino fundamental (redação) e do 5º ao 9º ano (poesia, crônica ou conto), com variados temas abordados: O bem cultural mais querido ou mais significativo para o aluno; Bens culturais de cada povoado da Zona Rural cuja preservação o aluno considere importante; Um bem imaterial do povoado/município (festas populares, costumes, receitas típicas, etc) A importância do tombamento como instrumento de preservação do patrimônio cultural Ao final do período de permanência da exposição BEM QUERIDO, BEM TOMBADO, cada escola fez a seleção do melhor trabalho produzido (desenho e texto) e encaminhou à Secretaria Municipal de Cultura, que por sua vez exibiu os trabalhos em mural como forma de reconhecimento. B. Objetivos alcançados: - interpretação dos bens tombados de Pará de Minas a partir da exposição de banners; - produção de desenhos, redações e poesias sobre os bens tombados; - maior assimilação por parte dos alunos sobre a importância de preservação do patrimônio cultural; - seleção dos melhores trabalhos (desenhos e textos). C. Produtos Advindos: - desenhos realizados pelos alunos da educação infantil; - textos (redações e poesias) realizados pelos alunos do ensino fundamental.

8 Relatório de Educação Patrimonial página 8 :: 14 D. Fotografias e produtos: (IMAGENS: Acervo da Secretaria Municipal de Cultura, jun/2010) Alunos iniciando a leitura dos banners, juntamente com os professores. Desenhos produzidos prioritariamente pelos alunos da educação infantil, mas também por alunos do ensino fundamental, sobre os bens tombados de Pará de Minas.

9 Relatório de Educação Patrimonial página 9 :: 14 Textos selecionados dos alunos do ensino fundamental. É interessante observar neste trecho da redação uma consciência do aluno, ainda que incipiente, sobre a dimensão do patrimônio imaterial identificado na sua comunidade rural e que, para ele, também merece medidas de proteção.

10 Relatório de Educação Patrimonial página 10 :: 14 E. Avaliação dos resultados obtidos pela/com a atividade: Os resultados não poderiam ter sido melhores. A começar pelos alunos da educação infantil, que através de desenhos escolheram aqueles bens que mais lhe chamavam atenção para representá-los no papel. E para cada desenho em cada escola, estes alunos foram devidamente sensibilizados, primeiro, pela palestra de inauguração da exposição e depois pelos professores que tiveram a responsabilidade de apresentar maiores detalhes sobre cada Bem Querido, Bem Tombado. Já com os alunos do ensino fundamental, a avaliação dos conhecimentos assimilados foi ainda mais precisa e qualitativa, a exemplo dos melhores textos selecionados que revelam uma nítida conscientização sobre a importância do bem cultural, sua transformação ao longo do tempo, além de conceitos como restauração, progresso e preservação e tombamento. Vale destacar que alguns professores aproveitaram a temática e instigaram os alunos a olhar para o patrimônio da própria comunidade rural onde vivem e que seriam passíveis de proteção legal, segunda seus valores afetivos e históricos. Neste caso, um dos textos selecionados trata dos bens culturais da comunidade de Bom Jesus do Pará, mais especificamente da Festa do Senhor Bom Jesus. Tal redação é tão interessante, que na escrita ainda ingênua do aluno, o mesmo descreve não a dimensão da cultura imaterial, mas um universo de bens associados tais como a comida típica da festa, os festeiros, a música e local dessa manifestação cultural. Outro ponto de destaque na avaliação dessas atividades realizadas com os alunos foi o envolvimento dos próprios professores, que tiveram que pesquisar, se inteirar do assunto para melhor orientar seus discentes. Muitos não sabiam ou conheciam os bens tombados, o que tornou um estímulo a mais para o desenvolvimento do projeto de educação patrimonial.

11 Relatório de Educação Patrimonial página 11 :: 14 ATIVIDADE 5: Exposição itinerante nos lugares de visitação pública A. Descrição da atividade realizada: À partir de setembro de 2010, a Exposição BEM TOMBADO, BEM QUERIDO saiu das escolas rurais e passou a circular em locais públicos, visando uma divulgação mais ampla do acervo protegido na a comunidade Pará de Minas. Os coordenadores do projeto elegeram os lugares que receberam a exposição, Câmara Municipal, FAPAM (Faculdade de Pará de Minas/MG) e na agência da Caixa Econômica Federal, permanecendo duas semanas em cada local. Deste locais escolhidos, o FAPAM integra o rol de bens tombados do município. Feita a montagem e a disposição propriamente dita dos banners nos locais supracitados com ampla circulação de pessoas, as visitas aconteceram de forma espontânea, em muitos casos, gerando curiosidades e até mesmo perguntas para funcionários de cada local. B. Objetivos alcançados: - divulgação do Patrimônio Cultural Tombado de Pará de Minas/MG para a comunidade; - continuidade de ações de sensibilização sobre a importância dos bens tombados; - promoção de eventos de cunho cultural no município; - ampliação do público atingido pelo projeto. C. Produtos Advindos: - Exposição itinerante nos lugares de visitação pública D. Fotografias e produtos: (IMAGENS: Acervo da Secretaria Municipal de Cultura, set/2010) Montagem da Exposição na agência da Caixa Econômica Federal.

12 Relatório de Educação Patrimonial página 12 :: 14 Os primeiros clientes da Caixa se aventurando pelas histórias contadas pelos banners. Exposição BEM QUERIDO BEM TOMBADO instalada na Câmara Municipal de Pará de Minas. A Exposição itinerante nos lugares de visitação pública incluiu um dos bens tombados, o prédio da FAPAM. E. Avaliação dos resultados obtidos pela/com a atividade: A segunda edição do projeto foi além dos muros das escolas, ao propor que a exposição fosse itinerante também em lugares de ampla visitação pública, incluindo os próprios bens tomados, neste caso, o prédio da FAPAM. Desse modo, jovens e adultos também puderam conferir a exposição montada nos locais já de especificados. Através de uma linguagem simples e peças publicitárias atraentes, foi possível promover certa mobilização dos transeuntes dos locais de exposição, ainda que abaixo da expectativa. Avalia-se que talvez seja interessante preparar algumas formas de mediação também nestes locais, assim como as palestras nas escolas rurais, quem sabe através de monitores treinados para ficar à disposição do público para eventuais dúvidas e esclarecimentos sobre o acervo em exposição.

13 Relatório de Educação Patrimonial página 13 :: Ficha técnica PREFEITURA MUNICIPAL DE PARÁ DE MINAS/MG Prefeito: José Porfírio de Oliveira Filho Setor Responsável: Secretaria Municipal de Cultura Responsável: Maiza Maria dos Santos Lage Barbosa Rua Afonso Pena, 30. Bairro Centro. Pará de Minas/MG. CEP EXECUÇÃO Coordenação: Maiza Maria dos Santos Lage Barbosa - Secretaria M. de Cultura Cristina Gabriela Miranda Pereira - Secretaria Municipal de Educação José Roberto Pereira - Secretaria Municipal de Cultura Outros participantes: Érica Gaede - diretora da Escola de Artes de Pará de Minas. MEMÓRIA ARQUITETURA LTDA Rua Grão Pará, 85/1301 Santa Efigênia Belo Horizonte/MG CEP: Tel. (fax): (31) web site: Sócios-diretores (Arquitetos Urbanistas) Alexandre Borim Côdo Dias Joseana Costa Pereira Patrícia Soares Pereira Viviane Corrado de Andrade Coordenadores Carolina Belculfine (Arquiteta Urbanista) Rafael de Araújo Teixeira (Turismólogo) Estagiários (Arquitetura e Urbanismo) Lara Secchin Pires Manoela Bergamini Thiago Fontes Pereira Luiz Felipe Brito Estagiários (História) Vandilza Castro Auxiliares administrativos Kerolayne Oliveira Souza Miliane Flor de Oliveira Barbosa O grupo Memória Arquitetura agradece a gentileza da comunicação de possíveis falhas e/ou omissões verificadas neste documento.

14 Relatório de Educação Patrimonial página 14 :: ANEXOS - SELEÇÃO DOS DESENHOS REALIZADOS PELOS ALUNOS DA EDUCAÇÃO INFANTIL. - SELEÇÃO DOS TEXTOS REALIZADOS PELOS ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL.

QUADRO V DÚVIDAS. Rodada do ICMS 2012

QUADRO V DÚVIDAS. Rodada do ICMS 2012 QUADRO V DÚVIDAS 1. Pergunta - Estou escrevendo para esclarecer algumas dúvidas a respeito das comprovações que deverão ser encaminhadas relativas ao Projeto Educar para o próximo exercício do ICMS Patrimônio

Leia mais

FUNDAÇÃO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DA ENERGIA E SANEAMENTO MUSEU DA ENERGIA DE ITU EDITAL DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS PARA VISITAÇÃO AO MUSEU DA ENERGIA DE ITU

FUNDAÇÃO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DA ENERGIA E SANEAMENTO MUSEU DA ENERGIA DE ITU EDITAL DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS PARA VISITAÇÃO AO MUSEU DA ENERGIA DE ITU FUNDAÇÃO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DA ENERGIA E SANEAMENTO MUSEU DA ENERGIA DE ITU EDITAL DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS PARA VISITAÇÃO AO MUSEU DA ENERGIA DE ITU Ano: 2015 Edital nº 01/2015 Temas: energia elétrica;

Leia mais

Consulte sempre o site www.museudaimigracao.org.br e acompanhe o desenvolvimento dos trabalhos.

Consulte sempre o site www.museudaimigracao.org.br e acompanhe o desenvolvimento dos trabalhos. 15 O Boletim do Museu da Imigração chega à sua décima quinta edição. Junto com a proposta de manter as comunidades e o público geral informados sobre o processo de restauro das edificações e reformulação

Leia mais

5ª Edição do Projeto "Energia com vida"

5ª Edição do Projeto Energia com vida 5ª Edição do Projeto "Energia com vida" Maria Isabel Junceiro Agrupamento de Escolas de Marvão No presente ano letivo 2014-15, quatro turmas do Agrupamento de Escolas do Concelho de Marvão (8º e 9º anos),

Leia mais

Mulheres Periféricas

Mulheres Periféricas PROGRAMA PARA A VALORIZAÇÃO DE INICIATIVAS CULTURAIS VAI SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA São Paulo, fevereiro de 2011 Mulheres Periféricas Proponente RG: CPF: Rua Fone: E-mail: 1 Índice Dados do Projeto

Leia mais

CARTILHA D. JOTINHA A ORIENTAÇÃO DO PROFESSOR DE ARTES VISUAIS SOBRE A CONSERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO ARTÍSTICO E CULTURAL

CARTILHA D. JOTINHA A ORIENTAÇÃO DO PROFESSOR DE ARTES VISUAIS SOBRE A CONSERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO ARTÍSTICO E CULTURAL CARTILHA D. JOTINHA A ORIENTAÇÃO DO PROFESSOR DE ARTES VISUAIS SOBRE A CONSERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO ARTÍSTICO E CULTURAL Universidade Federal de Goiá/Faculdade de Artes Visuais Rodrigo Cesário RANGEL Rodrigoc_rangel@hotmail.com

Leia mais

Bibliotecas comunitárias e espaços públicos de informação

Bibliotecas comunitárias e espaços públicos de informação Bibliotecas comunitárias e espaços públicos de informação Roger de Miranda Guedes Introdução As bibliotecas comunitárias são ambientes físicos criados e mantidos por iniciativa das comunidades civis, geralmente

Leia mais

TEMPO AO TEMPO, NO MUSEU HERING "TIME TO TIME" IN HERING'S MUSEUM. Em Blumenau, a história e as tradições são preservadas de muitas formas e

TEMPO AO TEMPO, NO MUSEU HERING TIME TO TIME IN HERING'S MUSEUM. Em Blumenau, a história e as tradições são preservadas de muitas formas e TEMPO AO TEMPO, NO MUSEU HERING "TIME TO TIME" IN HERING'S MUSEUM Marli Rudnik Em Blumenau, a história e as tradições são preservadas de muitas formas e uma delas é através do acervo e das exposições dos

Leia mais

relatório de atividades da jornada mineira do patrimônio cultural

relatório de atividades da jornada mineira do patrimônio cultural relatório de atividades da jornada mineira do patrimônio cultural Nome do Setor: Secretaria Municipal de Cultura Exercício: 2011 Coordenadores: Maiza Maria Santos Lage Barbosa, José Roberto Pereira, Ana

Leia mais

ESTÚDIO L.A FILMAGENS E EVENTOS LTDA-ME

ESTÚDIO L.A FILMAGENS E EVENTOS LTDA-ME SELEÇÃO DE ARTISTAS VISUAIS GRAFITEIROS PARA PINTURA ARTÍSTICA EM MUROS NA ÁREA DO PARQUE LAGOAS DO NORTE A Estúdio L. A. Filmagens e Eventos Ltda-ME, em parceria com a Secretaria Municipal de Planejamento

Leia mais

FICHA PROJETO - nº 072-MA

FICHA PROJETO - nº 072-MA FICHA PROJETO - nº 072-MA Mata Atlântica Grande Projeto TÍTULO: Vereda do Desenvolvimento Sustentável da Comunidade de Canoas: um Projeto Demonstrativo da Conservação da Mata Atlântica. 2) MUNICÍPIOS DE

Leia mais

Atuando com responsabilidade para. colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos

Atuando com responsabilidade para. colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos Atuando com responsabilidade para colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos Compromisso com um futuro melhor. Com o nosso trabalho, somos parte da solução para uma agricultura mais sustentável.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA RITA DO SAPUCAÍ PROJETO DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL OFICINAS DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA RITA DO SAPUCAÍ PROJETO DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL OFICINAS DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL PROJETO DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL OFICINAS DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL 2 de 7 SUMÁRIO Apresentação...03 Justificativa...03 Público Alvo...03 Objetivos...04 Metodologia...04 Cronograma...06 Orçamento...06 Produtos...06

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI

ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI PREFEITURA MUNICIPAL DE LONTRAS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI DESPERTANDO AÇÕES SUSTENTÁVEIS LONTRAS 2013 1.TEMA A preservação

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

Categoria Franqueador Sênior

Categoria Franqueador Sênior PRÊMIO ABF- AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Categoria Franqueador Sênior Dados da empresa Razão Social Cebrac - Consultoria e Franquia Ltda. Nome fantasia CEBRAC Data de fundação

Leia mais

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PROPOSTA DE AÇÃO Criar um fórum permanente onde representantes dos vários segmentos do poder público e da sociedade civil atuem juntos em busca de uma educação

Leia mais

PROJETO CINEMEMÓRIA 2. OBJETIVOS GERAIS

PROJETO CINEMEMÓRIA 2. OBJETIVOS GERAIS PROJETO CINEMEMÓRIA 1. JUSTIFICATIVA A História e a Memória da Educação no Estado do Paraná estãocontidos nos documentos impressos, nos objetos, mobiliários, equipamentos, recursos da aprendizagem, na

Leia mais

MINIFÓRUM CULTURA 10. Fórum Permanente para Elaboração do Plano Municipal de Cultura 2012 a 2022 RELATÓRIA DA AUDIÊNCIA PÚBLICA

MINIFÓRUM CULTURA 10. Fórum Permanente para Elaboração do Plano Municipal de Cultura 2012 a 2022 RELATÓRIA DA AUDIÊNCIA PÚBLICA MINIFÓRUM CULTURA 10 Fórum Permanente para Elaboração do Plano Municipal de Cultura 2012 a 2022 RELATÓRIA DA AUDIÊNCIA PÚBLICA Orientação aprovada: Que a elaboração do Plano Municipal de Cultura considere

Leia mais

Fundo de Apoio a Projetos do Escravo, nem pensar! 7ª edição - 2013

Fundo de Apoio a Projetos do Escravo, nem pensar! 7ª edição - 2013 Fundo de Apoio a Projetos do Escravo, nem pensar! 7ª edição - 2013 Tema: Trabalho e Migração: formas de combate ao trabalho escravo e ao tráfico de pessoas Caros(as) participantes, O programa Escravo,

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Primeiro Concurso de Desenho, Poesia e Redação da DESO: Por uma cultura de Saneamento Ambiental

Leia mais

Relatório CAMINHADA DA LUA CHEIA PARQUE ESTADUAL SERRA VERDE BELO HORIZONTE/MG. Data: 28 de Agosto de 2015.

Relatório CAMINHADA DA LUA CHEIA PARQUE ESTADUAL SERRA VERDE BELO HORIZONTE/MG. Data: 28 de Agosto de 2015. Relatório CAMINHADA DA LUA CHEIA PARQUE ESTADUAL SERRA VERDE BELO HORIZONTE/MG. Data: 28 de Agosto de 2015. Objetivo: Proporcionar a preservação e educação ambiental vivenciada para PREVENÇÃO À INCÊNDIOS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO. O ESPORTE SEM CORES. Uma Perspectiva para a desconstrução do racismo

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO. O ESPORTE SEM CORES. Uma Perspectiva para a desconstrução do racismo UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO O ESPORTE SEM CORES. Uma Perspectiva para a desconstrução do racismo Uberaba 2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO O ESPORTE SEM CORES. Uma Perspectiva

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES EVIDÊNCIA DE MATRIZ LÓGICA. Período: 25/03/2014 a 25/07/2014

RELATÓRIO DE ATIVIDADES EVIDÊNCIA DE MATRIZ LÓGICA. Período: 25/03/2014 a 25/07/2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES EVIDÊNCIA DE MATRIZ LÓGICA Período: 25/03/2014 a 25/07/2014 OBJETIVO 2: Capacitar os profissionais de educação das escolas públicas da região costeira de Parnamirim e Nísia Floresta

Leia mais

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008 MINAS GERAIS 12/04/2008 Diário do Judiciário Chefe de Gabinete: Dalmar Morais Duarte 11/04/2008 PRESIDÊNCIA Portaria 2.176/2008 Institucionaliza o Programa Conhecendo o Judiciário do Tribunal de Justiça.

Leia mais

A Preservação do Patrimônio Cultural na Esfera Municipal

A Preservação do Patrimônio Cultural na Esfera Municipal A Preservação do Patrimônio Cultural na Esfera Municipal 1. Introdução O patrimônio cultural de cada comunidade pode ser considerado a sua cédula de identidade. Por isso, cada vez mais os municípios necessitam

Leia mais

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária Apoio: Secretária municipal de educação de santo Afonso PROJETO INTERAÇÃO FAMÍLIA X ESCOLA: UMA RELAÇÃO NECESSÁRIA. É imperioso que dois dos principais

Leia mais

planejamento de comunicação 2011 1. INFORMAÇÕES DA ORGANIZAÇÃO

planejamento de comunicação 2011 1. INFORMAÇÕES DA ORGANIZAÇÃO 1. INFORMAÇÕES DA ORGANIZAÇÃO 1 Nome da Organização: Associação de Defesa Etnoambiental Kanindé 2 Data da Fundação: 15 de novembro de 1992 3 Localização: R. D. Pedro II 1892, sala 7 - Bairro Nossa Sra.

Leia mais

EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA

EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA A Rede Unida Norte vem por meio deste, tornar público o presente Edital da Mostra de Fotografia História e Memória

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 Instituto Marca de Desenvolvimento Socioambiental - IMADESA SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS SOCIAIS EDITAL 2014 >> Leia com atenção o Edital antes de preencher o formulário para apresentação de projetos. I.

Leia mais

Anexo 6.2-2 Atas de realização dos treinamentos

Anexo 6.2-2 Atas de realização dos treinamentos RELATÓRIO CONSOLIDADO DE ANDAMENTO DO PBA E DO ATENDIMENTO DE CONDICIONANTES CAPÍTULO 2 ANDAMENTO DO PROJETO BÁSICO AMBIENTAL Anexo 6.2-2 Atas de realização dos treinamentos ATA DE REUNIÃO Assunto: Oficina

Leia mais

PATRIMÔNIOS MILITARES DO RECIFE COMO FERRAMENTA DE ENSINO

PATRIMÔNIOS MILITARES DO RECIFE COMO FERRAMENTA DE ENSINO PATRIMÔNIOS MILITARES DO RECIFE COMO FERRAMENTA DE ENSINO Carla Martins do Nascimento 1 ; Profa. Dra. Maria do Carmo C. D. Costa 2 1 Bolsista FACEPE Museu de Arqueologia da UNICAP carlasahori@hotmail.com

Leia mais

Introdução. O racismo institucional compreende a produção sistemática da segregação étnicoracial

Introdução. O racismo institucional compreende a produção sistemática da segregação étnicoracial Educação Permanente no Centro de Educação e Apoio para Hemoglobinopatias de Minas Gerais (Cehmob-MG) - Resultados do Fórum de Debates sobre Racismo Institucional Débora Lopes Paiva CEHMOB - NUPAD/FM/UFMG

Leia mais

Setembro/2014. Período. 1 a 30 de setembro de 2014

Setembro/2014. Período. 1 a 30 de setembro de 2014 Setembro/2014 Período 1 a 30 de setembro de 2014 Cine Jardim traz filmes e música ao ar livre no Museu da Energia de Itu Público poderá conferir exibição do clássico do terror Nosferatu, além de show

Leia mais

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: Transversalidades

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: Transversalidades EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: Transversalidades A Associação Riograndense de Artes plásticas Francisco Lisboa e o Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul apresentam o regulamento para seleção

Leia mais

PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL LIXO É SÓ O COMEÇO

PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL LIXO É SÓ O COMEÇO PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL LIXO É SÓ O COMEÇO RELATÓRIO ANUAL EDUCAÇÃO AMBIENTAL Érica Faustino da Silva Rita de Cassia Santos Barreto Marabá, dezembro de 2013. INTRODUÇÃO A Educação Ambiental tem buscado

Leia mais

Leitura e Literatura

Leitura e Literatura MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICAB Diretoria de Políticas de Formação, Materiais Didáticos e de Tecnologias para Educação BásicaB Leitura e Literatura Dia e Semana Nacional da Leitura

Leia mais

MEMÓRIA URBANA DE PALMAS-TO: LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES E MATERIAL SOBRE O PLANO DE PALMAS E SEUS ANTECEDENTES

MEMÓRIA URBANA DE PALMAS-TO: LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES E MATERIAL SOBRE O PLANO DE PALMAS E SEUS ANTECEDENTES MEMÓRIA URBANA DE PALMAS-TO: LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES E MATERIAL SOBRE O PLANO DE PALMAS E SEUS ANTECEDENTES Nome dos autores: Gislaine Biddio Rangel¹; Ana Beatriz Araujo Velasques². 1 Aluna do Curso

Leia mais

As práticas do historiador: experiências do Laboratório de Documentação do Curso de História da Universidade Cruzeiro do Sul UNICSUL

As práticas do historiador: experiências do Laboratório de Documentação do Curso de História da Universidade Cruzeiro do Sul UNICSUL As práticas do historiador: experiências do Laboratório de Documentação do Curso de História da Universidade Cruzeiro do Sul UNICSUL Profa. Dra. Ana Barbara A. Pederiva Professora da Universidade Cruzeiro

Leia mais

Cultura Material em Exposição: Museu do Couro e do Zé Didor, Campo Maior, Piauí

Cultura Material em Exposição: Museu do Couro e do Zé Didor, Campo Maior, Piauí 1 Cultura Material em Exposição: Museu do Couro e do Zé Didor, Campo Maior, Piauí Felipe de Sousa Soares* Felipe Rocha Carvalho Lima** Petherson Farias de Oliveira*** 1. Introdução O texto visa apresentar

Leia mais

Projeto Jornal Educativo Municipal

Projeto Jornal Educativo Municipal Estado de Goiás Prefeitura Municipal de Santa Bárbara de Goiás Secretaria Municipal da Educação Santa Bárbara de Goiás - GO Projeto Jornal Educativo Municipal Santa Bárbara de Goiás Janeiro/2013 Estado

Leia mais

Análise de Estratégias e Plano de Comunicação Digital para a Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte 1

Análise de Estratégias e Plano de Comunicação Digital para a Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte 1 Análise de Estratégias e Plano de Comunicação Digital para a Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte 1 Aline Silveira SANTOS 2 Lorena PADRINI 3 Maria Claudia COSTA 4 João de CASTRO 5 Centro Universitário

Leia mais

MINISTÉRIO DAS CIDADES SECRETARIA EXECUTIVA DEPARTAMENTO NACIONAL DE TRÂNSITO COORDENAÇÃO GERAL DE QUALIFICAÇÃO DO FATOR HUMANO NO TRÂNSITO

MINISTÉRIO DAS CIDADES SECRETARIA EXECUTIVA DEPARTAMENTO NACIONAL DE TRÂNSITO COORDENAÇÃO GERAL DE QUALIFICAÇÃO DO FATOR HUMANO NO TRÂNSITO MINISTÉRIO DAS CIDADES SECRETARIA EXECUTIVA DEPARTAMENTO NACIONAL DE TRÂNSITO COORDENAÇÃO GERAL DE QUALIFICAÇÃO DO FATOR HUMANO NO TRÂNSITO EDITAL DE CONCURSO VII PRÊMIO DENATRAN DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO

Leia mais

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA Regulamento do Prêmio O PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA é uma iniciativa da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) com o objetivo de premiar os melhores trabalhos

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOGI DAS CRUZES

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOGI DAS CRUZES Projeto de Lei n 340/99 464 LEI N 4.864 DE 12 DE MARÇO DE 1999 Dispõe sobre a Política Municipal do Idoso, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE MOGI DAS CRUZES; FAÇO SABER QUE A CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

Atividade I Como podemos fortalecer o Núcleo na Região para garantir a continuidade dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio - ODMs?

Atividade I Como podemos fortalecer o Núcleo na Região para garantir a continuidade dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio - ODMs? QUATRO BARRAS 09/07/2007 Horário: das 13h às 17h30 Local: Atividade I Como podemos fortalecer o Núcleo na Região para garantir a continuidade dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio - ODMs? Grupo 01:

Leia mais

SERRO Regulamento 1º Concurso de Fotografia Ambiental

SERRO Regulamento 1º Concurso de Fotografia Ambiental SERRO Regulamento 1º Concurso de Fotografia Ambiental Assim vejo minha comunidade O Programa PreservAÇÃO, em parceria com a Prefeitura Municipal de Serro, torna pública a abertura de inscrições e convida

Leia mais

ANEXO II PLANO DE TRABALHO

ANEXO II PLANO DE TRABALHO ANEXO II PLANO DE TRABALHO Objetivo: Inaugurado em 14 de março de 1877, o Centro Cultural José Bonifácio foi o primeiro colégio público da América Latina. Construído por ordem de D. Pedro II para a educação

Leia mais

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE LÊ TAMBÉM É PROJETO SÓCIO EDUCACIONAL VIV 1. INTRODUÇÃO O presente documento propõe o Projeto da Biblioteca Itinerante

Leia mais

LEI N 588, DE 27 DE SETEMBRO DE 2011.

LEI N 588, DE 27 DE SETEMBRO DE 2011. Pág. 1 de 6 LEI N 588, DE 27 DE SETEMBRO DE 2011. ALTERA A LEI N 302, DE 28/12/2001, QUE DISCIPLINA SOBRE A ORGANIZAÇÃO DO SISTEMA MUNICIPAL DE ENSINO DO MUNICÍPIO DE CRUZEIRO DO SUL/AC E DÁ OUTRAS PROVIDENCIAS.

Leia mais

Fundo de Apoio a Projetos do Educar para Libertar!

Fundo de Apoio a Projetos do Educar para Libertar! FÓRUM DE ERRADICAÇÃO DO ALICIAMENTO E COMBATE AO TRABALHO ESCRAVO NO PIAUÍ Fundo de Apoio a Projetos do Educar para Libertar! 1. Apresentação Caros (as) participantes, o projeto Educar para Libertar, criado

Leia mais

ANEXO ÚNICO DECRETO Nº 15.337, DE 21 DE AGOSTO DE 2015. V PRÊMIO CIDADE DE TERESINA DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO REGULAMENTO CAPÍTULO I.

ANEXO ÚNICO DECRETO Nº 15.337, DE 21 DE AGOSTO DE 2015. V PRÊMIO CIDADE DE TERESINA DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO REGULAMENTO CAPÍTULO I. ANEXO ÚNICO DECRETO Nº 15.337, DE 21 DE AGOSTO DE 2015. V PRÊMIO CIDADE DE TERESINA DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO REGULAMENTO O prefeito municipal de Teresina, Firmino da Silveira Filho e o superintendente da

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR N 15 de 27 de abrilde 2006.

LEI COMPLEMENTAR N 15 de 27 de abrilde 2006. -~--' -, Praça Barão do Rio Branco, 12 Fax (31) 3559 3205 LEI COMPLEMENTAR N 15 de 27 de abrilde 2006 Altera a Lei Comp1emelÚtlr n 02/1005, modifica a denonúnaçílo da Secretaria Municipal de Turismo, IndÚstria

Leia mais

Mais Cultura nas Escolas

Mais Cultura nas Escolas Mais Cultura nas Escolas O que é o Programa Mais Cultura nas Escolas? Projeto Andarilha das Letras, Circulação Literária/ FUNARTE É o encontro de projetos pedagógicos de escolas da rede pública com experiências

Leia mais

O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE)

O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE) O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE) É o chamado do Ministério da Educação (MEC) à sociedade para o trabalho voluntário de mobilização das famílias e da comunidade pela melhoria da

Leia mais

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL UNITAU - Universidade de Taubaté CBH-PS Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul Trabalho realizado

Leia mais

Valorizando ideias e experiências participativas que promovam o direito humano à educação REGULAMENTO

Valorizando ideias e experiências participativas que promovam o direito humano à educação REGULAMENTO REGULAMENTO 1. O RECONHECIMENTO PÚBLICO DE OLHO NOS PLANOS 1.1. O Reconhecimento Público é uma ação da iniciativa De Olho nos Planos, composta pelos seguintes parceiros: Ação Educativa, UNICEF, Campanha

Leia mais

FUNK CONSCIENTIZA. VAI 1 - música

FUNK CONSCIENTIZA. VAI 1 - música PROGRAMA PARA A VALORIZAÇÃO DE INICIATIVAS CULTURAIS VAI SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA São Paulo, fevereiro de 2010 FUNK CONSCIENTIZA VAI 1 - música Proponente Nome RG: CPF: Endereço Fone: E-mail: DADOS

Leia mais

CONCREGAÇÃO DAS IRMÃS MISSIONÁRIAS DA IMACULADA CONCEIÇÃO COLÉGIO SANTA CLARA PROJETO: ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

CONCREGAÇÃO DAS IRMÃS MISSIONÁRIAS DA IMACULADA CONCEIÇÃO COLÉGIO SANTA CLARA PROJETO: ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL CONCREGAÇÃO DAS IRMÃS MISSIONÁRIAS DA IMACULADA CONCEIÇÃO COLÉGIO SANTA CLARA PROJETO: ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL SANTARÉM-PARÁ 2010 I- IDENTIFICAÇÃO: COLÉGIO SANTA CLARA DIRETORA: Irmã Gizele Maria Pereira

Leia mais

CONCURSO DE REDAÇÃO E DESENHO SOBRE O TEMA: SE VOCÊ TIVESSE SUPERPODERES, O QUE FARIA PELA PRESERVAÇÃO DO PLANETA?

CONCURSO DE REDAÇÃO E DESENHO SOBRE O TEMA: SE VOCÊ TIVESSE SUPERPODERES, O QUE FARIA PELA PRESERVAÇÃO DO PLANETA? CONCURSO DE REDAÇÃO E DESENHO SOBRE O TEMA: SE VOCÊ TIVESSE SUPERPODERES, O QUE FARIA PELA PRESERVAÇÃO DO PLANETA? RECICLA CDL NA ESCOLA - REGULAMENTO 2015 1.DOS OBJETIVOS 1.1 Geral Promover entre os estudantes

Leia mais

CONCURSO DE FOTOGRAFIA

CONCURSO DE FOTOGRAFIA CONCURSO DE FOTOGRAFIA ACESSIBILIDADE E MOBILIDADE PARA TODOS REGULAMENTO Artigo 1º OBJECTIVO O presente concurso tem como objectivo sensibilizar os alunos do Ensino Básico e a comunidade em geral, para

Leia mais

LIVRO ILUSTRADO PROJETO PIAVA

LIVRO ILUSTRADO PROJETO PIAVA LIVRO ILUSTRADO COM RESULTADOS DO PROJETO PIAVA PROPOSTA EDITORIAL O livro vai apresentar um balanço dos dois anos de atividades do Projeto Piava - construção de uma política sustentável de uso da água

Leia mais

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: LIBERDADE CONTEMPORÂNEA

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: LIBERDADE CONTEMPORÂNEA EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: LIBERDADE CONTEMPORÂNEA A Associação Riograndense de Artes plásticas Francisco Lisboa e o Instituto Estadual de Artes Visuais apresentam o regulamento para seleção de

Leia mais

EDUCAÇÃO FISCAL PARA A CIDADANIA - 2015 HISTÓRICO DO GRUPO DE EDUCAÇÃO FISCAL DO MUNICÍPIO DE LAGES

EDUCAÇÃO FISCAL PARA A CIDADANIA - 2015 HISTÓRICO DO GRUPO DE EDUCAÇÃO FISCAL DO MUNICÍPIO DE LAGES EDUCAÇÃO FISCAL PARA A CIDADANIA - 2015 HISTÓRICO DO GRUPO DE EDUCAÇÃO FISCAL DO MUNICÍPIO DE LAGES Em setembro 2011 reuniram-se pela primeira vez um grupo formado por representantes de diversas entidades

Leia mais

INSCRIÇÃO E SUBMISSÃO DE PROJETOS TEMÁTICOS E ATIVIDADES NA IX SEMANA ACADÊMICA, VIII JORNADA CIENTÍFICA.

INSCRIÇÃO E SUBMISSÃO DE PROJETOS TEMÁTICOS E ATIVIDADES NA IX SEMANA ACADÊMICA, VIII JORNADA CIENTÍFICA. EDITAL Nº05/2015 INSCRIÇÃO E SUBMISSÃO DE PROJETOS TEMÁTICOS E ATIVIDADES NA IX SEMANA ACADÊMICA, VIII JORNADA CIENTÍFICA. A do Rio de Janeiro - IFRJ - Campus Paracambi torna público o presente documento,

Leia mais

Anexo IV EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS VIRANDO O JOGO MARÇO MULHER - 2013. Formulário de Avaliação de Projetos SPM/BA - 2013

Anexo IV EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS VIRANDO O JOGO MARÇO MULHER - 2013. Formulário de Avaliação de Projetos SPM/BA - 2013 Anexo IV EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS VIRANDO O JOGO MARÇO MULHER - 2013 Formulário de Avaliação de Projetos SPM/BA - 2013 Orientações para preenchimento Este formulário é utilizado pela Secretaria de

Leia mais

Reciclando e Sensibilizando

Reciclando e Sensibilizando Reciclando e Sensibilizando Mostra Local de: Pato Branco Categoria do projeto: I Projetos em Andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa: Escola Municipal Bairro Planalto Cidade:

Leia mais

Administração 2011. Tipo de Projeto: projeto novo (X ) projeto em continuidade ( ) outros ( )

Administração 2011. Tipo de Projeto: projeto novo (X ) projeto em continuidade ( ) outros ( ) Administração 2011 Título do Projeto: 4º. Seminário Educação Ambiental Câmara Técnica de Educação Ambiental e Mobilização Social do Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul. Tipo de Projeto:

Leia mais

Educação para Sustentabilidade. Projeto Cultura Ambiental nas Escolas. Oficina

Educação para Sustentabilidade. Projeto Cultura Ambiental nas Escolas. Oficina Educação para Sustentabilidade Projeto Cultura Ambiental nas Escolas Oficina Educador Ambiental: Marcos Wilson Cidade: Taquarana (Alagoas) Data: 19 de Setembro Atividades realizadas: Interação com professores;

Leia mais

BOLETIM MUSEU DA IMIGRAÇÃO Novembro/Dezembro 2013

BOLETIM MUSEU DA IMIGRAÇÃO Novembro/Dezembro 2013 17 O Boletim do Museu da Imigração chega à sua décima sétima edição. Junto com a proposta de manter as comunidades e o público geral informados sobre o processo de restauro das edificações e reformulação

Leia mais

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo Projeto Amplitude Plano de Ação 2015 P r o j e t o A m p l i t u d e R u a C a p i t ã o C a v a l c a n t i, 1 4 7 V i l a M a r i a n a S ã o P a u l o 11 4304-9906 w w w. p r o j e t o a m p l i t u

Leia mais

Programa de Educação Ambiental

Programa de Educação Ambiental Programa de Educação Ambiental Programa Saber Faz Bem Sensibilizar professores e alunos de escolas municipais, estaduais e particulares, e moradores bairros periféricos sobre a necessidade da preservação

Leia mais

Vamos ao M useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu?

Vamos ao M useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? useu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? Vamos ao Museu? é programa que visa ampliar as experiências culturais de estudantes, professores e comunidades por meio de ações educativas que envolvem visitas a espaços de preservação

Leia mais

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II Centro Comunitário Vila Gaúcha Projeto Experimental II Apresentação da Empresa O Centro Comunitário Vila Gaúcha presta atendimento regular em Educação Infantil, Serviço de Apoio Sócio Educativo, Trabalho

Leia mais

CME BOA VISTA ESTADO DE RORAIMA PREFEITURA MUNIPAL DE BOA VISTA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

CME BOA VISTA ESTADO DE RORAIMA PREFEITURA MUNIPAL DE BOA VISTA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CME BOA VISTA ESTADO DE RORAIMA PREFEITURA MUNIPAL DE BOA VISTA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO RELATO DE EXPERIÊNCIAS ENCONTRO DE CAPACITAÇÃO DE CONSELHEIROS

Leia mais

EDITAL/REGULAMENTO DO 7º CONCURSO FOTOGRÁFICO

EDITAL/REGULAMENTO DO 7º CONCURSO FOTOGRÁFICO EDITAL/REGULAMENTO DO 7º CONCURSO FOTOGRÁFICO O MUNICIPIO DE COLINAS, com sede na Rua Olavo Bilac, 370, em COLINAS - RS, no uso de suas atribuições legais, torna público, para conhecimento dos interessados,

Leia mais

ANEXO A Projeto básico para a Exposição

ANEXO A Projeto básico para a Exposição 95 1 IDENTIFICAÇÃO: ANEXO A Projeto básico para a Exposição 1.1 Título: Exposição FOTO-CINE CLUBE GAÚCHO MAIS DE 60 ANOS DE FOTOGRAFIA 1.2 Responsável: Margarete Ross Pereira Pacheco 1.3 Curadoria: Direção

Leia mais

Concurso Fotográfico Património e Paisagem Urbana do Concelho

Concurso Fotográfico Património e Paisagem Urbana do Concelho JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO 2011 PATRIMONIO E PAISAGEM URBANA As Jornadas Europeias do Património, promovidas em Portugal pelo IGESPAR a 23/24/25 de Setembro, são uma iniciativa anual do Conselho

Leia mais

Prefeitura Municipal de Senhora de Oliveira MG Concurso Público nº 01/2014 ERRATA 01

Prefeitura Municipal de Senhora de Oliveira MG Concurso Público nº 01/2014 ERRATA 01 Prefeitura de Senhora de Oliveira MG Concurso Público nº 01/2014 ERRATA 01 A Prefeitura de Senhora de Oliveira MG comunica aos interessados que incluiu Prova de Títulos para os cargos de nível de escolaridade

Leia mais

SEMEAR Serviço Médico Educacional de Atendimento em Reabilitação, uma entidade considerada de utilidade Pública Federal, com data de fundação em 12 de Outubro de 1985, foi registrado como Associação Civil

Leia mais

IV PRÊMIO CIDADE DE TERESINA DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO REGULAMENTO

IV PRÊMIO CIDADE DE TERESINA DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO REGULAMENTO IV PRÊMIO CIDADE DE TERESINA DE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO REGULAMENTO O Prefeito Municipal de Teresina, Firmino da Silveira Soares Filho e o Superintendente da STRANS (Superintendência Municipal de Transportes

Leia mais

Valéria Carrilho da Costa

Valéria Carrilho da Costa A FOLIA NA ESCOLA: ENTRE CORES E CANTOS Valéria Carrilho da Costa gmacala@netsite.com.br Prefeitura Municipal de Uberlândia E.M. Profª Maria Leonor de Freitas Barbosa Relato de Experiência Resumo O projeto

Leia mais

Regimento Interno CAPÍTULO PRIMEIRO DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

Regimento Interno CAPÍTULO PRIMEIRO DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Regimento Interno CAPÍTULO PRIMEIRO DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1º As atividades culturais e artísticas desenvolvidas pela POIESIS reger-se-ão pelas normas deste Regimento Interno e pelas demais disposições

Leia mais

EXERCÍCIO DA CIDADANIA E O TRABALHO DE CAMPO NA ESCOLA

EXERCÍCIO DA CIDADANIA E O TRABALHO DE CAMPO NA ESCOLA EXERCÍCIO DA CIDADANIA E O TRABALHO DE CAMPO NA ESCOLA ESTEVAN LISKA 1, DENIS DE OLIVEIRA RODRIGUES 1, GUSTAVO COSTA 1, GUSTAVO FIALHO 1, JENNIFER SILVA 1, JOSIAS OLIVEIRA 1, RENAN FERNANDO 1, TAMARES

Leia mais

MOVIMENTO CASCAVEL ROSA - NA LUTA CONTRA O CÂNCER

MOVIMENTO CASCAVEL ROSA - NA LUTA CONTRA O CÂNCER MOVIMENTO CASCAVEL ROSA - NA LUTA CONTRA O CÂNCER Área Temática: Saúde Adriane de Castro Martinez Martins 1 (Coordenadora) Claudecir Delfino Verli 2 Aline Maria de Almeida Lara 3 Modalidade: Comunicação

Leia mais

4. DA CONDIÇÃO PARA PARTICIPAR 5. DAS ETAPAS

4. DA CONDIÇÃO PARA PARTICIPAR 5. DAS ETAPAS REGULAMENTO 2012 1. DOS OBJETIVOS 1.1 Geral Promover entre os estudantes do ensino fundamental, regularmente matriculados nas escolas públicas municipais de Santa Catarina, a conscientização sobre o papel

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Dourados 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Letras - Inglês Obs.: Para proposta

Leia mais

FÍSICA E FOTOGRAFIA: DESVENDANDO A FOTOGRAFIA ANALÓGICA E DIGITAL.

FÍSICA E FOTOGRAFIA: DESVENDANDO A FOTOGRAFIA ANALÓGICA E DIGITAL. FÍSICA E FOTOGRAFIA: DESVENDANDO A FOTOGRAFIA ANALÓGICA E DIGITAL. RESUMO Pollibio Kleber da Silva Dias(Furne-Facnorte) pollibio1@hotmail.com Karla Cristina Avelino (UEPB) Karla.cris88@yahoo.com.br Vanessa

Leia mais

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL Eixos Temáticos, Diretrizes e Ações Documento final do II Encontro Nacional de Educação Patrimonial (Ouro Preto - MG, 17 a 21 de julho

Leia mais

DESVENDANDO OS MISTÉRIOS DA PESQUISA ESCOLAR EM HQ

DESVENDANDO OS MISTÉRIOS DA PESQUISA ESCOLAR EM HQ DESVENDANDO OS MISTÉRIOS DA PESQUISA ESCOLAR EM HQ Valéria dos Santos Gouveia Martins São Paulo/SP 23 de Novembro 2012 Programa Ciência e Artes nas Férias Patrocinado pela Pró-Reitoria de Pesquisa Unicamp

Leia mais

PROJETO ESCOLA SEGURA É A GENTE QUE FAZ PROESEG

PROJETO ESCOLA SEGURA É A GENTE QUE FAZ PROESEG PROJETO ESCOLA SEGURA É A GENTE QUE FAZ PROESEG Campo Grande MS 2011 01- JUSTIFICATIVA A Prefeitura Municipal de Campo Grande com sua Secretaria Municipal de Governo e Relações Institucionais e a Guarda

Leia mais

EDITAL 01/2014 CONCURSO FOTOGRÁFICO RIO DAS PEDRAS BRILHANTES

EDITAL 01/2014 CONCURSO FOTOGRÁFICO RIO DAS PEDRAS BRILHANTES EDITAL 01/2014 CONCURSO FOTOGRÁFICO RIO DAS PEDRAS BRILHANTES FACULDADE ALIANÇA DE ITABERAI, ESTADO DE GOIÁS, por meio da Direção Acadêmica, Coordenações de Cursos e CEIC, torna público o concurso institucional

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA PROGRAMA Nº- 042 PALCO SOBRE RODAS Projeto inspirado no clássico modelo de teatro itinerante, através da montagem de um palco móvel que percorre os bairros da cidade, levando cultura. Levar o Palco sobre

Leia mais

PROJETO: ATITUDE POSITIVA ITAPIRAPUÃ GOIÁS

PROJETO: ATITUDE POSITIVA ITAPIRAPUÃ GOIÁS PROJETO: ATITUDE POSITIVA ITAPIRAPUÃ GOIÁS Itapirapuã Goiás, 23 de março de 2010 1 INTRODUÇÃO 2 JUSTIFICATIVA 3 OBJETIVO 3.1 OBJETIVOS GERAIS 3.2 OBJETIVOS ESPECIFICOS 4 AÇÕES 5 RESULTADOS ESPERADOS 6

Leia mais

MEMÓRIA URBANA DE PALMAS-TO: LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES E MATERIAL SOBRE O PLANO DE PALMAS E SEUS ANTECEDENTES

MEMÓRIA URBANA DE PALMAS-TO: LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES E MATERIAL SOBRE O PLANO DE PALMAS E SEUS ANTECEDENTES MEMÓRIA URBANA DE PALMAS-TO: LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES E MATERIAL SOBRE O PLANO DE PALMAS E SEUS ANTECEDENTES Tânia de Sousa Lemos 1 ; Ana Beatriz Araujo Velasques 2 1 Aluna do Curso de Arquitetura e

Leia mais

Bazar das Nações é uma exposição itinerante que tem como objetivo pesquisar, documentar, exibir e divulgar os tradicionais Mercados Centrais,

Bazar das Nações é uma exposição itinerante que tem como objetivo pesquisar, documentar, exibir e divulgar os tradicionais Mercados Centrais, Bazar das Nações é uma exposição itinerante que tem como objetivo pesquisar, documentar, exibir e divulgar os tradicionais Mercados Centrais, oriundos do Brasil Colônia próximos aos portos e alfândegas,

Leia mais

NORMAS GERAIS DE ESTÁGIO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO: GESTÃO, SUPERVISÃO E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL

NORMAS GERAIS DE ESTÁGIO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO: GESTÃO, SUPERVISÃO E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL NORMAS GERAIS DE ESTÁGIO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO: GESTÃO, SUPERVISÃO E ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL APRESENTAÇÃO Este manual destina-se a orientação dos procedimentos a serem adotados durante o estágio

Leia mais

1 de 16 ICMS CULTURAL LAUDOS

1 de 16 ICMS CULTURAL LAUDOS QUADRO III LAUDO Laudo de estado de conservação EERCÍCIO 2012 MUNICÍPIO DE UNIÃO DE MINAS / MG 1 de 16 ICMS CULTURAL LAUDOS 2 de 16 ICMS CULTURAL LAUDOS SUMÁRIO 01. Ficha de Análise... 05 02. Imagem de

Leia mais

As publicações da Confederação Nacional de Municípios CNM podem ser acessadas, na íntegra, na biblioteca online do Portal CNM: www.cnm.org.br.

As publicações da Confederação Nacional de Municípios CNM podem ser acessadas, na íntegra, na biblioteca online do Portal CNM: www.cnm.org.br. 2015 Confederação Nacional de Municípios CNM. Esta obra é disponibilizada nos termos da Licença Creative Commons: Atribuição Uso não comercial Compartilhamento pela mesma licença 4.0 Internacional. É permitida

Leia mais

Esta publicação tem por objetivo apresentar o Programa Cultura Viva, de responsabilidade da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do

Esta publicação tem por objetivo apresentar o Programa Cultura Viva, de responsabilidade da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do Esta publicação tem por objetivo apresentar o Programa Cultura Viva, de responsabilidade da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do Ministério da Cultura, de modo a facilitar sua compreensão

Leia mais